História Psycho Girls - Capítulo 7


Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Automutilação, Psicopatas, Psicose, Psycho, Suícidio, Tortura
Exibições 73
Palavras 1.008
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Colegial, Drama (Tragédia), Policial, Romance e Novela, Suspense, Terror e Horror, Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Spoilers, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas da Autora


→♡Oieee minhas lindezas
Entao..( Eu n sei oq falar rs)
Bom... Pra início a capa desse capítulo e o segundo POV que tem no capítulo, ou seja, sera o Max na capa
Outra coisa ja peço desculpa se houver algum erro ♡←

Capítulo 7 - "Um encontro de olhares obscuro"


Fanfic / Fanfiction Psycho Girls - Capítulo 7 - "Um encontro de olhares obscuro"


Thorree POV
Pois é... Aqui estou eu em uma escola nova e chata... ARGH.. Aqueles idiotas que se acham meus pais ainda me pagam.. Me deixaram na frente desse inferno cheio de idiotas a minha volta e simplesmente sairam sem se despidir assim que sai daquele carro eles nem se deram a decência de me dar um "tchau" simplesmente meu "Pai" colocou seu gordo pé no acelerador e deixou seu carro cantando pneu... Minha "mãe" somente me avisou que minha moto e meu carro e o resto das minha malas e a chave do meu apartamento aqui na cidade chegaram daqui a uma hora isso mesmo uma hora. Sigo em direção a secretária com meus documentos em mãos vou pelo corredor a minha frente e assim que viro o corredor em direção a porta da secretária no final do mesmo um idiota bate de frente comigo e vamos ambos para o chão e meus papeis com meus documentos voam para todos os lados ainda não consegui olhar para a cara do idiota que fez isso como sei que e um menino bom seus braços sobre minha cintura revelam isso.
-Você não olha por onde anda... -Não consigo terminar a frase por que nesse momento estou olhando nitidamente em seus olhos de cor intensa.
Max POV
Bom cá estou eu novamente ao inferno... Perdão cadê minha educação ah perai ela morreu com a minha ultima namorada... Sou Max Bloodthirsty Johnson o gostoso dessa escola de merda.. Tenho 21 aninhos fiz uma festa foda que me rendeu a voltar pra esse inferno que chamam de Faculdade... Se vocês puderam perceber não sou uma pessoa muito boa prefiro noites quentes de sexo selvagem a algo mais comum e complicado ou melhor dizendo nova namorada por que ninguém nunca ira substituir a Wendy..
Flashback ON
Era uma noite fria de dezembro eu estava ao lado da minha Wendy que mesmo aos seus gloriosos 16 ainda continuava sendo a mais bela pra mim.. Estavamos comemorando seu aniversário em um parque temático de diversões quando ela me pediu para ir embora como ela queria vir apé ja que era a duas quadras de sua casa concordei quando sinto uma coisa perfurar minha pele na região do meu pescoço e meu corpo caindo lentamente junto com o de Wendy
Horas depois
Sinto algo apertar meus pulsos e meus tornozelos algo gelado em volta de ambos vou abrindo meus olhos devagar deixando a pouca claridade entrar mas logo os fecho por causa da dor que sinto quando ela entra vou abrindo novamente e pisco algumas vezes tentando identificar onde estou parece um galpão abandonado completamente de aço vejo que meus pulsos estão com correntes e algemas a mesma coisa ocorre com os meus pés sigo meu olhar em direção a algo amarrado em uma cadeira muito machucada vejo minha Wendy com seus belos cabelos castanhos e seus olhos sem vida se erguem em minha direção ela força um sorriso triste e dolorido quando na mesma hora uma porta ate entao não indentificada por mim e aberta e entra um homem com uma METRALHADORA!!! isso mesmo uma metralhadora pelo qué pude perceber ele tinha 1,90 altura;  olhos verdes e cabelo puxado para o mel daria a ele 22 anos ele se aproxima de mim me solta e vai na direção de Wendy e fala em minha direção:
-Hora de dar Adeus ao seu amorzinho - Ao fim dessa frase o mesmo atira na cabeça de Wendy me deixando perplexo.
-Por que fez isso seu idiota?!  - Pergunto com raiva correndo em minhas veias.
- Por que eu ja tive esse corpinho lindo a algumas horas e não me trouxe satisfação alguma - Fala com um tom de normalidade como se aquilo não tive acontecido.
- Seu IDIOTA!!  -Sigo em direção ao mesmo pegando de surpresa e o derrubando no chão fazendo com que sua arma caia ao meu lado assim que quebro metade dos seus ossos sinto certa felicidade com isso pego a arma aponto para o seu crânio e olhando em seus olhos digo:
- Hora de dar Adeus Cinderela - Falo isso e em seguida atiro ate as balas da mesma acabarem e seu corpo destroçado esteja irreconhecível a minha frente...
Flashback OFF
Quando percebi ja estAva saindo da secretaria com meu horario e chave de um dos quartos da escola mesmo ja tendo meu apartamento na cidade assim que estou prestes a virar no corredor esbarro em uma menina e tanto eu quanto ela caimos e agora estou em cima da mesma e seus papeis agora estao espalhados em volta de nos dois e ouvi a mesma reclamar comigo e olhar em seguida em meus olhos fazendo seus cabelos sairem de seus belo rosto na hora paraliso pois ela me lembra a Wendy seus traços sao muito parecidos e logo percebo que estamos os dois adimirando um ao outro e isso a seculos não ocorre comigo
-Perdão eu estava flutuando em meus pensamentos e acabei esbarrando em você.. Wendy - Sai da minha boca sem querer e percebo a cara de interrogação em seu rosto
- Então idiota tem como sair de cima de mim seu gordo - fala a mesma nervosa e em seguida continua - E panaca ve se aprende o nome de uma pessoa primeiro antes de chamar ela de alguma das suas vadiazinhas - Vejo raiva consumir seus velos olhos e não me importo em tantos anos com oque dizem de Wendy mas não posso responder pois logo em seguida a mesma me empurra bufando e pega seus papéis
- Qual o nome da Bela moça estressadinha que eu derrubei?  -ela me olha levantar pega o ultimo papel e fala
-Sinto muito mas fica com sua curiosidade fudida entre suas pernas -diz e logo em seguida sai em direção a secretária balançando a cabeça negativamente e rindo sarcástica.  Em anos não me sinto tão bem assim e também não fui tratado dessa forma eu preciso saber quem e aquela garota preciso conhecer ela mas não sei o por que disso...


Notas Finais


→♡Bom... Meus amores é isso
Obrigada e mil perdões qualquer erro
Espero que tenham gostado♡←
-Invisible_girl1


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...