História Psycho love and forbidden love (2° temp.Casamento forçado) - Capítulo 5


Escrita por: ~

Postado
Categorias 24K, Bangtan Boys (BTS), Jay Park
Personagens Jay Park, Jimin, Jin, Jungkook, Kisu, Personagens Originais, Rap Monster, SeokJun, Suga, V
Visualizações 463
Palavras 535
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Colegial, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Escolar, Hentai, Romance e Novela, Saga, Sobrenatural, Violência, Yaoi
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Cross-dresser, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Homossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Intersexualidade (G!P), Linguagem Imprópria, Mutilação, Necrofilia, Nudez, Pansexualidade, Sadomasoquismo, Sexo, Spoilers, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Olá me desculpem a demora eu ultimamente estou meio aeria e sem ideias mals... Obg pelos favoritos ♥Boa leitura

Capítulo 5 - Capítulo 4


Fanfic / Fanfiction Psycho love and forbidden love (2° temp.Casamento forçado) - Capítulo 5 - Capítulo 4

                   Lilith on

Ao chegar em casa pedi a minha mãe aue assinasse o papel do passeio com muita luta a convenci de assinar o mesmo.

-Ta...deixe que falo com seu pai.-Disse ela me olhando preocupada...

         Segunda-feira as 7:00 Am

-Caralho Yuki... ACORDA! -Eu gritava enquanto chaqualhava o mesmo. -Que saber foda-se! -Levanto as mãos em sinal de rendição. -Se você quiser ficar ai fica, mas eu vou para o passeio...-Digo saindo do quarto e vejo mesmo pulando da cama e já se arrumando.

Pego minhas coisas e desço as escadas eu ja havia tomado café então resolvi esperar Yuki no jardim. Ao chegar no mesmo vejo o tio Kisu encarando o jardim totalmente inerse em seu pensamentos. Por algum motivo ele estava... Estava... Muito lindo. Como um anjo que acabou de cair bem ali em minha frente. Ele finalmente notou minha presença r deu um sorriso de leve. Retribui me sentando em seu lado.

-Quer que eu leve você para o colégio? -Ele pergunta de um jeito doce, porém não se engane tio Kisu em ação e fatal.

-Não... Estou esperando Yuki...-Digo sorrindo e o mesmo retribui.

                      Lilith off

                       Kisu on

Isso... É tão estranho... Essa leve sensação de que Lilith não é minha parente... Aish... Eu com o tempo tendo ficado louco... Acho que é falta de casa, porem não posso voltar...não mais...

                    Kisu off

                   Choi on

Eu já havia chegado a escola juntamente com Lee, que simplesmente sumiu, apesar disso ser normal... Um tempo depois vejo Yuki e Lilith vindo. Eles chegaram na hora certa todos foram para os ônibus que logo ligou os motores.

-Bom... -Começou a professora. -Vocês terão que fazer duplas para os quartos... Eu direi as duplas...Lilith e Sook. Yuki e Choi... -E mais e mais pessoas.

Isso é perfeito... Ficar com Yuki no mesmo quarto...

                    Choi off

                      Lilith on

Assim que chegamos ao acampamento fomos cada um em direção ao seu dormitório. No caminho encontramos o tal Lee que passou reto, porem me encarou de um jeito que não sei o porque me deixou envergonhada. Assim que passamos por ele Sook começou...

-Ele não é um gato? -Disse Sook dando pulinhos.

-Sim... -Digo tímida.

-Ele te olhou de um jeito... -Ela me olha maliciosa enquanto abre o dormitório.

-Besta. -Riu e entro.

-Só estou falando a verdade...

                   Lilith off

                    Yuki on

Eu andava em silêncio ao lado de Choi indo diretamente para o dormitório. Ele não disse nada o trajeto todo apenas ficou em silêncio me encarando. A unica vez que disse algo se referiu as camas. Então resolvo puxar assunto para saber mais sobre ele.

-Bom... -Eu falo e ele me olha. -O que você gosta de fazer?-Ele deu um leve sorriso e me ignorou arrumando suas coisas. Me sento em minha cama.-Serio isso vai me ig...*interrompido*

-Você fala de mais... -Ele se aproxima e sela nossos labios antes mesmo que eu pudesse fazer o dizer alguma coisa.

Ele pediu passagem com e lingua e acabei cedendo. O beijo era calmo e ao mesmo tempo cheio de desejos proibidos. Paramos por falta de ar. Ele se afastou e sorrio.

-Mais tarde vamos fazer uma festinha aqui... Chame sua irmã... -Ele diz e simplemente sai do quarto.

Ele realmente me beijou?!

                     Yuki off

Continua...


Notas Finais


Até a próxima...


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...