História Psycho Love — Min Yoongi - Capítulo 17


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Tags Bts, Drogas, Longfic, Min Yoongi, Possessive, Sexo
Visualizações 1.791
Palavras 1.182
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Drama (Tragédia), Hentai, Romance e Novela, Suspense, Violência

Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Olá, olá. <3

Mais uma atualização porque vocês merecem. ^^

Beijos e boa leitura. ♡

→ TÊM TORTURA! ←

Capítulo 17 - Eu tenho medo de você, Yoongi.


Fanfic / Fanfiction Psycho Love — Min Yoongi - Capítulo 17 - Eu tenho medo de você, Yoongi.

Yoonie e eu estávamos indo para a casa do meu pai, e eu estava torcendo para que ele estivesse lá. Eu olhava para o Min totalmente boquiaberta. Como ele consegue ser tão lindo? É realmente uma pergunta difícil. Olhei pela a janela, encarando as ruas vendo as pessoas passarem, casais, jovens e crianças.

— Por que está calada? — Yoongi pediu rouco.

— Por nada... — Observei o pálido.

Eu ainda estava envergonhada pelo o que aconteceu mais cedo. De como me tornei outra pessoa enquanto estávamos fazendo amor. O Min suspirou e voltou seu olhar para as ruas, e que estavam bastante movimentadas.

— Yoonie?

— O que foi? — O mesmo parecia irritado.

— Você não me disse o que aconteceu com a Yang... — Murmurei.

— Esqueça a Yang, Suzie. Ou vai me dizer que você está com pena dela, hm? — Indagou rudemente.

— Não estou com pena dela, Oppa. Só acho estranho ela ter desaparecido... — Fiz bico. — Ou...

— Eu não fiz nada com ela, 'tá legal? — Apertou o volante, grosso.

— Desculpe. — Encostei-me no vidro do carro, desejando chegar logo na casa de papai.

Yoongi estacionou o carro e antes que abrisse a porta para mim, eu mesma saí, indo em direção a calçada. Cumprimentei os seguranças rapidamente e um deles abriu a porta para mim. Alice estava na cozinha, e pude ouvir a minha bá cantando. Fui chegando devagarzinho, e notei que ela não estava sozinha, e sim com o meu pai.

Fiquei escondida perto da porta, observando os dois. A minha unnie cantarolava uma música e papai também. Espera... Meu pai estava cantando? Achei tudo muito estranho, e continuei ali, escondida. Papai parecia estar feliz, seu sorriso denunciava a sua felicidade. O mesmo levantou-se da mesa e abraçou a Ali por trás.

— O quê?! — Sussurrei para mim mesma, assustada.

Olhei para trás e não vi o Yoonie. Virei-me para frente novamente e vi meu pai beijando a minha bá. Eu estava completamente assustada com o que estava acontecendo. Não tive outra reação, a não ser correr dali. O branquelo estava parado na calçada e abracei a sua cintura fortemente.

— O que aconteceu, Suzie? — Indagou levantando o meu rosto para si, olhando-me curioso.

— Vamos embora, por favor. — Pedi afundando meu rosto em seu ombro.

— Vocês está suando frio... — Passou suas mãos em meu cabelo. — Olha pra mim!

Fiz bico e recebi um beijinho rápido. Continuei abraçada a ele, e logo ouvi a voz do meu pai.

— Suzie? O que está fazendo aqui? — Ele perguntou, parando ao nosso lado.

— Vim te ver, appa. — Sussurrei com dificuldade.

— Você está chorando? O que aconteceu, pequena?

Neguei, apertando o Yoonie.

— Foi você seu... — O interrompi.

— Não papai, não foi ele! — O encarei brava. — Quando iria me contar que o Senhor estava namorando a Ali?

— O quê? — O mais velho parecia assustado. — Como...

— Eu vi... — Funguei.

— Suzie, meu amor... — Alice apareceu ao lado de papai. — Nós não...

— Você não confiava em mim, Ali?— Perguntei magoada.

— Não é isso, filha... — Appa pediu tirando-me dos braços do meu Oppa. —É que... — Foi interrompido pelo pálido.

— Depois vocês explicam isso para ela. Odeio vê-la chorando, então irei levá-la de volta para a nossa casa. — Segurou a minha mão, entrelaçando os nossos dedos.

Eu realmente estava magoada com os dois. Por que eles esconderiam que estavam juntos? Aquilo realmente deixou-me triste. Yoonie, ligou o carro e ligou o rádio, baixinho. Escorei meu corpo no vidro e fechei os olhos, exausta.

— Me avise quando chegarmos, Oppa. — Pedi em um sussurro, ainda de olhos fechados.

[...]

O Min pediu comida para nós dois e eu fui para o quarto. Tirei toda a minha roupa, ficando apenas de lingerie e deitei-me debaixo das cobertas. A luz foi acesa, e o branquelo veio até mim e sentou-se na beirada da cama. Nos olhamos, mas logo desviei o olhar.

— Você não gostou de vê-los juntos, Suzie? — Questionou deitando ao meu lado.

— Não é isso, Oppa. Só não gosto que escondam as coisas de mim... — Deitei em seu peito, e senti suas mãos em meu ventre, acariciando o local.

— Entendo. — Beijou o meu cabelo. — A comida chegou, você quer?

— Não, obrigada... — Aconcheguei-me ainda mais em seus braços quentinhos.

— Então durma, eu estou aqui.

Não demorou muito para que eu pegasse no sono.

[...]

Acordei escutando algumas vozes no primeiro andar. Notei que o Yoonie não estava mais na cama. Cocei os olhos e coloquei uma camisola, pelo menos para ver o que estava acontecendo. Abri a porta do quarto vagarosamente e as vozes sumiram. Franzi o cenho e depois de alguns segundos, voltei a escutá-las outra vez.

Estavam vindo de um corredor. Desci a escada em silêncio e segui o barulho até chegar em uma porta, as vozes vinham dali. Estava um pouco aberta, cheguei mais perto e notei que era o Yoongi conversando com um homem. Eles riram e escutei um barulho de choro.

— Yoongi, por favor! — Uma mulher choramingou. Logo reconheci a dona da voz, Yang.

— Por favor? — Ele riu alto, e o outro homem também. — Você deveria estar morta, Yang! Morta! — Gritou.

Abri um pouquinho da porta e consegui ver a Yang totalmente nua, amarrada em uma cadeira. Ela estava com umas coisas penduradas no corpo.

— Gosta de baratas, hm? — O meu menino pegou um balde branco.

— Baratas não, por favor! — A loira pediu chorando, meu coração estava apertado de estar presenciando aquela cena.

O rapaz que estava ao lado do Min, despejou o balde cheio de insetos no corpo dela. Yang debatia-se e chorava pedindo para que os dois parassem com aquela tortura. Meus olhos ardiam, e quando percebi já estava chorando, em silêncio. Enquanto observava aquela maldita cena. Min Yoongi ria ao vê-la chorar. Ao nos ver chorar.

— Pegue o alicate para mim! — Pediu ao homem que estava ao seu lado. — Você gosta das suas unhas, não é querida? — Riu.

— Seu desgraçado! — Cuspiu no Min.

— Coloque uma amordaça na boca dessa vadia! — Esbravejou.

Yoongi sorriu enquanto o outro tampava a boca da Yang. Coloquei a mão sobre os meus lábios quando o pálido posicionou o alicate na unha da loira.

— YOONIE, POR FAVOR! — Gritei trazendo a atenção dos três.

— Suzie?! — Indagou vindo até mim.

Ele empurrou-me para fora e fechou a porta atrás de si.

— O que você estava fazendo aqui, hm?! — Gritou.

— Eu tenho medo de você, Yoongi.

Comecei a chorar e o mesmo tentou me tocar, mas eu me afastei.

— Suzie eu jamais faria mal a você, meu amor. — Agarrou a minha mão, puxando-me para os seus braços.

— Solte-a por favor, Oppa. — Pedi evitando em abraçá-lo.

— Ela merece, Suzie! Ela merece sofrer pelo o que fez com você. — Segurou meu rosto com as mãos e selou nossos lábios.

— Solte-a ou eu irei embora! — Empurrei-o fortemente, sentindo nojo.

— Não, Suzie. Você jamais irá sair dessa casa! — Gritou me prensando contra a parede gélida.

— Yoonie... E-Eu me apaixonei por um monstro. — Encarei seu rosto, tão bonito.

— Eu sou assim Suzie, e sempre irei ser.


Notas Finais


O que acharam da Ali e do Choi? Esse Yoongi... :/

Perfil: @rabetania ^^


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...