História Purpose - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Chaz Somers, Christian Beadles, Justin Bieber, Lil Za, Ryan Butler
Exibições 27
Palavras 1.100
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Comédia, Drama (Tragédia), Famí­lia, Festa, Romance e Novela

Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Olá meus amores. Me chamem de Isa, não gosto de leitores fantasma okay? Então comentem pra me inspirar, espero que gostem.

Capítulo 1 - Festa


Fanfic / Fanfiction Purpose - Capítulo 1 - Festa

Atlanta

 Justin Bieber on

Há 8 meses ela me deixou, há 8 meses uma ferida foi aberta em meu peito, minha noiva partiu no parto de nossa pequena Jullie, fruto de nosso amor. Jullie é tão linda, relembra muito nós dois, olhos azuis, cabelos claros, minha princesa é tão meiga... Se hoje estou de pé, é por ela!

-Justin caralho, tá ficando surdo? -Ryan disse estalando os dedos próximo ao meu rosto.

- Que é? O que estão fazendo aqui? Falem baixo, vão acordar a Jullie - Disse vendo meus amigos fazendo baderna em minha sala.

- Nossa, quanto mal humor. Viemos te chamar pra ir em uma festa que o Lil vai dar do The Noite, partiu? - Chaz disse animado

-Vou ver se a Rose fica com a Ju.-ROSEEEEEE - Rose é minha empregada, mas a trato como se fosse da familia, ela esteve em todos meus momentos bons e ruins, Ela era uma senhorinha parecida com minha vó, me tratava como seu filho.

- Que é Justin? O que aconteceu? - Rose vinha apressada, enquando os meninos riam de alguma coisa.

- Nada, só queria saber se você podia ficar com a Jullie até na madrugada pra eu sair com os meninos. 

-É claro que sim meu filho, pode ir tranquilo.- Os meninos começaram a gritar abraçando rose. 

Minha baby começou a chorar e eu fui até o chiqueirinho a pegando no colo e ela foi acalmando o choro, deixei Jullie com Rose e fui me arrumar.

Coloquei uma calça saruel caída, uma blusa regata, uma jaqueta de couro, calçei um supra roxo, umas correntes no pescoço, passei meu perfume importado, me olhei no espelho, uou, até que pra um empresário, estou gostoso. Desci as escadas, Jullie já estava dormindo junto a Rose, sorri, e fui à caminho da boate pensando em umas coisas, inclusive nas palavras que minha ex noiva me disse antes de partir "Prometa pra mim que vai ser feliz? Que vai sair, se divertir e encontrar alguém? Não se prenda à minha memória, estarei presente nas lembranças, onde eu estiver estarei olhando por você e pela minha pequena Jullie, agora me deixe ir. Chegou a minha hora, eu amo vocês." Allyson tinha problema de pressão, e sofreu muito durante a gravidez que já havia sido alertada que seria de risco, e após o parto teve 2 paradas cardíaca." Sai de meus pensamentos assim que vi uma casa, parecida com um salão, com luzes brilhantes na frente escrito "The Noite".

                            Justin of 

Claire Vegas on

-Amy, eu não vou a lugar nenhum, que saco. Chegamos ontem aqui e você já quer sair. -Disse irritada

- Que saco Claire, a gente veio morar aqui, vamos sair pra conhecer a cidade, o que custa você ir comigo?

-Tudo bem Amy!

Me chamo Claire Vegas, vim morar em Atlanta com minha amiga Amy, sempre quis sair do Brasil, meus pais são ricos, não tenho necessidade de trabalhar, mas me formei em administração e atualmente tomo conta da empresa dos meus pais, mesmo a distância. Tenho 18 anos, e vim recomeçar uma vida aqui em Atlanta.

- Vai se arrumar Claire, vamos sair daqui a 40 minutos, já chamei um táxi. - Amy disse animada

-Tudo bem Amy, pra onde vamos?

- Não sei, se arrume e a gente vê isso depois.

 Assenti e fui pro meu quarto. Entrei no closet peguei um vestido lindo azul caneta com detalhes prata, enrolei meu cabelo num bob pra não molhar, peguei um scarpin preto, e tomei um banho rápido, sai me vesti, fui de frente ao espelho me maquear, sou ótima nisso, esfumacei com marrom, fiz um denelinhado perfeito, rímel, batom e realmente, eu estava linda, meus olhos azuis destacaram-se com esse rímel, e soltei meus cabelos que caíram formando ondas por conta dos BOBs.

-Vamos Amy, antes que eu desista - Disse bufando e Amy já estava pronta.

- Nossa, você está linda amiga, vamos.

- Senhoritas, o taxi já chegou. - OK, obrigada, dissemos ao porteiro do apartamento de luxo onde estamos morando.

- Boa noite, pra onde gostariam de ir? - Somos novas por aqui, sabe de algum lugar pra nós irmos, festa algo assim? - Amy disse ao taxista que assentiu e disse que tinha uma festa de inauguração de uma boate nova. Logo chegamos, pagamos, e descemos, e pronto, vamos bos divertir. Uou, que lugar lindo.

                    Claire Of

  Justin On

Cheguei a festa, e fui em direção a pista VIP, os meninos já estavam lá...

- Fala ai Bieber, beleza? - Lil disse me apresentando a nova boate dele, que por sinal ficou um máximo.

Estava um local agradável, eu já tinha tomado uns copos de whisky, uns coquetéis.

- Aí Bieber, vai pegar ninguém não? Cheia de mina gostosinha ai, se joga garotão. - Disse Alfredo chamando minha atenção.

-Relaxem, a noite está apenas começando... - disse num tom meio sarcástico.

Estou conversando com os garotos quando vejo uma garota linda entrando na boate e vindo em direção a pista VIP, ela era linda, os olhos dela azuis, o corpo dela era totalmente escultural, os cabelos caindo até a cintura, totalmente linda, ela só tinha uma cara de que não estava gostando do local. Logo a perdi de vista assim que um dos meninos me chamaram pra fazer o famoso vira-vira, era meio que uma tradição das nossas noitadas, eu não estava bêbado, já estava "alegre", quando vi a loirinha no balcão de bebidas e resolvi chegar nela. 

- Oi, o que uma menina linda como você faz sentada aqui sozinha, e ainda bebendo coca cola?- Disse sorrindo num tom.meio sarcástico 

- O mesmo que você, mas a diferença é que você não está bebendo coca. 

- Que isso, relaxa aí nervosinha.

- Não me chama assim, idiota! -Ela disse completamente irritada e quando ela ia dizer alguma coisa eu beijei ela, ela começou a estapear o meu peito, mas do nada ela parou e agarrou a minha nuca e correspondeu ao beijo. E logo a morena que estava com ela no inicio da festa, interrompe gritando bêbada...

- Aí em amiga, tá fraca não hein, pra quem não queria vir. - A morena disse toda embolada, pelo que parecia acho que era Amy, Any, sei lá, só via a tal loira nervosinha brigando com a menina e completamente irritada. Fiquei meio sem graça de ficar presenciando aquilo, puxei a tal loirinha dei um beijo na bochecha dela e disse no ouvido "Tchau nervosinha, nos vemos por aí' ela me olhou raivosa, e saiu da boate com a sua amiga.

 Minutos depois fui pra casa, lá já estava ficando chato, e aquela menina não saia da minha cabeça... 


        "Às vezes me pego olhando para o nada, imaginando tudo"


   








Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...