História Putting color in my world - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Exibições 18
Palavras 372
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Artes Marciais, Aventura, Colegial, Comédia, Drama (Tragédia), Ecchi, Escolar, Esporte, Famí­lia, Fantasia, Festa, Ficção, Ficção Científica, Fluffy, Harem, Mistério, Romance e Novela, Violência, Yaoi
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Homossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Pansexualidade, Suicídio, Tortura, Transsexualidade, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Capítulo 1 - My World is Black and White


Fanfic / Fanfiction Putting color in my world - Capítulo 1 - My World is Black and White

Começo no meio

Mais um dia acordo, com aquele vento frio batendo e a cortina do quarto arranhando na parede. Eu consigo ouvir a voz do meu irmão, praticamente gritando dela de baixa, ou seja, o falar dele, pelo que parece ele falava com minha mãe,  e eu ate já sei que, meu irmão maior esta no computador, como sempre, me reviro no cobertor da  cama, e coloco o travesseiro na minha cabeça, tentando isolar o barulho. Mas a tentativa foi falha, levanto minha cabeça, e dou uma leve selada nos olhos por causa da luz forte que vem em minha direção, logo me acostumo e pego meu celular, logo vejo são exatas 9;46 da  manha, depois de uns cinco minutos crio coragem para levantar, desço as escadas da casa que dão no enorme corredor, e sigo em direção a cozinha. Chegando lá me deparo com Brigitte, mas a ignoro e começo a fazer o meu café, logo Brigitte percebe e fala;

-Senhorita, não gostaria que eu fizesse para a você?-Ela me pergunta, logo respondo.

-Não, eu faço meu próprio café, não se preocupe com isso Brigitte...-Falo num tom de voz neutro.

-Claro...

Nem sei o porquê de termos empregados, elas servem apenas para encher meu saco, afinal, não preciso de ninguém fazendo o meu café, pendurando as minhas roupas, ou ate me levando a minha escola que é aqui pertinho. Em outras palavras elas são tão inúteis quanto o tamanho da minha casa! Não a um motivo racional para isso! De repente sou tirada dos meus pensamentos por minha mãe;

-Filha você acordou meu anjo! Como esta se sentindo?-Fala ela toda contente

-Bom dia também mãe, estou bem... - Falo em um tom neutro.

-Assim com esse desanimo fica difícil de acreditar!

-Okay, okay.... Entendi, mas oque importa não é que eu esteja bem?-Falo com o  mesmo tom.

-Aí filha como você é fria!

Naquele momento aquelas palavras ecoaram na minha mente, já era a centésima vez na vida que minha mãe me chamava daquela forma, todas as vezes assim como essa eu me perguntava e me pergunto; “Como as pessoas a minha volta descobriram os sentimentos?? Será que se fizer oque eles fizeram vou sentir eles também??”

To Be continuede...


Notas Finais


Obrigada por ler! Para saber quando estou perto de postar um novo capitulo dessa fic e de outras siga; @TiaPoison. No twitter!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...