História Quando conheci Taehyung - Capítulo 6


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags Bangtanboys, Bts, Tae, Taehyung
Exibições 121
Palavras 782
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 14 ANOS
Gêneros: Ação, Bishoujo, Comédia, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)

Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Consegui recuperar esse Cap. Desculpem a demora.

Capítulo 6 - Cap 6


      Taehyung e eu acordamos na mesma hora, acho que era umas oito e trinta e nove da manhã. Ele pegou suas roupas, se despediu de mim e foi embora. Eu estava com tanto sono mais tinha que ir fazer as compras para o mês inteiro.Puts! Eu tinha esquecido que hoje eu tinha que ir na escola confirmar minha matrícula. Logo fui tomar banho, trocar de roupa e correr para a escola. Quando cheguei tinha uma fila enorme de alunos querendo confirmar suas matrículas, não iria sair de lá tão cedo. Decide ligar para o Namjoon para dizer que provavelmente eu iria chegar atrasada no trabalho mas ele não atendia então liguei para o Jin.

- Jin? - eu falava enquanto entrava na enorme fila de alunos.

- É você (S/N)? - percebi que ele estava mastigando, Jin estava comendo como sempre.

- Sim! Você pode informar para o Namjoon que talvez eu irei chegar atrasada hoje?

- Claro! Aonde você se meteu agora? - como assim? Só porque eu vou chegar atrasada quer dizer que eu me "meti" em algo? Como ele sabe?!

- É que eu tinha que confirmar minha matrícula na escola, e você não vai confirmar a sua? - lembrei que eles também estudam onde eu estudo.

- Já fiz isso faz tempo. - agora eu ouvia que ele estava comendo naengmyeon, que significa macarrão frio, ela é uma de suas comidas favoritas.

- Como você é competente! - queria ser como ele.

-  Se a pessoa é competente ou não isso é mérito dela, com isso eu quero dizer que você pode, se quiser, ser muito mais organizada e competente do que já é. - ele sempre me dizia as palavras certas.

- Por favor silêncio! Desliguem seus celulares por que precisamos que todos prestem atenção aqui ...... -  a coordenadora da escola estava nos dando uma ordem.

- Jin, vou ter que desligar agora porque a coordenadora está mandando nós fazermos silêncio.

- Tha, naon xi plreuculpa cum isho, thudo vai da xerto, xau. - o quê? Não entendi nada! Aposto que ele estava falando com a boca cheia, ainda não consigo acreditar que um dia desses ele comeu um bife inteiro de uma só vez, como ele consegue?

- O que? Não intendi nada!

- Foi mal! Eu falei "tá, não se preocupa com isso, tudo vai dar certo, thau". - agora sim eu intendi.

- Obrigada e thau - desliguei o celular e prestei atenção na coordenadora.

   Depois de várias horas eu terminei o que tinha pra fazer na escola e fui para o trabalho. Quando cheguei lá devia ser uma hora e nove minutos da tarde, logo quando cheguei senti uma tonteira, minha vista estava toda embaçada e quase desmaia-va. Jin estava muito preocupado comigo e me levou para sentar em uma sala do café.

- O que você está sentindo? Tá com dor aonde? A que horas você foi dormir? O que o Taehyung fez com você? Dormiu às oito horas recomendadas? Tá passando por muito estresse? Quer remédio? Quer água? Quer ir pro hospital? O que você fez hoje de manhã pra estar assim? Ah, lembrei! Você estava confirmando a matrícula. Você tomou o café da manhã (S/N)? Você está muito pálida, deve estar com fome, você está com fome? Tá com dor de barriga? Sua vista voltou ao normal? Quer que eu chame a ambulância? - quem precisa de mãe na Coréia se você tem o Jin do seu lado?! Eu "amo" ele, o Jin é tão prestativo, fofo, cuidadoso e muito mais.

- Calma Jin.. - na verdade eu não intendi exatamente nada do que ele disse.

- Desculpa, é que eu estou muito preocupado com você. -  como não amar um amigo desses?!

- Acho que já sei por que estou deste jeito. - lembrei do que eu fiz, quer dizer, no caso eu não fiz. - Com tanta correria eu acabei não comendo nada até agora.

   Quando eu falei isso o Jin saiu da sala de onde nós estávamos e foi para a cozinha. Ele voltou para onde nós estávamos seguido de Hoseok que estava segurando um prato cheio de comida, com frango agridoce, frango com molho de soja, frango com tempero picante, rabanete e naengmyeon, macarrão frio e como eu amo frango irei devora-lo com toda certeza, ele também trouxe um copo de água. O Jin pegou o prato cheio de comida e sentou do meu lado no mesmo sofá.

- Vamos (S/N) abra a boquinha, por que lá vem o aviãozinho, repita comigo ahhhhh - é sério que ele está fazendo isso? De qualquer forma é bem ....... legal, bonito, fofo e engraçado.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...