História Quando o destino te da mais uma chance - Capítulo 4


Escrita por: ~

Postado
Categorias Naruto
Tags Drama, Máfia, Morte, Naruto, Policial, Sasusaku
Exibições 22
Palavras 1.348
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Artes Marciais, Aventura, Comédia, Famí­lia, Festa, Ficção, Ficção Científica, Hentai, Luta, Mistério, Policial, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Suspense, Terror e Horror
Avisos: Álcool, Drogas, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


beijos

Capítulo 4 - Uma entrevista


Fanfic / Fanfiction Quando o destino te da mais uma chance - Capítulo 4 - Uma entrevista

POV – Autora

O dia continuou normalmente e o mal humor do Sasuke também...Novidades? não. A única novidade é que a viagem estava se aproximando, e Itachi via algumas coisas para viagem como por exemplo, mapas de viagem, roupas entre outras coisas, incluindo a  autorização do hospital para tirar férias e por ser o diretor as férias foram concedida, Sasuke estava a caminho da ultima entrevista do dia e pra ele a mais chata, pois teria que aparecer na televisão.

POV – Sasuke

Tenho que admitir isso é um saco. Revirei os meus olhos e olhei a paisagem que passava rapidamente diante dos meus olhos, suspirei. O taxista parou em frente a emissora e eu desci do automóvel

- as nove senhor? – o taxista perguntou e eu assenti lhe dando uma parte do dinheiro, entrei na emissora

- senhor Uchiha por aqui por favor... – um assessor disse e eu apenas o segui, aqueles corredores cinzas sem vida, refletiam meu estado de espirito, continuei andando, qualquer outro policial estaria feliz falando sobre seus feitos, e eu aqui me sentindo vazio, mesmo com varias pessoas dizendo que sou incrível, eu sabia o que faltava e do que eu precisava... Sakura...meu pensamento disse e eu ri dele..talvez o Itachi estivesse certo umas boas férias me fariam esquecer de tudo que eu preciso esquecer...

- Sasuke Uchiha, é um prazer conhece – lo – o repórter disse e apertou minha mão e eu retribui o gesto – aceita uma agua? – perguntou e eu assenti, uma menina que devia ser uns dois anos mais nova que eu assim como a Sakura, ou seja, uns 24 anos, veio com um copo de agua, bebi e me sentei ao lado do repórter – entramos em 5 minutos – ele disse eu assenti

POV – Sakura

- O jornal vai começar... – Temari disse e Ino se jogou no sofá juntamente com Tenten, me aproximei devagar e me encostei no braço do sofá, a musica do jornal começou e logo apareceu o repórter e ele ao lado, meu coração acelerou e minhas mãos suaram, ele ainda tinha o mesmo rosto de menino, porem com o olhor duro feito uma pedra, ele estava sentado de forma reta, olhei para ele atentamente

-estamos aqui...com a ilustre presença de Policial tenente Sasuke Uchiha... boa noite, Sasuke... – ele disse

- boa noite... – Sasuke disse, a voz estava um pouco mais rouca e fria

- então Sasuke, o que você pode dizer sobre ser tão novo e ser tão bem sucedido na vida policial? Atribuiu isso ao fato da sua família ser basicamente de policiais? – o repórter perguntou

- eu sempre soube o que eu queria da minha vida. Talvez... meu pai sempre disse que o melhor caminho para seguirmos é o da honestidade e nos entregarmos de corpo e alma ao que amamos... e foi isso que eu fiz... – ele disse e eu segurei o choro

- em uma entrevista não faz muito tempo  você disse que se arrependia de apenas uma coisa... o senhor poderia compartilha – la conosco?

- não vou citar nomes...mais sim me arrependo, me arrependo de ter decepcionado alguém que eu realmente amei, mais  se ela esta me ouvindo, eu espero do fundo do meu coração que ela me perdoe... – ele disse e olhou pra câmera

- entendo...voltando a falar do caso policial – o repórter mudou de assunto e aquela frase realmente mexeu comigo

- amiga, acho que foi pra você... – Ino disse e acariciou minha perna

POV – Itachi

- Aquilo, foi pra Sakura... – Sasori disse e eu assenti

- foi... – disse enquanto bebia uma cerveja – ele a ama, sempre a amou

- que merda, cara... – Deidara disse enquanto ouvia a entrevista

POV – Sakura

HORAS DEPOIS

A entrevista com o Sasuke tinha sido extremamente longa e ele respondeu a todas as perguntas de forma seca e sem revelar muito o que tinha feito

- Sasuke, foi um prazer te – lo conosco... – o repórter disse e apertou a mão do mesmo – até amanhã – o repórter disse e a musica de encerramento começou a tocar e olhei o relógio...20:55...

- Sakura, aquilo foi pra você... – Ino me disse e eu suspirei

- porque você não o procura? – Hinata perguntou encostando o rosto no joelho em posição fetal

- porque ele é um idiota... – disse e elas reviram os olhos – eu não sinto nada por ele... entenderam? – disse tentando parecer convincente

- MENTIROSA... – Ino disse enrolando o cabelo – amiga, por deus ta mais do que na cara que você ainda o ama... –ela disse e eu revirei os olhos

- imagina, que bizarro se a gente o encontra nessa viagem... – Tenten disse e eu o olhei

- eu me mataria.. – disse e elas riram

- ai que exagero – Ino disse rindo enquanto Temari e Hinata iam ver a pizza que estava no forno

POV – Sasuke

Peguei o taxi e fui embora para casa

- muita boa entrevista, senhor Uchiha... – o Taxista disse e eu assenti

- obrigado...- disse prestando atenção em algo completamente diferente

20 MINUTOS DEPOIS

Ele me deixou na porta do meu prédio, o cara da portaria falou comigo, acho que me desejou boa noite, chamei o elevador e entrei no mesmo. Segundos depois sai do mesmo e entrei em casa, olhei o relógio 21:30

- boa noite, Sasuke – meu irmão disse e eu o olhei

- boa noite, Itachi... – disse indo para a cozinha e ele me seguiu

-vi sua entrevista...será que a Sakura te ouviu e te viu? – ele me perguntou e eu dei ombros e me encostei no balcão enquanto bebia agua

- seria bom... – disse e ele riu

- Sasuke, eu vou dormir... – Itachi disse se espreguiçando e eu assenti – o dia foi cheio...quase me esqueço... três dias em... – ele disse e eu assenti e tirei do bolso os carnes e o entreguei

- guarda você, eu sou ótimo para perder as coisas... – disse e ele riu pegando

- eu sei... – ele pegou e olhou – boa noite, mano... – disse e eu assenti

- boa noite... – disse e ele se foi para o quarto, e eu peguei alguns relatórios que Andre havia deixado comigo, olhei atentamente para um deles, um homem de cabelos grandes, rosto pálido, olhos meio  amarelados... olhei atentamente e olhei seu nome... Orochimaru... olhei a lista de crimes...10 paginas...CARALHO... olhei países procurados...40...arqueei a sobrancelha... a lista era grande, assassinatos, corrupção, sonegação de impostos, a lista era extremamente comprida, além de  ele ser amigo pessoal do cara que eu havia prendido, ele que havia mandado matarem a minha família, olhei e fechei as mãos com raiva, ele deveria estar com medo...ou não...peguei o meu celular e mandei uma mensagem para andre

Eu: Andre, mandei uma equipe intensificar as buscas sobre o traficante orochimaru... quero saber tudo sobre ele...não cansem ate saber a hora que ele caga...

O celular logo tremeu

Andre (Policial): sim senhor... já mandei mensagem para Rebeca e Yumi

Li a mensagem e guardei o celular, olhei mais uma vez aquela foto e me espreguicei. Eu vou te achar... disse para a foto, recolhi tudo e subi para o quarto, entrei no mesmo, tranquei a porta, tirei a porta e entrei no meu banheiro, tirei minha roupa e comecei a tomar banho, foi rápido, me enrolei na toalha e fui para o meu quarto, coloquei uma cueca e sequei o cabelo, me olhei no espelho

FLASHBACK ON >>>>>>>>>>>>

- CORRE, ITACHI !!! – meu pai gritou e meu irmão saiu correndo comigo – AAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAA – barulho de tiros

XXXXXXXXXXXXXXXXXXXXX

Eu estava chorando, quando um homem de cabelos brancos com uma aparência jovem se aproximou de nós, junto com dois primos meus, Obito e Shisui que hoje moram no japão

- Kakashi, crie eles por favor... – meu primo mais velho, Obito disse e o homem assentiu

FLASHBACK OFF <<<<<<<<<<<<

Saudades, meu velho... meu padrasto morava nos estados unidos, mais no interior ele havia se aposentado e eu assumido tudo para ele...aliais quando eu voltar  irei visita – lo

Pensei novamente naquele homem...eu finalmente te achei... me encaminhei para a cama e de deitei, e logo comecei a pegar no sono, preciso descansar muito para estar pronto para acabar com você...

Eu finalmente te achei...



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...