História Quando se ama de verdade, a gente dá um jeito - Capítulo 8


Escrita por: ~

Postado
Categorias Hunter x Hunter
Personagens Gon Freecss, Killua Zoldyck, Kurapika, Leorio Paradinight
Tags Gon, Killua, Kurapika, Lemon, Leório, Yaoi
Exibições 199
Palavras 2.337
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Colegial, Comédia, Ecchi, Escolar, Fluffy, Hentai, Lemon, Luta, Romance e Novela, Shonen-Ai, Shoujo (Romântico), Slash, Violência, Yaoi
Avisos: Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


OI OI GENTI!Demorei pra POHA não é?Teve gente até me cobrando!
ah,mas fico feliz por perguntarem!Assim eu vejo que vcs estão realmente gostando da historia!
Bom,por enquanto é um draminha e um pouco de foco no Quase casal leorio e kurapika .Não briguem comigo se não gostarem,e poque se não fizer agora não vai dar depois.
A ação ta chegando gente!

Boa leitura

Capítulo 8 - Sentimentos x Peguntas Sem Respostas


Fanfic / Fanfiction Quando se ama de verdade, a gente dá um jeito - Capítulo 8 - Sentimentos x Peguntas Sem Respostas

No dia seguinte

Narração Killua Zoldyck

—Bom dia!

—B-Bom dia ... —Respondi sorrindo de volta para o moreno,que não se encontrava em meu braços,ao contrário,ele estava me abraçando ,como se me protegesse.

—Está se sentindo melhor? —Perguntou soando preocupado.

—O que? —Então repensei,lembrando da noite passada . —Estou sim . —Respondi,sorrindo simples.

—Poxa,Fiquei preocupado!Você parecia tão frágil ontem a noite! —Comentou,me abraçando mais forte. —Você parece tenso desde que chegamos aqui . Eu notei,sabia?

Sorri ,deixando que suas mãos me abraçassem e acariciassem meus cabelos ,aproveitando o carinho logo de manhã.

—Kil,pode me contar qualquer coisa,você sabe disso.

—Sim,eu sei Gon —Suspirei . Eu sei que posso,mas não conto ...que  complicado. —Ei,porque não descemos?O cheiro de café da manhã está ótimo . —Comentei,querendo esquecer aquele assunto. Gon me fitou arqueando a sobrancelha. Sei que ele não acreditou em minhas desculpas e sabe que estou querendo mudar de assunto.

—Tudo bem,Kil —Respondeu  tão compreensível .Ele não força as pessoas a falarem o que não querem,apenas espera o momento em que estejam prontas para dizer.

—Vamos,quero saber como foi a noite do loiro apaixonado . —Comentei,dando um selinho rápido em seu lábios.

—AH,tinha até me esquecido que Leorio e Kurapika dormiram no mesmo quarto ...O que será que aconteceu?

—E isso que quero saber .O loiro parecia meio desesperado ... meio não,muito desesperado. —Conclui,rindo junto ao moreno.

(...)

—Bom dia Mito-san! —Gon gritou,a abraçando por trás.

—Gon!Cuidado! —Respirou fundo—Eu estou com o bule de café!

—Ah,desculpe!

—Ah,Tudo bem!Já estava com saudades de receber esses abraços. —Comentou,beijando a testa de Gon —Bom dia Killua!

—Bom dia —Respondi,olhando ao redor —Aonde está o loiro Nerd e o “velho” ?

—Ah ... Ah,sim,Kurapika e Leorio?Eles ainda não desceram! —Respondeu,terminando de ajeitar a mesa.

—Não desceram? ...O que será que aconteceu? —Me perguntei,fitando a escada.

(...)

Narração Kurapika

—Argh!

Pronunciei assim que sentiu uma rajada de água fria molhar meu corpo.Me encolhi,tentando abrir os olhos,mas logo fechei novamente por causa da claridade.

—Ei,acorda!

Ouvi uma voz familiar dizer,logo deduzindo que era Leorio,que abriu o chuveiro novamente.

—E-Eu já estou ...acordado! —Respondeu,finalmente conseguindo abrir os olhos.Tudo se encontrava um pouco embaçado e minha cabeça lateja de dor.

—Que bom ...está se sentindo melhor?

—Minha cabeça dói e ...tudo está embaçado ...e girando? —Respondi,olhando ao redor —O que aconteceu ontem? —Murmurei,segurando minha própria cabeça .Parecia aqueles adolescentes que iam a uma festa,bebiam demais,e acabavam em um banheira com água fria ...Bebida.

—Não se esforce tanto!Sua cabeça vai doer ainda mais! —Leorio avisou, enrolando meu corpo em uma toalha.

—Leorio!Ai Bebi álcool,não foi?! —Perguntei,temendo o que poderia ter feito horas atrás.

—Depois falamos Disso —Respondeu,mas não senti muita firmeza em sua voz.

—Por que estava na banheira? —Perguntei,saindo do local com a ajuda do mesmo.

—Nunca tomou banho de água fria depois de alguns goles de bebida?

—Eu não Bebo.Primeiro por que sou contra e segundo ...

—Você é fraco a isso. —Completou,sem olhar em meu rosto.

—Espera ... —Disse,parando —Como você ...Eu fiz alguma coisa ontem,não é?

—Kurapika ,depois ...

—O que eu fiz?!  —Perguntei,alterado .Minha cabeça começou a doer mais forte,então segurei entre as mãos.

—Pare de pensar muito ou esse enxaqueca nunca vai passar! —Avisou ,me depositando na cama.

—Mas  ...

—Vou ver se acho algum comprimido ... e Troque de roupa ou irá ficar doente. —Mandou,voltando ao banheiro.Suspirei forte,fitando o teto .Leorio parece incomodado com algo e tenho certeza que foi por causa de mim,além de sempre mudar de assunto ...O que fiz?O que eu fiz?!

(...)

Assim que terminei de me arrumar,ainda com a cabeça doendo e o mundo girando ,acho que vou vomitar daqui a pouco ,leorio trouxe alguns comprimidos para dor.

—Vamos,você pode tomar na cozinha . —Disse,saindo.

—Espera! ...Mas,o que vou dizer? —Perguntei,me aproximando.

—Diga a verdade.Que sem querer bebeu álcool pensando que era suco,por minha culpa.

—Sim,mas ...o que aconteceu depois?

—Não precisam saber disso . —Respondeu,fazendo menção de se retirar.Porem,segurei a barra de sua camisa.

—Mas eu preciso!Preciso saber!Eu fiz algo ruim,não é? —Perguntei. Ele suspirou,se soltando de minhas mãos.

—Depois conversamos.

 E foi embora .

Narração Killua Zoldyck

—Ah,finalmente! —Pronunciei assim que vi os dois “pombinhos’’ descerem a escada .Iria pirraçar mais,porém resolvi deixar quieto assim que vi a expressão do loiro.

—Bom dia meninos! —Mito se  pronunciou ,sorrindo .

—Bom dia.—O loiro respondeu sem muita motivação .Ele seguiu até a pia e encheu um copo de água,logo tomando um ...comprimido?

—Loiro? —Chamei e o mesmo virou para mim . —O que aconteceu?Está com cara de alguém que passou  a noite bebendo e acordou de ressaca! —Brinquei,só não sabia que ele afirmaria.

—Foi quase isso ... —Murmurou,abaixando a cabeça.

— O que?! —Mito meio que gritou,se virando rapidamente para ele. —Como assim mocinho? —Perguntou,dando uma de mãe com ele.

—Nada de mais . —Respondeu,mostrando um sorriso fraco.Em alguns segundos ele se  dirigiu a mesa,mas antes que chegasse a cadeira o segurei pelo ombro.

—Ei ,loiro. —Murmurei e o mesmo se manteve atento,por mais que não parecesse. —Eu sei que não está bem.Quero que me conte o que aconteceu! —Pedi e o mesmo sorriu fraco,fitando o chão.

—Tudo bem ,mas mesmo se eu disser não irá fazer diferença alguma,afinal,não me lembro de nada . —Assim que ouvir essa reposta fiquei um tanto surpreso.Antes que pudesse pergunta algo mais ele se soltou, sem desviar os olhos de chão e seguiu até o acento vazio.O fitei por alguns segundos ...bebida,memória perdida e ...olhei para Leorio ...uma aura estranha.Com certeza havia acontecido algo,e não deve ter sido uma coisa boba ou qualquer,e tudo indica que aquele adolescente velhote sabe de tudo .

Parece que nossa idiota aqui não teve coragem de dizer.

(...)

Acabamos ajudando a Mito a secar e guardar a louça como da ultima vez.Porém,dessa vez não teve bagunça.Tirando eu e o Gon,os outros dois estavam tão animados,uma animação tão grande que até deu vontade de deitar em uma cama e entrar em coma.

—Obrigada pela ajuda meninos!  —Agradeceu,tirando minha atenção deles por um momento.

—Sem problemas —Kurapika respondeu,terminando de secar a louça...Já disse que é muita animação para uma pessoa só?E o outro,mais avoado do que nunca.

—Gente,vamos fazer um Karaokê? —Gon sugeriu .Posso jurar que seus olhos estavam brilhando.

—E sério Gon? —Perguntei,arqueando a sobrancelha.

—Sim mozão <3 —Então Fez um aegyo PERFEITO!Esse garoto sabe persuadir ...mozão?

—Mozão? —Perguntamos e ele corou sorrindo.

Oh,mozão,cheguei à conclusão ,já faz tempo que a gente fica,Quase um namoro ,sei lá,a gente enrola.Eu sinto falta de você quando não está aqui.

Nunca tinha ouvido Gon cantar e para ser sincero ...eu amei a voz dele .Fiquei o fitando com cara de besta e a boca entre aberta,vendo ele sorrir acanhado e fechar aqueles olhinhos.

Sim,Gon sabe fazer Eyes smile.E um de suas qualidades,e eu simplesmente adoro quando ele faz isso.

—Eyes smile! —Mito falou,Dando um abraço de urso em Gon —Já tinha me esquecido dessa especialidade sua! —Continuou,esmagando  o pobre coitado.

—Mito-san,está me machucando! —Avisou,logo sendo solto rapidamente.

—Desculpe!Me empolguei!Mas é tão bonitinho! —Disse,agarrando as bochechas fartas e rosadas do moreno .

Sorri,pegando o microfone que havia no criado-mudo  e conectando no som.

—Kil? —Gon me chamou,esperançoso.

—Precisamos  dar uma Animada aqui . —Comentei,com uma indireta mais que direta para o casal problema.

—Ótimo!Vou pegar o Notebook ... —Mito falou alegre e todos olhamos ela com cara de quem não acredita —O que?Só por que sou adulta não quer dizer que sou velha!Quero me divertir também!Faz tempo que não faço algo divertido com vocês —Explicou,correndo até o local onde guardara o aparelho.

—Certo!O que vamos cantar primeiro?! —Meu namorado ....adoro falar isso,perguntou saltitante .

—Termina de cantar aquela musica! —Mito propôs .Ela estava mais alegre que o Loiro e o “velhote” juntos.

Gon suspirou envergonhado .Suas bochechas ganharam um tom rosado e ele parecia querer evitar os olhares sobre si .Sorri para ele,acenando para que continuasse a cantar.

Fiz menção de me sentar,mas ele me segurou sorrindo junto ao seu eyes smile.

—Canta comigo? —Sussurrou .

—Eu não sou muito bom ...sabe? —Respondi,coçando a Nuca .Quantas vezes já cantei ...ah,nunca.

—Tudo bem ...quero cantar essa musica com você . —Explicou,fazendo carinha de pidão .Suspirei,segurando o outro microfone.

—Lá vai! —Mito gritou,apertando o play da música.

‘’ Sei lá,da vontade de te amarrar

colar em você e te prender a mim

Vontade de casar,ter filhos para agente cuidar

Para sempre namorar’’

Cantei um pouco contido,enlaçando meu braço no corpo do meu parceiro.

“Num piscar de olhos, tá passando mais de um mês

A gente fica velho e o que a gente fez?

Não deixe o nosso plano acabar

Esteja aqui amanhã quando eu acordar’’

‘’Momôzim, vamos fazer assim

Eu cuido de você, você cuida de mim

Não desisto de você e nem você de mim

Vamos até o fim’’

‘’Momôzim, vamos fazer assim

Eu cuido de você, você cuida de mim

Não desisto de você e nem você de mim

Vamos até o fim, dá a mão pra mim’’

Terminamos em coro,sorrindo um para o outro .Mito começou a bater palmas,sério,animada .Olhei para a nossa ‘’ platéia ’’ percebendo que Leorio sorria de leve ,mas o loiro continuava pensativo e perdido.

—E agora?! —Mito perguntou.

—Vamos uma musica animada! —Comentei,pulando sobre o sofá e tomando posse do Notebook.Olhei a lista,logo encontrando músicas coreanas .Gosto do estilo,são bem dançantes e contagiantes,além de uma ótima produção.

—Kil ...Você vai ... —Sorri de lado,levantando meu rosto para encara-lo.

Bultaoreune ! —Falei,soltando a música e correndo até os dois molengas,empurrando para fora do sofá.

—EI! —Os dois gritaram,já em pé.

—Hora de sacudir! —Comentei sorrindo.

‘’Fire, oh

Fire, eo eo

Fire, oh

Fire, eo eo’’

Gon cantou,tentando imitar os passos da música e Fui no embalo.

‘’When I wake up, in my room, nan mwodo eopji

Haega jigo nan hu, biteuldaemyeo geotji

Da mansinchangiro, chwihaesseo

Mak yokhae gireseo, gireseo

Na masi gaji michinnom gatji

Da eongmangjinchang, livin’ like ppi-i-‘’

Nessa hora,Dei um toques nos molengas,sorrindo e entreguei o microfone ...forcei o loiro a pegar na verdade.E finalmente ele cantou e começou a se animar com alguma coisa.Então formamos um coro,afinal,Gon tinha convencido Leorio a cantar também.

‘’ Ni meosdaero sareo, eochapi ni kkeoya

Aesseuji jom, mareo jyeodo gwaenchanha

Errbody say la la la la la (la la la la la)

Say la la la la la (la la la la la)

Soneul deureo sorijilleo, burn it up ‘’

Bultaoreune ! —Gritei e ele riram.E do nada,todos nós estávamos dançando a coreografia,claro que tudo desengonçado ,e as vezes cantávamos errado ou embolado,mas era divertido.

‘’ Ssak da bultaewora, bow, wow, wow

Ssak da bultaewora, bow, wow, wow’’

‘’ Hey, burn it up

Jeonbu da taeul geot gati

Hey, turn it up

Saebyeogi da gal ttaekkaji ‘’

‘’ Geunyang sarado dwae urin jeolmgie

Geu malhaneun neon mwon sujeogillae

Sujeosujeo georyeo nan saraminde

(So what?)’’

‘’ Ni meodaero sareo, eochapi ni kkeoya

Aesseuj, jom mareo jyeodo gwaenchanha

Errbody say la la la la la (la la la la la)

Say la la la la la (la la la la la)

Soneul deureo sorijilleo, burn it up’’

Então todos viraram e  apontaram para mim .

—Bultaoreune —Disse,começando a farra de novo.

‘’Ssak da bultaewora, bow, wow, wow

Ssak da bultaewora, bow wow wow’’

‘’(Fire) Geop manheun jayeo yeogiro

(Fire) Goeroun jayeo yeogiro

(Fire) Maenjumeogeul deulgo, all night long

(Fire) Jingunhaneun balgeoreumeuro

(Fire) Ttwieobwa michyeobeoryeo, da’’

‘’Ssak da bultaewora, bow wow wow

Ssak da bultaewora, bow wow wow’’ (x3)

Yongseohaejulge! —Gritamos seguido de um “BUM’’ quando o local explodiu no Vídeo.

Gargalhamos,sentando no chão e respirando pesadamente.

—Que show ! —Mito gritou,batendo palmas.Sorrimos mais um pouco,nós fitando.

—Por que essa música? —Kurapika perguntou,respirando fundo.

—Achei que nos representava ... —Comecei,ganhando um olhar confuso. —Eu não sei como explicar ,só ...achei —Disse,dando de ombros  —E também,esse local e vocês precisavam dar uma animada.  —Expliquei e ele sorriram.

—É,até que funcionou —Leorio e kurpaika falaram ao mesmo tempo,se fitando ....uh,ideias brotando em minha cabeça!

—Então,só faltam você dois cantarem juntos! —Comentei e ambos me fitaram quase simultaneamente.De uma olhada para Kurapika e aposto que ele entendeu meu propósito.

—Não acho uma boa ideia —Assim que leorio disse isso,o loiro se levantou rapidamente.

—O que eu fiz ontem a noite?! —Ele gritou,assustando a todos.

—C-Como assim? —Leorio perguntou, se levantando. Eu apenas observava estático.O loiro não é de perder a cabeça facilmente,ele está completamente perdido.

—Você está me evitando essa manhã inteira!Por que não me diz o que fiz quando estava bêbado?! —Gritou.

—Bêbado?! —Gon e mito falaram ao mesmo tempo.

—Você realmente estava bêbado?!Como isso aconteceu?! —Mito perguntou,surpresa.

Isso estava ficando totalmente fora do controle,eu tenho que fazer algo .Quando voltei minha atenção para o loiro acabei me surpreendendo.

—Kurapika ... —Chamei,estático —Seus olhos ... —Apontei,vendo um vermelho vivo e brilhante tomar conta de suas orbes.Todos tiveram a mesma reação que eu .

—Kurapika ... —Leorio tentou tocá-lo,mas ele se afastou bruscamente.

—Não toque em mim! —Mandou,correndo para algum lugar.Gon no mesmo instante foi atrás,com certeza preocupado. Leorio tentou ir junto,mas o segurei pelo braço .

—Killua ,o que está fazendo?! —Perguntou,nervoso.

—Você vai me contar tudo o que aconteceu noite passada!

Narração Killua Zoldyck OFF

O moreno correu pelas ruas cobertas por um uma camada fina de Neve.Estava realmente preocupado,pois o loiro estava sofrendo ...por amor .Tinha medo do que ele poderia fazer .

Depois de algum tempo de busca finamente o achou, sentado e encostado em um grade.Então correu desesperado o seu  encontro.

—Kurapika! —Gritou e o loiro ergueu os olhos,antes atentos no celular que manejava.

—Gon ... —Sussurrou .As orbes ainda se encontravam vermelhas .Não tinha usado lentes de contato naquele momento.

—Kurapika,não corra mais desse jeito! —Gon repreendeu,se agachando e abraçando o loiro de lado.

—Desculpe ...eu precisava ficar sozinho —Explicou,fitando algum ponto qualquer.

—Me explica por que saiu correndo ...melhor,me explica o porque de estar bêbado. —Pediu,sem solta-lo de seu braços. —O que ouve entre você e leorio ontem?E por que seus olhos se tornaram vermelhos?

—Meus ...Olhos? —Perguntou,logo se lembrando de sua peculiaridade.

___________________________________

Estejam preparados essa Noite.Teremos uma pequena Visita .

—Quem será?

 


Notas Finais


.....Desculpe,HAHAH,mas não pude evitar de colocar FIRE de BTS!Desculpem mesmo! kkkkkkkk
Inner:Ei,falando de BTS,vc não vai avisar sobre ...
Ah,é!Obrigada inner!Então,gente,to bolando uma FIC SOBRE BTS!O que acham?Essa ideia estava martelando em minha cabeça.
Bom,só posso dizer que é sobre duas melhores amigas brasileiras que tem o sonho de ir a coreia!
Inner:Nossa,que inovador.
Calma,não posso contar mais né?Por mais que eu queira!Bom,mas vai demorar um pouco para sair,por que quero trabalhar direitinho nos capitulos sem pressão!Para que fique bom para voces!
Então gente,espero que tenham gostado!Até a próxima!Comentem para que eu possa saber se gostaram!

Tradução da musica:(Não sei se tá certo,nem a letra no capitulo)

Está pegando fogo!

Fogo!
Fogo Eo Eo
Fogo!
Fogo Eo Eo
Quando eu acordo no meu quarto
Eu sou só um ninguém
Depois que o sol se põe,eu ando tropeçando.
Eu me torno uma destruição total,estou Bêbado,Bêbado
Só xingo,Nas ruas,ruas
Eu perdi minha cabeça,como um cara maluco
Todo mundo está um bagunça,vivendo como Beep-Beep
Só viva seu próprio caminho,é seu de qualquer jeito
Pare de tentar,está tudo bem perder
Todo mundo diga La La LA La La(La LA La La LA)
Diga la la la la la (la la la la la)
Ponham suas mão para cima!Façam barulho!Queime!
Está pegando fogo

E eo eo
Queime tudo,completamente
Bow wow wow (X2)

Hey,queime
Bote fogo como se fossemos queimar tudo
Hey se anime
Até o amanhecer passar completamente
Nós podemos apenas viver,pois nós somos jovens
Você que está perguntando que tipo de colher eu sou
Por que você Está falando sobre colheres de prata quando eu sou humano
Então,o que?
Só viva seu próprio caminho,é seu de qualquer jeito
Pare de tentar,esta tudo bem perder
Todo mundo diga la la la la la(la la la la la)
digam la la la la la(la la la la la)
Ponham suas mão para cima!Façam barulho!Queime!

Está pegando fogo

E eo eo
queime tudo,completamente
Bow wow wow(x2)

(Fogo)os covardes, venham aqui
(Fogo)Os angustiados,venham aqui
(Fogo)Com seus punhos nus levantados a noite inteira
(Fogo)Com passos de marcha
(Fogo)Tente correr
Pessoal, vão a loucura

Queime tudo,completamente
Bow wow wow
Fogo! (x3)
Eu vou te perdoar

Link da música/MV legendado:https://www.youtube.com/watch?v=mdpnPhlvE_s
Link sem legenda:https://www.youtube.com/watch?v=ALj5MKjy2BU


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...