História Quando tudo muda! - Capítulo 18


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Personagens Originais, Suga
Tags Romance
Exibições 27
Palavras 1.637
Terminada Sim
LIVRE PARA TODOS OS PÚBLICOS
Gêneros: Famí­lia, Romance e Novela

Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Olá, mais um capítulo\o/.

Capítulo 18 - Você mudou minha vida


* Yoongi on

Escutei o barulho de algo ou alguém caindo, fui até o quarto do Kwan e ele estava dormindo, então fui em direção ao nosso quarto e abri a porta e me deparo com a Isa caída no chão.

- Isa acorda por favor.  Eu segurava a cabeça dela e tentava acordo da-la.

- Isa fala comigo.  Ela começou a despertar.

- Y...Yoongi.  Ela abriu os olhos e me olhou.

- O que aconteceu?  Ela tenta se sentar.

- Não sei, cheguei aqui e você estava no chão.  A olhei.

- Eu só lembro que eu estava guardando as coisas quando me senti estranha e comecei a ver tudo preto.  Ela me olhou.

- Isa, você está tomando os remédios?  A olhei.

- Claro que… a não, não, não e não. Ela se levantou e ficou andando de um lado para o outro e eu só sabia sorrir,  outro filho ou filha.

- A culpa é sua Yoongi.  Ela bate no meu braço.

- Minha? Como minha? Coloquei a mão onde ela bateu.

- Eu te avisei a duas semanas atrás que meu remédio tinha acabado, mas você me ouviu não,  e ainda me seduziu para dormir com você.  Ela me batia.

- Calma amor, vai ficar tudo bem, fica calma.  A abracei.

- Não acredito vou ser pai de novo.  A soltei e sai gritando pela casa.

 

* Isa on.

Enquanto eu estava morrendo de medo de ser mãe de novo o Yoongi corria pela casa e gritava, sai do quarto e estava no correndo, Kwan saiu do quarto e me olhou.

- Omma o que o Appa tem?  Ele me olhava

- Filho, filho você vai ter um irmãozinho ou uma irmãzinha. Agora não era só o Yoongi que corria pela casa Kwan o acompanhava

Me sentei no sofá e fiquei olhando os dois agora não vou cuidar de duas crianças mas sim de três.  

- Está tudo bem? Yoongi se sentou ao meu lado.

- Acho que sim. Sorri

- Vai dar tudo certo amor, você é uma ótima mãe.  Ele selou nossos lábios e ficamos vendo o Kwan brincando.

Cinco meses se passaram e minha barriga ja dava sinal, e descobrimos que ia ser uma menina,  nossa felicidade parecia que nunca ia acabar, até aquela noite.

- Ai, Yoongi,  ai. Eu o chamava baixo

- Ai,  ai, Yoongi tem algo errado. Comecei a chorar,  ele despertou e ligou o abajur.

- O que Foi? Ele me olhou assustado.

- Isa você está sangrando.  Eu olhei para o lençol e ele estava sujo de sangue.

Entrei em desespero e Yoongi tentava me acalmar,  Yoongi me pegou no colo e fomos para o elevador,  Kwan estava dormindo com os tios,  ele colocou no carro e fomos para o hospital.

- AI está doendo. Eu chorava e ele segurava minha mão.

Chegamos ao hospital e me colocaram na maca e me levaram fizeram várias exames e veio a pior notícia da minha vida.

- Infelizmente a senhora perdeu o bebê.  Eu fiquei estatística Yoongi me olhava esperando a minha reação.

Começo a sentir as lágrimas molharem meu rosto,  o desespero e a dor encher meu coração.

- Não, não é verdade né Yoongi?  Ele está mentindo?  Eu chorava.

- Não amor, o que ele está dizendo é verdade.  Ele me abraçou forte.

- Não é mentira, só pode ser mentira.  Eu fiquei tão nervosa que tiveram que me sedar.

No dia seguinte voltamos para casa os meninos estavam na sala com Kwan eu passei direto por eles ouvi Kwan me chamar- mas não consegui olhar para ele, me tranquei no quarto e só chorava. Yoongi sempre tentava me confortar e me fazer comer mais nada adiantava, eu só sabia chorar.  E assim se passou uma semana.

 

*Yoongi on

- Namjoon eu não sei mais o que fazer ela não sai daquele quarto,  ela não quer nem ver o Kwan, isso

está me matando por dentro.  Baguncei o cabelo.

- Você tem que ter uma conversa séria com ela. Namjoon me olhou.

De repente escuto gritos e Kwan corre na minha direção eu o pego no colo.

- Appa a Omma não me ama mais. Ele chorava de soluçar.

- Namjoon segura ele, vou conversar com ela. Entreguei o Kwan a ele.

Fui até o quarto e liguei a luz e sentei na beira da cama perto dela.

- Temos que conversar? a olhei e ela se sentou.

- Não quero conversa Yoongi.  Ela me olhou.

- Isa nós perdemos uma filha mas temos o Kwan e ele precisa de você,  ou você também quer perdê-lo?

O semblante dela mudou na hora, as lágrimas rolaram em seus rosto.

- Isa eu sei que é difícil eu também sofri e senti a dor que você sente, mas não quero perder o Kwan também, reage por favor,  ou você vai perdê-lo. Eu secava suas lágrimas e ela me abraçou forte.

- Me perdoa Yoongi,  me perdoa.  Ela chorava.

- Não é a mim que você deve desculpas. A olhei

- Vem vamos, você toma banho e conversar com ele. Sorri

Ela se levantou e foi para o banheiro a ajudei tomar banho e a se vestir e fomos para sala.

 

* Isa on

Entramos na sala e o Kwan estava sentado no chão colorindo com o Namjoon ao seu lado.

- Oi Isa como esta? Ele me olhou preocupado.

- Melhorando. Dei um meio sorriso

- Filho a omma pode falar com você?  O olhei e ele continuou a colorir sem me olhar.

Namjoon se levantou e foi para a cozinha com o Yoongi.

Me sentei ao lado do Kwan e fiquei o olhando, ele em uma semana mudou tanto e eu perdi tudo isso, as lágrimas rolaram,  eu não podia perdê-lo também.

- Filho,  você perdoa a omma? Falei mexendo no cabelo dele.

- Omma você me ama? Ele me olhou com seus pequenos olhos marejados.

- Claro que te amo, e muito por isso estou te pedindo perdão.  Olhei chorando.

- Você perdoa a omma?  O olhei.

- Claro que sim omma.  Ele me abraçou forte e eu retribui o abraço.

- Omma estava com saudades.  Ele sorriu.

- A omma também.  Fiz cócegas nele.

- Omma o appa disse que você estava triste pois minha irmã foi para o céu e verdade?  Ele tombou a cabeça de lado e me olhou.

- Sim meu amor, mas agora a Omma não vai mais ficar triste,  pois eu tenho você para amar e cuidar. O abracei e fiz cócegas,  sua risada percorria a casa.

- Omma está com fome?  Assenti e ele sorriu.

- Appa, appa a omma está com fome. Kwan saiu correndo em direção a cozinha.

Algum tempo depois os três aparecem com uma bandeja cheia de comida e me obrigam a comer tudo, no meio da tarde Namjoon foi embora e me pediu para ficar bem pois seu amigo precisava de mim eu sorri e o abracei e ele foi embora, fiquei brincando com o Kwan e o Yoongi,  quando nos demos conta já era de noite,  Kwan se aconchegou no meu colo e acabou dormindo.

Me levantei e o coloquei no quarto, o cobri desliguei as luzes e fui para a porta.

- Omma te amo. Ele disse de olhos fechados e eu sorri.

Fechei a porta e fui para sala Yoongi estava vendo tv, encostei no beiral da porta e fiquei olhando para ele,  eu amava tudo nele, sua pele branca, seus olhos,  seu sorriso doce e fofo e até seus cabelos que ele mudava todas as vezes.

- O que foi? Ele me olhou.

- Nada, só estou te admirando.  Sorri e fui até ele.

- Sabe eu estou com saudades da minha Isa. Ele me puxou e eu sentei em seu colo.

- Eu de você.  Sorri e mexi em seu cabelo.

- Isa?  Ele me olhou.

- Hum? O olhei.

- Não me assuste mais assim. Ele acariciava minha cintura.

- Desculpas por essa semana.  O olhava.

- Prometo que não vai mais acontecer.  Dei um meio sorriso.

Ele me olhou,  e me beijou o beijo era delicado e doce, minhas mãos estavam em seu rosto,  estava com saudades de seus beijos,  sua mão foi parar em minha perna, o beijo ficou mais quente.

- Yoongi,  aqui não.  O olhei.

- Sem problemas.  Ele se levantou e me colocou em seu ombro e eu me controlava para não rir alto.

Ele entrou no quarto me colocou no chão e  trancou a porta.

- Pronto, agora deixa eu matar minha saudade. Ele sorriu e me puxou para ele.

O beijo estava intenso ele puxava e mordia meus lábios,  mas não me importava eu só queria aproveitar o momento com o homem da minha vida, suas mãos estavam em minha cintura,  ele me me levantou e eu enrosquei minhas pernas em sua cintura.

- Te amo. Ele beijou meu pescoço.

- Te amo. Mordi o lábio inferior.

Ele me deitou na cama e se encaixou no meio das minhas pernas e me olhava.

- Que foi?  Sorri.

- Isa casa comigo de novo?  Ele sorria.

- Todas as vezes que você me pedir.  Sorri

- Eu te amo desdo dia que te conheci.  Ele olhava em meus olhos.

- Eu, tive medo que você não voltasse para nós.  Em seu olhar pude ver o medo.

- Ei Yoongi,  eu estou aqui. Coloquei a mão em seu rosto.

- Não vou a lugar nem um sem vocês,  não saberia viver sem você e Kwan e obrigada.  Sorri

- Pelo que ? Ele beijava meu pescoço.

- Por mudar minha vida, por me dar o Kwan e por me dar o seu amor. Ele me olhou e sorriu.

Seus lábios tocaram os meus e eu queria que aquele tempo durasse para sempre.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...