História Quase inocentes - Capítulo 12


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Tags Sexo
Visualizações 12
Palavras 1.117
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Drama (Tragédia), Romance e Novela, Violência
Avisos: Álcool, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Homossexualidade, Mutilação, Nudez, Sexo, Suicídio
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Capítulo 12 - Eu sou rolezeira


Fanfic / Fanfiction Quase inocentes - Capítulo 12 - Eu sou rolezeira

Vivi P.O.V

A noite foi chegando e eu comecei a arrumar as coisas pra noite, eu tava cagando pra Gabriella, eu coloquei os colchonetes um do lado do outro de frente pra TV. separei os filmes na Netflix e peguei uns jogos de tabuleiro e deixei ali perto. Tirei a pizza do congelador e fiz brigadeiro pra colocar na geladeira. Passei o refrigerante do congelador pra geladeira e dei uma arrumada rápida na casa.

Tava quase na hora do pessoal chegar. Bati na porta do quarto da Gabriella

-Já te Decidiu-Eu falei com a cabeça escorada na porta.

Ela abriu a porta com um sorriso e com um pijama

-Simsim-Ela disse e eu não pude conter um sorriso

-Agora deu de gaysisse e vem me ajudar que eu não sou empreguete.

Eu deixei ela fazendo algumas coisas enquanto me arrumava. Depois de um tempo as pessoas foram chegando, quando o Gustavo chegou ele comprimento todo mundo, menos ela. O clima então ficou pesado

-É... Oque a gente faz primeiro-Perguntei

-Tem catuaba?-Perguntou Guilherme.

Nos rimos

-Pra que? Pro Gustavo ficar bêbado e a Gabi levar mais um chifre?-Falou Augusto fazendo todos ficarem quietos e encarando ele.

-Chifre por que? Nos nunca Namoramos-Disse Gabi com cara de deboche

-Ai-Falou Arthuro

-Então oque é isso no seu dedo?- Gustavo disse apontando pra aliança de compromisso do seu ex

-Eu gosto dessa aliança, me faz lembrar como o pinto dele era maior que o Seu-Gabi disse.

-Aposto que tu não pensou nisso aquela Noite-Gustavo falou

-Não pensei mesmo, só pensei quando você é mal de cama, mas isso tu aprende com o tempo, então, boa Sorte-Gabi

-Mas do meu beijo eu sei que tu Gosta-Ele disse a pegando pelo queixinho e roubando um beijo dela

-Gente isso aqui não é novela Mexicana-Eu disse me a levantando do colchonete e indo em direção pra separar

-Naaaaaaaaum, gata tu naum Vai-Falou Bernardo me segurando pela cintura me fazendo cair sobre seu colo.

-Bonito, que bonito em? Olha que cena mais linda será que eu estou atrapalhando o casalsinho ai?-Canta Augusto

-Pior que ta atrapalhando mesmo- Falo abraçando Bernardo e dando um beijo em sua bochecha

-Oxi, tenho cara de Gabriella pra ser chifrado?-Falou Augusto

-Que necessidade de falar Merda-Gabi fala.

-Oque a gente vai fazer?-Repito a pergunta

-Tem catuaba?-Pergunta Guilherme de novo

-ANTES QUE TU FALE ALGUMA COISA CALA A BOCA AUGUSTO-Grita Gabi

-Hm-Ele resmunga fazendo beissinho

e olhando pra baixo

-Naum-Respondo

-Então vamo no mercado Carai-Fala Gui-Sem catuaba não tem como ficar

-Eu vou amar Isso-Falou gabi com um sorriso no canto da boca.

A gente desceu e a gente foi em 2 carros como não cabia todo mundo. Um deles foi eu a Gabi, o Augusto o Gustavo e o Gabriel, no outro foi o Arthuro, o Gui e o Bernardo. A gente chegou no mercado, a gente foi no maior da cidade como era o único aberto. A gente chegou e o Gustavo e o Augusto pegaram dois carrinhos, eu entrei no carrinho do Augusto.

-Também quero!-Falou Gabi

-Ta louca mulher? Como que eu vou te carregar? Tu ta gorda.-Falou Gustavo

Ela só olhou pra ele com aquela cara

-Então eu vou-Falou Guilherme pulando dentro do carrinho

Gabi cruza os braços e olha pra ele

-Madame-Fala Bernardo debutando um carrinho. Ela sorri e entra no carrinho. Bernardo sai correndo empurrando o carrinho com a Gabi dentro, fazendo Gustavo se morder de raiva.

-É isso que dá tratar tua mina como um Nada-Falou Arthuro

-É Gu, eu acho que tu tem um Concorrente-Eu falei

-É isso que dá namorar alguém que leva uma vida selvagem-Falou Gabriel.

O Augusto começou a  me empurrar e os outros vieram atrás. A Gabi e o Be tavam parecendo um casal apaixonados.

-Eu Shippo-Disse pra provocar Gustavo

-Eu Tambem-Gustavo disse brabo

-Vivi, a catuaba ta Aqui- Fala Guilherme entrando em um corredor.

-Socorro ta muito Cara-Eu falo pegando uma na mão

-Quanto?- Pergunta Arthuro

-14,99-Respondo

-Ai meu coração-Fala Guilherme colocando a não no peito.

-A gente ta em 8, cada um da metade do dinheiro, dai a gente pega 4-Falou Arthuro

-Beleza-Falou Gabi-Mas a gente vai ter que pegar mais alguma coisa pra não parecermos um bando de idiota que pegaram 3 carrinhos só pra 4 catuabas.

Eu peguei um chapéu de praia que estava do meu lado e coloquei sobre minha Cabeça-Pronto, vamo em Bora-Eu disse

-Aqui Ó-Falou Gabriel colocando dois pacotes de alpiste no carrinho.

-Ninguém come Alpiste- Falou Gabi

-Vamos ajudar a fabrica Carai-Respondeu Gabriel

-VaMOS pegar algumas coisas pra vdd ou Desafio-Falou Gabi

-Tu vai pagar?-Falamos ao mesmo tempo.

Ela olha pra baixo e já entendemos a resposta.

Pagamos, e a moça do caixa nos olhou com uma cara.

A gente voltou pro nosso AP e colocamos as bebidas na geladeira.

-Vamos olhar um filme?-Falou Gabi

-Vamos andar de skate?-Falou Arthur o

-Arthuro, só tu sabe andar de Skate-Eu responde com sarcasmo

-Eu também Sei-Responde Augusto

-Cara, cala a bica, me ajuda- Eu falei olhando pra ele com cara de raiva

-Vamo ou não?-Arthur o repitiu a pergunta

-Ah naoooo, a gente vai ser Assaltado-Falei resmungando me jogando no sofá

-Vamo Vivi-Ele disse me puxando pelo braço

-Naoooo-Gritei

-Tu vai por bem ou por Mal-Ele me pegou estilo "saco de batata", Mas como era eu eu acho que seria saco de bosta mas tudo bem.

Nos chegamos lá e eu fiquei em um canto com o Gui com cara de taxo

-Vamo joga bola? Nao tem nada pra Fazer-Ele disse se a levantando e ficando na minha frente

-Tem bola?-Perguntei

-Um bom jogador sempre tem Uma-Ele falou sorrindo

-Belesma-Me alevantei e dei uma batidinhas na minha bunda para sari a sujeira.

-Tu sabe que eu sou uma nerds nisso, então pega Leve- Falei me posicionando no campo

-Prometo que vou Tentar-Ele se posicionou na outra ponta do campo e jogou a bola, eu sai correndo e ele também, eu alcancei primeiro, então SSI em direção ao gol dele. Eu tava muito peri, quando ele me puxou pela cintura e ne empurrou passando na minha fente, eu cai no chão

-Falta, Faltaaaa-Gritei.

Ele olhou pra trás com​  cara de confuso

-Falta de habilidade né?-Ele disse voltando e me puxando pela mão

-Tambem- sorri

-Eu gosto do seu Sorriso-Ele disse grudando nossos rostos, quase me beijando

-Desde Quando?-Falei e não pude conter o sorriso

-Desde quando me Apaixonei-Ele disse e meu coração parou

-Que tal a gente ir pra casa AMOR?-Gritou Augusto olhando aquela sena se mordendo de raiva

-Vamos-Eu falei

-Ta-Guilherme me seguiu

-Desde quando tu me chama de amor?-Eu falei

-Não Gostou-Augusto disse seco e frio

-Ta com ciúmes-Perguntei sorrindo

-Não, a gente não é namorados- Eu falei no mesmo tom seco que ele

-Desculpa.... Vivian quer namorar comigo?-Ele fala me olhando nos olhos

-Pede outra hora, eu sei que tu só quer namorar comigo por que ta inseguro, e eu não vou namorar por Dó-Eu virei e entrei no outro carro.

Nos voltamos pro AP e ficamos fazendo uns jogos de tabuleiro até ficar todo mundo entediado.

-Vamos pra Balada-Fala Arthuro

-Mas hoje tu ta com fogo no rabo né?-Fala Gabi

-Eu sou Rolezeira-Gritei-Vou colocar u vestido rolezera e já vou

-Ata, agora a gente vai ter que esperar a Princesa-Disse Gabi se jogando no sofá

-Vão mesmo......



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...