História Queimado por seu gelo - Capítulo 5


Escrita por: ~

Postado
Categorias Boku no Hero Academia (My Hero Academia)
Personagens Bakugo Katsuki, Lida Tenya, Midoriya Izuku, Uraraka Ochako
Tags Midoriya, Tododeku, Todoroki, Yaoi
Visualizações 283
Palavras 1.045
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Colegial, Comédia, Ecchi, Escolar, Fantasia, Hentai, Lemon, Luta, Romance e Novela, Shonen-Ai, Shounen, Violência, Yaoi
Avisos: Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo, Spoilers, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Desculpem a demora, a faculdade tava me matando.
Espero que continuem lendo. Boa leitura.

Capítulo 5 - Capítulo 05



All Might ainda sentia seu corpo cansado, fazia apenas dois dias desde que seus ferimentos pararam de doer.

- Com licença, eu tenho sim. Não, eu quero falar com ele pessoalmente.

All Might dizia incisivo pelo telefone, do outro lado da linha se encontrava Aizawa, que tentava convencê-lo de que não seria muito seguro encontra-se com o "garoto Midoriya". Porém falhava severamente sobre isso.

As portas da academia foram aberta para ele, entrou o mais rápido que pôde, ele conseguiu sentir o peso de como as coisas mudam quando você não se faz necessário, ele nunca realmente gostara do símbolo que ele virou, e não sabia se era possível surgir alguém pronto atualmente para ocupar esse posto.

Caminhava pensando se estava fazendo o certo em entregar essa responsabilidade para o Midoriya, mesmo conseguindo ver em seus olhos tudo que era necessário. Não demorou para encontrar a república, pois já havia pego o mapa que levava para o grande prédio.

- Bom dia, Classe-A.- Cumprimentou, assustando os alunos que se encontravam na área comunitária.

- B-bom, nossa...- Foram as únicas palavras de Mineta, que estava visivelmente surpreso por encontrar All Might naquela situação.

- Alguém pode me guiar para o quarto de garoto Midoriya.

- Eu.- Iida levantou-se.

- Então vamos.

O caminho foi rápido e silencioso, Iida queria dizer obrigado, mas não conseguiu, ele simplesmente não conseguiu encontrar o herói que admirava naquela figura esquelética e debilitava que estava ao seu lado.

- Aqui está.

- Muito obrigado, meu garoto.

All Might respirou fundo e bateu na porta.

- Garoto Midoriya!!!

Midoriya estava deitado na cama lembrando-se de seu treinamento. "Poxa, está cada vez mais difícil conciliar treino e encontra-se com Shoto". Quando All Might bateu sua porta.

- All Might?

- Garoto Midoriya é hora de se levantar, sair do descanso e ir ao treinamento.

- Treinamento?

- Sim, eu percebi nos dias que vi você lutando que seu foco agora são as pernas. Achei interessante. Gostei muito da idéia.

- S-sim, nossa. Vou colocar meu uniforme.

- Estarei esperando no centro de treinamento da floresta.

Midoriya vestiu seu uniforme rapidamente, correndo se dirigindo para o centro da floresta, passou pela área comunitária, mesmo havendo alguns colegas não prestou muito atenção.

- EI, EI !!!

Gritou Bakugou para ele, mas não adiantou nada, fazia um tempo que o mesmo estava ansioso para encontrar All Might.

All Might estava sentado próximo um das árvores.

- Temos que conversar sobre seu treinamento garoto Midoriya.

Midoriya não respondeu apenas o ouviu atentamente.

- Você está melhor, não tem se machucado mais com tanta frequência e parece menos obcecado, eu estou feliz, porém, não posso negar uma frustação.

- Comigo?? Eu prometo me esforçar mais, juro. Dedicar mais horas.

- Jovem Midoriya o dia do tem 24 horas, e você não pode mudar isso. O que quero dizer é que, ajudei milhares de pessoas, virei um símbolo, mas estou só.

- Você tem todo o Japão.

- Não jovem, não tenho. Essa imagem, infelizmente é uma ilusão. E sinto que poderemos nos ver cada vez menos.

- Mas e meu treinamento? Você me motiva, eu não imagino seguir em frente sem você.

- Eu sou um humano normal agora, só posso te ajudar com palavras, e minhas palavras são... aprenda tudo que você puder o máximo possível, mas não por mim e sim por você.

- Eu prometo me esforçar ao máximo, para me tornar o melhor que eu puder ser.

- Então vamos a luta.

Passaram horas treinando chutes e movimentos de quadril, All Might mostrava o quanto era importante a corrida, pois ser rápido era a essência do herói eficiente. Midoriya estava muito motivado e louco para contar tudo o que aprendera na tarde a Todoroki.

Sentia que cada vez mais estavam unidos, a conexão era simplesmente inevitável, mesmo os gostos sendo contrastantes, Todoroki ainda possuia a pose rico que não foi nenhum pouco mimado, enquanto Midoriya parecia que sempre estava aninado com tudo, e tudo era grande demais, maravilhoso demais, vantagem demais, tudo fugia de sua realidade.

- Sabe jovem, eu notei algo novo em você hoje.- All Might comentou enquanto os dois estavam deitados no capim baixo.

- Como assim??

- Você sempre é animado, motivado e está feliz, mas hoje, não parecia ser apenas por mim e por seu poder. Você está simplesmente feliz.

- Eu estou simplesmente feliz.

- É aquela garota, Ochako?

- Han? Ochako?

- Sim, ela olha pra você com tanta admiração. Vocês estão saindo?

- É, não, nem tinha passado na minha cabeça.

- Como não? Então quem?

- É, não é ninguém.

- Oh jovem, eu posso não ter mulher, nem filhos, nem sair com garotas e nem ter muita experiência, e muito menos propostas, mas sei quando alguém tem um lance.

- Eu não posso contar, mas estou bem. Estamos.

- Fico feliz... Então vamos, vou te deixar na entrada.

O caminho foi tranquilo, Midoriya sentiu que iria contar tudo, de achar que é gay, de namorar o Todoroki, sobre seu primeiro beijo, sobre querer sempre está com ele. Mas algo o conteve, e quando se deu por conta já estava na República se despedindo brevemente de All Might e indo tomar banho.

Bakugou poderia sentir pelas vibrações que algo estava acontecendo, e tudo qje envolvia Midoriya o encomodava, ele não sabia o que era, mas estava a espreita. Estranhava as sumidas do garoto, estranhava que não estava treinando nesse período. Já havia averiguado se era ochako tentando algo, mas não.

Uma mão pousou em seu ombro, não sentiu seus pés no chão.

- Acredite ou não eu estava pensando em você agora.

- cof, eu só achei estranho, e resolvi da uma olhada.

- Eu também. Mas eu achei que você tinha entendido.

- Você entendeu tudo errado, eu não gosto d...

- Você está tentando mentir pra mim?

Ochako corou, ela sentiu seu rosto esquentar. Nunca odiara kacchan, mas ela não curtia a idéia dele ser a pessoa que machucava a pessoa que mais ela admira, e sente uma profunda admiração.

- Garotas... Sabia, eu acho você estranha, mas no fundo só tem um péssimo gosto.

Ochako jogou Kacchan na parede, fazendo ele cair de costas no chão.

Não demorou muito para sua mão está no pescoço da garota.

- Você é muito passivo agressivo. Vaie bater agora?

  - Vou.


Notas Finais


Saudade de postar, pensei que meu período não ia terminar. Espero que alguém ainda leia 😢 bjs obrigado por lerem


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...