História Quem ama, cuida - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Suga, V
Tags Amor Obsessivo, Hoseok, Menção Taegi, Onesided!yoonseok, Psicopatia, Sobi, Sope, Sugahope, Taehyung, Vga, Vsuga, Yoongi, Yoonseok
Exibições 68
Palavras 570
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drabble, Drama (Tragédia), Mistério, Seinen, Universo Alternativo, Violência, Yaoi
Avisos: Adultério, Bissexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Pansexualidade, Sadomasoquismo, Spoilers, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 1 - Give unto me your troubles


Eu te amo, Yoongi. Eu sempre te amei. Mas você nunca se importou muito com esse amor. Fingia até que esse sentimento não existia.

Mas eu te amava tanto, e ainda amo. Quando você fazia sexo comigo, eu fazia amor com você, quando me beijava por beijar, eu te beijava por amar, quando você me via como amigo e ficante, eu te via como amor e namorado.

Quando você me usava, eu ficava feliz, e a forma delicada de me tratar sempre me fez acreditar que um dia eu seria correspondido. Mas parece que isso não aconteceria tão cedo, pois aquele tal de Kim Taehyung surgiu em nossas vidas e conquistou em tão pouco tempo o que eu lutava há anos para ter: seu coração.

Então eu passei a te olhar de longe, mesmo que você estranhasse o fato de eu estar mais distante esses dias. Você estava tão feliz ao lado do tal Taehyung que sequer lembrava mais de mim. Por Deus, você até parou com as nossas transas casuais, tudo por causa de um pirralho que eu tenho certeza que nem sabia que você tem medo de altura, ou que você tem uma marca de nascenca quase invisível na coxa esquerda, próximo à virilha.

Eu não me importava. Mesmo que eu não fosse mais seu parceiro, dizem que quem ama quer a felicidade do outro. Mas hyung, você estava tão cego de amor, que não viu que seu namorado era uma vadia. Veja bem, até comigo ele dormiu! Mas como seu sorriso, que eu amava, estava sempre presente em sua face com aquele garoto por perto, eu decidi ocultar isso.

Também, não é como se eu fosse desenvolver hanahaki e despejar narcisos e tulipas vermelhas de minha boca que por um bom tempo abrigou sua língua. Se hanahaki existisse, eu teria morrido no mesmo dia em que te conheci.

Mas mesmo estando toda hora ao lado do loirinho de sorriso quadrado, havia uma parcela sua que sempre vinha até mim, especialmente quando você estava com problemas, sejam eles pessoais, sejam eles profissionais. Afinal, não é fácil ser um jovem bilionário e administrar toda essa fortuna. Mesmo que você só viesse até mim nesses momentos, eu não ligava. Eu gostava de ver você recorrendo a mim.

Era por isso que eu sempre pedia a você para confiar a mim seus problemas, suas mágoas. Eu poderia aliviar seu sofrimento. Você sabe que, por ti, eu beberia o mais mortal dos venenos.

No entanto, o principal motivo de eu ainda fazer isso, era por gostar de te ver sofrer. Veja bem, hyung, não é questão de eu ser cruel. Eu só queria cuidar de você. Eu queria te salvar da escuridão.

Lembro-me até que, às vezes, você ficava com medo das minhas crises de ciúmes quando você conversava intimamente com alguém que não fosse eu ou sua mãe, já que seu pai não era presente. Mas não tem motivos para ter medo de mim, hyung. Por favor, não tema a chama do meu amor. Do contrário, deixe-a ser a luz em seu mundo de escuridão.

Eu nunca te machucaria. Não diretamente. Eu só gosto de cuidar de você, porque quem ama cuida.

E é por isso que Taehyung está trancado, aqui, em meu porão, enquanto eu penso na melhor forma de cuidar de você. Não se preocupe hyung, ele não te fazer falta. Eu estarei lá sempre, para cuidar de você.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...