História Quem diria? - Capítulo 15


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Tags Bangtan Boys
Exibições 36
Palavras 1.217
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Crossover, Drama (Tragédia), Romance e Novela, Yaoi
Avisos: Bissexualidade, Gravidez Masculina (MPreg), Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Gente desculpa a demora e que eu estava indo ao medico e chegava tarde,bom como eu sei que nem quer saber vamos logo pra cap.

Capítulo 15 - Voce esta brincando


Fanfic / Fanfiction Quem diria? - Capítulo 15 - Voce esta brincando

                                         P.V.O:Jimin

Eu acordei cedo hoje depois de horas tentando fazer o Yoongi dormir, mas dormir não e bem a palavra ele dava cochilos, mas eu não consegui nem cochilar, bom mas depois de desistir de dormir eu levantei peguei meu telefone e vi que ainda eram seis da manha abro a porta e desço ate a cozinha e faço o café, ontem Yoongi se recusou a comer mas hoje ele come. Bom eu terminei de preparar o café e subi até o quarto eu ia ficar com o Yoongi até ele acordar, mas quando cheguei no quarto ele não estava, fui até o banheiro nem sinal dele, fui ate o quarto de Kwan nada, o encontrei no quarto de Sook, sem fazer barulho fui até ele e abracei por trás, e dei um beijo no seu pescoço, mas me arrependi assim que beijei seu pescoço ele gemeu de dor e quando olhei de novo pro local aonde eu tinha beijado havia uma marca roxa.

-Desculpa. Falei tirando os meus braços de sua cintura, e indo em direção a porta.

-Jimin. Parei aonde estava e me virei, Yoongi me abraçou forte, e escondeu o rosto no meu pescoço. –Fica aqui comigo, não me deixa. Ele falou com voz de choro, eu apenas o abracei mais forte.

-Eu sempre vou estar aqui, eu prometi lembra?. Ele se desfez do abraço e eu o olhei confuso, vi ele se aproximando e entendi o recado, botei minhas mãos no dele e fiz um carinho na sua bochecha e ele sorriu eu me aproximei e o beijei, eu sei que já o beijei varias vezes, mas sempre vai ser especial, ele pediu massagem com a língua e eu rapidamente a cedi, foi um beijo carinhoso, eu queria que ele soubesse que estava protegido mas infelizmente a falta de ar veio e nós nos separamos. –Eu te amo. Falei dando mais um selo.

-Eu também te amo. Ele falou ficando na ponta do pé me deu mais um selo, nós saímos do quarto e descemos até a cozinha, como eu achei que ele não ia acordar agora não arrumei a mesa. –Eu arrumo.

-Não amor deixa que eu arrumo.

-Você já fez o café jiminnie.

-Que tal arrumamos juntos então. Ele assentiu e nós arrumamos a mesa, e comemos, como não tinha muita coisa pra falar comemos e silencio, mas não aquele silencio perturbador foi um silencio bom, depois que terminamos discutimos pra ver quem lavaria a louça , ele ganhou e lavou tudo. –Que tal a gente sair?.

-Pra onde você pretende nos levar?. Ele perguntou vindo em minha direção secando as mãos no pano.

-Nos levar?. Perguntei confuso.

-É, eu, você e as crianças. Falou se sentando ao meu lado.

-Que tal, só eu e você. Falei selando os nossos lábios.

-Vamos fazer assim, vamos nós seis pro shopping, depois nós saímos só eu e você?. Falou me dando mais um selo, eu sei o que ele quer mas não sei se vou conseguir fazer isso com ele agora.

-Boa ideia, mas porque seis?.  Mas uma vez eu estava confuso, afinal somos quatro.

-Eu, você as crianças e o Seok e o Namjoon. Eu fiquei feliz, mas quando ele falou Namjoon fiquei um pouco chateado, por que o Namjoon.

-Por que o Namjoon?.

-Amor eu achei que sabia.

-Sabia de que?.

-O doutor Seok e o Namjoon estão namorando. Fiquei mas aliviado, não vou ter que me preocupar com ele flertando com o Yoongi. –E também mocinho, lembra que foi o pai dele que me ajudou, e também eu só quero que você entenda eu te amo, e eu nunca vou te trair, entendi isso ta bom. Ele falou e subiu me meu colo.

-Tudo bem, mas imagina você tá com seu namorado e o ex dele tá do lado. Não sei porque mas ele começou a rebolar no meu colo.

-Olha aqui eu já disse que eu te amo, e eu não gosto mais do Namjoon desse jeito. Ele começou a rebolar mais rápido.

-Y-y-y-on-g-i não faz isso.

-Porque, você não me quer?. Ele perguntou rebolando mais devagar.

-Eu q-u-e-r-o mais acho que ta muito cedo, você ainda tá com dor e nós precisamos ir ao medico. Ele saiu do meu colo.

-Primeiro, eu falo se ta cedo ou não, segundo nós vamos ao medico pra...

-Amor lembra que você ficou com dor, quando nós transamos, e não foi só por causa do sexo, e se essa dor voltar.

-Você tá certo, mas podemos ir outro dia, hoje eu quero ir ao shopping com você, as crianças e os meninos.

-Tudo bem, vai tomar banho, eu do banho nas crianças enquanto isso.

-Tudo bem, mas deixa eu escolher as roupas.

-Porque?.

-Amor você não e bom pra escolher roupa de criança. Eu olhei pra ele confuso como se pedisse uma explicação. –Lembra de quando eu falei que queria ir ao shopping depois da faculdade, e você que arrumou as crinças. Eu me lembro elas estavam com uma roupa horrível, mas e obvio que eu não vou admitir. –Amor, você botou uma roupa na Sook maior que ela.

-Claro vai que outros bebes olhem pra ela, já imaginando pro futuro, não confio em meninos perto da minha filha sendo bebe ou não, só o irmão dela, e olhe lá.

-Amor, daqui a alguns anos nós discutimos sobre isso, mas só uma coisa ela vai namorar um dia e você vai ter que aceitar, se não ele vai fazer as coisas escondida e vai ser pior.

-Que coisas?.

-Namorar, beijar e outras coisas.

-Que outras coisas Yoongi?.

-Não coisas que nós fazemos. Eu sei o que é, mas não vou falar.

-Ela não vai fazer isso.

-Ele vai sim eu quero netos.

-Ela adota, ela não vai ter nenhum namorado.

-Continua sonhando tá bom?.

-Corre.

-Porque?. Ele perguntou confuso

-Um, dois, três... . Quando vi ele já ia correndo, eu nem terminei de contar e corri atrás dele, depois de um tempo correndo pela casa eu o alcancei, peguei ele no colo e o joguei na cama e o enchi de beijos tanto na sua boca quanto no seu rosto. –Minha garotinha não vai namorar. Falei e ele começou a rir.

-Se você diz. Eu dei um sorriso, e dei um selo demorado nele.-Eu vou ligar pro Seok e vou me arrumar.

-Tudo bem eu vou arrumar as crianças. Falei saindo de cima dele.

Depois de o Yoongi ligar pro Seok eu fui dar banho nas crianças e claro que o Yoongi escolheu a roupa, eu achei muito curta mais tudo bem eu vou ficar de olho nos outros bebes, se um deles olhar pra minha filha vai ter B.O, depois de Yoongi vestir eles eu fui tomar meu banho no tempo em que eu estava me arrumando, Namjoon e Seok chegaram e fizeram companhia pro Yoongi, quando terminei de me arrumar eu desci e fui pra sala as crianças já estavam la em baixo, quando nós íamos saindo a campainha toca e eu fui atender e Yoongi foi comgo já que ele já ia pro carro com as crianças, assim que eu abri a porta eu me assustei com o que vi.

-Amber?. Perguntei assustado e Yoongi me olhava confuso.

-Quem é Jimin?. Yoongi perguntou confuso.

-Eu sou a namorada dele.               


Notas Finais


Não me matem por favor, e deixem nos comentários oq acharam.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...