História Quem Sou Eu ? - Capítulo 2


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags Bangtan Boys, Bts, Castelo, Drama, Romance
Exibições 7
Palavras 1.474
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Drama (Tragédia), Hentai, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Terror e Horror, Violência
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Self Inserction, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


OIE eu sei que demorei mas estou me preparando para uma prova importante mas quando acabar eu vou postar mais

Capítulo 2 - As rosas pretas


Fanfic / Fanfiction Quem Sou Eu ? - Capítulo 2 - As rosas pretas

Ando com jem no corredor mais comprido que vi em minha vida, ele abre uma porta para mim me dando de cara com uma mesa onde sentava 7 meninos, reconheço jim e jimin, o que me parece ser o marido de jim senta ao seu lado, os outros tenho a menor ideia, me sento ao lado de jimin a qual era a única cadera livre, jimin me da um doce sorriso

-Meninos esta é .....

- me chame de 12

Jim me olha com um rosto estranho , eu me viro para mostrar o numero em meu pescoço

-É a única coisa que me indentifica no momento

Um de cabelos pretos como a noite da um sorriso de lado

-12 não é um nome

-Qual é o seu nome?

-Yoongi

-Tipo ing yoongi

Ele da um riso

-Não

-Isso não é nome

Ele da mais uma gargalhada

-Gostei dela

Ele toma seu café, um com um rosto diferente muito bonito de cabelo laranja fala sério

-Sou  Hoseok

não me chame

Ele se levanta nevoso e sai da sala batendo a porta, um menino de cabelos loiros da um sorriso estranho mas fofo

-Desculpe ele, sou Taehyung mas me chame de tae

Eu sorrio, o menino quieto deveria ter um ano a menos que eu de cabelos maron fala de cabeça baixa

-Sou Jungkook

Eu sorrio para ele, começo a comer, eu estava faminta não sei por que, mas sentia como se fazia dias que não comia, talvez seja porque desmaiei, eu desfrutei, tudo era delicioso, cada mordia eu sorria, jimin ao meu lado ria baixo

12 of

Jimin on

12 comia tudo  era fofo, ela sorria de felicidade deveria estar dias sem comer, mesmo com seu cabelo raspado sua sombranselha cortada e parecer durona ela tinha um rosto simpático e fino, suas sardinhas e sua boca vermelha se destacavam em sua pele clara, ela para de comer e sem me olhar fala

-Por que você fica me encarando?

Ela não fala de um jeito grosso só curioso

-Você é linda

Ela fica vermelha e da um sorriso em minha direção acetuando suas bochechas

-Mesmo não achando isso, obrigada

Ela volta a comer, como ela não se acha bonita? Eu sou sempre envergonhado e meio o mais meigo tirando kook, mas ela parecia tao forte que se me direcionace muito frágil eu ia me sentir pequeno, mesmo ela sendo menor ela parecia alta e com presença, paro de encara la para terminar meu café.

Jimin  of

12 on

Quando termino noto que todos tinham terminado sobrando na mesa só eu jimin, yoongi e jim

-Estava bom?

 

-Sim, muito obrigada

Jim da um sorriso

-Bom 12 quem te encontrou foi yoongi e jimin, não iremos te pressionar para lembrar, te acolheremos até se lembrar de sua vida, qual que coisa pode vir falar comigo, quando melhorar iremos te mostras o castelo

-Vocês são príncipes?

Yoongi da uma rizada

-Não, nosso pai era um comerciane muito rico a qual foi vender um produto durante a guerra e seu avião foi atingido, nossa mae morreu de depreçao, então ficamos com todo o dinheiro e o castelo que nosso pai ganhou de um conde que comprava dele.

Eu abaixo minha cabeça

-Desculpe

Jimin coloca a mao em meu obrom

-Tudo bem

-Onde estou?

Jim me olho com um rosto estranho

-Que país?

-Sim

-Coreia do sul

Como vim parar aqui, pelo pouco que me lembro meus pais são brasileiros

-12 de onde você é

-Minha ultima memoria é com meus pais no brasil mas eles estão mortos a muito tempo atrás, eu não sei onde foi meu paradeiro depois

Jimin que mantinha sua mao descançada em meu ombro aperta de leve e a tira

-Você ira se lembrar, tudo vem com o tempo

Ele me da um sorriso me acalmando, yoongi se levanta

-Se já acabou eu estou indo

Ele sai pela porta calmamente, ele é estranho, mas quem sou eu para falar isso.

Eu decido que irei dar um volta pelo castelo, eu não me sentia mal e estava curiosa o que tem alí, eu ando nos corredores antigos, subo, desso nada me chama atenção, escuto o som de um instrumento tocar, eu reconheço mas não lembro do nome, sou puxada pelo som como um forte iman, abro a porta de vagar e entro sem que me notem, um piano de vidro estava no meio da sala, yoongi tocava uma musica calmamente me trazendo lembranças.

Minha mae está sentada ao meu lado me ensinando a tocar piano eu era muito nova e nem alcançava mas eu treinava diariamente até tocar a musica certa, ela toca comigo uma musica simples a qual me deixa animada, o som das cordas do piano me davam uma maravilhosa sensação, passa se ums anos mas ainda era nova deveria ter 7 no máximo, estou tocando em um recital, mesmo com minha poca idade tocava com perfeição, quando acabo saio do piano fazendo uma reverencia minha mae me pega no colo sorrindo, ela dizia você é única, é uma ginia e ela ria com a palavra inventada

 A musica não estava mais tocando, eu noto que meu rosto está molhado de lagrimas e yyongi estava em minha frente me encarando

-Você está bem? Se lembrou de algo?

-Sim era lindo e feliz

Eu sorri

-Que bom, com o tempo você se lembrará de coisas não muito agradáveis e não chora ra de felicidade

Ele limpa meu rosto e deixa sua mao em minha bochecha

-Como sabe que meu passado não é bom se nem eu me lembro?

-Eu não tenho certeza, mas quando te encontrei eu sabia que você passou por algo muito forte

Eu olho para o lindo piano

-Posso?

-Claro

Eu me sento com ele ao meu lado e começo a tocar a peça em minha lembrança, o som da sala era límpido e enchia me de um alivio que nem eu compreendia, depois que parece minutos mas são horas eu paro e só olho para o piano, era uma das coisas mais lindas que vi, me viro e noto yoongi me encarando, ele estende sua mao para que eu a segure, ele me leva entre os corredores até uma parte do castelo que eu não tinha visto, ele abre uma porta grande e me deparp com um jardim de vidro, arias rosas pretas se espalhavam pelo chão, ela lindo, eu nunca tinha visto uma rosa preta

-Nos modificamos elas, por isso são pretas

-Com tantas cores no mundo por que preto?

Eu me agacho tocando em uma das macias pétalas da rosa preta

-As pessoas não valorizam o bastante a beleza do preto

Eu ainda tocando a bela rosa eu olho para cima para seu rosto

-é linda

Ele da um sorizo de lado e me ajuda a levantar, nos sentamos na banco branco que tinha no meio do jardim de rosas pretas, yoongi estava perdido em pensamentos e eu me aproveito para observa lo, ele tinha a pele clara que nem a minha seu cabelo era preto como as rosas e ele era lindo igualmente a elas, ele solta um leve suspiro

-Não sei se devo confiar em você

-Acho que você deve confiar em quem quiser

Ele da um sorriso e me olha

-Não sei quem é você 12,nem seu verdadeiro nome, nem de onde veio, nada

-Eu também não

Ele me olha

-O pior é que você é linda e a beleza sempre nos engana

-Não é a beleza que nos engana mas sim as pessoas

Ele me encara por um breve tempo e vira seu rosto para olhar as rosas

-Eu irei confiar em você, não que isso seja grande coisa, mas quero que me conte o que lembrar, assim me sentirei mas confiante desta decisão

-Ok

12 of

Yoongi on

 Eu estou interessado na historia dela, ela era misteriosa, eu não estou apaixonado já que só a vi 3 vezes e uma ela estava desmaida sangrando, ela parece tao forte por fora, quando a vi chorando e divagando em seus pensamento era como se aquele escudo tivesse quebrado, sua beleza se tornou plena para mim, eu já sabia que era bela, mas ela era bonita em diferentes formas, eu a encarava, sua pele branca com sardinhas a destacava do jardim de rosas pretas, eu não entendo o porque mas eu tenho um instinto, algo dentro de mim que diz que tenho que proteger esta desconhecida que deve ter sofrido tanto

-Eu quero ir para meu quarto, estou começando a me sentir fraca novamente

Eu me levanto junto a ela e a levo ao seu quarto, vou até meu quarto, ele era branco com detalhes em preto e moveis cinza, me sento em meu sofá e penso de onde ela pode ter vindo, por que tem marcado em seu pescoço 0012? Porque chora com uma lembrança feliz? 


Notas Finais


bjs até


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...