História Quem sou eu? - Capítulo 4


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Exibições 1
Palavras 486
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 14 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Famí­lia, Ficção, Luta, Magia, Universo Alternativo, Violência
Avisos: Linguagem Imprópria, Self Inserction, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Capítulo 4 - N terminada ainda!!!


Domigo de manha, eu havia acordado as 8 horas e ainda estava de bermuda e regata fazendo um cafe da manha. Os meninos estavam dormindo e eu iria me trocar para ir correr um pouco, eu havia engordado 1 quilo desde de que voltara e nao pretendia deixar os exercicios para depois, pois todos sabem que  quando voce deixa algo para depois voce acaba nao fazendo!

Fui para meu quarto, coloquei um moletom, calça e meus tenis all star que agora eram desgastados e velhos. Estava saindo de casa quando Léo apareceu ja vestido e decidiu correr comigo, estava uma manha bem bonita, Léo e eu estavamos conversando um pouco enquanto ainda estavamos andando:

Léo- Mas entao... Quando voce pretende ir embora?

- Ja esta pensando nisso? Hahaha,  quer que eu va embora tao cedo assim?

Léo- Nao é isso o que eu quis dizer, desculpe. É que voce esta sempre indo e vindo, entende?

- Eu sei haha! Na verdade pretendo ficar aqui alguns meses, nao estou muito a fim de sair daqui tao cedo..

Léo- Que bom! Nos sentimos a sua falta.. Papai se foi e voce é a pessoa mais perto de um parente que temos, cuida de nos como se fosse nossa mae mas briga como irma! hahah

- E eu nao sou sua irma?

Léo- Claro que é mas... ahh voce entendeu!

-Haha.. depois de mais uma volta correndo vamos pra casa?

Léo- Te vejo la tartaruga!

Entao eu e Léo voltamos pra casa onde Don e Mike ja haviam acordado, Raph ainda dormia entao resolvi ir acorda-lo mesmo sabendo que ele ODEIA isso!  Cheguei em seu quarto totalmente escuro (como sempre) acendi a luz e fui falar com ele dizendo que ja eram  9:30 da manha e que ele precisava acordar para treinarmos mais, ele resmmungou um pouco mas acordou e eu sai do quarto para que ele pudesse se troca e vir treinar.

Todos nos ja estavamos no dojo, todos nos com nossos kimonos, acho que eu esqueci de dizer que as portas que me levam a outras dimensoes tambem podem abrir quando nessa dimensao tem um assunto inacabado ou só por diversao mesmo. Do nada porta dimensionais foram abertas sobre nossos pes e nos comecamos a cair. Quando ''aterrissamos'' percebemos que estavamos em um lugar diferente, era uma floresta,e com roupas diferentes, eu estava com um vestido preto e cinza de mangas que iam ate a metade do ante-braco e uma saia ate o pé com detalhes dourados no vestido inteiro, Léo, Raph, Don e Mike estavam com camisas de pano, calcas, cintos no estilo caça medieval, mas eu sabia que aquilo nao seria tao ''normal''.

No mesmo momento eu escutei um barulho perto de nós, entao decidimos ir por outro lado, acabei escutando vozes masculinas mas seu idioma era estranho entao lembrei que na minha mochila (que agora era uma bolsa) que tinha pequenos chips de colocar 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...