História Quer dormi lá em casa? - Capítulo 7


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Tags Amigo, Gay, Melhor Amigo
Exibições 42
Palavras 358
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Nudez, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Boa leitura

Capítulo 7 - Me ajude a esquecer!


Fanfic / Fanfiction Quer dormi lá em casa? - Capítulo 7 - Me ajude a esquecer!

Daniela: - O que ta acontecendo? Tem alguma garota ai com vocês? – Disse já entrando, andando pelos cômodos a procura de sua adversária. Não achando a mulher que não existia começou a entender, sentiu uma terrível angustia tomar seu peito, olhou assustada para Caio, que delicadamente a levava para a porta.

Caio: Francamente, mais quantas vezes precisarei lembra-la que esse apartamento não é seu! O seu fica ali em frente. - Colocou ela para fora e trancou a porta. Ninguém percebeu que do outro lado, ela permaneceu no corredor assustada com sua expressão paralisada, por seus olhos se escorriam rios. Para Daniela o mundo havia girado rápido demais, seus olhos se fecharam e ela desmaiou.

Lucas: - Será que ela percebeu? – Estava preocupado, não sabia se Caio decidiria manter em segredo sua relação sexual com outro homem.

Caio: - Não quero pensar nisso. Você me deixou cansado. – Riu depois de roubar um rápido beijo.

Lucas: - Meu corpo ainda dói, passou a mão por seu próprio abdome e ombro, sentindo a dor e calor que vinha dos aranhões que logo sarariam. – Você foi mesmo um animal. Vou ter que te adestrar da próxima vez.

Os dois sorriam, conversavam, descobrindo coisas engraçadas que nunca contariam para mais ninguém, com a ajuda de Lucas ele conseguiu esquecer seu irmão, por um tempo.

O hospede tomou um longo banho, ainda no banheiro penteio o cabelo e escovou os dentes sorrindo para o espelho oval, depois medicou a si mesmo com alguns remédios que encontrou, pegou alguns comprimidos e engoliu com ajuda da agua que saia da torneira. Caio preparava o almoço.

Depois de comerem, sentaram no sofá, iriam assistir um filme de terror, porém Lucas dormiu depois de vinte minutos, calmamente repousava sua cabeça sobre o colo de Caio que continuou a fazer caricias no dorminhoco. A noite chegou. Como Lucas ainda dormia, ele o levou para seu quarto, o despiu, se despiu, e ambos dormiram de conchinha.

Daniela começou a se mover, abriu lentamente os olhos, respirou fundo. – Onde estou? Como vim parar aqui? – Por sua testa se escorria um pouco de sangue. Queria deitar, estava cansada e com fome.


Notas Finais


até o proximo cap.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...