História Querido Chefe (Imagine Jimin BTS) - Capítulo 16


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Rap Monster, Suga, V
Tags Amor, Bts, Chimchim, Escrava Sexual, Jimin, Sexo
Visualizações 1.312
Palavras 1.040
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ecchi, Harem, Hentai, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Violência
Avisos: Álcool, Estupro, Insinuação de sexo, Nudez, Sexo, Tortura
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Capítulo pequeno... Perdão...
É que não quis misturar muita coisa <3
Espero que gostem <3

Capítulo 16 - Quer dizer que... Você Me Ama?


Fanfic / Fanfiction Querido Chefe (Imagine Jimin BTS) - Capítulo 16 - Quer dizer que... Você Me Ama?

Jimin

Parei o carro na porta da empresa do Jungkook. Passei pelos seguranças, portaria e tal.

-Queria saber se o Jungkook está. - perguntei a moça da na entrada

-Está sim. O senhor deseja falar com ele?

-Sim. - respondi calmo

-Está de hora marcada ou ainda vai marcar?

-Não tenho hora marcada. Mas quero falar cm ele mesmo assim.

-Ele deve estar muito ocupado senhor.

-Está olhando bem pra minha cara? - ela me encarou

-Sim senhor.

-Então sabe quem sou não é mesmo?

-Park Jimin.

-Ok, então é melhor me dizer logo onde é a sala.

-M-Me acompanhe. - disse andando e eu a segui- Aqui - mostrou

-Obrigada por não ser inútil. - disse e entrei na sala

-Jimin? - estranhou minha presença

Os três homens que estavam lá me olharam

-Preciso falar com você. - disse olhando para ele friamente

-Eu estou resolvendo uns assuntos.

-É algo muito sério.

-É, podemos terminar depois certo?- os caras de terno concordaram e saíram da sala

Sentei na cadeira de frente pra mesa

-Nada mal - olhei o escritório

-O que você quer Jimin? - suspirou

-Que você admita.

-Admitir o que? - até parece que não sabe de nada

-Você está por trás dessas fotos da S/N? - estreitou os olhos

-De onde tirou essa história?

-Sabe quando vocês saíram?Então, foi algo combinado pra ver se ia sair alguma foto na internet.

-Está dizendo que ela não quis sair comigo?

-Caralho, tava tão na cara.

-Será mesmo? Ela gosta da minha companhia.

-É mesmo?pode até gostar, mas não te ama.

-Quer saber?Sim, eu mandei fotografar.

-Está confessando então?Muito bem! - bati palmas

-E, sabe por que?Queria te ferrar e olha consegui.

-É verdade. Mas agora eu sei quem foi o causador de tudo isso.

-E o que adianta, a mídia te vê como um mentiroso, ninguém vai acreditar em você.

-Mas a S/N vai, e isso importa pra mim.

-Até parece que está interessado nela, só quer transar com ela e depois jogar fora.

-Olha aqui você não sabe nada sobre mim.

-O suficiente Jimin.

-Nunca faria isso.

-Sabe, andei investigando sua empresa, e você roubou muito durante esses anos.

-O que sabe sobre isso?

-Você vai saber em breve...

-Idiota.

-Vai fazer o que?Bater na minha cara de novo?Tenta, bate até mais forte. Não tem ninguém aqui mesmo.

Pensei antes. Não preciso bater na cara dele.

Abri a porta e sai. Peguei o caro e vim para casa. Contente por saber que tinha uma resposta a minha dúvida mas com raiva por saber que minha empresa pode falir a qualquer minuto. Está meio cheio de tudo aquilo, nem quis falar nada a S/N quando cheguei em casa. Mas como ela é curiosa quis saber. E eu falei mas não disse sobre a parte da empresa. E acho que perdi o controle quando vi estávamos nos beijando...

S/N

O beijo dele estava cada vez mais selvagem, ele me jogou na cama e ficou por cima de mim, segurou minhas mãos e foi me beijando, suas mãos apertava minha coxa e ele ficava cada vez mais envolvido, mas de repente parou

-Nossa, me desculpa. - Jimin falou

Sorri - Não precisa pedir desculpas. Eu gostei.

Ele mordeu o lábio e logo voltou a me beijar , dessa vez não só na boca mas também no meu pescoço e pelo rosto todo.

-Tem certeza que você quer isso? - ele me olhou nos olhos

-Sim... - disse com as mãos em volta do seu pescoço

Ele tirou a camisa e tirou minha blusa também.

-É sério que você vestiu sutiã pra dormir? - disse distribuindo chupadas no meu pescoço

-Não reclama tá? - não pude conter e acabei soltando um gemido

Ele desabotoou  meu sutiã e o tirou, o bico meus seios estavam duros e logo sua boca estava percorrendo por ali também. Ele chupava meu seio e aquilo estava me deixando louca.

-J-Jimin... - falava seu nome ofegante

-Sempre quis te escutar falar meu nome assim - sorriu malicioso

-Você é um pervertido Jimin - ri

E depois disso ele terminou de tirar minha roupa, me encolhe.

-Tá escondendo o que?Já te vi sem as roupas...

-Mesmo assim. - falei virando o rosto para o lado

-Então vamos deixar isso justo. - logo estava sem as roupas também

Ele abriu minhas pernas e colocou seu joelho no meio para que eu não fechasse. Enquanto isso ia distribuindo beijos e chupões na minha coxa

-Você está molhando meu joelho todo S/N. - sorriu

-Não tem como evitar - dessa vez eu sorri maliciosa

Ele levou dois dedos para dentro da minha abertura e os movimentava. Estava doendo mas eu queria que ele continuasse.

Uma das suas mãos estavam na minha bunda e ele apertava a mesma

-Não tenho que reclamar de você linda. - disse me dando um selinho rápido

Senti um volume a mais na minha perna e mordi o lábio e ele riu disso e parou por um instante. Aproveitei e levei minha mão até seu membro. 

-Me segurei até agora mas não dá mais. - ele disse

Depois disso pegou seu membro e o levou para dentro de mim, no começo devagar e comecei a gemer. Aos poucos ele foi se movimentando e dessa vez até ele gemeu. Jimin se mexia e cada vez mais forte e eu descontava aquilo nas suas costas pois as arranhava.

-J-Jimin...

-Pode falar - ele estava cansado

-E-Eu vou...Eu...

Não pude terminar, chegamos ao ápice juntos. Ele caiu sobre mim, estava até mesmo suado.

-Você é a melhor de todas... - disse no meu ouvido -Nunca senti tanto prazer na vida.

-No começo achava a pior coisa do mundo pensa que minha primeira vez seria com você mas sabe até que essa ideia mudou.

-Quer dizer que... Você me ama?

-B-Bem acho que sim...

-Posso te dizer uma coisa bem louca?

-Pode - respondi

-Também amo você... - sorriu e depois nos beijamos calmamente

Ele deitou ao meu lado, encostei minha cabeça em seu peito e nos cobri com um cobertor que estava ali. Fechei os olhos e ele começou a acariciar meu cabelo, aos poucos fui pegando no sono com um sorriso tímido sem mostrar os dentes na minha boca...

 

 

 

 

 

 


Notas Finais


É isso...


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...