História Química - Capítulo 2


Escrita por: ~

Postado
Categorias Malhação
Tags Lica, Limantha, Malhação Viva A Diferença, Samantha
Visualizações 152
Palavras 1.450
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: FemmeSlash, Romance e Novela
Avisos: Bissexualidade
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 2 - Capítulo 2


Lica estava tensa mas sabia que seria a melhor oportunidade para passar mais tempo com Samantha e finalmente resolver seus sentimentos. Se levantou e puxou uma cadeira ao lado de Samantha.
- Ainda bem que química a gente já tem né? Vai ser fácil esse trabalho. Disse Samantha sorrindo para ela. Sem saber o que dizer, um fato raro em sua vida, riu sem jeito e preferiu mudar de assunto.
- Você já pensou em alguma coisa? Uma experiência legal pra gente apresentar?
E assim a conversa fluiu, para sua surpresa Samantha era ótima em química, além de ser muito divertida, fazendo Lica rir várias vezes. O sinal tocou e as duas se olharam espantadas por não terem percebido o tempo passar.
- Fica marcado então? Perguntou Lica.
- Sim, vou pensar em uns projetos e amanhã a gente escolhe. Me passa seu número pra gente ir se falando.

         ***********************************

No dia seguinte Lica recebeu uma mensagem enquanto tomava café da manhã.
Samantha: Bom dia, Lica linda. Fiquei inspirada e já fiz um esboço do nosso trabalho. Te vejo daqui a pouco.
- Mensagem de quem pra te deixar rindo a essa hora? Perguntou Marta, contente por ver a filha de bom humor.
- Nada não, é só a Samantha.
- Aquela amiga da Clara? Não sabia que vocês tinham feito as pazes.
- Deus me livre, quero distância daquela ali. Nem sei como a Samantha aguenta ela.
Marta achou melhor deixar pra lá e retomar o assunto outra hora, já que sentiu que a filha não estava falando tudo.
- Termina logo esse leite que vou te levar hoje.

             *********************************

- E aí? Como foi nas provas? Perguntou Samantha se sentando ao lado de Lica no intervalo.
- Normal. A de física foi horrível como sempre mas nas outras fui bem. E nosso trabalho?
- Eu tive uma ideia mas não sei se você vai gostar. Disse Samantha demonstrando uma insegurança rara.
- To com fome, vamos comprar um lanche e você vai me falando.
Samantha contou sobre sua ideia de criar um perfume para o trabalho de química. Algo que fosse uma representação das duas. Misturando seus cheiros e gostos preferidos. Lica gostou da ideia e apesar de achar que parecia algo muito íntimo, preferiu não comentar.
- E como vamos fazer? Na sua casa ou na minha? Perguntou Lica.
- Mas já assim? Não vai me chamar pra sair antes? Disse Samantha em tom de brincadeira.
Lica deu risada e respondeu:
- Já passamos de nível quando ficamos né.
As duas trocaram olhares mas Lica continuou o assunto. 
- Mas é sério, você prefere fazer o trabalho na sua casa ou na minha?
- Se puder ser na sua acho melhor. Minha casa tá sempre cheia.
- Muitos irmãos?
- Muitos amigos esquisitos da minha mãe. Sempre tem alguém diferente sem casa e ela acolhe todos. Uma vez tinha um cara que só andava pelado e comia banana. Trauma pra vida. Contou Samantha dando risada e Lica riu junto.
- Pode ser na sexta? Amanhã já prometi ir no shopping com minha mãe. Com esse negócio da separação ela anda carente. Confidenciou Lica.
- Sexta tenho ensaio da banda mas é rápido, se você não se importar de esperar.
- Eu fico no galpão com as meninas e você me encontra quando terminar. Faz uns dias que não vejo o Tonico.
- Fechado. Após dizer isso Samantha se inclinou e deu um beijo na bochecha de Lica. O beijo demorou um pouco mais do que o normal e Samantha saiu sorrindo, deixando Lica suspirando. Tina se aproximou e estranhou o sorriso bobo da amiga.
- Que isso? To sentindo cheiro de crush.
- Nada a ver, a Samantha é assim com todo mundo.
- Sei. Mas real, você sabe que pode falar comigo. Acho ela mais legal que o MB mesmo, mais estilosa. E assim ela fica longe do Anderson. Completou Tina.

          ********************************

Sexta-feira chegou e Lica estava ansiosa afinal passaria quase o dia todo sozinha com Samantha. Como combinado foi ao galpão esperar após a aula. Enquanto comia um lanche caprichado de Tato, as outras garotas foram chegando. Keyla contava animada as últimas novidades de Tonico na creche. Tina então começou a desabafar:

- Sorte sua fazer o trabalho com a Samantha. Me sortearam com o Pedro e que cara babaca.
- Aquele com cara de tarado? Perguntou Lica.
- Se fosse só a cara tava bom, já dei uns cortes nele e ele continua falando besteira.
- Nem deixa o And saber disso que ele já vai querer brigar com o cara. Disse Ellen.
- Nada a ver né? Sei bem me defender.
Bene de repente se levantou e foi até o piano, onde se encontrou com Guto para sua aula. Samantha foi até o grupo de meninas, deu um oi geral e em Lica deu um beijo na bochecha.
- Pronta? Ainda temos que comprar as coisas do trabalho. Falou Samantha.
- O que vocês vão fazer? Questionou Tina.
- Estamos pensando em criar um perfume que combine nossos cheiros. Respondeu Lica.
- Ai que romântico. Perfume by Limantha. Brincou Keyla. Todas riram e as garotas se despediram, deixando Keyla, Ellen e Tina sozinhas.
- Tá rolando alguma coisa ali, Tina? Quis saber Keyla.
- A Lica falou que não mas to achando meio suspeito. Ela anda muito de bom humor, tem uns dois dias que não ameaça bater na Clara.
- Uau. Suspeito mesmo. Concluiu Ellen.

   *******************************

As duas chegaram na casa de Lica horas depois com várias sacolas. Marta que estava na sala, se espantou com a quantidade de coisas e disse:
- Que bagunça, Lica. Leva essas coisas pro seu quarto. E você é a Samantha né?
- Eu mesma, Dona Marta. Ou melhor, Marta. Tão jovem. Disse sorrindo e a comprimentou com um beijo.
Lica logo chamou Samantha para o quarto e chegando lá, falou rindo:
- Caramba, nem minha mãe você perdoa.
- Que isso! Só tava sendo educada.
- Sei. Vi bem a educação.
- Isso é ciúme? Sabe que nessa casa só você me interessa. Disse se aproximando de Lica que estava tirando os materiais das sacolas. Ao sentir a presença de Samantha, ela parou o que estava fazendo e percebeu a proximidade da outra garota. As duas se olharam e Lica não pode evitar olhar os lábios de Samantha, tão convidativos. Sentindo o olhar, Samantha lambeu os lábios instintivamente e se aproximou lentamente. Nesse momento a empregada de Lica bateu na porta e entrou no quarto.
- Dona Marta pediu pra trazer um lanche pra vocês. Fiz um suco de laranja também. Disse antes de sair.
As duas se afastaram rapidamente e Lica agradeceu sem prestar atenção, não conseguia tirar os olhos de Samantha, que se recuperou mais depressa.
- Que ótimo, já tava mesmo ficando com fome. Disse Samantha sentando na cama de Lica e começando a comer.
- Como você consegue ser assim? Disse Lica se servindo do suco para ocupar as mãos.
- Assim como?
- De boa com tudo, nada te abala. Respondeu Lica também se sentando na cama.
- Sei lá, acho que foi essa vida sem rotina com minha mãe. Tudo acontece quando tem que acontecer, mas tem coisa que depende da gente.
- Profundo. Riu Lica e completou: Eu não conseguiria viver assim, mudanças demais me irritam.
- O que não te irrita? Brincou Samantha.
- Ei! Disse Lica empurrando a outra garota de maneira brincalhona.
- Tá vendo? Tá até me agredindo. Disse Samantha rindo.
Tiveram uma longa crise de riso e quando pararam perceberam que estavam muito próximas sentadas na cama de Lica. Dessa vez Lica não esperou, olhou nos olhos de Samantha e sem ver sinais de rejeição, colocou a mão em seu rosto e a beijou. O beijo foi ainda melhor do que se lembrava e Samantha parecia bem mais a vontade do que no primeiro, suas mãos nos cabelos de Lica fizeram a garota se arrepiar e elas se separaram com sorrisos no rosto.
- Agora que resolvemos isso, vamos fazer o trabalho? Perguntou Samantha dando mais um selinho em Lica e se levantando.

********************************

Trocaram mais alguns beijos durante o trabalho e quando estavam quase terminando, começou a chover forte e pouco depois Marta entrou no quarto.
- Samantha, tá chovendo demais e ficou tarde. Será que sua mãe deixa você dormir aqui? A Lica te empresta um pijama. Perguntou preocupada.
- Vou ver com ela mas se não for atrapalhar seria bom. Minha casa é do outro lado da cidade.
Depois de falar com a mãe e receber permissão para ficar, Samantha olhou para Lica e sorriu:
- Parece que vamos ter uma longa noite.



Notas Finais


Obrigada por ler e como sempre, comentários, sugestões e críticas construtivas são bem vindas. Estou no twitter no @sapakru.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...