História Quirky Girls - Camren - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Fifth Harmony
Personagens Ally Brooke, Camila Cabello, Dinah Jane Hansen, Lauren Jauregui, Normani Hamilton, Personagens Originais
Exibições 184
Palavras 1.514
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Drama (Tragédia), Ficção, Romance e Novela
Avisos: Álcool, Drogas, Homossexualidade, Linguagem Imprópria, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Oi Bolinhos! Bom... estou criando uma história Camren e espero de heart que vocês curtam.

Tenham uma boa leitura bolinhos e até as notas finais! 💙

Capítulo 1 - Beginning


Fanfic / Fanfiction Quirky Girls - Camren - Capítulo 1 - Beginning

~POV Lauren


 

Mais um dia cheio em meu bordel. Acho que se não fosse a garota Dinah-Jane me ajudando, esse lugar já teria ido a falência.

Modéstia parte mas o bordel Quirky Girls está ficando cada vez mais famoso entre os homens de bolso, eu chamo assim os homens que tem bastante dinheiro e por mais que eu não goste nem um pouco de homens eu gosto do dinheiro deles, e isso minhas dançarinas me dão.

Essa semana o bordel estava uma loucura, porque eu demiti cinco dançarinas por reclamações e precisava arrumar novas urgentemente, coisa que não é difícil aqui em Londres.

Dinah-Jane como uma boa sócia me entregou a pasta que continha o documento das dançarinas e as que mais me chamassem a atenção eu escolheria para o teste, pois em meu bordel eu prefiro as escolher pessoalmente e a dedo.

-DINAAAAAAAH! -Gritei desesperada e Dinah logo apareceu na porta ofegante, com os olhos esbugalhados.

Dinah-Jane, ex-dançarina do Quirky Girls, 22 anos com um corpo de dar inveja a qualquer outra dançarina. Depois da mesma ver como estavam as coisas aqui em meu bordel, ela se ofereceu para ser a minha sócia e ajudar nas coisas que estavam me ocupando tanto, e depois de algumas incríveis fodas com ela eu acabei cedendo e aceitando trabalhar ao seu lado.

-O que foi Lauren? Precisa de algo? -Dinah disse resfolegando e logo depois entra e bate a porta, fazendo com que a mesma se feche e faça um barulho bem alto.

-Sente-se aqui a minha frente! Precisamos conversar sobre as novas dançarinas... -Eu disse enquanto pegava dois copos do meu lado e os enchia de Whisky, dando um deles para Dinah.

-Você não gostou delas branquela? O que foi? -Dinah disse e eu adorava esse apelido que ela havia me dado, mas gostava somente quando era ela que me chamava assim.

-Nada disso Cheechee, eu gostei demais delas! Tanto que já até as escolhi e quero que você marque o teste de dança delas para amanhã mesmo! -Eu disse e abri a gaveta de minha mesa, tirando da mesma a grande pasta azul.

-Ah sim, e quais são as sortudas que vão ter o prazer de rebolar para a Sra. Jauregui? -Dj perguntou ironicamente e eu apenas revirei os olhos como resposta.

-Aqui estão elas... Anote no bloquinho de notas ai do seu lado e ligue para elas ainda hoje! E quero que você me ajude a escolhe-las. -Eu disse e Dinah apenas assentiu freneticamente com a cabeça e pegou o bloco de notas em minha mesa.

*Vero Iglesias
*Lucy Vives
*Keana Marie
*Ariana Grande
*Camila Cabello
*Normani Kordei
*Margo Henson
*Chloe Moretz

-Mas são oito meninas Lolo, você não está querendo demais? -Dinah perguntou enquanto tomava um gole de seu Whisky.

-Dinah, confie em mim que eu sei o que eu estou fazendo... Agora venha aqui! -Eu disse sorridente enquanto puxava Dinah pelo colarinho de sua blusa social.

Iniciamos um beijo calmo, no qual nossas línguas brigavam por espaço em nossas bocas e que logo foi aumentando a velocidade, nos deixando ofegantes. Quando o ar se fez necessário olhei para Dinah que já estava em cima de minha mesa, praticamente de quatro e implorando para mim fode-la ali mesmo.

-Você quer  agora? -Perguntei provocando Dinah enquanto a puxava para cima de mim em minha cadeira.

-Hmm... -Dinah resmungou manhosa.

Beijei seu pescoço e logo depositei uma marquinha Jauregui no mesmo e a garota Jane arfou contra o meu corpo, fazendo com que eu sentisse uma pontada forte em meu ponto de pulso.

-Me fode logo Lern! -Dinah disse sem paciência e um pouco ofegante.

Encostei Dj em minha mesa e abri suas pernas, me dando acesso ao seu sexo molhado por ela estar de saia. Procurei a boca de Dinah e a mesma estava com a respiração pesada, acompanhada de suspiros quentes contra a minha boca.

Desci minha mão até o seu sexo e coloquei sua calcinha de lado e sem aviso prévio introduzi dois dedos dentro de Dinah que soltou um gemido alto contra o meu ombro.

-Rápido Laur! -Dinah suplicou enquanto rebola loucamente contra o meu dedo.

Tirei meus dedos de dentro de Dinah e a mesma depois de resmungar algo que eu não entendi muito bem, levantou a cabeça que estava em meu ombro e logo me lançou um olhar mortal.

-Sabe Cheechee... -Eu disse maliciosamente enquanto abria a gaveta de minha mesa. -Eu gosto bastante de brincar!

Peguei uma pequena corda e o meu chicote preferido, fazendo com que Dinah me olhasse surpresa e talvez um pouco assustada.

-Você tem sido uma boa menina Dinah? -Perguntei enquanto amarrava as mãos de Dinah para trás. -Quando eu perguntar, faça-me o favor de responder!

-Me diga você Laur... -Dinah disse desafiadora enquanto sorria maliciosamente de lado.

Abaixei o corpo de Dinah na mesa e fiz com que ela ficasse de quatro para mim. Levantei sua saia e peguei meu chicote e o bati em Dinah com força mas com cuidado para não machuca-la muito.

-Se doer me fala! -Eu disse com a voz mais rouca que o normal e Dinah me deu um breve gemido em resposta.

Cada vez que eu ia batendo, mais Dinah gemia, mas não era um gemido apenas de dor, era um gemido de prazer acompanhado de satisfação. Segurei forte em seus cabelos e os puxei, fazendo com que ela arfasse para trás.

-Vire-se! -Sussurrei no ouvido de Dinah e pude ver em seu braço os pelos se eriçarem.

Virei Dinah de frente para mim e massageei seu clitóris fazendo com que a cada toque mais rápido que eu desse ela gemesse mais alto...

-Oooh La-Lauren! -Jane disse enquanto rebolava mais contra os meus dedos.

-Assim que você gosta? -Perguntei enquanto introduzia dois dedos em Dinah sem avisar e a mesma espremeu os olhos e jogou a cabeça para trás enquanto apertava seus seios contra a sua blusa social branca.

Aumentei a velocidade das estocadas e senti as paredes de Dinah se fecharem freneticamente contra os meus dedos.

-OOUCH! -Dinah deu um gemido alto enquanto segurava em minha nuca e  selava os nossos lábios. Continuei com os dedos dentro da mesma, mas com movimentos mais calmos.

Seu líquido quente escorreu pelos meus dedos segundos depois, e eu logo os coloquei em minha boca sentindo o gosto de Dinah, e que gosto maravilhoso!

 

~POV Camila

 

Fui demitida do meu trabalho e agora estou igual a uma louca aceitando qualquer coisa que me aparecer de trabalho.

Normani, minha melhor amiga me informou que estava tendo um teste em um dos bordeis mais bem frequentados de Londres chamado Quirky Girls e eu logo me interessei pois desde pequena minha grande paixão é dança. Mandei para eles os documentos que precisavam para ser uma das dançarinas do bordel e esperava ansiosamente ser escolhida.

Fiz dois anos de aula de dança e faculdade de jornalismo, mas acho que a faculdade não foi uma boa ideia para mim, até mesmo porque o que eu realmente gosto de fazer é dançar. No meu emprego de jornalista eu não posso falar que eu ganhava pouco, pois eles me pagavam bem até demais mas eu estava me tornando uma pessoa sedentária. Eu fui meio que forçada a fazer essa faculdade por causa de meus pais que sempre quiseram um futuro digno de um "Cabello" para mim.
 

*CHAMADA ON*
 

.: Alô?

.: Olá Karla Camila, como vai?

.: Estou bem, obrigada! Posso lhe ajudar?

.: Você foi escolhida para ser uma das dançarinas do Quirky Girls e o teste será amanhã. Escolha sua música e ensaie bastante, pois você será escolhida a dedo pela dona do bordel, a famosa Lauren Jauregui!

.: Amanhã às...

.: Amanhã as 8:00 da manhã, seja pontual pois a Sra. Jauregui não gosta de atrasos.

.: Tudo bem! Eu estarei aí...

.: Te esperamos ansiosamente Srta. Cabello!
 

*CHAMADA OFF*
 

Dá para acreditar? Eu acabo de pensar em ser escolhida para ser dançarina desse bordel e recebo uma ligação como essa? Isso é ótimo!

Acho que preciso treinar bastante hoje, pois meu corpo deve estar completamente enferrujado por eu nunca poder me movimentar direito no meu antigo trabalho.

Eu vou dançar a música Work - Rihanna e realmente espero que eu me saia muito bem nesse teste, porque além de ótima dançarina eu sei que vou conseguir ganhar vários olhares de vários homens e talvez mulheres que frequentam o local.

Lauren Jauregui é a dona do bordel, por isso mesmo que eu devo ter mais cautela no que eu irei dançar porque dizem que ela é extremamente rígida com suas dançarinas, mas ela sempre me pareceu ter um ótimo coração e ser uma boa pessoa.

Eu acho que com certeza Normani iria ser chamada para o teste, até mesmo porque a mesma tem um corpo que ganha qualquer jurado e se Lauren for esperta o suficiente, ela vai escolher Normani.

Normani é minha melhor amiga a anos e depois que eu assumi a minha sexualidade para ela, a mesma ficou mais íntima de mim por ter a mesma opção sexual que a minha.


Notas Finais


Espero que tenham gostado do nosso começo e em breve teremos outro capítulo! Não esqueçam de comentar o que acharam 💙


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...