História Radiante Hoenn - Interativa - Capítulo 18


Escrita por: ~ e ~Pokemaniac97

Postado
Categorias Pokémon
Personagens Personagens Originais
Tags Hoenn, Interativa, Jornada Pokémon, Pokémon, Yaoi
Visualizações 36
Palavras 1.576
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Drama (Tragédia), Ficção, Luta, Magia, Mistério, Romance e Novela, Suspense, Universo Alternativo, Yaoi
Avisos: Heterossexualidade, Homossexualidade, Linguagem Imprópria, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Capítulo rápido e meio pequeno pela minha falta de criatividade nesses dias, desculpem os erros, eu escrevi sem poder editar muito. Boa leitura de qualquer forma.

Capítulo 18 - Radiante de verdade


Mesmo surpreso e com certo peso no coração eu segui viagem com Yasu ao meu lado, e Brian insistiu muito e acabou vindo junto, mesmo eu querendo desde o inicio ele por perto, mas eu não precisava dizer isso alto. Assim que partimos para a próxima rota e seguimos por uma vasta floresta cheia de pokémon insetos, passamos poucas horas na mesma que já encontramos a saída onde dava para um pequena praia, nela havia uma casa no fim, atravessamos a praia, nós chegamos até a casinha e observamos com cautela.

-Quem será que mora ai? -Perguntou Yasu se aproximando da casa.

-Acho melhor não incomodarmos, pode ser perigoso. -Eu falei indo atrás dos dois que pareciam bem curiosos.

-Deixa de ser medroso, eu protego você se quiser. -Brian com aquele sorriso de sempre e eu soltei um riso nasal com sua fala.

-Eu sei me proteger sozinho Yagami.

Nós três fomos até a porta da casa que estava coberta por areia, de perto, a casa parecia um pouco mais assustadora e com um jeito de abandonada.

-Parece que não tem ninguém, vamos entrar. -Olhando por uma janela Yasu falou sorrindo curiosa ainda, parecia a mesma de quando éramos crianças.

-Mas se não tem ninguém é exatamente por isso que não deveríamos entrar.- Eu disse.

-Bora logo, sabe que sou curiosa.-Respondeu rápida.

-Certo, certo, mas quem abre? - Perguntei

-Deixa que eu vou. - Brian se pôs em nossa frente e colocou a mão na maçaneta que mexeu logo que o garoto a tocou, ele tirou mão rapidamente de lá e com um susto, todos nós tivemos quando a porta foi aberta por alguém lá dentro, uma figura velha, grande e alta pareceu e pelas sombras que formavam pareceu uma criatura horrível por alguns segundos, uma outra figura que tinha lá saiu, voando e pousando na cabeça de Brian que caiu no chão tentando tirar oque era que tinha pousado.

-Oque estão fazendo aqui crianças?

E quando olhamos de novo para a figura grande que havia falado era apenas um senhor de idade, com aparência de pescador e que não faria nada nem com uma mosca, olhei para Brian no chão e oque tinha em sua cabeça era um pequeno Wingull aguçando o cabelo de Brian.

-E era você disse que ia me proteger, que belo herói. -Falo pela cara de medo e olhos fechados dele.

O mesmo abre os olhos e vê que não havia perigo nenhum e parecendo envergonhado, ele fica corado com a situação.

-Olá, eu sou Foster e esse é meu amigo Wingull. Agora podem responder oque estão fazendo aqui?

-Ah olá, eu sou Yasu Lara.-A garota se pronunciou- e esses dois são Brian e Jake, a gente só ficou curioso para ver oque tinha nessa casa, parecia que estava abandonada, desculpe.

-Ora, oque é isso, não precisa perdi perdão, queriam apenas uma pequena aventura. -Ele ri e continua:

-Vocês são treinadores pokémon, certo?

-Sim, nós acabamos de vir de Rustboro.-Respondeu.

-Certo e nenhum de vocês está querendo vencer ginásios?

-Sim, eu e Brian desafiamos ginásios e Jake é coordenador.-Yasu agora respondeu.

-Ah que maravilha, uma pena que ontem não pude ter visto o concurso, foi bom?- Ele virou para mim e perguntou.

-Sim, muito, aliás, eu que ganhei.

-Meus parabéns rapaz, é muito difícil ganhar essas fitas de torneio.

-Tem razão- Lembro de tudo oque passei para ganhar e uma gota na minha testa aparece.(Referência de anime)

-Bem vocês acharam o lugar certo se querem desafiar um ginásio.

-Você não é um dono de ginásio né?- Brian perguntou incerto com o Wingull ainda mexendo nos seus cabelos.

-Na verdade não, mas eu posso levar até uma ilha bem distante daqui que vocês talvez não consigam ir sozinhos, existe um grande ginásio por lá.

-Ah eu sei que é ilha é essa, é de um ginásio de tipo lutador, não lembro do nome agora, mas seria uma grande ajuda levar a gente.- Brian falou tirando o pokémon da cabeça e pegando no colo.

-É a cidade de Dewford, fica em uma ilha com uma caverna qur cobre grande parte da ilha e uma floresta cheia de pokémon raros.- Yasu afirmou

-Está correta minha jovem, e então, aceitam a carona? Eu costumo ajudar muitos treinadores para chegar até lá mesmo, por isso perdi o concurso de ontem, tive que levar alguns para lá.

-Podemos ir agora mesmo.-Yasu falou animada se colocando em uma postura firme, pronta pro "desafio" de viajar de barco.

-Por mim também.-Brian se levantando com o pokémon ave suas mãos falou e se colocou-se ao meu lado, esperando agora a minha resposta.

-Como o próximo concurso ainda não foi anunciado acho que posso ir com vocês, e ainda posso pegar algum pokémon por lá, quem sabe né?- Eu falei olhando no pokegear onde não havia nenhuma nova mensagem.

-Então está decidido, vamos agora mesmo crianças, e ah, meu nome é Kevin-Com um tom animado igual o de Yasu ele entrou na casa, ele com certeza era o tipo de pessoal que não envelhecia com a idade passando.

Logo após alguns minutos de espera, o senhor que tinha entrado na casa novamente e feito alguma coisa fazendo barulho do lado de fora, agora estava em um barco médio na água da praia com Wingull em seu ombro.

-Subam, antes os ventos levem o barco embora.-Gritando para nós que logo corremos para a areia da praia e fomos até o barco, no mesmo existia uma espécie de escada no casco, com só corrimãos(não sei se são isso, espero que tenha dado pra entender) para subir.

-Ótimo, todos abordo? Vamos partir no querido SS Peecko.-Ainda com um tom juvenil e descontraído Kevin apertou a buzina e então estamos nos movendo para o alto mar, em uma velocidade considerável.

×××

Depois de exatamente duas horas de viajem, após passar por diversos pokémon aquáticos e outros barcos, provalmente com treinadores que iriam desafiar o líder de ginásio, ou apenas turista, nós finalmente avistamos a ilha, que não era maior de todas que eu já vi mas também não era tão pequena.

-Parece cheia de aventuras esperando por nós.-Yasu chegou ao meu lado brincando como se fosse uma narradora de histórias.

-E cheia de mistérios que precisam ser desvendados, será que nossos heróis vão conseguir sair vivos dessa?-Eu continuei a brincar e Brian ao nosso começou a rir.

-Tá rindo do que em palhaço?-Eu o provoquei com uma voz sarcástica e ele me olhou com seu olhar de sempre.

-De vocês ora, não posso?-Chegando perto de mim e impressando na parede ele fez uma posse de esnobe.

-Faça oque quiser, mas saía da minha frente.-Eu fiz a mesma posse e fiquei um pouco mais alto, ficando assim da sua altura e com nossos rostos quase colados.

-Por favor não parem.-Yasu que assistia tudo com sangramento nasal falou baixinho, porém alto o suficiente para que eu e Brian ouvissemos e nós afastar lentamente.

A garota fez uma cara de chateada e saio de onde é

estávamos emburrada, como se estivesse com raiva mas era apenas um "showzinho" que fazia, logo voltaria a falar com a gente. Brian e eu ficamos em silêncio por alguns longos momentos e apenas observarmos o céu que agora passava devagar, Wingull voava e vários cardumes de Magikarp passavam por nós, seria lindo se não fosse o clima em que estávamos, mas que foi quebrado por Kevin.

-Gostaram da viajem? Estamos quase lá mas vocês não se importam se nós esperamos até o entardecer? Wingull gosta de ver o entardecer e eu por aqui onde estamos é uma ótima vista, não vão se apreender.

-Acho que tudo bem, o ginásio não vai fugir de qualuqer jeito.-Brian falou calmamente e eu acenti como confirmação do que ele falou.

-Certo, e Yasu? Ela está de acordo?- No momento que foi citada a garota pareceu novamente de onde tinha ido.

-Está bem pra mim, o entardecer parece tão romântico.-Dando um risinho para nós ela saiu de novo para onde estava. Kevin sem entender muito nos olhou e então voltou para aonde ele comandava o barco, deixando de novo Brian e eu sozinhos, mas dessa vez eu não iria ficar nesse climão de jeito nenhum.

-Teddiursa, Grovyle, saíam.

Liberei as pokebolas dos meus pokémon que olharam para o barco um pouco surpresos, afinal, aquilo devia ser uma coisa nova de se ver para eles.

-Oi pessoal, estão bem?

-Grovy.

-Ur-ursa.

Ambos responderam e logo após isso nós demos um jeito de pegar m pouco de água e colocar no aquário que comprei anteriormente em Rustboro para o Feebas assistir as apresentações.

-Saia Feebas.

O peixe foi liberado no aquário e pareceu feliz de me ver.

-Que tal comer um pouquinho time?

×××

Pokémon alimentados, felizes e maravilhados com o oceano que nos roedava, pelo menos, Teddiursa, Grovyle estava parecendo Brian, com uma cara de "garoto mal" que não se importa com nada e nem ninguém, é Feebas era apenas, Feebas.

-O sol ja está se pondo, venham ver crianças.-Kevin gritou da sua cabine para nós, Yasu já estava lá, parecia que eles estavam conversando faz tempo lá enquanto eu e Brian ficavamos na ponta direita do barco.

-Wingull venha ver também meu amigo.

O pássaro desceu até o ombro do senhor, e olhou para meus pokémon fora da pokebola, sorrio para todos eles super amigável e então todos podemos olhar para o sol sumindo por entre as águas.

-Meus pokémon também precisam ver isso, saíam galera.-Yasu liberou os seus pokémon também que apareceram respectivamente, o já conhecido, Breloom, seu pequeno Riolu e um fofo Torchic. Todos pareciam felizes quando viram a bela vista em suas frentes e também pareciam muito bem tratados por Yasu. Então passamos um tempo ali, admirando o bonito por do sol no meio do mar, oque mais eu poderia perdir? Bons amigos, pokémon e minha primeira fita guardada.

Continua...


Notas Finais


Obrigado por ainda lerem, gosto de sentir que tenho vocês aqui comigo sz
Minhas aulas voltaram mas vou fazer o máximo para continuar.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...