História Rain - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Suga
Tags Bangtan, Bts, Drama, Hoseok, J-hope, Sad, Sobi, Suga, Sugahope, Yoongi, Yoonseok
Exibições 80
Palavras 817
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 14 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Ficção, Poesias, Shoujo (Romântico)

Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


olá amores, estou trazendo uma OS yoonseok (OTP DIVINISSIMO) quentinha saindo do forno agora.

se deliciem e preparem os lencinhos!

Boa leitura e obrigada XOXOXO

Capítulo 1 - Bye my love


-Não quero mais... - Aquelas palavras foram como uma espada entrando em si e devastando seu interior.

-Yoongi, por favor! Não fala isso...- a essa altura o choro já não era mais contido e Hoseok desabava a cada palavra que o mais velho proferia. Essas discuções sempre o afetavam.

-Você ainda é um menino, Hoseok. eu odeio ter que te machucar. mas...- Apesar de não demonstrar seus sentimentos, ou apenas dizer que o amava, Hoseok tinha certeza de que o mais velho sentia algo por si, e ele o amava incondicionalmente, não o deixaria por nada.

- Me dê uma chance Yoongi- dizia entre soluços- me deixa tentar mudar nossa situação, por favor!

O mais velho desabava por dentro. estava sendo duro de mais? Mas já não suportava mais aquela situação e estava disposto a arriscar uma brusca mudança. Tinham um relacionamento a distância, e para Yoongi isso já havia se tornado um incomodo.

-Tudo bem. E o que pretende fazer? - Disse sem muita expectativa.

-Somente espere, prometo te surpreender! obrigado Yoongi! Te amo- um silêncio perturbador tomou posse da situação.

-Vou desligar, boa noite.

 

No dia seguinte, Hoseok acordou disposto. Estava animado, teria a oportunidade de mostrar para o seu amado que não era apenas um menino e que seria capaz de o fazer feliz, não que a diferença de idade seja tão grande, mas Yoongi agia como uma pessoa mais avançada em idade, teve que se tornar responsável muito cedo. O moreno pegou toda a sua economia e foi em direção a uma joalheria, comprou um par de alianças, não muito grossas pois sua condição financeira não permitia tal capricho, mas achou que seriam perfeitas. Voltou a passos ligeiros para a sua casa, preparou suas malas e organizou o que era necessário, morava sozinho, sua mãe havia falecido ha algum tempo e deixara uma casa como herança, se despediu de sua casa e sorriu ao lembrar da senhora que ele tanto amava e que fazia falta todos os dias '' vou ser feliz mamãe, você esta feliz?'' pensou consigo.

partiu em direção á rodoviária, sem nenhum arrependimento, sempre hesitava em ir morar com Yoongi pois estava apegado a casa que sua mão deixou, porém se sentia solitário e notou que não tinha nada a perder, chovia muito, aquela típica chuva que cai ao final de Novembro, a água gelada caía por sua pele escorria e molhava a sua roupa, sua melhor roupa, que seria usada em sua melhor ocasião. No caminho, aproveitou pra comprar flores, sabia que Yoongi não apreciava tal coisa, mas queria fazer tudo perfeitamente, então resolveu levar um ramo e escrever um bilhete para o mais velho '' aceita ficar comigo por toda eternidade?''. Chegou na rodoviária atrasado, com um bilhete molhado pela chuva em mãos, flores e as alianças entrou no ônibus, se sentou e ligou para o seu amado.

-Em poucas horas chego ai, se arrume, tenho uma surpresa pra você. Te amo! - Silêncio - Não vai dizer que me ama?

-Hoseok, eu... - e a ligação cai. Yoongi estava inquieto, sentia que algo estava errado.

A ansiedade consumia cada milimetro do corpo de Hoseok, em meio ao nervosismo aproveitou para escolher as palavras que diria para o seu amado. Seu coração pulava dentro do peito, não sabia se era ansiedade,  insegurança, desconforto, mas sabia que algo o incomodava. Fitou a janela embaçada pela chuva e analisou cada gota escorrer pela mesma, respirou fundo e pesado, fechou os olhos na tentativa de relaxar, pensou em seu amado, seu doce Yoongi,  aquele que despertava tantas reações em si, lembrou do seu sorriso e como amava aquele sorriso, sua pele clara, sua pouca altura apesar da idade, Yoongi era perfeito pra si, deixou um sorriso escapar por seus lábios.  De repente escuta um forte barulho e um baque contra seu corpo, tudo estava escuro. Sentiu vontade de chamar por Yoongi, mas, não conseguia pronunciar sequer uma palavra. Gritos. Dor. Medo. Aquele momento se resumia a isso, e tudo que queria era estar do lado do baixinho de pele clara. Abriu os olhos vendo as flores amassadas e tingidas em um tom vermelho pelo sangue que saíra de si, as segurou firme contra o seu corpo, junto com o bilhete agora ilegível, as gotas gélidas da chuva pingavam uma a uma sobre seu corpo lhe causando arrepios e dor até entrar em contato com o asfalto,  já não escutava mais nada, a única imagem que passava por sua cabeça era a de seu pequeno e que deveria chegar logo pois o mesmo estava a sua espera. Seu telefone tocou e já sabia quem poderia ser, em meio as ferragens se esforçou para pegar seu celular, usou sua ultima força para saber quem era o remetente mesmo sem forças e usou seu ultimo fôlego para dizer em um fio de voz:

                               '' Seu menino te ama''

SMS: Eu te amo meu menino!


Notas Finais


Estou chorando, quem ja escutou a musica chuva de novembro vai saber que me inspirei nela e quem não escutou agora ta sabendo, deixem seus comentarios me xingando pq eu tambem amo vcs e favoritem se tiver gostado, desde já, agradeço. beijos


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...