História Razão ou Emoção ? - Segunda temporada ( AoV ) - Capítulo 22


Escrita por: ~

Postado
Categorias Amor Doce
Personagens Castiel, Rosalya
Exibições 120
Palavras 1.608
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Drama (Tragédia), Romance e Novela, Universo Alternativo, Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Perdoem-me se o capitulo saiu curto , Desculpe a demora eu não estou muito bem , enfim ... Boa leitura

Capítulo 22 - Me levem no lugar ..


- Por favor não – implorei chorando , ele riu – Por favor não me obrigue a fazer isso – os olhos de Rosalya mostravam que ela estava morrendo de medo –

- Vai ser o seguinte , vou te dar cinco minutos para escolher , na pior das hipóteses você não escolhe nenhuma e eu mato as duas –

- Por que esta fazendo isso ? – perguntei

- Porque você tirou de mim a coisa que mais me importava nesse mundo , que merda que ela te fez ? Por que a matou ?  Ela ... Eu quero que você sofra assim como eu sofri quando a vi morta no meio de uma poça do seu próprio sangue , por minha causa – disse com a voz embargada -  Quatro  minutos querida –

- Blair por favor – Rosa implorou , fechei meus olhos tentando pensar em algo mas nada , encarei Castiel e seu desespero era claro assim como o meu

- Três  minutos – lembrou Diego

- Blair eu te imploro não me mata –

- Dois minutos - Ver o sorriso de satisfação que encontrava-se estampado no rosto de Diego me fez querer atirar na cabeça dele . Encarei Castiel novamente e percebi que agora além de desesperado ele parecia pensativo  , temi – Um minuto – Vi Diego apontar uma arma pra Rosalya , Marcos segurou o gatilho já preparado para atirar – Seu tempo acabou princesa , ou escolhe ou mato as duas agora -  em meio a lagrimas de desespero apontei a arma pra Rosalya , era demais tudo aquilo , era a vida da minha filha que estava em risco e por mais que eu amasse muito Rosalya eu ...

- Me desculpa Rosa – pedi chorando , fechei os olhos e já estava pronta pra atirar quando ...

- Espera – Castiel pediu e todos o encararam – Me levem no lugar da Isa e da Rosalya – encarei Castiel a procura de explicação

- Em que você nos serviria ? – Diego perguntou

- Você que ver a Blair sofrer não é mesmo ? – Diego assentiu – Você sabe o quanto ela me ama

- Castiel para – ordenei mas ele não me ouviu

- Me perder seria bem mais doloroso pra ela do que isso –

- Não Castiel não – pedi , Bianca sorriu

- Podem fazer o que quiser comigo , me prender .. Me torturar como ele fez com o Marcus ... Me matar .. –

- Castiel para agora – implorei desesperada e quando vi um sorriso no rosto dos três percebi que Castiel havia conseguido – Não , não , não –

- Mas vocês tem que devolver a Isa e deixa-las ir –

- Aceitamos –

- NÃO , NÃO – gritei tentando impedi-lo de fazer aquele burrada

- Papai – vi Marcos se aproximar – Levanta – ordenou a Rosalya , ela o fez, a desamarrou e  Marcos se aproximou mais e entregou Isa a ela – Sai daqui agora – ela me encarou , assenti e a vi sair da quadra – Sabe Blair .. Seria muito fácil se apenas deixássemos você ir – temi pelo que viria adiante – Fique tranquila não vamos mata-lo , agora ... Mas antes que você vá eu quero ter o prazer de enxergar o desespero e raiva em seus olhos , Você – se dirigiu ate um de seus brutamontes – Traga o garoto ate mim – vi o homem se aproximar e segurar no braço de Castiel com força

- Não , não , não por favor – implorei mas nada , apenas senti nossas mãos se separarem e nossos dedos desentrelaçarem – Cast –

- Quebra o braço dele com toda a força – O homem jogou Castiel no chão e assim o fez , fechei os olhos e os apertei , não conseguia ver tal cena

- Ahhhh – Castiel gritou de dor –

- Para por favor – implorei a Diego que apenas ria de tudo

- A perna também pra não corrermos o risco dele fugir – E novamente o homem o fez sem pena alguma , ao contrario , imediatamente puxei minha arma e apontei pra ele

- Eu vou te matar seu filho da puta – digo com raiva

- Faça isso e veja seu ... – ele observou nossas mãos as quais encontravam alianças – Noivos ? – riu – Se fizer  o noivo não vai comparecer ao casamento - Diz meio a risos -   Vamos sair desse colégio , esse lugar me irrita , vamos – Diego e todos os outros se viraram e se dirigiram a saída , Castiel me encarou e antes de ser arrastado me encarou com os olhos desesperados e disse :

- Vai ficar tudo bem , eu te amo – diz com falsa segurança

- E ah , nada de nos seguir ou .. já sabe né – Bianca disse rindo e logo seguida os vi desaparecer

- Eu vou matar todos , eu juro – prometi pra mim mesma sentindo a dor da perda novamente

Eu não sei bem qual o sentimento que reinava em mim , talvez fosse a raiva , raiva por ter colocado Castiel nessa , raiva por ter o posto em perigo novamente , raiva por não poder fazer nada pra impedir isso , tudo o que fiz naquele momento foi me jogar no chão e chorar , chorei o que não havia chorado a muito tempo , estava sentindo tanta dor que só depois de algum momento vim me dar conta de que devolveram minha filha , assim que me lembrei de tal fato me levantei e corri para o lado de fora onde dei de cara com Rosalya em lagrimas com a minha filha no colo chorando , me aproximei e entrei no carro assustando um pouco a Rosa :

- Calma – digo baixo  , não preciso pedir , ela apenas entrega Isa em meu colo e eu deixo minha lagrimas rolarem meio a um abraço forte na minha pequena – Já acabou meu amor – digo dando um beijo no topo de sua cabeça – Como você esta ? – pergunto a Rosa que ainda estar com o corpo tremulo

- O que você acha ?  - pergunta ironicamente

- Se eu soubesse não teria perguntado – retruco grosseiramente

- Não é minha culpa – diz ela referindo-se a Castiel

- Na verdade foi – digo com raiva

- Eu não pedi por isso , não pedi pra ser sequestrada , não pedi pra obrigarem você a colocar uma arma na minha cabeça , eu não pedi pra ele ir no meu lugar , eu não pedi pra você aparecer na minha vida – sim , isso me machucou – Desculpa eu .. –

- Não , desculpa eu – me intrometo

- Blair eu não quis dizer isso –

- Quis sim , escuta pro seu próprio bem desaparece da minha vida , eu não vou mais te procurar – digo fazendo-a arregalar os olhos –

- Ta falando sério Blair ? Somos melhores amigas –

- Se liga Rosalya eu ia te matar , quem quer ser amiga de pessoas como eu ? –

- Você não tinha escolha –

- Não tente me fazer uma boa pessoa , porque eu não sou –

-É sim Blair –

- Não , não sou – digo por fim e começo a dirigir seguindo pra casa de Rosalya . O caminho foi bem silencioso , o único som que se ouvia era a nossa respiração . Assim que chegamos estacionei o carro e esperei Rosalya sair

- Não estou com raiva de você , você é uma boa pessoa Blair , mesmo que não ache isso – disse e se foi .

 Tudo o que eu queria naquele momento era me atirar de um ponte , sabe quando você não tem ideia do que fazer ? Aquele momento que a situação fugiu totalmente do seu controle ? Minha vida estava mais ou menos assim , e aquele dia foi o que mais me arrependi de ter voltado de Los Angeles , ou de ter saído de Londres , ou de ter começado aquele vingança idiota , tudo bem que aquele filho da puta mereceu tudo o que passou mas no final quem mais sofreu com isso fui eu . Eu tinha dois objetivos a partir daquele momento , primeiro manter minha filha a salva e bem longe dessa cidade , segundo destruir tudo e todos que se colocarem entre mim e Castiel , eu iria salva-lo nem que precisasse morrer pra isso , se realmente existia uma Blair boa como a Rosalya disse , essa acaba de morrer . A única Blair que existira a partir de hoje será a Blair má , vingativa e cruel , aquela que vai matar todos que se colocarem em seu caminho , chega de bondade  . Dei partida no carro novamente e segui para minha casa , no meio do caminho tirei meu celular do bolso e a primeira imagem que me deparo é uma foto minha e de Castiel na tela , sim , muitas lagrimas caíram do meu rosto naquele momento , havias algumas mensagens e muitas ligações , porem resolvi não dar muita atenção , apenas desliguei  celular e segui o meu caminho . Estacionei o carro e segui para minha casa , assim que entrei dei de cara com meu pai , Kentin e seus capangas , eles pareciam preocupados e realmente estavam já que quando me viu meu pai veio imediatamente em minha direção , e quando viu Isabelle em minha mão pareceu não acreditar no que via :

- Como .. ? Ele caiu ? Onde você estava  ? -  

- Eles descobriram nosso plano e levaram o Castiel em troca da Isa – digo

- Ok , vamos começar do inicio – Kentin diz

- Sentem-se porque a historia é bem longa – eles fazem o que indiquei e com muito pesar comecei a falar .


Notas Finais


Chorei horrores ? Talvez , Por favor não me matem , foi extremamente necessário ,E a Blair afastando Rosalya , o que acharam ?

Favorita se gostou e comenta o que achou ..


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...