História Rebelde - Capítulo 14


Escrita por: ~

Postado
Categorias Harry Potter
Personagens Harry Potter
Tags Harry, Harry Potter, Novo Harry, Sirius
Exibições 17
Palavras 1.265
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Ação, Festa, Luta, Magia, Mistério, Romance e Novela, Saga, Shonen-Ai
Avisos: Álcool, Estupro, Heterossexualidade, Homossexualidade, Linguagem Imprópria, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Hello, viu nem demorei tanto :v

Queria dizer que...to doente ;-;

Pois é, eu ando bem doente esses dias e meu ânimo pra escrever está um lixo, por isso tanto aqui quanto no Nyah estou demorando pra postar caps, queria pedir um pouco de paciência a vocês...

Bom, acho que muitas pessoas vão me matar depois desse bônus ;^;

ENJOY

PS: Harry nesse cap tinha 7 anos :v

Capítulo 14 - (Bônus) Festa de Piedade...


Fanfic / Fanfiction Rebelde - Capítulo 14 - (Bônus) Festa de Piedade...

 “É minha festa e eu vou chorar se eu quiser
Choro se eu quiser chorar, chorar, chorar
Eu vou chorar até as velas queimarem este lugar
Eu vou chorar até a minha festa de piedade esteja em chamas”

-Pity Party (Melanie Martinez)

 

 

As mesas estavam decoradas, tinha papel de presente para todo canto, a sala estava desarrumada e alguns papéis estavam queimados em cima da mesa, talvez por culpa da vela caída sobre os mesmos, que eu não sei como não incendiou a casa, o bolo jogado no chão indicava tudo, ele teve outro ataque de raiva...novamente por minha culpa...

 

Coloco meus papéis na mesa após apagar a vela ainda acesa, depois da última vez que Harry teve contato com fogo eu finalmente troquei os carpetes, pois ele quase tacou fogo na casa novamente por culpa minha, suspirei e me aproximei do sofá, podia ler na parede várias letras, decoradinhas ~decoração que eu suspeito ser de Linda~ formando palavras.

 

“Feliz aniversário, Harry”

 

Suspiro pesadamente...

 

Eu esqueci...de novo

 

As letras estavam rasgadas, algumas queimadas, os balões furados, apenas com a borracha jogada no chão, doces espalhados e algumas pelúcias jogadas pelo chão, com as cabeças cortadas e a tesoura, que parecia ter sido a “arma” usada pra decapitar as pobres pelúcias, suspiro pesado novamente ao encontrar um pequeno corpo jogado no chão frio. Harry estava vestido com um moletom preto, e uma calça jeans com um All Star vermelho...parecia até ter arrumado os cabelos para a festa que teria, ele convidou todos da escola...

 

E parece que ninguém veio...

 

Me aproximo dele, e suspiro ao o ver dormindo tranquilamente, o acaricio e ele se mexe mais, o ajeito:

 

-Vamos sair desse chão gelado- Murmuro e o levanto, sabia que ele não podia me escutar, mais mesmo assim continuei falando

-Você esqueceu de novo- Eu ouço uma voz e olho para a escada, Linda estava ali

 

-Linda...

 

-Sirius- Ela me corta- Eu não vou dar bronca em você

 

-Não?- Pergunto

 

-Não- Ela diz e suspira- Além do mais, não vale a pena mesmo

 

A olho impressionado, ela nunca havia agido assim, sempre me dava broncas quando eu esquecia o aniversário dele...

 

Por algum motivo essa mudança me assusta:

 

-Como assim...?- Pergunto

 

-Simples- Ela diz e desce os dois últimos degraus, vindo até mim- Não vale mais a pena te dar bronca, porque agora eu realmente percebi que você não liga pra ele, não liga pro aniversário dele

 

-Está dizendo que eu não ligo para o meu filho?- Digo me aproximando dela

 

-Estou- Ela avança também

 

-Eu ainda sou seu chefe- Digo quase rosnando

 

-E é por isso que eu estou falando- Ela rebate- Você é meu chefe e é pai dele, deveria estar com ele!

 

-Não fale alto comigo!- Eu exclamo

 

-Não estou falando alto- Ela diz, e realmente não estava- Você deveria estar presente, é o pai dele, você não sabe como ele ficou!

 

-Fazendo o drama de sempre dele- Digo pondo Harry no sofá e ficando a frente de Linda

 

-Se eu tivesse um pai que não liga pra mim, eu também faria esse “drama” que você disse!- Ela exclama

 

-JÁ CHEGA, ESTÁ DEMITIDA!- Grito

 

-OK! EU VOU! MAIS EU QUERO QUE SAIBA MUITO BEM QUE ELE DEU ESSE ATAQUE DE RAIVA PORQUE VOCÊ NÃO ESTAVA NA FESTA DELE!- A fito, ela estava vermelha de raiva- OLHA PRA ESSA SALA! ACHA QUE ELE FEZ ISSO PORQUE QUIS?! ISSO TUDO AQUI FOI POR CAUSA DE VOCÊ!

 

-ELE É MALCRIADO, FOI POR ISSO!- Grito

 

-SE SER MALCRIADO É TENTAR CHAMAR A ATENÇÃO, OU ATÉ MESMO TER ALGUM AMOR DO PRÓPRIO PAI, ENTÃO ELE É SIM MALCRIADO!- Gritou de volta- SE VOCÊ VISSE O QUE EU VI! SE VOCÊ O VISSE CHORANDO, O VISSE GRITANDO E O VISSE PERDENDO A CABEÇA COMO EU VI E BAGUNÇANDO A PORRA DA DECORAÇÃO QUE DEMORAMOS HORAS PRA FAZER SÓ PRA TE RECEBER PELA PRIMEIRA VEZ NA FESTA DELE, VOCÊ IRIA ENTENDER O QUE EU ESTOU FALANDO!

 

Dou passos para trás...:

 

-ELE NÃO CONVIDOU NINGUÉM, SIRIUS! ELE NEM TEM AMIGOS POR SUA CULPA ELE É EXCLUIDO! MAIS MESMO SEM AMIGOS SABE O QUE ELE ME DISSE? ELE ME DISSE QUE SÓ PRECISAVA DE VOCÊ AQUI COM ELE! QUE IA ESPERAR QUE VOCÊ SAÍSSE DO ESCRITÓRIO PRA COMEMORAR COM ELE!- Ela gritava

 

Suspiro e abaixo a cabeça:

 

-Era só isso mesmo- Ela diz e me olha, menos vermelha agora- Agora eu vou embora

 

Ela sai pela porta e eu ouço um ronrono do sofá:

 

-Linda...?- Ouço uma voz manhosa e fininha, e olho para Harry

 

Os belos cabelos negros estavam em seu rosto, ele tinha seus olhinhos abertos, me deixando ver o verde penetrante dos seus olhos...

 

Os olhos de Lílian...

 

-Onde a Linda está?...- Ele me pergunta

 

-Ela saiu- Respondi sério

 

Ele se encolhe e começa a tremer, confirma com a cabeça em tom que entendeu:

 

-Eu não sei que porra você fez aqui, mais eu quero que arrume tudo- Digo

 

-O-Ok...- Sua voz já era chorosa

 

-E pelo amor de Merlin, para de chorar que eu já não suporto te ouvir chorando!- Digo e ele se encolhe mais, Harry sempre foi pequenininho, e digo, pequenininho mesmo, perto de outras crianças da sua idade, ele é muito baixo, quando ele se encolhia assim ele parecia realmente muito magro e pequeno- Para com isso! Isso irrita!

 

Ele confirma e eu suspiro brevemente, me aproximo para acariciá-lo.

 

“Isso foi a gota d'água...”

 

Ele virou o rosto bruscamente pra longe da minha mão, a afasto, por algum motivo aquele comportamento me assustou:

-Não encosta em mim- Ele diz seco, eu nunca havia o ouvido falar daquele jeito

 

Os olhos vermelhos e inchados indicavam o seu choro recente...mais eu via algo diferente neles...

 

E era algo que ele nunca havia demonstrado em seu olhar...


 

Eu mexia no tablet quando vejo um vulto preto passando e se sentando na cadeira ao lado esquerdo, abaixo o tablet para ver que era, e vejo Harry...

 

O que que é isso...?

 

-Que porra você fez no seu cabelo?- Pergunto me referindo as pontas que pareciam ser recentemente pintadas, era um verde claro, tão claro que chegava a me cegar

 

-Você não liga- Ele rebate

 

-O que você disse?- Pergunto sério

 

-O que você ouviu! Ou você é surdo por acaso?- Ele rebateu novamente

 

-Eu quero saber quem te deu permissão em fazer essa papagaiada no seu cabelo!- Rosno

 

-Pra sua informação eu não tenho ninguém para pedir permissão pra fazer nada, e segundo, você não liga a mínima pra mim, porque você tá todo preocupado agora?- Ai...

 

-Que porra está acontecendo com você?!- Exclamo

 

-Não tá acontecendo nada, deveria acontecer?- Ele diz

 

-Olha- Rosno- Tira isso agora!

 

-Me obrigue- Ele se levanta e eu me levanto também

 

-Eu vou contar até três...

 

-Nossa, você sabe contar? Que puta novidade- Ele ironiza- Eu não vou tirar, o cabelo é meu, eu coloco a porra que eu quiser nele, tá legal?!

 

-Linda! Dá um jeito nesse garoto!- Exclamo

 

-Além de bicho surdo é bicho lerdo também- Harry revira os olhos- Lembra que você demitiu ela? Ahhhhh, a memória refrescou né?

 

-TIRA ISSO AGORA!

 

-NÃO ADIANTA SE FAZER DE PAPAI MACHÃO, SIRIUS!- Ele grita de volta e eu me espanto...

 

O meu filho é calmo como uma princesa...que que deu nesse menino pra gritar desse jeito?

 

-EU JÁ CANSEI DE VOCÊ!- Ele grita- EU NÃO VOU TIRAR E VOCÊ NÃO MANDA EM MIM!

 

Ele se levanta quase virando a mesa e sai:

 

-Eu preciso da Linda o mais rápido possível- Murmuro para mim mesmo

 

Como eu ia saber que já era tarde demais?...

 


Notas Finais


Caaaalma soldado

Você ainda vai odiar muito Sirius Black durante a fanfic :v

Bom, espero que tenham gostado peço novamente paciência a vocês, eu estou muito mal ultimamente e ando bem meio blá mesmo ;-;

Kissus com Shads :*

PS.: Postei e saí correndo pq já tão apontando as varinhas pra mim...NÃO QUERO MORRER! *Corre*


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...