História Redescobrindo o Amor - Capítulo 12


Escrita por: ~

Postado
Categorias Os Heróis do Olimpo, Percy Jackson & os Olimpianos
Personagens Jason Grace, Percy Jackson
Tags Jason Grace, Percy Jackson
Exibições 21
Palavras 1.132
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Comédia, Crossover, Ecchi, Escolar, Famí­lia, Festa, Luta, Musical (Songfic), Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Heya!!!
Sei que demorei mas aqui está o cap!!!

Capítulo 12 - Capítulo 11


- AEE! - todos comemoraram aplaudindo
- Te amo.- sussurrou Jason
- Também te amo.- sussurrou Tini
Eles se beijaram de novo.
- Deuses que lindo! - disse Mia
- Ei, ei! Calma lá! Esperem chegar no chalé! - disse Nando
Jason e Tini se separaram rindo. Ele ficou com a mão na cintura dela.
- Agora sei porque você tava trancada no chalé ontem Tini. O Jason tava lá.
- Não sei do que você ta falando.- disse Jason
- Não se façam de santinhos, a gente até já sabe o que aconteceu lá dentro.- disse Mia
- Isso é coisa que se pensem da sua prima? - disse Tini fingindo indignação
- A gente sabe bem que vocês nunca ficaram só nos beijos. Tanto que você...
Percy e Mia quase se jogaram em cima do Nando tapando sua boca. Eles sabem bem que Nando estava quase falando o que não devia.
- Unhaummnh! - resmungou ele com a boca tapada
- O que ta acontecendo aqui? - perguntou Jason sem entender a atitude de Percy e Mia
- Nada, só impedindo o Nando de falar besteira.- disse Percy
- Como sempre fala.- ainda completou Mia nervosa
Jason sentia que havia algo estranho. Resolveu deixar pra lá. Mas ele sente que estão escondendo algo dele. Algo que ele devia saber. E é algo sobre a Tini.
- Não liga, amor. Sabe que o Nando sempre fala o que não deve.- disse Tini fuzilando o primo com o olhar
- Huunnmnhm! - resmungou Nando
Percy e Mia viram que ainda tapavam a boca dele. E também perceberam que a mão dela estava sobre a dele. Eles afastaram suas mãos imediatamente.
- Ai! Finalmente tiraram a mão da minha boca! 
- Agora vê se não fala nenhuma besteira Fernando.- disse Mia o olhando mortalmente
Ele sabia que quando ela o chamava de Fernando, era sério e somado a aquele olhar ele poderia ir pra enfermaria se a contrariasse.
- O que estão me escondendo? - perguntou Jason
- N-nada Jason! - gaguejou Percy
- O que esconderíamos de você? - disse Mia sorrindo nervosa
- Não sei. Mas sinto que eu devia saber de algo.
- Que isso Jason! Não é nada.- disse Nando
- Não estamos escondendo nada. Deve ser só impressão sua, meu amor.
Jason se sentiu mais calmo quanto a isso ao ouvir Tini. Ele confia nela. Mais tarde todos foram treinar. Nando e Tini ficaram no arco e flecha, Jason, Percy e Mia ficaram ma arena treinando junto com outros campistas. 
- Iiii Percy! Ta perdendo pra Mia! - disse Jason tirando onda
- Cala a boca, Grace! 
Mia acabou cortando o braço de Percy, aproveitando a distração e fez a espada dele ir ao chão.
- Obrigado Jason.- disse Percy irônico
- Por nada, cunhadinho.- disse Jason se levantando da arquibancada e riu
- Oh Percy! Ficou triste por ter perdido? - disse Mia fingindo pena e fazendo bico
- Não! 
Percy pegou contracorrente do chão e a fazendo virar caneta.
- Já ta bom! Ta todo mundo dispensado. Todos foram muito bem hoje, menos você Percy.- disse Jason e alguns riram
- Ta engraçadinho hoje hein Jason! 
- Como ele sempre foi.- disse Mia
- Não, ele é sempre certinho e perfeito.
- Ninguém é perfeito Perseu.
- Eu sei bem disso, Jasão.
- Meu nome é Jason! J-a-s-o-n! E se me chamar de Jasão de novo eu peço ao meu pai pra fazer te mandarem pros campos de punição quando morrer! E ainda faço a parte de você ser morto!
- Calma! - disse Percy levantando as mãos
- Agora eu tenho que ir procurar a Tini, se cuidem casalzinho.
- O que?! - Percy e Mia quase gritaram
- Tchau! - disse Jason cantarolando e foi embora
Percy e Mia se olharam. Os dois concordavam numa coisa: A loucura do Nando é contagiosa.
- Eles vão ficar quanto tempo com essa brincadeira? - perguntou Percy
- Por muito tempo. Mas sério, de onde tiraram isso de a gente ficar junto?
- Sei lá! Isso seria impossível né?
- É...impossível.
Eles foram beber um pouco de água.
- Olha, não seria difícil eu me apaixonar por você.
- Sério? - perguntou Mia
- Você é muito bonita.- Mia corou com o elogio 
- Acha isso?
- Sim, você é sem dúvida muito bonita mesmo.
"Além de ter um belíssimo corpo" completou mentalmente
- Sabe, não é muito comum eu receber um elogio desses.
- Mesmo? Não sei porquê. Você é linda.
Mia parecia uma pimenta de tão vermelha.
- E é uma garota incrível! Eu não teria dificuldade em me apaixonar por você. Mas eu não estou interessado em me apaixonar e muito menos me relacionar com alguém tão cedo. 
- Por causa da Annabeth.
- Como sabe?
- Esqueceu em que chalé eu to? Já fiquei sabendo de tudo que aconteceu o ano todo quase. 
- Filhas de Afrodite fofoqueiras.- disse Percy - Er...sem querer te ofender.
- Tudo bem. Minhas tias vivem fofocando mesmo. Mas eu não sou assim.
- Já percebi.
- Eu já vou indo pro meu chalé.
- Eu te acompanho! Também já vou pro meu chalé.
Eles foram pra área de chalés. Enquanto isso, Jason e Tini na área de arco e flecha.
- Jason, você é muito ruim nisso.- disse ela
- Não sei como você consegue.- disse ele
- É prática...e uma boa mira, coisa que você não tem.
- Só to fazendo isso por você.
- E agradeço por isso meu amor.- ela deu um beijo na bochecha dele
- Vamos dar uma volta?
- Vamos! - concordou ela
Jason largou o arco e a aljava pegando a mão dela. Eles ficaram passeando pelo acampamento de mãos dadas. Acabaram parando na praia e ficando sentados na areia.
- Mi amor.- chamou ele
- Sim? 
- Como foi esse tempo na Espanha?
- Ótimo! No início eu mal saía do quarto pensando no nosso término. Mas acabei superando e seguindo minha vida. Escola nova, alguns amigos. 
- Namorados? - perguntou com uma cara estranha
- Não.- respondeu ela rindo da cara dele - Você é o único namorado que eu tive na vida.
- Mesmo?
- Sim, e continuará sendo o único.
Eles se beijaram.
- Já você sei que eu não fui sua única namorada.
- Como sabe?
- Fui falar com a Mia no chalé dela e conversamos com as nossas tias fofoqueiras.
- É, eu tive sim outra namorada. Mas nada se compara ao que tivemos e o que ainda teremos.
- Que fofo!
- Você é a primeira e a última em minha vida.
Ela sorriu e ele a beijou. 
- Te amo.
- Também te amo, mi amor. Te amo mais que tudo.

Notas Finais


Espero que tenham gostado!
To deixando aí algumas coisinhas nos capitulos pra tentarem adivinhar o que a Tini tanto esconde. Quem já sabe?


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...