História Reencontro ao amor - Temporada 2.0 - Reza a Lenda - Capítulo 5


Escrita por: ~ e ~Rabanete02

Postado
Categorias Saint Seiya, Sword Art Online
Personagens Atena (Sasha), Shaka de Virgem, Yuuki Asuna
Tags Cavaleiros Do Zodiaco, Cdz, Romance, Sao, Shoujo, Sword Art Online
Exibições 8
Palavras 939
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 12 ANOS
Gêneros: Ação, Artes Marciais, Aventura, Crossover, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Suspense, Violência
Avisos: Heterossexualidade, Linguagem Imprópria, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Olha gentem! Mais um capítulo do zodíaco.
Esse título é bem sugestivo, entendedores entenderão.
Bjcas de nutella com morango.

Capítulo 5 - ALHO - poró EXPLOSION!


Capítulo 4


-Templo de Atena, Salão do Grande Mestre-


Era onze horas da noite. O Grande Mestre e Atena estavam reunidos com a pequena Yutsuko no colo da deusa. 

-Você também sente, não é? -falou Atena observando o céu estrelado. 
-Sim, não pensei que nossa paz iria acabar tão rápido. 
-Grande Mestre. -a voz estremeceu. -Como é perder aqueles que ama? 
-Não pense nisso, minha deusa. Mas é doloroso. 
-Obrigada. Mais uma pergunta... Deuses conseguem amar? 


-Meses depois. Feira Semanal, Atenas-  

Éden guiava sua família pela mini feira. 
-Vamos lá pessoal! Precisamos de alho-poró para o nosso mestre! -animava o garoto. 
-O Serafim é tão incrível... Mas pra que ele precisaria de alho-poró? -apreciou Laika duvidosa. 
-Laika não seja boba! Isso deve ser para sua alimentação diária. Aliás ele tem que manter a forma para a conquista universal. -respondeu Laila. 
-Conquista universal? -perguntou Alerrandro segurando o riso enquanto pegava o tão precioso alho. 
-Exato... Até agora não vi ninguém que não o aprecie. Não é, Yuno? -ironizou Laila. 
A irmã não respondeu. 

 

-Trouxeram o quê pedi? -perguntou seriamente Serafim. 
Yutsuko brincava com a capa do cavaleiro sentado no chão. 
-Sim. -respondeu Éden com a mesma feição do mestre. 

Yuno foi quem entregou o pacote. 
O cavaleiro conferiu-o rapidamente. Balançou a cabeça positivamente. 
-Agora comecemos. -ele se levantou velozmente deixando a pobre baixinha pendurada na capa. 

-Mestre... Pra quê serve isso? -perguntou Alerrandro com a sombrancelha levantada. 

-Não me chame de mestre, sinto-me como um velho. -respondeu dando um pequeno sorriso de canto de boca. Ele jogou o alimento para cima da família. Quando se aproximou da mão de pégasus, explodiu. -Isso são explosões de cosmo... Com alho-poró. Primeiro vamos deixar os vegetais no chão, concentrem o cosmo neles e... Explodão!
-Kabum! -disse Éden pegando um e em seguida os outros. 

Yuno foi a primeira a fazer-la ganhando um joinha de seu professor.
-Agora joguem para cima e explodão. 

Éden estava com dificuldades de se concentrar e sem querer explodiu o vegetal na cara de seu mestre. 

Serafim começou a ficar vermelho e elevou seu cosmo à um nível que nunca tinham visto. 

-Como ousas?! Um mero mortal! Tu sofrerás a consequêcia de teu ato. -o cavaleiro estava com as pontas de seu cabelo negras e seu olho fervia a cosmo. 

Éden não conseguia se mover. Todos os alhos-poró flutuavam em volta do cavaleiro de gêmeos. 
-Temos que pará-lo, ele vai matar o Éden! -exclamou Laika enquanto os outros estavam perplexos. 

Abriram-se círculos roxos do lado dos alhos. Saíram deles roupas. Um sorriso diabólico surgiu no rosto de gêmeos.
Todas as roupas foram explodidas incluindo a qual Éden vestia. 

As meninas soltaram um grito tampando o rosto com a mão. O cabelo de Serafim tinha voltado ao seu loiro dourado. 
-Desculpe-me, Éden. Não consegui segurar o outro. -disse jogando a capa na cabeça do discípulo. 

-O-outro? -engoliu seco mas rapidamente tomou sua postura. -Mas e minhas roupas?! 
-É... Bom... -Seraph ficou vermelho. -Posso te emprestar as minhas. Venha comigo, Alerrandro tome conta da casa. 

Os dois cavaleiros saíram deixando apenas Alerrandro, Laila, Laika e Yuno na casa. Yutsuko sumira. 


-Casa de Áries-

Aioko polia armaduras. Seus discípulos estavam descansando depois de montar armaduras na forma de colares. 

Um estranho e imperceptível cosmo passava ao lado da amazona. 

A sombra tentou passar saída mas foi impedida pela barreira invisível. 

-Esta é a "Muralha de Cristal", você não conseguirá atravessa-la. -disse a amazona ainda concentrada no polimento. 
-Então era por isso que estava escrito na entrada: "A muralha impede o caminho." -disse a voz rouca masculina enquanto a barreira ressoava. -Parece que vou ter que tira-la então. 
-Ora, ora. Não sabia que burros conseguiam ler. -Aioko se levantou exibindo sua brilhante armadura, retirando seus óculos. -Revele-se!

-Alojamento-

Serafim olhava, da janela, os raios que irradiavam da casa ariana. Eram belos e preocupantes. 
-Ei mestre, o quê acha? -perguntou Éden vestindo uma roupa e capa parecida com a do mestre, porém preta e verde. 
-Nada mal. -respondeu deixando o absorto. -A melhor parte é que vai lavar todas as minhas roupas para repensar o que fez. 
-Ah fala sério! -indignou-se, gêmeos havia voltado à janela.-Aconteceu alguma coisa? 
-Volte para sua família, vou resolver problemas. 

O garoto saiu do alojamento deixando Éden em seu quarto. Era um lugar muito organizado com estantes de livros, uma escrivaninha e duas camas. 
Antes de sair olhou o quadro, entre as camas, com quatro pessoas sendo uma delas Serafim e imaginou quem seriam os outros. 

-Casa de Áries-

O inimigo revelara ser Hans de luxúria, um dos generais do apocalipse de Éris, a deusa do caos. Possuia olhos roxos e era bonito. Não havia revelado seu objetivo. 

Aioko ficara fraca ao dercorrer da luta. Não aguentava mais os ataques do inimigo. 
Ela caiu no chão ofegante. 
-Palavras finais? -ironizou Hans com a espada no pescoço da amazona, porém ele foi interrompido quando um forte cosmo atravessou a barreira. 

Uma rajada de cosmo acertou-o. Caído no chão sua espada encontrava-se  longe de si. 

-Aioko idiota. -falou Seraph do lado de áries. -Deveria aprender a não se esforçar demais. 
-E você deveria aprender a não interferir em lutas que ja acabaram! -gritou o general partindo para cima. 
-Se a batalha acabou então não farei com que ande mais três casas para me enfrentar. E também não quero dar trabalho à Tauz. -esquivava facilmente dos ataques. 

O cavaleiro desapareceu de vista. Hans parou por um instante até Serafim resurgir agarrando seu pescoço e jogá-lo no chão. 
-Palavras finais? -disse levantando uma sombrancelha, seus olhos azuis não apresentavam nenhum sentimento e estavam fixados no do inimigo. 

Hans riu. 

-Transferência. -respondeu entre suspiros. 


Notas Finais


Realmente entendedores entenderam.
Se entenderam coloquem nos comentários e quem vcs acham que é o Grande Mestre?


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...