História •Reflected in his gaze• Ezarel • - Capítulo 4


Escrita por: ~

Postado
Categorias Eldarya
Personagens Ezarel, Jamon, Keroshane, Leiftan, Mery, Miiko, Nevra, Personagens Originais, Valkyon
Tags Ezarel
Visualizações 32
Palavras 1.940
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Drama (Tragédia), Ficção, Hentai, Poesias, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Sobrenatural, Suspense, Violência
Avisos: Canibalismo, Sexo, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Bem eu vim trazendo esse capitulo com duas mil palavras!

Bem lembrando que os personagens novos da minha autoria são:

Suzie Clover - rosada dos olhos castanhos mel - Suzie era uma fada que foi pega como prisioneira das bruxas na grande guerra, foi usada como fonte de informações do QG, a garota de 24 anos entrou na guarda da Sombra depois de ganhar a confiança do QG, e também e a única fada sobrevivente depois dos ataques de bruxas ao longo dos tempos.

Lanna Lii - morena dos olhos lilases - humana, não vou falar seu paquera por que e segredo.


Não questionem pelo amor de deus

Capítulo 4 - •Chapter Four•


Fanfic / Fanfiction •Reflected in his gaze• Ezarel • - Capítulo 4 - •Chapter Four•


•{chapter Four}•


•Absinthe Guard•


~Saya Narrative


A garota de cabelos brancos levantou em um pulo, em pensar que no dia anterior conseguirá convencer Miiko em deixá-la entrar em uma guarda, Yuro — meu panalulu — me olhou roendo seu incerto perolado.


Eu fui até meu banheiro e fiz minha higiene e tomei banho, vesti um vestido  azul com traços em vinho e branco, uma meia calça vinho e sapatilha azul, sai do banheiro e peguei Yuro no colo saindo do quarto.


Sem me importar com as pessoas que transitavam nos corredores eu corri para a escadaria descendo rapidamente, corri para a biblioteca vendo Kero com um livro na mão.


–Chegou bem na hora! Podemos começar?– perguntou.


–Claro!– Sorri calma, porém animada.


– eu vou ler as perguntas e você responde de acordo com o'que você quer– eu acenti –Qual o momento do dia você prefere? O crepúsculo a aurora ou o zênite?–


–Crepúsculo com certeza– eu digo sentando em um puff que tinha na biblioteca.


–Ok, outra pergunta: Qual objeto você levaria se tivesse de ir para a floresta do sono? Um melão apimentado, um travesseiro ou sua coragem e uma faca.– ele diz e eu penso um pouco.


–Um travesseiro– digo e ele parece surpreso.


–Bom terceira pergunta. O que você faz durante seu tempo livre? Você visita a biblioteca de Alexandria? Vai explorar uma mina? Ou fica em cas...– eu não deixei ele terminar e respondi.


–Fico em casa– falei.


–Mas você nem me deixou terminar!– ele falou angustiado.


–Por que eu tinha certeza da minha resposta!– mostrei a língua a ele.


–Tá bom… Bem. Se você der de cara com um Black Dog, o que você faz?– ele deu uma pausa –Enfrenta ele com sua coragem e uma faca, você tenta fugir, ou tentar domá-lo?–


–De novo essa história de “coragem e faca”?– eu fiz bico, ele soltou uma pequena risada.


–Digamos que é uma resposta padrão, então o que você escolhe?– ele sorri.


–Tento domá-lo?– eu falo um pouco duvidosa.


–Anotado! A próxima pergunta é: qual dessas espécies de Faerie você escolheria? uma boina vermelha, um unicórnio de óculos– eu comecei a rir igual uma louca –Ei! Quem escreveu essa bobagem em meu questionário?


–Eu nem imagino...– Falei sarcástica, óbvio que eu sei quem foi!


–Certeza que foi o Ezarel… Ele não perde uma… Desculpe, as respostas são: Uma boina vermelha, um afundador de navios e um blêmia.–


–Afundador de navios!– eu digo e ele fica meio surpreso.


–Está bem… Qual objeto contém mais maana? Cachos de grão de café, água purificada ou cinzas de madeira bruta?–


–Cinzas de madeira bruta!– ele me olhou com uma cara de quem não entendeu a resposta.


–Você sabe o que e uma cinza de madeira bruta?– eu neguei e ele suspirou derrotado –E qual é o seu alimento preferido? Pão, Leite ou mel?–


–Mel– eu respondi e ele anotou.


–A próxima é: do que você tem mais medo em Eldarya? Iluminatis, Tríade ou Templários?


–Tríade–


–Você deve obedecer às ordens de quem? Miiko, ou a Miiko, Ou a Miiko.– eu olhei com uma cara de “sério?”.


–Nenhuma das anteriores– sorri –Brincadeira, da Miiko– Sempre.


–Bem agora a última questão, de qual guarda você gostaria de participar?– ele deu um sorriso calmo.


~Narrative


A garota pensou um pouco, não sabendo escolher, suas melhores lembranças eram de sua “melhor amiga”, Lue, seu melhor amigo, Nevra, e seu grande Amigo, Valkyon, e é claro, o seu “aminimigo” Ezarel, pensou e pensou até chegar em uma conclusão.


–Guarda absinto!– Sorriu, Kero olhou o livro em sua mão pensativo.


–Guarda Absinto, parabéns, bem pode falar com Ezarel para ver se ele tem alguma missão para você, caso o contrário, espere até ele ter– disse o unicórnio por fim.


A garota saiu da biblioteca, ainda segurando Yuro, ao passar na escadaria a garota vê o Chestok voando em direção a escadaria e acaba trombando com alguém, e caindo, ao olhar para cima percebe Nevra.


–De novo baixinha?–Nevra sorriu ajudando Sy a se levantar –Então… Qual Guarda?– o mais velho perguntou.


–Absinto!– Sorriu gentilmente.


O Chestok voltou pousando no braço de Chrome, o qual a garota não tinha percebido a presença.


–Woiih Chrome!


–Ola Sy, desculpe pelo Schwarz, acabamos de voltar de uma missão e a Base que achamos na floresta do sono acabou assustando Schwarz– Chrome explicou.


–Tudo bem!– A garota apertou o Panalulu em seus braços –Bem eu vou indo, tenho que ver se Ezarel tem alguma missão para mim!– a garota falou assentando e entrando No laboratório de Alquimia, onde Aleaja, tinha — mais uma vez — casado problemas, derrubando grande parte das poções.


–Aleaja!– Ykhar arrumava a bagunça da amiga, enquanto a mesma tentava ver se algum frasco estava inteiro, Ezarel apenas repreendia a sereia, o Polpatata de Ykhar ajudava a recolher os frescos inteiros, Sy observou a cena até ser notada por Ez.


–O que você está fazendo aqui?– Ezarel perguntou.


–Bem sinto-lhe dizer que parando de prestar atenção na bagunça, de Aleaja.


–Bem para o seu azar, agora eu estou na sua guarda– a garota sorri vitoriosa.


–Para sua sorte, isso quer dizer que eu sou seu chefe– ele sorriu sarcástico, o pior de tudo, e que ele estava Certo –Bem se veio ver se eu tenho alguma missão para você, eu estou cheio de missões, mas acho que nenhum está no nível da princesa– Zombou da mais nova.


–Se é assim acho que sobra mais tempo livre para a “princesa” fazer compras– a menor falou soltando Yuno.


–Leve esses pergaminhos ao QG superior– Ezarel entregou uma bolsa para a garota.


–Mas...– foi interrompida.


–Vai desistir na sua primeira missão?– a garota bufou em resposta, saindo do laboratório.


O QG superior era a parte Superior do QG, porém, só era alcançado por fadas, Fearys Blêmia, e por mascotes voadores, porém ela não tinha um, e Ezarel sabia disso.


A garota teria que pedir ajuda, até pensou em Marry e seu Crylasm, porém o mascote poderia acabar fugindo, Chrome deveria estar relatando sobre a base inimiga, então não poderia ajudá-la, mas se Ezarel pensa que venceu, ele está muito enganado, ainda tinha Kero!


A garota foi até a Biblioteca, encontrando Kero e Marry.


–Kero, Seu Seryphon poderia enviar esses pergaminhos para o QG Superior?– perguntou intusiasmada.


–Desculpe Saya, mas Seryphon esta procurando o Crylasm de Marry– a garota suspirou derrotada –Mas você pode pedir ajuda a Suzie– a garota se sentia um pouco idiota por não ter pensado na Fada.


–Esqueci… Hehe, bem eu vou indo!– a garota correu para a escadaria, subindo e indo para o quarto da rosada, que ficava do lado do seu, bateu três vezes e entrou.


A rosada mexia em alguns papéis, seu cabelo estava bagunçado e seus olhos heterocromáticos — um azul e um verde — piscavam sonolentamente,  a garota usava uma saia curta azul e uma blusa amarela, com uma meia até o joelho preta.


–Un? Sy! O que faz aqui?– a fada perguntou pegando seu óculos vermelho, e o limpando na blusa.


Suzie era uma fada que foi pega como prisioneira das bruxas na grande guerra, foi usada como fonte de informações do QG, a garota de 24 anos entrou na guarda da Sombra depois de ganhar a confiança do QG, e também e a única fada sobrevivente depois dos ataques de bruxas ao longo dos tempos.


–Bem... você poderia entregar esses pergaminhos para mim no andar superior?– a rosada encarou surpresa a albina.


–Você entrou na guarda de El?– a mais nova apenas assentiu –Bem… Deixe os papéis dentro da bolsa azul em cima da mesa… Mais tarde eu preciso mesmo ir no andar superior falar com Lillie sobre minha missão.


a garota colocou os pergaminhos na bolsa indicada e saiu do quarto deixando a fada sozinha.


A garota correu para o primeiro andar encontrando seu panalulu em um corredor totalmente desorientado, a pequena pegou o mascote no colo e encontrou Ezarel na sala do cristal, lá também tinha Miiko, Jamon, Nevra e Valkyon, a garota foi surpreendida com Leiftan saindo da sala, quase foi pega, porém se escondeu no corredor.


Olhou para sala novamente e avistou uma nova figura, uma garota, loira, dos olhos lilases, sua pele era clara, mas não tanto quanto a da albina.


–Se ela ficar, vocês serão responsáveis por ela!– disse Miiko.


–Ela pode ser útil!– disse Valkyon –Ela pode servir de isca– a loira se assustou com o comentário do platinado.


A loira olhou para a porta, quando seu olhar se cruzou com o de Saya, a albina vez um gesto para que a outra vinhesse até si, a outra sem hesitar, andou até a saida da sala do grande cristal.


–Quem e você e porque está me ajudando?– A loira perguntou.


–Meu nome e Saya, mas pode me chamar de Sy, sou uma Feary, e você?...


–Meu nome e Lanna, sou uma… Humana, mas bem… Onde eu estou?



–Você está em eldarya… e bem eu nunca vi uma humana...– a albina falou um pouco envergonhada.


–Estou vendo que eu não estou em casa– a loira riu um pouco.


–CADÊ A HUMANA?– Gritou Miiko, Nevra logo olhou no corredor e viu a loira e a albina.


–Ela está aqui– disse negra puxando a loira pelo braço.


–Ei está me machucando!–


–Estava tentando fugir?– Valkyon perguntou.


–Não! Eu a chamei.– disse Sy, Nevra a olhou e soltou o braço de Lanna.


–Então você que a libertou da masmorra?– perguntou Ezarel.


–Masmorra? não! Eu estava no quarto da Suzie!– a garota se defendeu –Mas por que ela estava na masmorra?


–Ela tentou roubar o grande cristal!– Miiko acusou.


–O que uma humana iria querer com o poder do cristal? Somente Faerys podem usar sua magia!– Saya começou – podemos dar uma chance a ela!– apertou Yuno, que parecia querer correr dali.


–Vocês que sabem! Mas você sera responsável por ela!– disse apontando para a irmã e saindo da sala.


–não vejo a Miiko irritada assim desdo assidente com os Black dogs!– Falou Nevra.


–Bem parece que alguém arranjou uma missão– disse Ezarel Irônico.


–Filho de um Black Dog– a garota murmurou –Bem eu vou te mostrar o lugar!– A albina puxou a loira para fora da sala –Bem acho que você parece meio perdida! Vamos começar com o básico, as guardas de El.–


–Guardas?–


–Yes! Bem vamos começar com a guarda reluzente!–


–Tudo bem… Acho que conviverei melhor sabendo sobre esse lugar!– a loira sorriu –Porem eu pretendo encontrar um meio de retornar para casa!–


–Claro! Bem… A guarda reluzente e a guarda que supervisiona as outras guardas, seus liders são Miiko e Leiftan– a garota mais nova falou.


–São tipo… A guarda da operação lava jato?– a loira mencionou.


–Lava-o-que?– a Sy perguntou.


–Esquece...–


–Bem também tem a guarda Absinto, que e a minha guarda, especializada em alquimia e coisas do tipo… Seu líder e o Ezarel– a mais nova citou.


–O elfo fela da puta...–


–Acho que… E esse. Bem, também tem a Sombra, liderada por Nevra, especializada em missões mais… Secretas… E claro tambem tem a Obsidiana, que e especializada em combate– a albina fez uma pausa –Liderada por Valkyon...–


–intendi… Então e esse guaxinim no seu colo?– a loira perguntou apontando para o panalulu.


–Esse e o Yuno, ele e um panalulu... Um mascote de Eldarya–


–Mascotes...– foi interrompida.


–Sy posso rouba-la um pouco de você? – perguntou Keroshane


–Claro! Eu já espliquei sobre as guardas a ela!–


–Obrigada isso vai facilitar meu trabalho– Kero riu.


A albina andou ate a escadaria, quando viu Miiko, não pensou antes de chamar a morena.


–Miiko! por que tratou a humana daquela maneira?– bufou a albina


–depois agente fala sobre isso… Agora tenho que ver se Leiftan esta bem...– a morena saiu andando, em direção ao corredor.








Notas Finais


Então gostaram? Novas personagens, lembrando que a Saya tem 15 anos!

O episódio se passa após alguns dias apos o 15° aniversario da Sy.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...