História Remake - Capítulo 7


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Exibições 3
Palavras 757
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Comédia, Drama (Tragédia), Ficção, Violência
Avisos: Álcool, Drogas, Linguagem Imprópria, Mutilação, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Capítulo 7 - As Mil Almas Perdidas


Após acordarmos ali decidimos continuar andando pela capital, sim essa cidade é a capital do estado, após sairmos de lá e andar pela capital começamos a conversar:

- Quantas são? - Charlie pergunta.

- Mil bandidos, mil vidas para salvar. - Eu respondo para ele calmamente.

- Você já percebeu que esse número aumentou facilmente?

- Sim, alias eu tenho vocês dois para me ajudar agora.

- Espera conseguir isso e morrermos juntos, certo?

- Exatamente.

- E se isso não acontecer?

- Eu darei um jeito.

Então continuamos andando até chegar em uma antiga fabrica da capital.

- Ali é onde ficam os piores da cidade...

Vamos em direção a fabrica, quando chegamos lá a porta está trancada por varias tábuas de madeira, com um soco eu quebro elas, varias luzes de miras cobrem meu corpo.

- Hey galera, vamos parar de apelação, é três contra... PORRA! CINQUENTA!

Então todos começam a mirar.

- Não vão dar chance? Olhem para nós três tão inofensivos! - Lucio diz calmamente.

- Qual é, deixa de vacilo - Charlie anda para frente enquanto fala.

- Viu, como eles dois disseram, não somos ameaça.

Então dão quinze tiros em mim, quinze no Lucio e vinte no Charlie.

- Agora vocês me deixaram puto!

- Nós avisamos! - Lucio e Charlie falam ao mesmo tempo.

A maior parte dos tiros foram nos meu braços e punhos, então eu pego levanto meu punho deixando ele próximo da minha boca.

- Já ouviram falar de contrato vermelho?

Todos eles ficam confuso coma a minha fala, então eu dou calmamente uma lambida no meu pulso bebendo um pouco do meu sangue, todos eles ficam assustados e os tentáculos negros começam a sair do chão.

- Eu bebi uma pequena quantidade de sangue para conseguir pelo menos fazer quinze desses tentáculos, mas isso vai me custar.... 

Então escorre um pouco de sangue da minha boca e os tentáculos ficam com dois metros.

- Esse é meu inferno! Bem vindos ao vale da morte.

Então eu começo a rir, o sangue escorre sobre meu terno o manchando. 

- Sangue por sangue, seus idiotas!

Então os tentáculos atacam os que atiraram em mim os matando, Lucio mata eles refletindo suas balas e Charlie usa sua katana para mata-los, até que aparece no topo da fabrica três homens.

 - Acha que vou deixar a vida deles por isso? 

Então o primeiro homem que está de preto pulo e cai de pé no chão, em seguida ele anda em minha direção.

- Você matou os melhores! 

Então ele me da um soco da cara que faz meu nariz sangras, mas eu fico sem reação e continuo o olhando.

- Vai reage! Você reagiu aos tiros! 

Eu permaneço quieto.

- Não vai responder? Acho que o medo te calou! - Ele começa a rir

Então ele me da outro soco que quebra meu nariz, eu calmamente volto meu nariz para meu lugar, se eu fosse um humano qualquer isso iria doer de mais.

- Você disse que estou com o medo certo? Mas o medo de verdade é aquele que você sente quando você percebe que o problema é maior do que o que você aguenta.

- O que quer dizer com isso?

Ele é alto, ele é careca, tipico de segurança de supermercado. Então eu dou um soco no rosto dele que faz ele bater na parede da fabrica e quebra-la.

- Eu quero dizer isso.

Então eu me dirijo até ele, eu dou um passo de cada vez, sem pressa alguma.

- Reage! Você está com medo? Parece que o medo te deixou mudo!

Enquanto isso Lucio e Charlie lutam com os outros esquisitos, então os tentáculos aparecem.

- Parece que você não é tão forte assim, segurança de mercado.

Então ele saca uma pistola que me faz cair no chão, então eu escuto uma voz, estou em um lugar escuro agora.

- Darwin, desista e morra! Aquele idiota já morreu!

- Eu nunca irei desistir!

- Então vai contrariar o próprio Remake? 

- Você não é o Remake! Remake são mais pessoas eu sei disso!

- Darwin não desista! - As vozes aparentam ser 999

- Não importa o quanto me persiga, não importa o quanto tente me matar, se ainda existe motivos para viver, eu não irei perder!

Então eu revivo outra vez no mesmo local da fabrica.

- Eu não irei morrer! Eu não sou apenas um homem! EU SOU MIL ALMAS!

Então mil tentáculos atravessam o segurança de mercado, após isso eu desmaio.

CONTINUA
 

 

 

 


Notas Finais


Esse cap foi um curto ^^. Pretendo fazer um longo e um curto


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...