História Revenge {Loki} - Capítulo 6


Escrita por: ~

Postado
Categorias Mitologia Nórdica, Os Vingadores (The Avengers), Thor
Personagens Fandral, Frigga, Heimdall, Jane Foster, Lady Sif, Loki, Odin, Personagens Originais, Thor
Tags Asgard, Frigga, Loki, Thor, Vingadores, Vingança
Exibições 41
Palavras 1.158
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Crossover, Famí­lia, Festa, Ficção, Magia, Romance e Novela
Avisos: Adultério, Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir culturas, crenças, tradições ou costumes.

Notas do Autor


Hmmm, finalmente a coroação de Thor.... (ou não?)

Capítulo 6 - Capítulo 6 - A coroação


Fanfic / Fanfiction Revenge {Loki} - Capítulo 6 - Capítulo 6 - A coroação

P.V.O Alika

Toda Asgard vibrava, pulava de alegria e gritava incansavelmente o nome de Thor, enquanto ele passava pelos guardas em direção ao Pai de Todos. Ele sorria de orelha a orelha e logo que se aproximou de Odin, ajoelhou-se, colocou o Mjolnir e o capacete no chão e piscou para mim, antes de sorrir para Frigga e olhar para o seu pai, que ficou de pé, chamando a atenção de todos.

- Thor, filho de Odin. Meu herdeiro. Meu primogênito. Desde cedo lhe foi confiado o poderoso martelo Mjolnir, forjado no coração de uma estrela em extinção. O poder dele não tem igual. Comparado como uma arma para destruir e como uma ferramenta para construir, ele é um companheiro adequado para um rei. - Odin falou começando o seu discurso - Eu defendi Asgard e as vidas dos inocentes dos nove reinos desde o grande início. E hoje, chegou o dia. - Olhou diretamente para Thor - Você jura que guardará os nove reinos?

- Eu juro. - respondeu Thor.

- Você jura que preservará a paz?

-Eu juro.

- Você jura deixar de lado qualquer ambição egoísta e se comprometerá apenas para o bem dos reinos?

- EU JURO! - gritou e levantou o Mjolnir.

- Então, neste dia, eu, Odin, Pai de todos, o proclamo.... - Franziu a testa e olhou para o horizonte, onde estavam centenas de convidados de Asgard - Gigantes de Gelo! - disse aflito e bateu a sua lança Gungnir no chão.

Olhei ao redor para entender do que ele falava e fiquei perdida. Não havia gigantes de gelo aqui. Somente se eles tivessem invadido outro lugar.

Os três guerreiros saíram de suas posições, assim como Frigga, Sif, Loki, Thor e Odin.

A cerimônia tinha sido interrompida e encerrada.

Corri junto de Sif para fora daquele local, seja o que fosse que estivesse acontecendo, deveríamos nos preparar para qualquer ataque.

Thor, Loki e Odin se direcionaram para a parte interna do Palácio.

- Sabe o que está acontecendo? - perguntei para Hogun.

- Parece que invadiram o Cofre de Armas. - respondeu ele e eu bufei. Tinha que ser logo hoje? Mas é óbvio... Tinha que ser hoje. Pois hoje era o dia que a segurança estaria menos reforçada dentro do Palácio. Havia sido um ataque planejado por alguém que sabia da coroação. Alguém de dentro ou de fora de Asgard.

Apressei-me em ajudar a retirar os plebeus do possível campo de ataque com segurança e os guardas, sendo ordenado por Balder, cuidou do resto.



P.V.O Loki

Eu, Thor e o nosso pai nos dirigimos até o Cofre de Armas. Foi aqui que tinha sido invadido, como eu havia planejado. E pelo visto, tudo saiu de acordo.

Entramos na sala e a primeira coisa que notei foram os Gigantes mortos no chão. Thor bufou e foi logo explodindo, como sempre.

-Os Jotuns pagaram pelo o que fizeram. - esbravejou enquanto eu só o observava.

- Já pagaram com suas vidas. O destruidor fez o trabalho dele. A caixa está segura. Está tudo bem. - respondeu Odin referindo-se que não era necessário uma guerra. Pena que, infelizmente, Thor não daria ouvidos ao Odin. Ele será persuadido por mim.

- Quero saber o por quê! - gritou ele indignado.

- Eu estou em trégua com Laufey, Rei dos Jotuns.

- Ele acabou de quebrar a trégua. Sabe que o senhor está vulnerável.

- Que ação tomaria? - Questionou Odin sério e o observando.

- Eu lhes ensinaria uma lição! Assim nunca cruzariam nossas fronteiras de novo.

- Está pensando como um guerreiro.

- Foi um ato de guerra.

- Um ato de poucos, fadados ao fracasso.

- Veja como foram longe! - rosnou Thor.

- Acharemos a brecha e resolveremos.

- Como rei de Asgard...

- MAS VOCÊ NÃO É REI! - gritou Odin e eu me segurei para não rir. Sim, ele não seria rei - Ainda não... - terminou e saiu da sala. Eu encarei Thor que demonstrava revolta e também o abandonei ali, colocando em ação a segunda parte do plano.

Andei até Balder e o avisei que Asgard estava segura. Tinha sido uma invasão de somente três gigantes, onde já estavam em seus devidos lugares: mortos!

Finalmente aconteceu algo que impediu a coroação. Agora, seria somente provar ao meu Pai que Thor era um estúpido e ganhar o trono.

Fui até a sala de refeições e notei a mesa virado no chão. Thor estava sentado nas escadas ali perto e eu me sentei ao seu lado.

- Não é sábio estar em minha companhia, irmão! Hoje era para ser o meu dia de triunfo. - comentou e eu suspirei. Nunca lhe daria o prazer de sentar no trono que é meu por direito.

- Ele chegará... Na hora certa. - falei pausadamente.

- O que é isso? - Volstagg entrou na sala acompanhado de todos os guerreiros, inclusive Sif e... Alika. Era só o que me faltava.

- Se servir de consolo... - voltei a minha atenção ao Thor - acho que você tem razão. Sobre os gigantes de gelo, Laufey e todo o resto. - falei e o fitei - Se eles venceram as defesas de Asgard, por que não tentariam novamente? E com um exército? - fiz o meu melhor teatro sobre estar indignado.

- Exatamente! - concordou.

- Mas tudo o que fizer, desafiará o nosso pai. - disse por fim e Thor se levantou num pulo. Eu consegui! - Não, não, não, não. Conheço esse olhar. - fiquei de pé, fingindo o impedir.

- Temos que proteger as fronteiras. - falou ele.

- É Loucura! - respondi. Realmente era insano fazer o que Thor queria, mas eu continuaria... Com outras estratégias em mente, óbvio.

- Loucura? - indagou Volstagg comendo.

- Que tipo de loucura? - Alika olhou de Thor para mim e cruzou os braços.

- Vamos para Jotunheimr! - Thor falou decidido.

- O quê? Isto não é como ir até a Terra, onde você invoca uns raios e é adorado como um deus. É Jotunheimr! - Fandral se pronunciou contrariado e eu deixei com que eles discutissem. Agora não era mais comigo.

- Thor, isto é um delírio! - Alika se pôs revoltada, olhando para o... namorado - Odin jamais permitiria isso. Ir até jotunheimr sozinhos é como um suicídio.

- Seríamos aniquilados. - disse Sif.

- Meu pai abriu o caminho para Jotunheimr... - Thor iniciou o seu discurso e eu revirei os olhos - Derrotou o exército deles e pegou a caixa. Só queremos respostas. - abriu os braços e foi em direção da Alika - Meus amigos, vocês se esqueceram do que fizemos juntos? Fandral, Hogun... Quem os liderou às mais gloriosas batalhas?

- Você. - responderam os dois juntos.

- Volstagg, quem o levou até as iguarias mais gostosas que o fez pensar que estava no Paraíso de Valhalla?

- Você! - disse o velho vencido.

- E quem provou estar errado aqueles que negavam que uma dama não poderia ser a mais valente dos guerreiros? - ergueu uma sobrancelha.

- Nós provamos! - Falou Alika e Sif juntas, o encarando de baixo a cima.

- Verdade, mas eu apoiei. - riu - Meus amigos, nós vamos a Jotunheimr!


Notas Finais


Realmente, esse capítulo ficou "pequeno" hausha

Saquem só, Loki conseguiu que a coroação do Thor fosse interrompida e agora eles vão para Jotunheimr.
Oq será q vai acontecer lá? E pq de Loki dar essa ideia para Thor?

Eis um mistério... (até o próximo cap q eu vou postar ainda essa semana hauahaha)

Bem, pelo visto,não vai ser hj q a nossa Alikinha vai estar a um passo de se tornar rainha hein

Bye bye lovers


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...