História Reviravolta - Capítulo 73


Escrita por: ~

Postado
Categorias Cameron Dallas, Dylan O'Brien, Luan Santana, Lucas Lucco, Shawn Mendes, Tyler Posey
Personagens Cameron Dallas, Dylan O'Brien, Luan Santana, Lucas Lucco, Personagens Originais, Shawn Mendes, Tyler Posey
Exibições 168
Palavras 340
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Escolar, Famí­lia, Festa
Avisos: Álcool, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 73 - Capitulo - 73


Reviravolta - 73

Luan: Não é nada do que está pensando
Shawn: Tudo bem - disse calmo - Ouvi o choro do Breno
Eu: Ele só se assustou com o Luan com essa ruiva aí - Shawn riu - Vamos?
Shawn: Vamos - passou seus braços em meus ombros -

Fomos andando e ouvi o Luan chutar algum carro, ri em meus pensamentos. Breno foi dormindo aos poucos, estávamos curtindo o show do Gusttavo Lima, Luan já havia cantado, um problema a menos.

Eu: Ele está pesado - resmunguei -
Shawn: Ele está parecendo uma bola - rimos - Quer ir embora? Estou cansado também
Eu: Por mim tudo bem - sorri e ele me beijou -

Entreguei Breno para o Shawn e fomos para o carro.

Eu: Puts - parei - Esqueci a bolsa do Breno no camarim
Shawn: Pode ir lá, ajeito ele na cadeirinha - assenti -

Agilizei meus passos, e passei pelo o camarim, e alguém puxou minha cintura me encaixando em seu membro.

Eu: Que falta de respeito - me virei -
Luan: Não tenho controle - levantou os braços e eu ri - Você está linda
Eu: Você não está nada mal - rimos -
Luan: Sinto sua falta - alisou meu rosto e eu retirei sua mão -
Eu: Também sinto a sua, mas sabe que não podemos
Lucia: Luan temos que ir - me olhou com cara de nojo -
Luan: Tchau - sorriu beijando minha testa -

Peguei a bolsa e sai dali, tentei conter o sorriso e consegui controlar quando cheguei no carro.

Shawn: Podemos ir? - assenti -

Fomos pra casa, dei banho no Breno, e o vesti com seu pijama, tomei um banho vesti minha camisola.

Amamentei meu filho, e ele dormiu, o coloquei no berço e o fiquei olhando. Ele não parece tanto com o Shawn, no começo eu achava.

Ele parece demais com... Luan, o nariz, a boca, os cabelos, a feição. Se não fosse o DNA eu acharia que ele era o pai mesmo.

Continua?



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...