História Reviravolta - Capítulo 78


Escrita por: ~

Postado
Categorias Cameron Dallas, Dylan O'Brien, Luan Santana, Lucas Lucco, Shawn Mendes, Tyler Posey
Personagens Cameron Dallas, Dylan O'Brien, Luan Santana, Lucas Lucco, Personagens Originais, Shawn Mendes, Tyler Posey
Exibições 161
Palavras 800
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Escolar, Famí­lia, Festa
Avisos: Álcool, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 78 - Capitulo - 78


Reviravolta - 78

Me sentei no sofá tentando me acalmar, e acabei sentando em um bilhete.

"Oi meu amor, não podia sair sem ao menos deixar um recado. A vida nos proporciona momentos tão incríveis, e sabe; eu agradeço a Deus por ter te colocado na minha vida. Você é uma mulher encantadora, que só com um simples gesto faz qualquer um se apaixonar. Fique sabendo, que não estou fugindo, só não quero uma despedida, isso é um 'até logo'. Eu te amo, e sempre te amarei! Que Deus cuide de você, e do nosso menino, paciência viu? Contagie ele com a sua alegria, que é o que você faz com quem está perto de você. Se cuidem, voltei pra casa a onde nos conhecemos, já cancelei o casamento, ah e avisei a mídia que terminamos. Comprei o leite ninho pro Bre, já que tinha acabado haha. Beijoossss <3"

Sorri com tudo isso, ele nunca se esquece de comprar o leite ninho do Breno.

Mesmo com toda a minha dor, eu tinha que ser forte, e passar isso pro Breno.

Eu: Filho - ele me olhou - O papai foi embora - alisei seus cabelos -
Breno: Pra onde mamãe? - fez cara de choro e eu tentei não chorar -
Eu: Pro Canadá, ele disse que te ama muito - alisei seus cabelos - E que agora quem vai tomar conta de nós vai ser o outro papai
Breno: Mas mamãe - ele disse confuso - O outro papai nem mora aqui
Eu: Ainda vou resolver isso, tá bom?
Breno: Tá bom - disse manhoso -

Breno se acalmou, não foi tão difícil, mas eu conheço meu filho, ele é apaixonado no Shawn. Não vai ser fácil, nem pra mim e nem pra ele.

•• UMA SEMANA DEPOIS ••

Luan: Espero que não esteja fazendo isso pelo o Breno, não quero te fazer infeliz
Eu: Eu te amo Luan, você nunca me fez infeliz - sorrimos -
Luan: Então vamos, que temos muito o que fazer - rimos - Filho
Breno: Oi?
Luan: Vamos para a nossa nova casa - ele pulou sapeca -

Entramos no carro, eu só estava levando as minhas roupas, as do Bre, os brinquedos.

Luan já havia levado os móveis do quarto do Breno para a nossa casa.

Já estava tudo organizado, só havia que pintar. Então Luan deu a ideia de nós mesmos pintar.

Começamos a pintar quando de repente Luan me suja, eu retruco claro, e o sujo mais ainda, e Breno me ajuda a atacar o pai.

Breno: Vai mamãe - rimos - Agora na mamãe papai - eles vieram pra cima de mim e me pintaram -
Eu: Seus moleques - riram - Agora é em você rapaizinho - o pintei -

Luan caia na gargalhada, fizemos uma bagunça, sorte que não sujamos a casa toda, só a parte que estava no papelão.

Analisei a parede, e estava bonita, era a cor nude acinzentado. Ficou lindo, Luan me abraçou, e acabou que nos sujamos mais, e Breno abraçou nossas pernas.

Breno: Mamãe estou com fome - riu -
Luan: O papai vai te dar um banho - eles iam subir -
Eu: NADA DISSO - gritei - Da última vez vocês lavaram era o banheiro em vez de tomar banho
Breno: Eu vou tomar banho sozinho - disse firme -
Eu: Ah não vai não
Luan: Pode ir filho - riu - Bom que ele já aprende
Eu: Luan... - ele me beijou - Idiota - rimos -
Luan: Agora eu vou te dar um banho - ele me pegou me colocando em seu ombro e eu batia nele -

Luan subiu as escadas, e fomos para o banheiro do nosso quarto.

Ele trancou a porta do banheiro, e eu já sabia o que viria.

Luan ligou o chuveiro, e a tinta foi saindo dos nossos corpos, enquanto nos beijávamos. Luan introduziu seus dedos me dando um prazer enorme.

Eu arranhava suas costas, entrelacei minhas pernas em sua cintura, me encaixando perfeitamente em seu membro.

Luan me segurava pelo o bumbum, uma de suas mãos apertava meu seio. E sua boca passeava por meu pescoço, e subia para a minha boca.

Nos amamos ali mesmo, matei a saudade que tanto tinha. Tomamos um longo banho, quando sai me vesti com um vestido casual, é uma rasteirinha.

Sai, e Breno estava na sala assistindo TV, apenas de cueca, e comendo uma barra de chocolate.

Eu: Quem deixou você comer chocolate uma hora dessa? - ele escondeu o chocolate ao me ver -
Breno: Que chocolate? - riu - Mamãe a senhora tá velha, tá imaginando coisas
Eu: BRENO - gritei e ele riu - Só hoje

Luan riu e começou a comer junto com o filho, agora eu vi mesmo.

Continua?



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...