História Reviravoltas da vida - Capítulo 35


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Exibições 25
Palavras 1.949
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Romance e Novela
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Linguagem Imprópria, Sexo
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Capítulo 35 - Premiação


Fanfic / Fanfiction Reviravoltas da vida - Capítulo 35 - Premiação

Eu estava ansiosa para a premiação, eu queria levar os dois prêmios, afinal de contas, sou uma forte candidata. Combinei com Camila de passar em sua casa, para buscar ela e as meninas também, pedi ao Mark que dirigisse a limonise, assim caberiam todas. Finalmente fiquei pronta, eu estava usando um vestido branco muito justo que ia até depois do meu joelho, com um decote em V dois dedos acima do umbigo, era uma grande decote, um casaco com mangas compridas falsas que ia até a metade das minhas coxas, coloquei um salto preto e deixei meus cabelos soltos, eu me sinto sexy com eles assim. Usei uma maquiagem leve, marquei bem os olhos e coloquei um batom marron quase cinza. Eu estava fodidamente sexy!! Eu e os meus seguranças saímos de casa, indo em direção a casa de Camila, nossa entrada foi logo liberada e paramos em frente a mansão das meninas, o Mark que estava dirigindo buzinou e ficamos esperando em virem. Saí da limosine e fiquei esperando, eu estava com um buquê enorme nas mãos, com Camila eu fazia questão de ser sempre muito romântica, pedi ao meu jardineiro que colhesse quatro rosas separadas do buquê, as meninas mereciam ser elogiadas. Não demorou muito e as vi saindo, mas meu coração quase parou quando meus olhos viram a mulher mais linda do mundo vindo em minha direção, Camila estava perfeita. Ela usava um vestido longo preto, deixando sua perna direita completamente de fora e suas costas nuas, ela usava o cabelo de lado e os olhos estavam bem marcados. Eu tenho certeza que eu me apaixonei mais por ela, assim que a vi. Quando ela chegou um pouco mais perto de mim, parou de andar e me olhou dos pés a cabeça, depois fitou meus olhos, ficou parada um tempo até ser praticamente arrastada por Dinah até mim.

- Boa noite, meninas!! Vocês estão belíssimas. Trouxe uma rosa para cada uma de vocês. – Eu disse e entreguei a rosa primeiro a Dinah, depois a Mani, a Ally e por último a Lauren, corri o risco dela não aceitar, mas ela pegou a rosa da minha mão e sorriu em agradecimento. As meninas também não falaram nada, sabiam que era hora de eu entregar o buquê a minha Camila.

- Boa noite, meu amor... Você é com toda certeza a mulher mais linda da noite... Nunca imaginei que você pudesse ficar mais linda do que já é, me apaixonei mais por você. Trouxe esse buquê de rosas pra você, é só pra demonstrar o quanto eu te amo e o quanto você é linda, quero poder dizer isso todos os dias. Será uma honra poder andar de mãos dadas pela primeira vez em público com você, poder mostrar ao mundo que você é minha. Você está maravilhosa, Srta. Cabello. – Eu disse isso e entreguei o buquê de rosas a ela, a mesma sorriu pra mim e acariciou o meu rosto.

- Eu tenho uma sorte muito grande... Olha quem é minha namorada... Amor, se você pudesse se olhar como eu estou te olhando agora, nunca falaria que eu sou a mulher mais linda do mundo... Com certeza você que é. Meu coração quase parou ao te ver encostada nessa limosine, cheia de rosas nas mãos. Eu que terei a honra de andar ao seu lado essa noite... quero falar para todos a mulher incrível que você é e o quanto eu te amo. Você está muito linda, eu mal consigo raciocinar. – Ela disse e eu lhe puxei para um selinho rápido.

- Puta que pariu, Ana. Você está muito gostosa... a Camila também está maravilhosa, mas você está até me deixando nervosa. Eu sei que as vezes implico com vocês duas, mas eu sou muito feliz por vê-las juntas, por ver esse sorriso lindo no rosto das duas. E você é incrível, obrigada pela rosa. Obrigada por fazer minha Chancho tão feliz. – Dinah disse e me abraçou.

- Bom, meninas... Agora vamos!!! Não gosto de atrasos. Entrem na limosine, temos champanhe e tudo mais. A festa começa desde já. – Eu disse e as meninas entraram. Todas ficaram deslumbradas com tudo.

Fomos todo o caminho conversando e cantando. Bebi algumas taças de champanhe com a Camila, eu não conseguie tirar os olhos dela e nem ela de mim. Logo chegamos ao local do evento, estava repleto de fotográfos, repórteres e tudo mais. Antes de descer, dei um selinho em Camila, sai do carro e estendi a mão pra ela. Muitos flashes ao nosso redor, entrelacei nossas mãos e seguimos para dentro do local, paramos para dar algumas entrevistas e tirar algumas fotos. Logo chegou a vez da repórter da Ophra, eles queriam falar comigo e com Camila, apenas.

- Olá, Pollyana Ferraz e Camila Cabello. Obrigada por pararem e conversar um pouco conosco.

- Olá, é um prazer. Quero aproveitar e mandar um beijo para minha grande amiga Oprha. – Eu disse.

- Acredito que vocês irão se encontrar lá dentro. Mas vamos a pergunta que todos querem saber, como anda esse namoro?

- A mil maravilhas!! Estamos muito felizes juntas... A Ana é a mulher mais incrível, romântica e linda do mundo. – Camila disse e eu sorri apaixonada.

- Nossa!!! Vejo que a Camila está muito apaixonada!! Mas  e você, Ana? Como é namorar a Camila Cabello?

- Sabe aquela sensação de ter encontrado seu lugar no mundo? Uma sensação de estar se afogando em si mesma e aparece alguém e te salva, te fazendo a pessoa mais feliz do mundo? Pronto, é assim que eu me sinto. Camila não está apaixonada sozinha, eu estou completamente apaixonada por ela e por esse sorriso. – Eu disse isso e Camila me dei um selinho demorado, me surpreendi.

- Nossa, me emocionei. Desejo toda a felicidade do mundo pra vocês duas. Ana, me fala está confiante para a premiação dessa noite?

- Sim, se eu não fosse confiante com o meu trabalho, não seria atriz. Dei tudo de mim nesse filme, do mesmo jeito que fiz com os meus outros trabalhos. Se o prêmio vier, ótimo, Mas não se não vier, não significa que não fiz um trabalho incrível. – Falei firme, eu sempre fui e sempre serei a melhor em tudo o que eu me propor fazer. Melhor para mim mesma, eu adoro me desafiar.

- Estaremos torcendo por você. E você Camila, soube que entrará em tour, a última desse trabalho, ansiosa? O último CD foi maravilhoso, já estão preparando o próximo?

- Bom, estou sim ansiosa, realmente fizemos um trabalho maravilhoso. Ainda não estamos trabalhando para o próximo, mas já estamos conversando a respeito disso. – Camila disse e as meninas chegaram. Me despedi da repórter e fui dar outras entrevistas, dessa vez sozinha. Afinal de contas, Camila fazia parte de um grupo e não carreira solo.

Dei muitas entrevistas, encontrei alguns amigos. Logo eu e Camila estávamos juntas novamente, fomos nos sentar. Ficou Ally, Lauren, Mani, Dinah, Camila e eu. Logo me dou conta de quem se sentaria ao meu lado, a Cara Delevingne, a mídia já havia noticiado que nós duas estávamos nos conhecendo melhor, o que era uma mentira. Nós não éramos amigas, mas já nos conhecíamos pessoalmente, numa festa na casa da Demi, nós duas trocamos uns beijos, nada sério. Camila não sabia disso e eu preferia que ela continuasse sem saber, até por que não tinha nada de mais naquilo. Mas lembrei que quem estava ao lado de Camila era a Dinah Jane e com certeza ela não deixaria de comentar aquilo. A Cara vem e me cumprimenta com dois beijos no rosto, apresento a Camila a ela como minha namorada, elas se cumprimentam, logo a Cara falou com a Dinah e com a Mani, elas se conheciam, também daquela festa. As meninas apresentaram a Lauren e Ally a ela, que depois se sentou. Reparei a Camila e Dinah conversando, mas ignorei. Sentir uma mão no meu ombro, quando olho pra trás vejo a Ellen, dou um sorriso grato por vê-la. Não demorou muito e a Camila veio até ao meu ouvido falar.

- Quem será a próxima pessoa que vou conhecer e que já beijou a boca da minha mulher? –Ela disse firme ao pé do meu ouvido.

- Amor, não precisa ficar com ciúmes. Isso foi antes de te conhecer, ok? Eu disse a você que tinha o currículo cumprido. Me desculpa por isso. – Eu disse e alisei seu rosto.

- Tudo bem, eu sei muito bem a vida que você levava antes de mim. Mas agora você é minha, e eu sou a única desse lugar que posso beijar essa sua boca, por isso vem aqui. – Camila disse isso e me deu um beijão, só ouvi uns gritinhos, provavelmente as meninas.

Depois da cena de possessiva que Camila fez, ela e as meninas precisaram ir cantar. Elas arrasaram, minha neném canta muito. Depois começaram a anunciar as premiações... Eu estava nervosa, mas obvio que não deixei transparecer, essa é uma das vantagens de ser atriz. Camila não parava de falar que não entendia como eu estava tranquila daquele jeito e eu apenas fingia indiferença. Logo chegou a hora da premiação de melhor filme, e o que eu havia feito com a Dulce estava concorrendo. Eles anunciaram e nós ganhamos, desci até lá e a Dulce e os outros atores também, fizemos os agradecimentos e foi muito gratificante pra mim. Então, chegou a premiação de melhor atriz.

- E o prêmio de melhor atriz vai para... Pollyana Ferraz!! – Anunciaram, eu dei um beijo em Camila que chorava orgulhosa, abracei a Dinah e a Ellen e desci para fazer meu discurso. Os outros gritavam muito e aplaudiam, eu adorava tudo aquilo.

- Que loucura!! Bom, eu só tenho a agradecer a todos por todo apoio. Quero agradecer em especial a minha melhor amiga, Ellen Pompeo, por todo apoio e incentivo. Quero agradecer a minha grande amiga e protetora, a qual eu tenho total amor e respeito, Shonda Rimes. Agradeço os meus companheiros de cena por toda parceria, esse prêmio também é de vocês. Quero agradecer as minhas amigas Dinah Jane e Normani Kordei, por todo suporte. Os meus lindos e maravilhosos filhos por todo carinho e admiração a mim. Agora, eu quero agradecer alguém mais que especial, essa pessoa entrou na minha vida, bem depois de eu gravar o filme, mas ela tinha mais certeza que eu iria ganhar esse prêmio... Ela é a mulher mais linda da noite, e é o amor da minha vida... Amor, obrigada por tudo. Quero dizer na frente de todas essas pessoas e ao mundo o quanto eu te amo e como vou fazer de tudo para te fazer a mulher mais feliz do mundo. Eu te amo, Camila Cabello. – Eu disse isso e todos começaram a gritar e bater muitas palmas, pude ver Camila limpar uma lágrima e vir em minha direção, ela me beijou com paixão e todos continuam gritando. Voltamos para o nosso lugar e as premiações continuaram.

Teve uma festa depois da premiação, ficamos um pouco, as meninas iriam viajar no outro dia logo cedo. Camila dormiu na minha casa, ficamos curtindo uma a outro o máximo que deu. Esatávamos nos preparando pra ficar um mês sem nos vermos... Sinceramente, não sei se vou aguentar. Levei Camila até ao aeroporto e nos despedimos aos beijos e lágrimas. Eu não ia aguentar ficar tanto tempo sem ela. Me dediquei aos meus filhos e ao trabalho durante as duas primeiras semanas. Eu e minha namorada nos falávamos todos os dias, e percebia em sua voz a tristeza e a saudade, aquilo me partia o coração. Então resolvi fazer uma loucura e precisaria da ajuda da Dinah.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...