História Reviravoltas da vida - Capítulo 41


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Exibições 7
Palavras 4.073
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Romance e Novela
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Linguagem Imprópria, Sexo
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Capítulo 41 - Aceita se casar comigo?


Fanfic / Fanfiction Reviravoltas da vida - Capítulo 41 - Aceita se casar comigo?


Aquela semana passou voando, graças aos deuses. Foi um correria conseguir planejar tudo sem Camila saber, mas a Ellen me ajudou. Eu havia planejado a viagem dos sonhos para pedir Camila em casamento, gastei uma verdadeira fortuna com tudo, mas isso pouco me importava, dinheiro não era o problema. Eu conversei com Camila e decidimos viajar na quinta pela manhã, nosso aniversário era na sexta, não fazia o menor sentido passá-lo viajando, a mesma concordou. Infelizmente tive que contar a ela onde iríamos, mas a melhor parte da viagem ainda era surpresa. Reservei uma casinha que ficava no meio do mar, bem distante de qualquer pessoa que pudesse nos atrapalhar, ficaríamos apenas três dias nas Maldivas, mesmo já sendo final de ano nós duas ainda tínhamos compromissos. Bom, eu faria o pedido a Camila na sexta a noite, depois do jantar romântico, eu pensei em uma forma das pessoas mais importantes das nossas vidas participarem daquele momento, então, combinei tudo com o pessoal do hotel, pedi para eles colocarem um telão na praia, onde nossos amigos e familiares poderíam nos assistir via skype, Dinah sugeriu que eu fizesse um periscope para que os fãs também pudessem assistir, mas eu preferir deixar aquele momento mais reservado mesmo. Então a Dinah e a Mani ficariam com as crianças na minha casa e assistiriam tudo, dona Sinu e seu Alejandro também concordaram em participar, mas meu sogro disse que queria ter uma conversa séria comigo quando voltássemos, pedi pra eles convidarem os amigos mais intímos de Camila. A Ellen, o Patrick, o Eric, o Semente do Mal e a Demi assistiriam todos juntos na casa da Ellen. A Lauren e a Ally assistiriam da casa do quinteto. Estava tudo planejado perfeitamente, até eu me surpreendi com tudo que eu inventei. Tive um grande desafio que foi escolher o anel de noivado, só pra ela. Eu também escolhi nossas alianças de noivado, mas o anel dela foi o mais difícil, eu queria que ele fosse perfeito. Pedi para Jacob & Co desenharem um exclusivo para Camila, escolhi um diamente rosa, com lapidação em esmeralda, de 17 quilates. O diamante central é cercado por outros 58 diamantes rosas pequenos e 2 diamantes incolor, ficou perfeito, paguei 2,5 milhões com muito gosto, Camila merecia o melhor. Eu e Camila embarcamos no meu jatinho às 06:00h da manhã da quinta-feira, dormimos praticamente a viagem toda, quando acordamos fomos compor até chegar no nosso destino final, depois de 17 horas de voo. Chegamos e logo nos hospedamos num hotel normal, eu só a levaria para cabana na sexta depois do pedido, nos instalamos no hotel e logo pegamos no sono, a viagem foi extremamente cansativa. Acordei primeiro que Camila e já eram 09:00h da manhã da sexta-feira, fiquei olhando ela dormir por muito tempo... ela me trazia paz, alegria de viver, uma segurança incrível e eu só tive mais certeza que de tudo o que eu planejei era a coisa certa. Resolvi acordar o amor da minha vida.
-- Amor... acorda. -- Eu disse beijando sua nuca, a mesma sussurou algo que eu não entendi. -- Vai, amor, acorda... quero te beijar. -- Eu disse e a mesma abriu os olhos e sorriu.
-- Bom dia, amor da minha vida!! -- Ela disse e eu sorri toda apaixonada.
-- Bom dia, amor... Você é muito linda quando acorda. -- Eu disse e ela corou, enfiou o rosto no meu pescoço, eu amo quando ela faz isso. -- Você tem que se acostumar, vou te elogiar até o meu último suspiro, não precisa ficar com vergonda. -- Eu disse e ela me olhou.
-- Você é a mulher mais linda do mundo e eu te amo!! -- Ela disse e me deu um selinho.
-- Eu também te amo!! Parabéns pra nós, amor... um mês de muito, muito amor!! -- Eu disse e a puxei para um beijo apaixonado e cheio de carinho.
-- Parabéns pra nós, meu amor... esse foi o mês mais feliz de toda minha vida. -- Ela falou alisando meu rosto.
-- Apartir de agora eu vou fazer com que todos os seus dias sejam mais felizes, eu te amo!! -- A beijei de novo.
-- Eu também vou te fazer a mulher mais feliz do mundo. Eu te amo, vida!! -- Ela disse e eu a abracei, ficamos ali um tempo.
-- Que tal tomarmos um banho, hein? -- Eu perguntei beijando seu pescoço.-- Vamos? -- Eu perguntei mais uma vz e arranhei sua barriga.
-- Como te dizer não? -- Ela perguntou e eu a puxei para meu colo e a beijei com muito amor e desejo.
-- Muita roupa, amor!! -- Eu falei segurando a barra de sua blusa, ela levantou os braços para que eu pudesse tirar e foi isso que eu fiz.
-- Você também. -- Ela disse no meu ouvido e desceu as mãos para minhas costas, puxou a barra da minha camiseta pra cima, assim que ela tirou fiquei em pé com ela no meu colo.
-- Vamos logo pro banho. -- Eu disse e a coloquei no chão. Terminamos de nos despir e seguimos para o banheiro, a virei de costas pra mim e colei nossos corpos nus. Olhei ao redor do banheiro e sorri ao ver uma banheira.
-- Huuum, acho que temos uma banheira. -- Ela falou com uma voz safada e eu sorri.
-- Podemos usá-la se você quiser!! -- Eu disse e a mesma assentiu, deixei a banheira enchendo e voltei a beijar minha futura noiva. -- A noite eu tenho uma surpresa pra você.-- Eu disse e ela sorriu.

-- Mais uma? Pensei que essa viagem já fosse tudo... Não sei o que é, mas tenho certeza que vou amar!! -- Ela disse e entramos na banheira.
-- Assim eu espero!! -- Eu disse e a puxei pelo pescoço, lhe dei um beijo apaixonado. Nos perdemos dentro daquele banheiro, nos amando, não sei quanto tempo ficamos ali, mas quando saímos já era hora do almoço.

Eu e Camila almoçamos e fomos conhecer o local, que era extremamente lindo!! Passamos o resto da tarde turistando, estávamos encantadas com tudo ao nosso redor, voltamos para o hotel às 17:30h da tarde.

-- Amor, preciso que vá se arrumar... vamos jantar às 20:00h e o restaurante não é aqui. – Eu disse e a mesma me fitou com a testa franzida.

-- Não é aqui? Onde vamos? Por que você não me disse antes, não sei o que vestir... não posso simplesmente sair feia ao seu lado, se não um monte de piranha de biquíni fio dental vai cair em cima de você... mas que porra!! – Ela disse indo em direção a mala e revirando a mesma, jogando roupa pra tudo o que é lado. Eu sorri do seu desespero, fui até ela e a abracei por trás, colocando o meu queixo em seu ombro.

-- Amor, calma!! Eu não disse nada por que era surpresa... e bom, eu tomei a liberdade de te comprar um vestido, gostaria muito que usasse o mesmo nessa noite. – Eu disse e ela se virou pra mim.

-- Você comprou um vestido pra mim? Ai meu Deus, que namorada linda eu tenho. Onde está? – Ela perguntou agoniada, sorri do seu jeito.

-- Amor, presta muita atenção no que eu vou te dizer agora, preciso que confie em mim, ok? – Falei.

-- Eu confio em você, amor... mas o que você está aprontando? – Ela perguntou e eu respirei fundo antes de contar o que ela deveria fazer.

-- Bom, preste atenção. Dentro daquele armário está o seu vestido, o seu salto e o colar, eu mesma mandei fazer tudo... tudo é desenhado. Você irá se arrumar e quando estiver pronta vai sair de dentro do apartamento e lá fora o Brad estará te esperando, ele te entregará um cartão, pode ler assim que o pegar. Logo em seguida você saberá o que fazer... estará tudo no cartão. Eu não ficarei aqui, irei te encontrar mais tarde. Preciso que faça exatamente tudo o que eu estou te dizendo, ok? Não se preocupe, o Brad estará com você em todo o momento... ele será o seu motorista e irá te levar até mim. Esteja pronta às 19:00h, em ponto. – Eu expliquei tudo com muita calma, ela só me olhava confusa, eu confesso, estava com medo da reação dela, mas não desistiria de forma alguma.

-- Amor... o que você está aprontando? Não estou entendendo nada... estou nervosa!! – Ela disse eu selei nossos lábios, tentando acalmá-la.

-- Só confie em mim, ok? Faça exatamente tudo o que eu estou te pedindo. Eu te amo, você é o amor da minha vida!! – Eu disse alisando seu rosto.

-- Está certo, farei tudo o que você está me pedindo... mas confesso que estou muito nervosa, mas vamos lá!! Eu também te amo, minha vida!! – Eu a beijei e saí daquele quarto. Fui me arrumar no quarto que ficava no andar de baixo, eu precisava ser mais rápida que ela.

Camila POV

Eu estava surtando!! Não fazia a menor ideia do que a louca da minha namorada estava aprontando... mas eu confio nela mais do que em qualquer outra pessoa na minha vida, então resolver fazer o que ela estava me pedindo. A mesma deu um beijo apaixonado e saiu do quarto, fiquei parada alguns minutos tentando assimilar tudo. Fui até o armário pra ver o vestido que ela havia mandado fazer especialmente pra mim, assim que abri o mesmo meu coração errou uma batida, o vestido era completamente lindo. Ele era branco, ficava em cima dos meus joelhos, tomara que caia, tinha o pequeno v em seu busco, quando eu digo pequeno, é pequeno mesmo, sorrir ao imaginar ela opinando no tamanho do decote. O salto era bege, perfeito, exatamente como eu gosto. Coloquei tudo em cima da cama, mas ai lembrei que tinha também um colar e voltei ao armário para poder pegá-lo, assim que abrir a linda e chiquérrima caixinha, quase cai pra trás... o colar era completamente perfeito, ele ficaria bem no meio do meu pescoço, cheio de diamantes negros, com cordões discretos caindo por tolo ele, também repleto de diamantes... aquilo deveria ter custado uma fortuna!! Fiquei um tempo admirando tudo o que minha namorada havia me dado, ela era incrível!! Quase pulei da cama quando vi a hora, já eram 18:20h e eu precisaria ficar pronta exatamente às 19:00h, então corri para o banheiro, tomei um banho bem gostoso, passei hidratante por todo meu corpo, eu sei o quanto ela gosta do meu cheiro. Me vesti, passei uma maquiagem bem leve, passei perfume e logo depois fui me olhar no espelho e sorri com o resultado, eu estava a altura de andar de mãos dadas com Pollyana Ferraz. Olhei a hora e faltavam apenas 2 minutos para às 19:00h, peguei uma pequena bolsa de mão e saí do quarto, dando de cara com o meu segurança Brad, muito bem vestido.

-- Bem na hora, Srta. Cabello. Com todo respeito, a srta está linda!! – Sorri com toda formalidade do Brad, ele era meu segurança, mas primeiramente era meu amigo.

-- Cala a boca, Brad. Não precisa dessa formalidade comigo, viado. – Eu disse revirando os olhos, ele era gay, casado com o Mark, que provavelmente estava com a Ana.

-- Desculpe, Srta. Mas são ordens da Srta. Ferraz!! Bom, aqui está o cartão, o leia, por gentiliza. – Ele disse e eu revirei os olhos de novo, só a Pollyana mesma pra inventar essa história do Brad me tratar com formalidade, provavelmente fazia parte da toda a surpresa dela. Peguei o cartão das mãos do Brad e confesso que fiquei nervosa, olhei pra ele e o mesmo me deu um sorriso acolhedor. Respirei fundo e antes de abrir o cartão, sorri ao ver a frase que havia bem na frente do mesmo: Amor, você está linda... a mais linda do mundo, do meu mundo!!’’. Meu Deus, aquela mulher era incrível!! Respirei fundo e abrir o cartão.

‘’ Você tem um sorriso lindo! Prazer em conhecê-la.’’

‘’O prazer é todo meu Senhorita Cabello. A próposito, seus olhos são lindos!!’’

‘’ Senhorita, Cabello.’’

‘’ Senhorita, Ferraz’’. ‘’

‘’Amor, essas foram as primeiras palavras que nós trocamos... lembro como se fosse hoje, o quanto fiquei encantada com seus olhos. O nosso abraço naquela noite selou o nosso amor, eu tenho certeza disso. Você estava corada quando chegou a vez de nos abraçarmos, achei aquilo adorável, eu estava muito nervosa... lembro da sensação de te sentir nos meus braços pela primeira vez, me sentir completa, infinita... e ainda me sinto assim quando estamos juntas, você é o meu ponto de paz. Você tinha um sorriso encantador... lembro do seu cheiro, ele ficou gravado na minha memória todos esses anos. Nos seus braços eu encontrei a paz e neles eu quero morar para sempre.’’

Terminei de ler aquele cartão e eu meus olhos estavam marejados, eu estava maravilhada com tudo... com cada palavra escrita nele. Meu Deus, ela lembrava exatamente de todas as palavras que trocamos; eu também lembrava de exatamente tudo... como eu amo aquela mulher!!

-- Bom, desculpe interromper o momento, mas precisamos ir Srta. Cabello. – O Brad disse me tirando dos meus pensamentos apaixonados.

-- Tudo bem, Brad. Vamos!! – Eu disse ainda meio desnorteada.

Seguimos direto para o elevador, em silêncio. Eu sabia que Brad não me falaria absolutamente nada, então nem ousei perguntar... resolvi me entregar a aquele momento mágico que o amor da minha vida estava me proporcionando. Assim que saímos do elevador, um rapaz veio em minha direção e me entregou outro cartão, olhei pra Brad e o mesmo assentiu, entendi que deveria lê-lo naquele momento. Mas antes de abrir, sorrir mais ainda ao ler o que estava escrito na frente do cartão: Você está maravilhosa, meu amor... estou ansiosa para vê-la. Meu Deus, como ela conseguia ser sempre tão linda? Abrir o cartão e comecei a lê-lo.

’ Minha bebê ciumenta linda que eu amo.’’

‘’ Minha latina... meu amor. Poderia passar o resto dos meus dias vendo ela dormir desse jeito.’’

‘’Amor, você deve está se perguntando o que essas frases significam... bom, a primeira frase foi você quem escreveu na legenda de uma foto sua com a Lauren, no dia que nos encontramos pela primeira vez. Fiquei me sentido estranha assim que li, hoje eu entendo que aquilo era ciúmes, eu queria que você estivesse comigo daquele jeito e não com ela. Então, resolvi postar uma foto com a Sara e coloquei aquela segunda frase como legenda, lembro que você curtiu e eu sabia que havia ficado mexida. Quem diria, nós já nos amávamos... já sentíamos ciúmes uma da outra... e a próposito, você é a mulher mais linda do mundo com ciúmes’’.

Caralho, ela lembrava de exatamente tudo. Lembro que fiquei com muita raiva quando ela postou a foto com a Sara, mas não entendi nada na hora... resolvi esquecer. Pollyana Ferraz existia mesmo? E ela é minha? Como pode ser tão perfeita.

-- Brad, a Ana vai me matar de tanto amor... que mulher maravilhosa!! – Eu disse sorrindo, e pude perceber que ele se segurou pra não retribuir.

-- Por favor, Srta. Cabello. Precisamos seguir até o carro, me acompanhe, por gentiliza. – O mesmo disse e eu bufei com toda aquela formalidade, mas logo esqueci... queria chegar logo ao local de destino e encontrar a minha namorada e a encher de beijos. Entramos no carro e seguimos para um lugar que eu não fazia a menor ideia de onde era. Comecei a olhar o carro e logo vi uma rosa, junto com um cartão ao meu lado do banco de trás... já sabia que era dela. Na frente estava escrito: Vem logo, meu amor... estou louca pra te ver. Sorri e abrir o cartão.

‘’ Oi, sua puta. Pensei que não ia me ligar.’’

‘’ Bom, a Dinah realmente é uma puta. Mas quem está falando é a Camila Cabello.’’

Sabe, amor... Eu quase desmaiei quando ouvi sua voz no dia do meu aniversário, você não tem noção do quanto eu fiquei feliz e surpresa, me sentir especial. Você sempre fez com que eu me sentisse completa, mesmo longe. Depois disso, ficamos anos sem nos falar e quando nos víamos era de longe... uma tortura. Mas ai veio aquela festa maravilhosa.

‘’ Oi, Srta. Cabello. Será que aceita dançar comigo?

‘’ Pensei que não iria tomar coragem, Srta. Ferraz.

Juro amor, quase tive um pequeno infarto naquele momento... lembro que você estava bem assanhadinha daquele noite, nós dançamos e você falou do meu cheiro, disse que eu dava água na boca, você estava muito bêbada, a mais linda de todas. Juntei todas as minhas forças e coragem e te chamei pra jantar, nenhuma mulher no mundo conseguia me intimidar, só você. Eu estava com medo de levar um não, mas você aceitou, obrigada por isso. Nosso jantar foi incrível, o melhor que já tive em toda minha vida até agora.

‘’ Srta. Cabello, com todo respeito, mas quero convidá-la a ir em um lugar comigo nesse exato momento. Gostaria muito que aceitasse.’’

Fiquei com tanto medo de você recusar ou achar que eu estava querendo te tarar (bom, eu queria também), quando você aceitou, meu coração disparou.

‘’ O que vamos cantar, Srta. Ferraz?’’

‘’ Então, você pensa em mim, Srta. Ferraz?’’

‘’ Todas os dias desde a primeira vez que te vi pessoalmente, Srta. Cabello.’’

Esse foi um dos momentos mais lindos da minha vida, eu sei que não tenho uma voz linda como a sua e estava muito nervosa, mas cantei pra você com todo amor que havia dentro do meu coração.

‘’Deusa com ar de menina...’’

‘’ Apenas deita comigo naquela cama e me abraça, apenas isso.’’

Quando você disse isso o meu mundo fez sentido, era tudo o que eu queria.

‘’Kiss me like you wanna be loved... This feels like falling in love... ‘’

Eu sabia depois que cantamos essa música, que você era minha e eu era sua, pra sempre!! Te beijar fez com que eu me sentisse infinita... eu te amo!!

‘’Definitivamente, Cabello. Você é o amor da minha vida’’

‘’Você também é o amor da minha vida’’.

‘’ Então... Camila Cabello, você aceita namorar comigo!?’’

‘’ É claro que eu quero, meu amor. Mais do que tudo!!

‘’ Eu posso te chamar de mama?’’

‘’ Você é a mulher da minha vida, Camila... eu quero me casar com você...’’

‘’ Eu sempre vou te dizer sim, Ana. Sempre vou dizer sim ao nosso amor, ao nosso futuro casamento, aos nossos filhos, sempre vou dizer sim a uma vida inteira vivida ao seu lado.’’

Então, amor... vem me encontrar!!

Terminei de ler aquele cartão e eu estava chorando copiosamente... Como eu amava aquela mulher... eu estava fora de mim, sem acreditar em tudo o que ela havia feito... cada palavra foi escrita por ela naqueles cartões, ela planejou tudo perfeitamente, tudo por mim e pra mim.

-- Srta. Cabello, a Srta. Ferraz está a sua espera... Você só precisa seguir essas rosas, logo mais a frente ela estará a sua espera. Boa sorte, minha amiga!! – Brad disse e beijou minha cabeça.

Respirei fundo, juntando todas minhas forças e segui o caminho repleto de rosas que me levava até a areia da praia, logo avistei o amor da minha vida... Ela estava linda!!! A mesma usava um vestido preto, que caiu perfeito em sua corpo, ela estava sentada num banco com o violão em seu colo, cada vez que eu chegava perto dela as lágrimas caiam descontroladas no meu rosto, quando olhei havia um telão e pude ver rosto familiares nele, todos estavam vendo aquele momento lindo, meus amigos, meus pais, minhas melhores amigas e meus filhos, sim meu filhos... olhei pra minha namorada, eu ainda estava confusa, ela não se moveu, quando comecei a ir mais perto dela, a mesma começou a dedilhar o violão, parei na hora e fiquei a olhando. Então pra me acabar de vez, ela começou a cantar.

 

 Heart beats fast

Colors and promises

How to be brave?

How can I love when I'm afraid to fall?

But watching you stand alone

All of my doubt suddenly goes away somehow

 

One step closer

 

I have died every day waiting for you

Darling, don't be afraid I have loved you

For a thousand years

I'll love you for a thousand more

 

Time stands still

Beauty in all she is

I will be brave

I will not let anything take away

What's standing in front of me

Every breath

Every hour has come to this

 

One step closer

 

I have died every day waiting for you

Darling, don't be afraid, I have loved you

For a thousand years

I'll love you for a thousand more

 

And all along I believed I would find you

Time has brought your heart to me

I have loved you for a thousand years

I'll love you for a thousand more

 

One step closer

One step closer

 

I have died every day waiting for you

Darling, don't be afraid, I have loved you

For a thousand years

I'll love you for a thousand more

 

And all along I believed I would find you

Time has brought your heart to me

I have loved you for a thousand years

I'll love you for a thousand more

Eu não estava mais em mim naquele momento... ela chorava e eu também. A mesma largou o violão e veio em minha direção, pegou minhas mãos e as beijou.

-- Amor, espero que tenha gostado de tudo... planejei cada detalhe. Eu te amo muito, amo mais do que a mim mesma. Quando eu disse que quero passar o resto da minha vida ao seu lado, eu estava falando sério... quero viver o resto dos meus dias ao seu lado. Então, resolvi fazer tudo isso, eu não aguento mais um dia longe de você, sem saber que você será minha pra sempre. Camila, você me trás paz... me trás alegria de viver... você fez meu mundo fazer sentido!! Eu já amei antes, mas nada se compara ao o que eu sinto quando estou com você... quando penso em você... quando eu te beijo... quando fazemos amor... eu quero isso pra sempre, quero você pra sempre, pra sempre mesmo!! É por você que eu acordo todos dias e tento ser uma pessoa melhor, te amar no começo me assustava, por que é muito grande o que eu sinto aqui... mas eu sei que chegou a hora e eu estou certa que ficaremos juntas pra sempre, só basta você dizer sim. Então, Srta. Cabello, aceita se casar comigo? – A mesma disse isso tudo e no final de ajoelhou, abriu uma caixinha e eu me deparei com um anel lindo... meu Deus... se eu morresse naquela hora, morreria a mulher mais feliz do mundo. Ela estava me pedindo em casamento, o amor da minha vida, a razão de todo meu viver, a mulher que faz eu perder os sentidos apenas com um sorriso, estava me pedindo em casamento. Eu não estava conseguindo raciocinar direito, eu não merecia tudo aquilo.

-- Amor, por favor... fala alguma coi... -- Ela tentou falar, mas eu não deixei... me ajoelhei em sua frente e a beijei, do jeito que eu estava querendo desde que li o primeiro cartão. A beijei com todo meu amor, com toda vida que existia em mim... ela tinha o melhor beijo do mundo.

-- Então, você acei...-- Ela tentou falar de novo, mas a calei com outro beijo.

-- É claro que eu aceito, meu amor... Você é minha vida, Pollyana. Quero viver todos os meus dias ao seu lado!!! Eu te amo, eu te amo, eu te amo!!!! -- Eu disse e a mesma me pegou no colo e começou a me girar do ar.

-- EU TE AMO, CAMILA CABELLO!! – Ela começou a gritar e eu gritei junto.

-- Eu sou sua e você é minha, pra sempre!! – Eu disse e coloquei a aliança em seu dedo anelar da mão direita.

-- Eu sou sua e você é minha, pra sempre!! – Ela repetiu minhas palavras e meu gesto. Logo depois colocou o anel de noivado no meu dedo, quase cai pra trás, era perfeito.

-- Amor, é lindo!! Eu te amo!! – Eu disse a beijei.

-- Eu te amo!! – Ela me beijou com muito amor.

Eu sou a mulher mais feliz do mundo!!!!

 

 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...