História Right arm of Justin Bieber- 2 Temporada - Capítulo 25


Escrita por: ~

Postado
Categorias Justin Bieber
Personagens Jaxon Bieber, Jazmyn Bieber, Jeremy Bieber, Justin Bieber
Tags Justin Bieber
Exibições 449
Palavras 590
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Famí­lia, Hentai, Romance e Novela
Avisos: Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Boa leitura.

Capítulo 25 - A ultrassom.


    Olhei pra ela e a mesma sorriu.
   
    - Deixa de ser besta.- falou passando a mão nos meus cabelos.
    -  Tá linda como sempre.- falei selando nossos labios.
    - Tava com tanta saudade de você.- falou me abraçando.

      1 semana depois.

        Tifanny on.

    Acordei e olhei pros lados pra ver se realmente eu estava em casa. O Justin dormia do meu lado. Tão lindo. Me levantei e fui fazer minha higiene matinal. Vesti um shorts e desci pra cozinha.

     - Oi gente.- falei pros empregados.
     - Oi.- todos falaram é sorriram.
     - O Sr. Bieber já estava na depressão sem você aqui.- uma delas falou. Não falei nada só sorri.
     - TIFANNY!!.- ouvi o Justin grita da parte de cima da casa.
     - Oi!?.- aumentei o tom de voz.
     - Nada.- terminei de tomar meu café e subi pro quarto.
     - Oque aconteceu?.- perguntei deitando na cama.
     - Achei que estava sonhando com você aqui. Achei que era um sonho você ter voltado.- falou se levantando e indo pro banheiro. Peguei o celular dele é vi várias chamadas pro meu celular, várias mensagens.- sabe teve uma época que eu achei que nunca mas iria te ter novamente.- falou saindo do banheiro enrolado na toalha. Se aproximou de mim e me deu um beijo demorado.- te amo.- falou finalizando com um selinho.
     - Também.- o mesmo me olhou sério. Se uma pessoa te fala eu te amo...E a outra eu também. Não parece muito verdadeiro.- também te amo.- falei rindo.
      - Hoje e sua ultrassom né? Eu não vou poder ir. Sinto muito. Tenho uns problemas pra resolver.- juro que fiquei chateada, mas oque posso fazer?
      - Tudo bem.
      - Me mostre mas tarde. Preciso ir.- falou se levantando da cama e me dando um beijo na testa.

     14:30 PM.

   Me arrumei e fui pedir para o motorista tira o carro. A Re ia comigo, menos mal.
    Chegando lá foi bem rápido. O médico me chamou e eu entrei junto com a Re. O médico começou a passar um gel gelado na minha barriga.

        Renata on.

     O médico começou a passar o gel na barriga da Tifanny e a mesma desmaiou.

    - Sra. Tifanny?.- o médico deu leves tapas na mão dela.- são gêmeos, um casal.- casal? A Tifanny não queira uma em hipótese alguma.
     - Doutor o senhor pode manter sigilo?
     - Mas ela tem que saber.
     - Por favor.
     - Ok. Aqui está.- ele deu o papel com a ultrassom e saiu da sala. Não iria contar pra Tifanny sobre ela ter uma menina. Não sei do que a mesma e capaz. Não demorou muito e ela acordou.
     - Oque aconteceu?.- perguntou rindo.
     - Sei lá. Talvez você ficou muito nervosa.
     - É. Vamos?.- ufa ela não perguntou nada sobre o papel.
  
    Quando chegamos em casa eu subi correndo pro quarto e peguei uma ultrassom minha. Desci e entreguei pra ela.

    - Está tudo bem com ele?.- perguntou olhando o papel.
    - Sim.- oque eu estou fazendo? Sou um monstro.

      Tifanny on.

     - Preciso ir agora Renata. Obrigada por ter me acompanhando.- falei abraçando a mesma.
     - Não foi nada.

   Voltei pra casa e fui pro quarto. Não estava muito disposta.

    22:25 PM.

   Tomei um banho e fui dormi.

      Justin on.

    Cheguei em casa e o Chaz não estava na sala, não sei que milagre é esse. Subi pro quarto e ela tava lá, dormindo com o barrigão dele. Deitei do seu lado e coloquei a não na barriga da mesma. Meu coração vibrou quando senti o bebê chupa.

   
   


Notas Finais


Eu não tô com muita paciência pra escrever hj, por causa do celular. Ele está travando...que merda😑😤
Boa noite.....


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...