História Right Moment; jikook - Capítulo 18


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), Lu Han
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Lu Han, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags Bts, Jikook, Namjin, Vhope, Vkook, Yoonmin
Visualizações 49
Palavras 2.569
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Crossover, Romance e Novela, Yaoi
Avisos: Gravidez Masculina (MPreg), Incesto, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


hello unicórnios, o capítulo 18 finalmente chegou, me desculpem se estiver uma bosta, mas e por que eu estava sem vontade de escrever, mas se eu não fizesse o capitulo 18 agora, eu não ia fazer nunca, eu tava muito desanimada com a fanfic e quando eu decidi escrever roubaram meu celular que fudeu tudo (T-T) já que eu fazia tudo com ele, eu não tenho computador, mas estou me virando, eu vou tentar postar pelo meno 1 vez ao mês, então sejam pacientes comigo

essa da capa ai e a park min young (a neide) uma atriz coreana, que escolhi para ser a neide (eu coloquei 'garotas coreanas" no google e a primeira que eu vi, eu disse essa vai ser a neide) me desculpem os erros eu não estou revisando os capítulos

Capítulo 18 - Oi, eu sou a neide


Fanfic / Fanfiction Right Moment; jikook - Capítulo 18 - Oi, eu sou a neide

6:00 da manhã, acabei de acorda, hoje esta fazendo frio, perfeito, já comecei a sentir os efeitos colaterais da festinha particular minha e do jimin, eu estava todo dolorido e as portinhas do fundo estava até pulsando, comecei a rir de mim mesmo, sentei na cama e soltei um suspiro, olhei para o lado e logo de cara vejo a carta do jimin, eu estava tão cansado ontem que nem li, peguei a carta do jimin, e no envelope tinha um coelho desenhado, só ele mesmo, abrir a carta, e desdobrei o papel e comecei a ler: 

 

"haha, oi rabbit, nem sei como começar, vou tentar ser o mais romântico possível, então... continuando...estou muito feliz por te uma pessoa como você ao meu lado, hoje nós completamos 2 dias de namoro, que emocionante!, ainda me lembro da primeira vez que te vi, eu tinha acabado de chegar  na cidade, e fui andar de bicicleta para conhecer a vizinhança e você também estava andando de bicicleta, você me ultrapassou e ainda saiu sorrindo" 

 

Quê? Não acredito que ele ainda se lembra disso 

 

"e como eu levo as coisas a sério, eu pedalei o mais rápido, eu pedalei o mais rápido que eu pude para te ultrapassar, que resultou em uma corrida, nós estávamos empatados, corremos tão rápido que caímos na curva da rua 5, rimos de nós mesmo, você se apresentou para mim e eu fiz o mesmo, e naquele dia se tornamos amigos, também me lembro dos 3 meninos da rua 5 que me batiam sem eu fazer nada, eu não conseguia reagir, porém um dia quando me agrediam mais uma vez, você apareceu heroicamente e me defendeu, você começou a bater nos garotos, mas ainda eram 3 contra 1, você estava radiante mesmo estando em desvantagens, você continuou batendo e na mesma hora eu tomei coragem e entrei na briga, nós demos uma surra nos garotos, desde esse acontecimento eu comecei a te vê com outros olhos, você me defendia de outros, se preocupava comigo, me fazia rir o tempo todo, me ajudava a superar os obstáculos da minha vida, você roubou meu coração e quando eu fui me da conta dele já era tarde, resolvi deixar meu coração com você como forma de agradecimento por tudo que tinha feito por mim, me entreguei a uma paixão, mesmo que talvez eu não fosse ser correspondido, eu era feliz só pelo fato de estar perto de você, quando o destino o destino nos afastou confesso perdi as esperanças, mas eu tinha me esquecido que tinha deixado meu coração com você, e ninguém no mundo além de você sabia como aquece-lo, anima-lo e da a esperança que ele precisava, naquele dia que você chegou no hospital inconsciente eu senti meu corpo arde de novo, e prometi para mim mesmo naquele instante que dessa vez eu iria te proteger, e que estaria ao seu lado para te proteger, e que estaria ao seu lado para te ajudar e te da animo quando você precisasse, a cima de tudo eu prometi que não deixaria mas nada nos separar, obrigado por existir rabbit e fazer meu dia feliz com seu sorriso fofo, eu te amo muito, e mesmo que eu gaste 100 folhas escrevendo o quanto você e importante para mim, ainda não seria suficiente para dizer o quanto eu te amo; eh isso, vou parar por aqui se não vou acabar escrevendo um livro , eu te amo nunca se esqueça disso, beijos açucarados na bunda." 

 

 

Na conseguir conter minhas lágrimas, deitei na cama deixando elas escorrerem pelo meu rosto aos pouco, apertei a carta ao meu peito, ah! Jimin, eu também não irei permitir o destino nos separar mais uma vez, irei lutar por nós 

 

 

-filho o café da manhã esta pronto 

 

-já ja eu desço omma- falei forçado tentando disfarça a voz de choro 

 

-tudo bem então 

 

 

Olhei para o relógio e já eram 6:10, daqui a pouco o jimin ia chegar, peguei minha toalha e fui para o banheiro, tirei minha roupa e liguei o chuveiro (...) 

 

Sai do banheiro com a toalha enrolada na cintura, tirei a toalha depois que verifiquei se a porta estava trancada, não quero que episodio com o tae se repita, enxuguei o cabelo meu corpo, logo após vesti meu fardamento, coloquei desodorante e perfume e arrumei meu cabelo, coloquei a carta do jimin na bolsa, e sai do quarto (...) 

 

Assim que desço as escadas do de cara com o tae que estava na mesa tomando café, a omma não estava na cozinha, deve ter ido dormi, passei direto em direção a porta 

 

-já vai? /tae 

 

-eu não vou agora, vou aproveitar que a omma não esta aqui , e vou pegar uma rosa nas plantas dela 

 

-pra quê? 

 

-para da o jimin 

 

-nem sei por que eu perguntei *expressão de nojo* /tae 

 

Eu ignorei o tae e sair para o terraço, fui até a roseira da omma e tirei uma rosa, se a omma visse isso eu estaria fudido, voltei a entrar, fui até o armário da cozinha peguei uma tesoura e retirei os espinhos da rosa,  tenho que tomar café, fui até a geladeira e peguei a vasilha de bolo e salgado que a mãe do jimin mandou, e quando eu abrir não tinha quase nada 

 

-caraca, que roubo foi esse aqui, foi você no foi tae? 

 

-foi idai, eu estava sem sono ontem a noite /tae 

 

-sabe que mas foda-se, eu vou comer isso mesmo 

 

Peguei um pedaço de bolo com a mão e coloquei na boca, quando eu terminei de engolir alguém bateu na porta 

 

Olhei no relógio e era 7:01, deve ser o jimin, o hobi só chega de umas 7:10, peguei a rosa e corri até a porta e percebi o tae me seguir com olhar, abrir a porta e um sorriso aberto surgiu em meu rosto quando vi que era o jimin, ele estava olhando para baixo sorrindo timidamente, eu o puxei para dentro de casa e fechei a porta, senti um olhar fixado em nós dois, olhei para o tae e ele desviou o olhar, no mesmo instante eu me lembrei do beijo do tae e minha consciência começou a pesar, olhei para o jimin e o mesmo sorriu para mim, mesmo sem intenção eu o trair, mas eu não consigo dizer o oque aconteceu para ele, eu estou o enganando e estou me sentindo muito culpado por causa disso, o jimin passou a mão no meu rosto e me puxou para uma beijo, eu o beijei com sentimento de culpa, abrir os olhos e olhei para o tae , o mesmo me encarava rindo balançando a cabeça  no movimento   "não", meu coração palpitou mais forte, eu interrompi o beijo e encarei o jimin 

 

-que foi rabbit? /jimin 

 

-jimin eu tenho que te contar uma coisa 

 

 

E agora, tenho que contar tudo, se eu não contar agora não vou conseguir nunca, meu pensamentos agora maquinavam a reação do jimin quando eu contasse, do jeito que o tae é, ele iria tocar fog, que acabaria em uma confusão, e o jimin poderia ficar com raiva e ter uma discursão com tae, mediante aos fatos eu comecei a ficar tenso 

 

-fala rabbit /jimin 

 

-eu... te amo- faeli deixando várias lagrimas de arrependimento caírem, chorei por não ter sido homem suficiente para ter contado tudo a ele  

 

-eu também te amo  /jimin 

 

Ergui a rosa que estava na minha mão esquerda dando um sorriso forçado 

 

-pra mim? /jimin 

 

-sim 

 

-awin que fofo, obrigado rabbit /jimin 

 

-quanta baboseira- flou tae se levantando e colocando a bolsa nas costa 

 

-bom dia para você também tae /jimin 

 

-como eu já disse para você jimin é taehyung e outra, meu dia estava bom até uns minutos atrás /tae 

 

-nossa, eu também te amo- falou o jimin rindo 

 

-hahaha, tão engraçado, nem consigo parar de rir /tae 

 

-vamos parar né, chega 

 

 

Novamente alguém bate na porta, ainda bem que o hobi chegou 

 

-entra! 

 

-vamos?- falou o hobi entrando 

 

-vamos 

 

O tae andou em passos largos até a porta e puxou o hobi pelo braço 

 

-vamos  hobi 

 

-o que ele tem contra mim em? /jimin 

 

-slá ele anda bem bipolar ultimamente 

 

-eu em /jimin 

 

-vamos  logo se não vamos se atrasar (...) 

 

Chegamos na escola, o hobi e o tae foram para debaixo de uma árvore, namjoon e jin estavam fazendo suas baboseiras de amor diária, procurei o yoongi com olhar, mas não o achei, ele deve esta em algum lugar dormindo 

 

-ei zé biscoito cadê o yoongi? /jimin 

 

-slá, ele deve esta dormindo no banheiro 

 

-*risada* como esta suas portas dos fundos? Tenho que bater palmas para você rabbit, ainda consegue andar depois de ontem 

 

-*risada* jimin amor, seu pau tem uns 16 cm, eu não consegui nem sentir ele, só gritei para não te decepcionar 

 

-que mentira!- o jimin começou a correr atrás jimin 

(AUTORA: ashkdfkd não resistir) 

 

Comecei a correr também, olhei para trás para ver se o jimin estava perto e acabei esbarrando em alguém  

 

-ai satanás, tu não olha por onde anda não é aborto de curuja 

 

-desculpa 

 

Olhei para a pessoa e soltei um suspiro revirando os olhos, era a neide 

 

-ah! E tu né jhoncu, tinha que ser /neide 

 

-jungkook mizera 

 

-e eu falei o que, jhoncu 

 

-te fode  

 

-cadê aquele seu amiguinho que você disse que voltou a morar aqui 

-dimin, gimin /neide 

 

-jimin 

 

-esse mesmo, cadê ele? /neide 

 

-ta ali- falei apontando para o jimin 

 

-hum /neide 

 

-vai querer conhecer ele ou não? 

 

-vou, você estava correndo daquele jeito por quê? /neide 

 

-o jimin estava correndo atrás de mim, ai eu fui olhar para trás para vê se ele estava perto, e advinha só o mizeravi estava lá parado na dele, por isso eu esbarrei em você 

 

-*risada* você e hilário jhoncu  /neide 

 

-você também é nerci 

 

-nerci é um pau bem grande no seu cu /neide 

 

-noza nerci 

 

-jhoncu! /neide 

 

-nerci! 

 

-cala a boca jhoncu, a gente vai ou não? /neide 

 

-vamos nerci 

 

Depois dda neidde te dado um murro na minha cabeça, nós fomos até o jimin, assim que chegamos o jimin encarou a neide a olhando dos pés a cabeça 

 

-quem é essa ai? /jimin 

 

-não vai me apresentar jhoncu? 

 

-vou calma, jimin esse rascunho de satanás de chama nerci 

 

-prazer em conhecê-la nerci /jimin 

 

-meu nome é neide e o prazer e todo meu /neide 

 

-mentira o nome dela e nerci , nerci é o nome de uma marca de saco de lixo sabia? Oía a nerci é famosa 

 

-que mentira! Cala a boca jhoncu antes que eu bata na sua cara /neide 

 

-você e amiga do kook? /jimin 

 

-sim eu conheço ele a bem mais tempo que você, somos amigos de infância /neide 

 

-acho que você esta mau informada querida, pois eu conheço o kook a bastante tempo também somos amigos de infância, conheci ele quando tinha 6 anos, creio que a mais tempo que você /jimin 

 

-mas mudando de assunto, cadê o naja, ops quero dizer tae? /neide 

 

-esta ali conversando com o hobi 

 

-um dia isso vai acabar em namoro /neide 

 

-neide!- exclamou o jin acor-irís se aproximando 

 

-oi jin /neide 

 

-oi neide /namjoon 

 

-fala nam /neide 

 

-você sumiu /jin 

 

-estava com preguiça de vim para escola, mas decidi vim porque o ano já esta acabando mesmo /neide 

 

-entendi /jin 

 

                       *TAE* 

 

 

-como eu já disse tae e melhor você parti para outra /hobi 

 

-não! Não vou perde para o jimin de novo 

 

-você já perdeu a muito tempo os dois estão namorando /hobi 

 

-como diz o ditado quem rir por último...? 

 

-se fode melhor /hobi 

 

-então ta vamos ver  

 

-para com isso /hobi 

 

-não, o jimin vai ver 

 

-vai ver o que?, não vai fazer besteira em /hobi 

 

-não garanto nada 

 

-tae! /hobi 

 

-vamos para a sala que o sinal tocou  

 

 

Me levantei e sai andando, e vejo e de cara kook e os outros entrando na escola, me aproximo deles iniciando uma conversa 

 

-neide! A garota veneno finalmente deu as cara 

 

-fala aprendiz de satã, sentiu minha falta? /neide 

 

-não, foi até bom sua ausência, que o ar da escola ficou mais puro /neide  

 

-não querido, não foi por causa da minha ausência, simplesmente você se acostumou com seu próprio cheiro  

-mas mudando um pouco de assunto, cadê hoseok? /neide 

 

-ele ta ali- olhei para trás e ele tinha sumido- osh ele estava ali agora a pouco 

 

 

 

                          *HOBI* 

 

 

 

Kook isso, kook aquilo, kook, kook ,kook, é só isso que ele sabe falar agora, eu o amo tanto, tento demostrar de todas formas, mas ele só enxerga o kook, eu só queria ter uma chance para dizer tudo que eu sinto, desabafar todo amor que eu tenho por ele, se pelo menos eu tivesse coragem pra isso, entrei na minha sla e sentei no meu lugar, depois de uns minutos o tae entra na sala e senta ao meu lado 

 

-você sumiu /tae 

 

-queria ficar um pouco sozinho 

 

-por que?, aconteceu algo? /tae 

 

-não, eu so estou um pouco triste 

 

-por quê? /tae 

 

-bobagem 

 

-fala, se foi alguém que te magoou me diz, que eu quebro essa pessoa no meio 

-você sabe que eu me importo com você né, então me conta logo o que aconteceu /tae 

 

 

"eu me importo com você", uma frase boba, mas que faz um grande estrago no meu coração, que me enche de esperanças falsas, as vezes eu acho que ele faz isso de proposito, não dá, chega, eu tenho que esquecer o tae, cansei de ficar me iludindo, espero retornos desses amor desde que eu era criança 

 

-me deixa em paz tae! 

 

Levantei, peguei minha bolsa e fui para o fundo da sala 

 

-hobi! /tae 

 

A partir de hoje será assim, cansei de sofrer por amor, mas quem eu estou tentando enganar, o tae me completa, meu dia so faz sentido quando vejo aquele sorriso quadrado, aquela risada bobinha de sempre, o modo que ele imita as pessoas, suas piadas sem graça, eu amo tudo suas qualidades e defeitos, e agora o que eu faço, como vou esquece-lo 

 

-hobi! /tae 

 

-o que você quer? 

 

-quero que você deixe de cu doce e volte logo para o seu lugar /tae 

 

-meu lugar e aqui agora 

 

-o que eu fiz? /tae 

 

-você pode me deixar sozinho? 

 

-não até saber o que estar acontecendo, você estava agindo naturalmente agora a pouco e do nada fica assim e quer que eu ignore /tae 

 

Permaneci calado, sem olhar em seus olhos  

 

-hoseok! 

-não vai me contar?  

-ta bom então, se você quer assim né, eu não posso fazer nada, mas eu vou descobrir o que aconteceu  /tae 

 

 

                          *JUNGKOOK* 

 

 

Chegamos na sala e o yoongi não estava lá, que estranho o yoongi sempre chega cedo para ficar dormindo na escola, o negocio na pizzaria ainda esta me intrigando, a forma que ele reagiu quando eu contei do meu namoro com o jimin, o que será que esta acontecendo, ciúmes de amizade não faz o tipo do yoongi 

 

O professor de química entrou na sala e iniciou mais uma aula chata, logo após o yoongi entrou na sala e olhou para mim com uma expressão séria, sentou sem dizer uma única palavra 

 

 

-acordou tarde? Sussurrei mas não tive resposta-yoongi! 

 

Mais uma vez ele não me respondeu, olhei para frente me concentrando na aula, no recreio vou ter uma conversa com o yoongi para saber o que esta havendo (..) 

 


Notas Finais


espero que tenham gostado
obs: os capítulos a seguir prometem, tretas e drama)
não sejam leitores fantasma, falem suas opiniões, se gostou ou não, dicas e criticas, pode até parecer bobagem mas até um "continua" motiva o leitor (não estou obrigando ninguém a comentar) mas pelo menos digam se estão gostando, SE QUISEREM


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...