História Road of Life - Capítulo 2


Escrita por: ~

Postado
Categorias Colin O'Donoghue, Jennifer Morrison, Once Upon a Time
Personagens Colin O'Donoghue, Jennifer Morrison
Tags Captain Swan, Captainswan, Colifer, Colin O'donoghue, Jennifer Morrison, Once Upon A Time, Road Of Life
Visualizações 26
Palavras 1.199
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Aventura, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Romance e Novela
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Gente desculpa a demora
Meu notebook estragou e eu perdi os capítulos que eu já tinha feito
Se a escrita estiver ruim, é por que eu fiz no celular e não deu pra revisar
Eu espero que gostem
Boa Leitura

Capítulo 2 - Capítulo 2


No dia seguinte, Jennifer acorda ao lado de Colin, ela sai do carro, com todo o cuidado para não acordá-lo, ela estica as pernas e faz alguns alongamentos, pega seu celular e faz uma ligação.

Jen: Oi, sou eu de novol, queria saber como ele ta...

Após encerrar a ligação, ela pega as chaves do carro e senta-se no banco do motorista e começa a dirigir, liga o rádio e abaixa o volume para não acordar Colin, que ainda estava dormindo no banco traseiro, começa a tocar a musica Distance, da Cristina Perri, ela canta baixinho para si mesma.

Depois de dirigir alguns minutos, ela encontra um posto de gasolina e estaciona, sai do carro e vai até o banheiro, lava seu rosto, escova os dentes e arruma o cabelo, ao sair do banheiro, vai até a loja de conveniência, e compra dois copos de café preto, caminha de volta para o carro e começa a passar um protetor labial, quando percebe que Colin começa a se mexer e acorda.

Jen: Bom dia flor do dia, eu achei que você não fosse acordar hoje

Colin: Durmo feito uma pedra- ele diz meio sonolento- onde é que nós estamos?

Jennifer pega seu mapa e analisa por alguns segundos

Jen: Há alguns poucos quilômetros de Portland, chegamos lá ainda hoje, eu acordei, e o carro tava parado no meio da estrada então peguei as chaves e dirigi até aqui, fiz mal?

Colin: Não, tudo bem, eu preciso ir no banheiro, eu já volto- ele pega uma mochila sua e sai.

Jen: Tá legal.

Colin sai do carro e vai até o banheiro masculino, faz suas necessidades, lava o rosto e escova os dentes, após terminar tudo, ele tira da mochila uma garrafa de água e um frasco de remédio, ele tira dois comprimidos e os engole com a ajuda da água, ele se volta para  o espelho e vê seu reflexo.

Colin: Você consegue!

Ele sai do banheiro e volta para o carro.

Jen: Vamos?

Colin: Eu dirijo, sai daí!

Jen: Lógico que não, estamos juntos nessa, eu dirijo durante o dia e você durante a noite.

Colin: Tá bom, mas vamos logo, quero chegar á Portland antes do meio dia.

Jen: Por que?

Colin: Eu tô com fome e quero almoçar.

Jen: Eu comprei café pra você.

Colin: Café não é comida.

Jen: Certo então, vamos logo.

Ela liga o carro e começa a  dirigir em direção à Portland

 Depois de alguns minutos, Colin fala com ela.

Colin: Por que Boston?

Jen: Hum?

Colin: Por que escolheu Boston?

Jen: Meu pai nasceu lá, é especial pra ele.

Colin: Então você tem um destino, ir até Boston… e eu vou com você

Jen: Por que?

Colin: O carro é meu, a menos que você queira ir andando .

Jen: Prefiro ir com você.

Colin: Me sinto melhor viajando com você.

Jen: Sério?

Colin: É, ficar nesse carro por um longo tempo dirigindo seria…

Jen: Solitario?

Colin: É.

Jen: Conta-me uma historia, me falou de quando dormiu em um barco, tem mais aventuras senhor…, eu ainda não sei seu sobrenome

Colin: O’donoghue

Jen: Odoque?

Colin ri.

Colin: O’donoghue, Colin O’donoghue

Jen: Vou precisar que escreva isso em um papel.

Colin: E o seu sobrenome.

Jen: Morrison, Jennifer Morrison.

Colin: Parece nome de atriz

Jen: Agora me conte uma historia senhor O’doeunãoseipronunciar

Colin: Certo, eu tinha 17 anos e era o único do meu grupo de amigos que ainda era virgem, então meus amigos contrataram uma garota de programa…

Jen: Você vai me uma aventura sexual sua? Que nojo!

Colin: Calma, posso continuar?

Jen: Sim.

Colin: O nome dela era Mandy, nós fomos para um motel e eu estava nervoso, só que eu descobri que não era o único, a tal Mandy, era a primeira vez dela naquele trabalho, então em vez de transarmos passamos a noite conversando e eu aconselhei ela a procurar um trabalho melhor e como compensação ela me chupou.

Jen: Seu nojento! Eu não to interessada nas suas aventuras sexuais – ela dá um tapa no ombro dele, ele gargalhava da cara de furiosa dela- eu devia te deixar na estrada, só não faço isso por que…

Colin: Por que o carro é meu- ele continua rindo.

Jen: Já que estamos relatando aventuras sexuais eu vou te contar minha primeira vez com um cara, eu tava em uma festa e vi ele com uma calça jeans apertada…

Colin coloca as mãos no ouvido.

Colin: LÁ LÁ LÁ LÁ LÁ LÁ LÁ LÁ LÁ NÃO TÔ OUVIDO!-ele tira as mãos do ouvido

Jen…Enquanto ele passava a mão na minha bunda, eu vi que era 19 cm e pensei que não ia caber…

Colin: LÁ LÁ LÁ LÁ LÁ LÁ LÁ LÁ LÁ NÃO TÔ OUVIDO!

Jen: Então ele colocou dentro e…e- ela começa a rir com a careta que Colin fazia.

Colin: Já chega, ta?

Jen: Mas agora que tava ficando bom- ela fala entre os risos

Colin: Eu já ouvi o suficiente.

Após alguns minutos, ele finalmente chegam a Portland, um clima de chuva predomina.

Jen: Vamos procurar um hotel?

Colin: Vamos comer primeiro.

Jen: Tá bom fominha!

Ela estaciona na frente do primeiro restaurante que encontra.

Os dois saem do carro e caminham até a entrada, entram e sentam-se em uma mesa juntos.

Uma garçonete aparece para anotar os pedidos, seu crachá dizia Laura.

Laura: O que o casal vai querer?

Colin: Casal?

Jen: Não somos um casal.

Laura: Desculpe, o que vão querer?

Jen: Eu quero um frango com parmesão, por favor.

Colin: Eu quero o mesmo que ela, só que também quero umas batatas fritas, um peixe frito e um pedaço de bolo de chocolate, por favor.

Laura: Esperem que vou logo trazer.

Jen: Não acha que é muita comida?- ela diz enquanto Laura coloca os pratos na mesa

Colin: É o suficiente pra amenizar minha fome.

15 minutos depois Colin terminava o bolo quando olha para o prato de Jennifer que ainda estava na metade.

Colin: Não ta com fome?

Jen: Não muita, só sinto fome mais a noite

Colin: Então passa pra cá- ele pega o prato de Jennifer e come tudo em segundos, depois levanta o rosto e Jennifer tinha uma cara assustada.

Jen: Você comeu em 15 minutos mais do que eu nos últimos 2 dias.

Laura aparece com a conta.

Colin: 75 dólares?

Jen: E 60 deles estão no seu estomago.

Colin paga tudo sozinho.

Colin: Você podia ter rachado comigo- ele fala quando eles saem do restaurante.

Jen: Você comeu tudo praticamente sozinho, vem, vamos procurar hotel fominha- eles entram no carro.

Colin: Vai me chamar assim agora?

Jen: Vou fominha

Jennifer dirige até um hotel no centro de Portland, eles saem do carro com uma tempestade prestes a desabar  e entram no saguão do hotel

Xx: Em que posso ajudá-los?

Colin: Queremos dois quarto.

Xx: Sinto muito senhor, vai ter um festival de musica na cidade e os hotéis estão lotados e aqui só temos um quarto.

Ele se vira pra Jennifer

Colin: Tem algum problema a gente dormir no mesmo quarto?

Jen: Tô de boa.

Colin: Tá bom.

Ele se vira para o recepcionista

Colin: Ficamos com o quarto!


Notas Finais


Então?
Ficou ruim?
Ficou bom?
Tinha muitos erros?
Espero que tenham gostado
Vou tentar atualizar assim que der
Até a próxima


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...