História Robôs Também Amam - Capítulo 7


Escrita por: ~

Exibições 85
Palavras 537
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Drama (Tragédia), Fantasia, Ficção, Ficção Científica, Fluffy, Lemon, Magia, Mecha, Romance e Novela, Shonen-Ai, Shoujo (Romântico), Slash, Universo Alternativo, Yaoi
Avisos: Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Mais um capítulo, boa leitura, se possível comentem, pois não estou recebendo comentários e isso já ta me deixando de depre:v
Ainda amo vocês.. ♥﹏♥

Capítulo 7 - Como Domar O Clear


Fanfic / Fanfiction Robôs Também Amam - Capítulo 7 - Como Domar O Clear

                      ♬ Clear ♬
Nunca pensei que penetraria meu querido amigo, que desejaria muito que fosse algo à mais, do que uma amizade colorida.(Pois acabei de transar com ele e continuo sendo seu amigo).

Após gozar dentro dele, me veio uma canseira e uma sonolência, quê acabei me deitando ao seu lado, estava pronto para fechar meus olhos quando sinto pernas se envolverem encima de min e seu corpo colar nas minhas costas, seu pau ficou espremido no meio de nós.

— Tenho privilégios ? — ainda de costas sussurro.
Em resposta ele me puxou, querendo passar seus braços por volta do meu corpo, unindo nossos corpos em uma conchinha apertada.

— Se sempre for esse homem, sempre terá. — Aoba começava a beijar meu pescoço e usar suas mãos, me fazendo suspirar loucamente.Não havia tesão mais boa do que à que estou sentindo agora.Também murmurava besteiras no meu ouvido, me fazendo ficar louco.

Estávamos com muita lenha ainda para queimar, mas o fogo era incessante sentia sua língua molhar meu pescoço, e suas mãos começarem a circularem meus mamilos, tudo ao mesmo tempo.

— Ahh, merda... — comecei a ofegar, gemer e meu pau estava endurecendo.
Aoba percebeu e parou de usar suas mãos , que estavam ocupadas nos meus mamilos, descendo-as até minhas bolas, me fazendo se arrepiar  com as mãos geladas.
— Ooown... — Gemi, quase urrando.

Aoba, me fazia ficar vulnerável sem nem corresponder, e dar um pouco de prazer à ele.

— Ahhh, n-não f-faz i-isso c-comigo. — supliquei implorando, para que não me fizesse gozar novamente.
Aoba, começava à me punhetar, e com a outra mão, colocava minhas bolas encima da mesma, como uma balança.
— Uuuhhhhh!! — parecia uma mulher fingindo orgasmo, quando Aoba apertava minhas bolas, porém não fingia e gemia sem ligar se ele gostava ou não.Não dava para evitar...
Me sentia sendo usado, mas adorava que ele me usasse e usufrisse de min.

Ele começou a lubrificar meu pau, com a saliva que saia de sua boca enquanto me chupava, revezava em punhetar e chupar, me fazendo ter mistos sentimentos.Gozei por não aguentar tanto tempo, que não passavam de cinco minutos, mas não tinham intervalo , e ele por sua vez sabia como me fazer seu.

Aoba me deixou sujo, com a barriga exposta e fez questão de passar suas mãos espalhando o sêmen, me fazendo saber que irei ter que tomar banho.Com ou sem ele.
Voltamos a dormir, por algumas horas...

                     ▶10:00◀
Acordei pois tava difícil dormir com ele encima de min.Seu queixo estava em meu peitoral, e ali dormia calmamente.Porém para não acorda-lo, acabava por nem me mexer e isso resultava em  câimbras.
Comecei a acariciar seus cabelos, com o intuito de que ele relaxasse e me deixasse  sair sorrateiramente, mas não deu certo.Assim que encostei em seus ombros para joga-lo para o lado, ele despertou...

— Hm..? — murmurou sonolento.
Queria sair correndo enquanto era tempo, então sai da cama rápido, mas ele se levantou na mesma pressa,foi até mais rápido.
— Fica comigo! — Aoba falou autoritário, fora isso circulou suas mãos na minha cintura, começando à descer , conforme eu ficava parado, por causa da força que me puxava para trás.


Notas Finais


O que acharam?


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...