História R.O.D - Capítulo 8


Escrita por: ~

Postado
Categorias 2NE1, Bella Hadid, Big Bang, CL (Chaelin Lee), G-Dragon, Jay Park, Kiko Mizuhara, Lee Hi, Teddy Park
Personagens Bella Hadid, Cl, D-Lite (Daesung), G-Dragon, Jay Park, Kiko Mizuhara, Lee Chaelin "CL", Lee Hi, Minji, Park Bom, Personagens Originais, Sandara Park, Seungri, T.O.P, Taeyang, Teddy Park
Tags ~chae-rin, 2ne1, Bigbang, Couple, Drama, G. Dragon, Hot, Mr & Mrs Leader, Rod, Romance, Skydragon
Exibições 119
Palavras 3.811
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Crossover, Festa, Ficção, Hentai, Romance e Novela
Avisos: Adultério, Álcool, Heterossexualidade, Homossexualidade, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Olá Amores ! ♡
Boa noite ...
Tudo bem com vocês? Eu espero que sim.

Quero agradecer novamente a todos os comentários fofos ,ao apoio que estão dando e não vou me cansar nunca de agradecer todas vocês ♡-(^з^)-♡

Estou super feliz por saber que estão acompanhando R.O.D e que amam esse couple assim como eu.
♡ ♡ ♡ ♡ ♡

Quero agradecer também a minha linda Unnie pelo grande apoio que esta me dando e quero dizer que  eu adorei saber todas as opiniões.São tantas coisas a se dizer ♡.♡
 
Bom mas pretendo não deixar muito extenso Rs ^^

Prontas para mais um capitulo?

•:•:•:•:•: Boa Leitura :•:•:•:•

Capítulo 8 - Adeus E Um Novo Recomeço


Fanfic / Fanfiction R.O.D - Capítulo 8 - Adeus E Um Novo Recomeço

   Em cada despedida um final,em cada reencontro um recomeço.

  Dias se passaram... E não tive mas noticias de Park desde a reunião na YG Enterteriment,mesmo fazendo de tudo para esquecer Teddy eu não conseguia deixar de me sentir triste e preocupada.Hoje sera a grande apresentação com a fofa da Lee Hi,tudo esta pronto e eu deveria estar animada mas infelismente não estou devido a tristeza que toma conta de mim .
   Sua imagem ainda é tão presente em meus pensamentos... Chego a ate me odiar por isso,afinal,todos os meus esforços estão dando poucos resultados por mais que tente.Mas tudo bem,pois sei que isso é uma fase da minha vida que terei que esquecer e superar.
   Todos dias ao acordar meus pensamentos vão ao seu encontro automaticamente mesmo não querendo.Ainda com a cabeça no travesseiro fecho meus olhos para sentir os pequenos fios de luz do sol que escapavam por entre as cortinas que esquentam minha face.
   Derrepente meu celular começa a tocar e ainda de olhos fechados me negando perder aquele meu momento o atendo.

- Alô

  Falo ainda de olhos fechados um pouco sonolenta sentindo a claridade .

- Alô.Quero falar com a CL por
favor...
 
- Sim é ela ,quem fala?

  Abro os olhos verificando a tela do celular para tentar ver se o contato esta na agenda com uma certa dificuldade por causa da luz percebo que é G Dragon me ligando logo cedo.

- Que coisa G Dragon,você não tem o que fazer?

- Naa... verdade não - Ele ri.

- Ha-Ha-Ha - Debocho mas me rendo rindo junto a ele.

- Eu liguei mesmo para ter dar um bom dia e te desejar uma ótima apresentação.

- Okay Oppa,é só isso!?

- Talvez.

- Otimo e agora tchal !

- Não se esqueça de pensar em mim viu!? assim como eu não esqueço de pensar em você ...

- Convencido ! A ultima coisa que quero fazer é pensar em você. - Respondo o provocando.

- Posso te fazer uma pergunta?

- Faz,já que você estragou tudo - Permito ele perguntar mas sentindo um certo receio sobre a sua pergunta.

- Essa música foi feita para ele não foi? - Qual seria o motivo para ele fazer tal pergunta como essa? Sei que se preocupa muito comigo mas... Consegui sentir uma ponta de tristeza brotar ao dizer essas palavras.

- É...

- Você ainda gosta dele?

   Sei que se ousa-se tentar mentir sobre meu sentimento não só estaria enganando Ji-Yong como estaria me enganando.E pior que minhas ações deixavam muito  evidentemente o sentimento que ainda existia.

- Gosto... Eu ... Ainda gosto dele...

- Eu não estava enganado por mais que você tente esconder.

- Qual o motivo dessas perguntas? - Pergunto de forma direta sem querer dar voltas.

- Você ainda não percebeu? Não esta notável assim?

- O que!?

- Eu não sei mas... Eu acho gosto de você Lee ... - Que brincadeira é essa! Dentro de mim se forma uma enorme confusão desesperadora se junta ao medo e como resultado algumas lagrimas se formam.

- Oppa,deixe de falar essas coisas por brincadeira e alem de tudo somos amigos.

- Ah CL por favor! - Percebo seu tom de voz mudar derrepente.O que acabei de dizer o deixou encomodado - Quem disse que estou brincando!? e amigos só na sua mente...

- Diz o que quiser dizer,eu não acredito em nada.

- Você não é tola para não ver o que acontece entre nos dois - Não ele só pode estar brincando,tudo o que sentia era apenas "eu " e teimava em acreditar que só " eu " sentia essa louca atração - Sim,somos amigos mas as coisas mudaram e eu não diria isso em vão se não fosse verdade.

  Fiquei em silencio ainda segurando o celular e incapaz de dizer ao menos uma palavra se quer.Podia escutar sua respiração alterada do outro lado o que me deixava mais nervosa do que estou. Porque ele resolveu dizer isso? Porque!? Que acabar com nossa amizade?

- Sei que essa não é a maneira correta para se dizer isso,eu estava planejando em um momento que estivéssemos sozinhos mas isso nunca acontece - Eu não quero em hipótese alguma estragar nossa amizade por esse sentimento que esta crescendo dentro de nós ou que apenas eu sinto- Chae,eu não posso controlar o que sinto quando estou com você... Cada toque,os seus olhos fixos nos meus,a sua boca que sem perceber me pego a olhar... Me deixa inquieto ... Louco.

- Isso não seria possível ... - Digo incrédula colocando a mão na testa.

- Sei que não,por que somos
" Amigos " e por que você ainda gosta daquele filho da ... - Ele para e em seguida escuto som de cacos como se ele tivesse atirado alguma coisa contra a parede.

- O que foi isso G Dragon?

- Nada.

   Nesse momento me assusto ao escutar o som da porta se abrir e alguém entrar.

- Bom Dia Dongsaeng ! - Escuto uma voz doce dizer ao estrar no meu quarto e se jogar na cama e ficar de bruços ao meu lado.Vejo que é Sandara sorrindo com um sorriso tão lindo que foi capaz de me fazer abandonar minha aflição e sorrir retribuindo.

- Dara você aqui? - Ela olha o celular na minha mão e tira sua conclusões de que estava falando com G Dragon.

- Oh me desculpe Chae !

- Não,tudo bem.

- Não se importe para desligar o celular.Hoje terei que resolver alguns assuntos mas lembre-se que estarei presente mesmo estando longe.

- Okay ...

    A ligação é encerrada... Fico parada olhando a tela do celular tentando digerir tudo o que acabará de ser dito.G Dragon ficou louco? Não imagino que ele poderia sentir algo assim por mim.
    Claro que não poderia negar o que sinto já que se tornou maior ao decorrer dos dias.Eu não sei como posso definir quando se é referente ao G Dragon,ainda gosto de Teddy Park mas... Sobre Ji-Yong não sei se é apenas uma atração ou se estou gostando realmente dele,tudo é muito confuso.Talvez precise de um tempo para saber o que tudo significa para mim e só assim vou saber que decisões tomar.

- Me diga o que aconteceu ? - Diz Sandara me distanciando dos meus pensamentos.

- Ah Nada de importante - Sorriu tentando passar que tudo estava bem e que nada aconteceu.

- Eu não acredito !

- Mas é a verdade - Falo retirando a coberta.

  Me levanto arrumando minha lingerie e indo em direção ao banheiro para fazer minha higiene matinal.Apos terminar a vejo em frente do espelho se olhando vestindo algumas de minhas roupas e jóias,a acho engraçado.

- Unnie,ficou ótima em você.

- Obrigada - Diz olhando no espelho terminado de colocar brincos - Já sabe o que vestir?

- Sei sim.

☆ ☆ ☆

   Tudo está pronto e muito organizado devido ao companheirismo e o profissionalismo de nossa Manager Clary e de toda a produção.Estou com meu coração muito acelerado sinto me faltar o ar,a cada segundo que se passa me desespero.Neste momento a nossa vida que tivemos juntos passa a minha frente tornando impossível de prestar atenção no que acontece a minha volta.
   É inacreditável perceber que tudo acabou derrepente e de uma maneira irresponsável.O que vivemos se foi com o vento para nunca mas voltar tomando rumo muito diferente do que um dia juntos fomos capazes planejar.
    A Hora é agora ...

   Fecho meus olhos suspirando fundo tentando segurar as lágrimas que querem aparecer. Começo a caminhar pisando o mais firme que consigo para não me estremecer.
    Meu momento era aquele,dizer tudo o que sentia como minha porta voz fiel, aquela música que diz todas as palavras necessarias a serem ditas.

Geugeol deutneun geon na honjappuningeol
Tadeureo ganeun chotbulgwa hamkke
Eolma namji anheun nae maeum
Areumdaun I jibi gamokcheoreom neukkyeojyeo
Nunchi eomneun bam haneureun
Neomu areumdawo

   A nossa historia... O que construimos juntos mesmo que pequeno seja começa a se passar a minha frente e é como se estive-se vendo.Tento me permanecer sendo forte o que não é nada fácil quando se é a única a fazer tudo por nos dois.

Gakkeum nado neocheoreom
Da dwirohago bakkeuro naga
Sullo apeumeul useumeuro seulpeumeul
Ssiseo naerigo sipeo haji anheul ppun

   Sinto ele estar na minha frente e eu dizendo tudo o que nunca tive coragem dizer.Como eu queria que fosse ele a estar no meu lugar,saber como estou me sentindo e por tudo o que ainda estou passando.

Nega naro sarabwasseumyeon

Naega ...

   Minha voz começa a falhar,sinto um dolorido no na garganta. Sou vencida sendo incapaz de segurar tudo o que estou sentindo,os sentimentos dentro de mim vieram a tona mas fortes do que imaginava.E mesmo odiando não me controlei minha lagrimas.

Neol huhoeeobsi bonae jul su itge

   Decidida a esquecer tudo o vivi ate então e recomeçar a viver uma nova vida.

☆ ☆ ☆

- Alô

- É a Lee Chae Rin?

- Sim é ela,quem fala?

- Eu sou dono do bar que um rapaz que esta aqui frequenta a muito tempo.

- E o que tenho a ver com isso?

- O rapaz disse que te conhece,diz que se chama Ji- Yong.Ele exagerou muito na quantidade de bebida e depois se envolveu em uma briga.

- O que? Como ele esta?

- Não aconteceu nada com ele por que separamos os envolvidos mas agora ele esta aqui e preciso que você venha busca-lo.

- Onde ele esta? Pode me passar o endereço? - Digo pegando minha bolsa retirando um caderninho e uma caneta para anotar.O senhor diz o endereço e em seguida o agradeço encerrando a ligação.

- O que aconteceu com ele Chae Rin? - Pergunta Bom.

- Eu preciso sair urgentemente daqui - Sussurro

- Mas e nossa manager?

- Eu vou sair de qualquer jeito ! - Olho para frente e vejo nossa manager ainda conversando com o nosso motorista,ainda bem que ela não prestou atenção na ligação um por que o som está um pouco alto e outra pela conversa interessante entre os dois.

   Ao chegar no nosso dormitorio,saio do carro tentando ser muito tranquila mas por dentro a minha verdadeira vontade é de sair correndo sem olhar para trás.
   Chegando no nosso devido andar nos despedimos e entramos em nossos quartos para descansar e dormir.Sim nesse nós eu com
certeza não estava incluída,fico atrás da porta esperando algun tempo e então saio aos passos lentos para não fazer um minimo pequeno barulho que seja.
    Pego as chaves do meu carro e vou ate o estaciomento afinal não poderia contar a ninguém o que estava fazendo e muito menos pedir ajuda,sempre tomando muito cuidado para ninguém me perceber saindo. Durante todo trajeto não consegui deixar de me levar pela raiva que sinto,chinguei G Dragon de todas formas que encontrei.
    Chegando no bar,olho tudo a minha volta colocando um capuz e óculos para ninguem me notar,entrando no estabelecimento de cara vejo G Dragon com mais um copo de bebida junto ao senhor que supostamente me telefonou. Mesmo com toda a situação faço reverência ao senhor.

- Ele não parou de beber desde então ...

- Eu agradeço ao senhor por ter cuidado dele ate eu chegar - Pego minha carteira dentro da bolsa e retiro um boa quantia em dinheiro significativa colocando sobre a bancada.

- Não precisa me pagar jovem garota - Ele diz pegando o dinheiro e me entregando,nego sinalizando com as mãos.

- Por favor,aceite sim - Sorriu para ele que se rende ao meu pedido - E obrigado por não chamar mas ninguém,sabe do que estou falando não sabe!?

  Ele acena guardando o dinheiro em um potinho na prateleira.

- Sei quem são vocês ... - Ele sorri - Por isso quando tudo começou pedi para o meu filho mandar todos para fora daqui inclusive aqueles que ele estava brigando,meu filho teve que separar a briga dele. - Completa o senhor olhando G Dragon tomar mais um gole de sua bebida.
 
   Já estava mas que na hora de ir embora e ainda tenho que ir ate o dormitório do BigBang para deixar Ji-Yong lá. Olhei no relógio e já era 11:00 da noite,bem rápido pego o braço de G Dragon e coloco em volta do meu pescoço para servir de apoio para levar ele ate o carro.

- Não ...

- Apenas fique quieto ! - O deixo próximo sendo incapaz dele tentar se afastar -E muito obrigado novamente senhor.

- Não precisa agradecer jovem - Fala sorindo pegando o copo na bancada que Ji-Yong estava bebendo.

   Já dirigindo a caminho do dormitório com raiva começo a gritar com GD.

- Você ficou louco G Dragon!?

- Louco? - Debocha o que me enfurece mas.

- Sim,louco.Então era esses os assuntos que você disse que iria resolver hoje? Em!? Me diz!

- Não mas depois eu fui beber,tem algum problema nisso?

- Não,Não tem problema algum em beber mas hoje literalmente você se superou exagerando.Você não conseguiria ir nem para casa sozinho !

- Claro que conseguiria e não sei o motivo de você ter vindo me buscar aqui.EEU NÃO PRECISO DE VOCÊ!

- Ah você não sabe e ainda diz que não precisa de mim ! Sera mesmo!? - Exclamo muito irritada sentindo que estava a ponto de explodir e falar coisas que talvez não deveria falar,mas deveria me acalmar pois ele estava bêbedo e não sabe de suas palavras ditas.

   Tento manter minha calma respirando e focar toda a minha atenção enquanto dirigia ao invez de me preocupar com tudo o que Ji-Yong dizia.
   O caminho todo ate o dormitório GD me testou de todas as formas possíveis,suas palavras estavam me machucando e ainda mas sobre os meus íntimos assuntos que pretendia esquecer.Por mais que sabia que era efeito de todo álcool ingerido,eu não estava conseguindo evitar que me atingi-se.

- Fica queto! - Exclamo o olhando muito furiosa e cansada de todos os seus murmúrios - Você não sabe o que esta dizendo então cala a boca!

- Não! Eu não vou!

- Vamos se apoia em mim.

- Você sabe que não precisa fazer isso.

- Como assim eu não preciso? Deixa de ser idiota prometi nunca mais te deixar e não é agora só por que você esta assim que vou te deixar largado.E outra te trouxe ate aqui então vou terminar o que vim fazer.

- Vai ficar comigo hoje? - Propôs com seu sorriso malicioso estampado no rosto.

-Não,eu não vou ficar com você.

- E amanha?

- Não pense!

- Bem que você poderia dançar para mim não é!?

- Piorou.Cale a boca por que se não podem nos escutar

   Estava um completo silêncio com as luzes todas apagadas que eram acesas altomaticamente por um censor,tentando fazer o minimo de barulho possível eu apoiava praticamente o peso de GD sobre mim para não sair andando com os pés arrastando.
    Meu corpo já estava ficando dolorido por estar sozinha aguentando seu peso,com certeza sentiria os resultados no dia seguinte e o que me lembraria de sentir muita raiva de Ji-Yong.Felizmente não demoramos a chegar em seu quarto,a porta diferente da minha era de madeira.Com uma certa dificuldade o fiz digitar a senha e entramos.
    Olhei rapidamente o local procurando sua cama e quando a vejo o direciono ate lá.Quando o viro para o deitar em sua cama sem querer seu peso aumenta me levando junto fazendo cair ficando sobre ele.Seus olhos em questão de segundos procurava os meus,minha respiração se acelera devido ao cansaço e a situação que acabamos de nos  encontrar.
    Seguia seus jestos com meu olhar...Suas mãos que gentilmente retirava um fio de cabelo loiro sobre meu labios vermelhos o colocando atrás da minha orelha que acaricia minha face deixando um rastro de calor do seu toque sendo capaz de me causar arrepios,  volto o olhar atenta a seus lindos detalhes de seu rosto,enquanto olhava me perguntava como poderia existir alguém que parecia ter sido desenhado por ter traços tão intensos e precisos.
     O clima do ambiente tinha mudado e conseguia muito bem sentir isso mas sabia que não seria o certo seguir em frente,deixar existir algo a mais do que temos por que iria se destruir.Sim,no fundo sabia o certo e o errado mas quando eu estava perto de Ji-Yong tudo se tornava apenas um nada,podia se dizer que perdia minha razão.Que loucura que estava prestes a fazer!
     Suas mãos devagar vão tomando outro rumo indo em direção a minha nuca o fazendo me aproximar a ponto de sentir sua respiração em minha pele.Sou levada pela sensação que aquilo me trazia e não hesitei ao ver nossos lábios muito próximos.Ambos fechamos nossos lábios prontos para o passo que daríamos a seguir,talvez por uma parte seja o efeito do álcool que G Dragon ingeriu mas por outra ao lembrar de tudo que disse hoje de manha aquilo parecia ser sincero e que queria tanto quanto eu.
    Sinto seus labios proximos ao meus ... Quando ouço a porta do dormitório se abrir e alguém dizer bem baixo:

- Hey G Dragon você chegou? - Alguem fala baixo.

- Claro que ele chegou olha a jaqueta dele no sofá.

   Toda nossa atenção se voltou para os passos que vinham ate o quarto.Rapidamente saiu de cima do Ji-Yong e me desespero ao me encontrar prestes a ser pega no dormitório de um homem,o que me traria problemas se isso visse a tona.
    Olho ao redor procurando algum lugar para ficar mas não acho nenhum que possa me esconder ate que vejo uma luz vindo de uma fresta aparentando ser uma porta.Sem pensar duas vezes entro fechando a porta bem rapido e torcendo para não ter feito nenhum barulho .

- Fala,o que quer!?

- Calma senhor do bom humor  - A pessoa ri - Olha so a hora que você chegou Ji-Yong,eu me cansei de te cobrir nas suas saídas noturnas.

- Não me diga T.O.P!

- Melhor você parar de provocar o G Dragon - Identifico a voz sendo a de Seungri.

- E ainda me cansei mais ainda de ter que ser seu atendente de telefone. Tem ligaram muitas vezes e que insistentes são essas mulheres,nossa! Me fizeram de seu confidente - T.O.P começou a gargalhar - Bom...tambem não tenho o que me queixar,soube muito bem tirar algum proveito nisso.

- Você é muito idiota mesmo!

- Tinha que me destrair.Nossa você hoje se superou mesmo

- Segunda vez que me dizem isso - Afirma G Dragon se lembrando de minhas palavras.

- E quem disse isso antes de mim? - Pergunta T.O.P muito curioso.

- Não te interessa!

- Alguma gata nova? O que acha de me apresentar a ela? Acho que posso ser um ótimo amigo dela não acha!?

- Você esta falando de mais e depois não venha arrependido.

- Que isso G dragon não vai ser a primeira vez

- As outras vez são outras vezes eu não me interesso. Com essa as coisas são muito diferentes do que você imagina,se alguem mexer com ela eu não sei o que sou capaz...

- Calma,pelo jeito você agora está apaixonado realmente.Quem é essa que fez tal mudança em você?

- Você esta falando bobagens some da minha frente vai! Seungri tira ele daqui não estou com nenhum pingo de paciência para o escutar.

- Melhor você ir T.O.P e depois conversamos com ele quando estiver mais calmo,tudo bem?

- Okay,okay mas... Só vou por que ja esta de madrugada e pretendo dormir pelo menos um pouco.

   Consigo ouvir o som da porta se fechar.

- Aish! Por isso queria ficar na minha casa mas eu tive a brilhante ideia de voltar !

- Ficar do jeito que esta não vai adiantar nada e você sabe muito bem disso.

- Que seja!

- Nossa você exagerou muito na bebida,olha só como você está.

- Posso te pedir uma coisa?

- Claro que pode

- CL

- O que tem a ver com a CL?

- Pode sair confia em mim.

- Sair de onde?
 
  Fico em silencio ainda atrás da porta pensando se seria a melhor coisa de se fazer.Seungri poderia muito bem fazer alarme ao me ver no dormitório do Ji-Yong e eu não queria ver isso.

- Vamos saia logo Lee não acontecera nada.

- Eu acho que você anda vendo muito ela que quando ela não está você cria uma imaginaria para não sentir falta.

- Ha-Ha-Ha para que vou criar uma se tem uma real? Ahhh! E você acha que faria isso? Ja passei dessa fase não venha com esses seus comentarios

- Confia em mim CL ...

   G Dragon não me arriscaria se ele realmente não confia-se no seu amigo,se tudo desce errado nos tres poderiamos nos prejudicar e não seria nada bom se acontece-se.Resolvo então sair e para a  surpresa de Seungri lá está eu não sendo imaginária dentro do banheiro.

- O - Oque ela faz aqui!? - Pergunta muito surpreso.

- Depois eu te explico e agora peço que fale baixo - Diz Dragon se sentando na beira da cama com um copo na mão,com o cabelos loiros bagunçado e sem a sua camisa.

   Não consigo olhar para mais nada a seguir alem dele estando daquela forma,até que sem querer torço meu pé o que causa um pouco de dor.

- Aii....

- Você se machucou? - Pergunta Seungri que corre e me segura pelo braço.

- Não, eu estou bem.Obrigado - Sorriu voltando ao normal.

- Mesmo?

- Sim...

  Ele permanece me segurando ate que G Dragon diz chamando nossa atenção.

- Eu preciso que você a leve para o dormitório do 2ne1 e confio que tera respeito por ela.Eu iria levar ela mas não estou em ótimas condições - Diz bebericando mais um pouco de sua bebida - Posso confiar? - Ji- Yong olha Seungri arqueando uma de suas sobrancelhas.

- Sim,claro. Agora vamos logo por que passou da hora.Vamos?
 
   Não queria demorar mas do que tinha demorado,já é muito tarde para eu estar fora e espero que tudo acabe bem.Confirmo indo para a porta,olho para Ji-Yong ainda sentado me olhando e depois saiu sendo seguida por Seungri logo atrás.
    E como premetido Seungri me levou de volta,o agradeci pelo favor feito e me despedi.Tive muita cautela para que ninguém me ver e me ouvir,cheguei no meu quarto completamente cansada incapaz de pensar em tudo o que aconteceu.
    Nos poucos minutos ainda acordada so pedia que estive-se muito bem para as entrevistas,apresentações e para as fotos tendo pouca hora de sono.


Notas Finais


Então... O que acharam? ♡♡♡
Espero que tenham gostado <3

Desejo a todas uma otima noite e um ótimo soninho ....
                         Z
                      z
                   z
             -.-

Que o dia de amanha seja ótimo cheio de boas energias e muito iluminado para todas vocês. S2
♡ ♡ ♡ ♡

Próximo capitulo a caminho....
#BeijinhosGrandes :*


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...