História Rosa do Abismo - Capítulo 7


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Sangue
Visualizações 1
Palavras 1.514
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ecchi, Ficção, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Sobrenatural, Terror e Horror
Avisos: Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Quaa :v
Boa leitura :3

Capítulo 7 - 7 capítulo


Fanfic / Fanfiction Rosa do Abismo - Capítulo 7 - 7 capítulo

Medily On


Estava no final da aula, percebi que em todas as aulas que o Yenzei mesmo sendo rebelde e insensível com os outros ele se esforça muito nas matérias e ganha boas notas, bom já era de se esperar por o Ramiro estar ensinando ele todo dia antes de eu morar na casa dos Kataki.


Acabou a aula, em seguida estávamos no corredor as meninas ficaram nos olhando de longe, o Yenzei percebeu e deu um beijo em mim e elas ficaram mais enquanto seu braço estava em volta do meu pescoço, acho fofo quando ele faz isso mas ainda sim tenho que perguntar.


Medily : - Yenzei porque você olha para as meninas e faz isso?


Ele se aproximou do meu ouvido.


Yenzei : - * Para mostrar a elas que eu só quero você *.

"Opa tome vagabas ele me quer e.e "

Fiquei um pouco vermelha e sorri vitoriosa, ele viu meu sorriso e me beijou na bochecha e encontramos o Ramiro e Wassami e voltamos para casa.


Yenzei : - Vou guarda a moto na garagem e já volto enquanto isso você espera aqui entendeu?


Medily : - Sim não se preocupe vou ficar aqui.


Eu dizendo isso sorrindo ele foi guardar a moto, Ramiro veio atrás de mim rapidamente e me segurou para mim não conseguir me soltar segurando meus braços.

"Puta que pariu HELP :V "


Ramiro : - Desculpa ter que fazer isso mas você me provocou mais cedo e fiquei me segurando até o momento que você se afastaria do Yenzei.

"Comu assien eu num fiz nada ;-; "


Em seguida ele mordeu forte o meu pescoço, Aaii... Agora entendi oque o Wassami tinha falado que o Ramiro é diferente dele e do Yenzei, Lidya vendo isso correu.

Lidya On

"Porque o Ramiro está fazendo isso com a Medily? Ele não pode! Ela pertence ao meu maninho. " 

Encontrei Yenzei na garagem guardando sua moto.

Lidya : - Maninho rápido, o Ramiro está machucando a Medily acho que esta bebendo o sangue dela!


Após o ouvir Yenzei encheu os olhos de raiva e pulou para atrás do quintal.

Medily On

Ramiro : - Não sou muito de elogiar as pessoas ainda mais humanos mas, o Yenzei tem sorte de ter uma mulher como você do lado e você tem sorte de estar com um vampiro igual ele...

"Cara du infernu quer me matar -..- "


Medily : - Por-porque?


Eu estava por mais um fio de cair desmaiada "porra!"


Ramiro : - * Que o Yenzei é um vampiro de sangue puro por isso que quando ele bateu em mim e no Wassami não fizemos nada tirando o fato que não conseguia levantar confesso que ele é bem forte, mas isso é por ser um sangue puro eles são mais rápidos os poderes de vampiro são mais fortes e contando a força que são estremamente impressionantes para conseguir derrubar um meio demônio e um meio anjo caído igual a mim e o Wassami.


Yenzei chegou e parou na minha frente, estava com os olhos vermelhos ele me puxou em direção ao seu corpo me colocando cuidadosamente no chão e chutou o pescoço do Ramiro fazendo ele ficar de cabeça para cima "  em câmera lenta acho que era porque eu estou tonta '-' " em seguida Yenzei socou a cara do Ramiro fazendo ele bater as costas na fonte, Yenzei olhou para o meu pescoço viu que tinha saído uma lágrima do meu olho me segurou nos seus braços e me levou para o meu quarto.

Ele pegou a caixa de remédios e curativos que estava na gaveta da estante, tirou o sangue que estava escorrendo no meu pescoço com um pedaço de algodão e um remédio, eu estava muito tonta não conseguia me mexer direito ele olhava para mim preocupado e triste, vou tentar perguntar oque foi.

Medily : - Oque...


Ele interrompeu com o seu dedo na minha boca.


Yenzei : - Não fala nada agora, depois disso não é bom se esforçar muito se eu tivesse percebido o jeito que ele olhava para você teria falado para o Wassami guardar minha moto...


Ele falava isso com uma voz triste estou preocupada com ele.

"to toda fudida mas me preocupo com ele "


Yenzei : - A mordida foi muito profunda você precisa tomar um banho e descançar depois vamos olhar em baixo da casa que eu sei que você quer ver isso o quanto antes, calma você desse estado não vou fazer nada só vou cuidar de você, você é muito importante para mim...

"assim tu me arrasa do cori moçu ;u; "


Ele deitou a cabeça no meu peito ouvindo meu coração.


Yenzei : - Nunca mais vou me separar de você eu juro pela minha vida que não vou me separar nunca mais de você, amo você.


Dizendo isso coloquei minha mão em sua cabeça e fiz cafuné para acalma-lo, ele sorrio com um olhar triste me levantou no colo e me levou ao banheiro, me colocou na cadeira e começou a encher a banheira, tirou minha roupa com cuidado e me colocou ma banheira já que eu não conseguia me mexer direito ele me deu um banho fiquei toda envergonhada fazendo ele fazer isso "estas vendo meu corpinho moço •//• " , mas mesmo eu pedindo para ele parar ele queria me ajudar e fazer isso, pode estar fazendo isso porque me ama mesmo.

Quando acabou me enrolou em uma toalha me levantou no colo e me sentou na cama, pegou uma roupa no meu guarda roupa e me vestiu dei um sorriso e beijei sua bochecha.

Medily : - Obrigada por cuidar de mim Yenzei, eu te amo.

Ele sorrio e me abraçou.

Yenzei : - Na verdade eu que tenho que agradecer por me amar e por confiar em mim, agora tenho que cuidar de você até se sentir melhor então deite um pouco e descanse ainda são 23:07 temos tempo de você descansar e depois procuramos alguma coisa nas catacumbas que pode ter uma ligação com o espirito da Amellyã.

Dizendo isso ele me beijou e me deitou na cama, fazendo carinho no meu rosto para eu dormi tranquila sabendo que ele estava aqui e não iria sair por nada, então dormi...

Quando acordei era 1:21 ele ainda estava acordado me olhando e cuidando de mim.

Yenzei : - Que bom que você acordou eu disse que teria tempo de você descansar, a Lidya veio aqui mais cedo e deixou uma tigela de morangos para você quando acordar, ela não divide esses morangos com ninguém a não ser eu então pode come-los.

Olhei para a cômoda e vi que os morangos, ele sentou na cama me colocou em seu colo e pegou a tigela de morangos.

Medily : - Oque está fazendo?

Yenzei : -  Lembra estou cuidando de você então abre a boca.

"Depois me perguntam porque sou tão manhosa e mimada ╮(─▽─)╭ "

Ele colocou o morango na sua boca e veio em direção a minha, comemos ele pela metade e fizemos isso até os morangos acabarem, depois ele me levou ao porão que levava até as catacumbas, ele estava segurando minha mão para eu não me perde porque estava totalmente escuro e úmido não conseguia ver nada a minha volta só ouvi gotas de água caindo pelo chão, ele consegue enxergar no escuro com seus olhos de vampiro mas pegou uma lanterna para mim também poder ver, deu para ver que não era habitado a muito tempo estava tudo muito sujo e empoeirado era um lugar frio e muito gelado, tinha um trono no meio de uma sala e um poucos mais para frente dele tinha um pequeno balcão com um simbolo estranho e em cima dele estava escrito algumas coisas em Europeu.

Yenzei : - Os antigos vampiros vieram da Europa para o Japão por isso tem essas escritas, mas como você já deve saber sou um vampiro de Sangue puro então sei todas as línguas do mundo.

Ele começou a ler a frase a cima do simbolo.

Yenzei : - Aquele que tenha o sangue puro de um vampiro poderá desativar a maldição o espirito do Abismo, como ativar a maldição o espirito terá que possuir o espirito de alguém morto que o enterrese por ter sido alguém que possa ter poder e dominação aos outros... Estou vendo porque escolheu minha mãe para isso... Depois o espirito terá que achar uma maneira de fazer voltar a vida usando o corpo de alguém jovem e saudável para poder jogar o mundo dos vampiros e humanos no caus... Entendi, esse espirito maligno viu a situação que está minha irmãzinha e a alma da minha mãe então usou o espirito da minha mãe voltar a vida em Novembro na semana de lua cheia vermelha para se apoderar do corpo de minha irmã e mataria eu e os outros junto com você e outras pessoas que tentariam dete-lo para fazer com esse mundo podre um verdadeiro caus.

"Baralhu um novo Sherlock Holmes '0' "

Com isso veio um vento forte em nós dois, ele me abraçou forte para me segurar e não me afastar dele, quando ouvimos uma voz...

"Is o capeta? Ō_Ō "


Continua...


Notas Finais


Obrigado por ter lido até aqui :3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...