História Roses for you - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias EXO
Personagens Chanyeol, Suho, Xiumin
Tags Xiuho
Exibições 12
Palavras 480
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Drabble, Drama (Tragédia), Famí­lia

Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Feliz aniversário, miau 💕

Capítulo 1 - Bom dia! -Capítulo Único.


Peguei a rosa no vaso da sala, esta estava mais rosa que vermelha, peguei um papel e uma caneta, logo escrevendo, “Bom dia!”, amarrei o papel em uma fita e o juntei ao caule, peguei a minha maleta e arrumei o blazer no corpo, logo saindo de casa, passei em frente a sua porta e deixei a flor ali, logo apertando a campainha e seguindo meu caminho para o trabalho.


                      [...]

Dois anos sofrendo de depressão não é algo fácil, são dois anos morto, são dois anos com uma dor sem fim, são dois anos sem saber o que é felicidade, são dois anos sem esperanças e esses anos eram para ter se prolongado, mas algo o parou.


Ouvi a campainha tocar e me levantei da cama com certa pressa, com um sorriso no rosto, como nunca tinha antes e assim que abri a porta vi a rosa ali no chão, esta que tinha o tom mais claro e é linda de se ver, a fita vermelha já me mostrava o recado, me agachei e como uma criança curiosa peguei a flor e cheirei as suas pétalas e logo peguei o bilhete, sorrindo com o que estava escrito.


–Bom dia! –Disse meio alto, esse alguém poderia estar ali ainda, me levantei e entrei para dentro de casa, coloquei a rosa no vaso e o papel no pote de vidro ao seu lado após dar um beijinho nele, pronto, já poderia começar o dia de bom-humor. E os bilhetes não eram apenas “bom dia”, ás vezes me perguntava como estava e outros me pediam para desabafar, mesmo que fosse sozinho, alguns diziam o quanto o meu sorriso é lindo e que eu deveria sorrir mais, e aos poucos eu estava me sentindo melhor, bem melhor mesmo.


                    [...]


Subi as escadas levando uma sacola comigo, esta tinha cervejas e na minha outra mão estava à pizza, assim que cheguei em seu corredor, o vi na porta, com um sorriso no rosto, bem diferente do que costumava ter, ele melhorou muito nesses dois meses, me aproximei de si e fui recebido com um abraço.


–Olá, irmãozão Chanyeol! –Disse alto e riu logo em seguida, fiz um leve carinho em sua cabeça e me soltei de si.


–Olá, irmãozinho Min Seok –Respondi num falso tom doce, e que se fosse usado em outras épocas, ele não sairia do quarto por um mês.


–Ah, oi Junmyeon –Olhei para a porta e vi o garoto da mesma idade que o meu irmão, 15 anos, estava usando blazer e carregava uma maleta, esse garoto é estranho, deu um sorriso contido para o meu irmão.


–Olá, Min Seok, como está hoje?


–Estou muito bem. –Então ele sorriu abertamente olhando Min Seok, ele parecia realmente feliz com aquilo, se aproximou do mais novo na porta e lhe deu um abraço e surpreendentemente ele foi correspondido.


–Eu agradeço muito por estar bem.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...