História Royals And Rebels (Internativa) - Capítulo 1


Escrita por: ~ e ~MaySingerB

Postado
Categorias A Seleção, Originais
Personagens Personagens Originais
Tags A Seleção
Visualizações 158
Palavras 703
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Drama (Tragédia), Ficção, Romance e Novela, Suspense, Terror e Horror, Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Drogas, Estupro, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Spoilers, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


BREVE RESUMO DO CAPÍTULO PILOTO:

"Arthur lida com as consequências da Seleção. As selecionadas chegam ao Corte sabendo oque realmente querem."

LER NOTAS FINAIS


--- BOA LEITURA ❤ ---

Capítulo 1 - The Italian National Team


Fanfic / Fanfiction Royals And Rebels (Internativa) - Capítulo 1 - The Italian National Team

 Príncipe Arthur 

Corte Itáliana. Sexta-Feira 19:30

 

Depois de dez minutos de constrangimentos no Jornal Italiano, precisei me trancar em meu quarto.

 

Naquela noite, selei meu futuro. Precisei citar o nome de vinte princesas para a Seleção da qual eu não estava interessado. Eu não compreendia a minha vida. Havia acabado de perder os meus pais, não faziam-se nem dois meses. Depois disso, eu perdi totalmente o controle da minha vida. 

Virei rei. Mesmo que minha coroação fosse em meu futuro casamento, essa foi a única escolha em que os nobres levaram à frente. 

Eram vinte princesas. Um Príncipe e uma coroa. Coisas que realmente apenas acontecem comigo.

Eu escolhi as princesas a dedo. Algumas faziam questão de demonstrarem sua beleza, outras eram reservadas e preferiram não sorrir na foto. 

Olhei para a parede fixamente enquanto respirava fundo. Meu pai ficaria orgulhoso. Ficaria se estivesse aqui. Minha mãe faria um baile simples para o começo da Seleção.

Ah! É mesmo. O baile. Como pude me esquecer ? Aliás, como entrei nesse circo de horrores ? Deixei meus pensamentos voarem longe enquanto ouvi batidas na porta. A pessoa desistiu de bater e entrou de uma vez.

- Majestade ? - o mordomo entrou segurando pano de Ouro puro e outro pano de Prata pura. Um em cada braço.

- Estou ocupado - menti enquanto afrouchava a gravata. O mordomo persistiu.

- Bem, preciso da opinião do senhor. - Respirei fundo - O senhor ainda não decidiu...

- Dane-se - explodi.

- Mas majestade. Não podemos tornar nenhuma desciam sem sua autorização.

- Já dei a minha autorização. Façam oque quiser anos me deixem em paz.

- Elas chegam amanhã - sussurou.

- Não me importo. Preciso descansar. Cancelem todas as reuniões de amanhã. Ah, e... por favor. Diga para não me encomodarem. Amanhã tirarei o dia de folga.

O mordomo suspirou e saiu. Isso nunca daria certo. Nunca.

Co-Narradora - 3° Pessoa

Hall da Corte Itáliana. 09:30

As vinte princesas entraram no Hall do Castelo.

Scalett entrou junta de Katherine, Caret e Juliana. As três se conheceram no aeroporto e viraram muito amigas.

Maya sozinha. Ela não confiava nas meninas. Ainda.

Crystal já havia se amigado com Madison e Skye. Elas conversavam como se fossem melhores amigas á anos. Isso era bom. Elas não tenham tantas amizades.

Pianka, entrou timidamente enquanto falava com Elizabeth. As pessoas ficaram boquiaberta em ver as duas conversando. Pianka era tímida. Tinha uma beleza encantadora assim como Elizabeth.

Kira observava o local com paixão. Cada quatro quadro no local era fascinante.

Alaska, Jéssica, Sophia, Maya e Amália assistia o show que Orabella fazia.

- Leve essas malas - ordenou a um criado enquanto lixava as unhas. Cada cacho loiro das pontas dela eram perfeitos. Ela fazia questão de demonstrar que era envejada pois sempre fazia posições para a câmera. - Bando de inúteis, querem que eu mesma me encarregue de leva-las ?

Os criados se moveram como formigas no formigueiro de começaram a se mexer perante a situação.

- Você não pode trata-los assim - Nathália disparou e Patrícia concordou.

- Trato eles como bem entendo, queridinha - Orabella alfinetou vendo Nathália recuar.

- Você é uma princesa, deveria se comportar como tal - Katherine defendeu.

- Vai cuidar da sua vida.

- Olhe aqui sua... - Katherine estava prestes a explodir mais ouviu vozes vindas da escadas.

- Vossas Altezas. Sejam bem vindas a corte italiana. Somos cuidadosas responsáveis por vocês. Sou Laila e essa é Mayara. - as princesas retomaram sias posições. As duas pareciam ter uns vinte e três anos  - Vejo que estão empolgadas. Oque acham de um dia no salão das mulheres ?

Orabella levantou a mão.

- Quando conheceremos o Príncipe Arthur

- Amanhã - Mayara respondeu - Agora, acompanhe-me.

Todas saíram do salão principal recebendo reverências. Orabella esnobou os guardas que piscavam e sorriam para ela. Ela devolveu apenas para um que era bonitinho. Não era de se jogar fora.

Pianka sorriu ao ver o sol pela janela. Elizabeth deixou a conversa de lado e cravou os olhos na parede. 

Orabella desistiu de chamar atenção e Katherine... bem, Ketherine preferiu ficar calada.

"As coisas mais simples são as coisas que me fazem sorrir."


Notas Finais


PESSOAL! DEMOREI ? SIM! MAIS AQUI ESTOU. NÃO SEI SE O PRÓXIMO SERÁ DE MAY OU MEU. COMENTEM PRA GENTE VER A REAÇÃO DE VOCÊS!

ATÉ MAIS.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...