História Rumor ;;hunhan - Capítulo 2


Escrita por: ~

Postado
Categorias EXO
Personagens Baekhyun, Chanyeol, Chen, D.O, Kai, Kris Wu, Lay, Lu Han, Sehun, Suho, Tao, Xiumin
Tags Hunhan, Luhan, Ot12, Sehun, Yaoi
Visualizações 93
Palavras 877
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Escolar, Romance e Novela, Shonen-Ai, Yaoi
Avisos: Homossexualidade
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


oioi meus xuxus <3
lá vem eu novmente att, porém como devem ter notado as palavras são um pouco maiores que a do capítulo passado:')

Capítulo 2 - Dois;;


a u t o r a

....

Luhan se via em um jogo, onde a cada fase ele conhecia pessoas ainda mais ridículas e nesse jogo ele seria o novato, o que entrou agora e não sabe nem mesmo movimentar seu personagem.

Era assim que Luhan se via no internato. Se contasse isso para alguém, nenhuma das pessoas ficaria surpresas, o garoto sempre foi desse jeito e não mudaria de uma hora para outra.

Suspirou enquanto atravessava o enorme corredor para ir a sua sala de aula, nenhum dos garotos daquele internato se perdiam a dar o luxo de brigar com o chinês, assim como todos, ele tinha o seu 'bonde.

Abriu a porta da sala e viu a zona que o lugar se encontrava, em menos de cinco minutos desde que o mandado para cada um ir para sua sala foi feito, os trinta e poucos alunos que estavam ali conseguirão sujar metade d chão e fazer vários rabiscos na lousa. Nem mesmo pareciam ter dezessete anos, pensou Luhan enquanto ia para alguma mesa livre.

Era certo de que ninguém queria um homossexual na sala, tinham repulsa desse tipo de gente e com certeza tentariam manter distancia. Antes dos rumores, Luhan era amado por todos os estudantes, chamado para varias festas e inúmeras noite onde apenas iam fumar no telhado da escola. Agora isso para ele não existe mais, viu como todos ali eram falsos.

Pegou seu celular vendo as horas e suspirou decepcionado, apenas meio dia, apenas duas horas para o primeiro dia das aias acabarem – apesar de que no dia de hoje, o período foi menor –. ZiTao, outro de seus amigos, e JongDae chegaram na sala rindo de um forma histérica. Não era e em um milagre para os outros que conheciam os dois, eram sempre assim.

Os dois que haviam chegado se sentarão o mais perto possível de Luhan, não deixavam o garoto sozinho por medo de que algum louco daquela escola possa fazer algo de ruim com ele.

Assim o professor deles chega, todos se calam, podiam ser bagunceiros, mas na presença daquele professor em questão era uma coisa que realmente eram obrigados a obedecer. A dama dele nunca foi boa em questão, todas as vezes em que um aluno batia boca com o mais velho ou ele acabava sendo expulso – por alguns mentiras pela parte do funcionário – ou era algo de rumores racistas e preconceituosos.

- Vamos começar com novas regras. – falou o professor.

Os alunos ficaram assustados, quando o professor Kwon colocava novas regras na turma é algo que pode, ou não condenar alguém ao fundo do poço.

- Não quero nenhum gayzinho na minha turma. – olhou para Luhan que logo bufou. – Se alguém me desobedecer, todos vão se ferrar junto. – logo deu um sorriso diabólico.

Apesar de Luhan saber a á fama que aquele professor tinha, ele não podia simplesmente bater boca com o mesmo, ele tinha mais poder naquele recinto do que um mero estudante.

- Luhan saia da sala, volte apenas quando outro professor chegar. Namjoon saia também. – falou com um tom de deboche.

Olhou para seus amigos e suspirei, se levantou e pediu licença ao professor – com desgosto na voz –, assim que saiu pôde ver Namjoon com um semblante triste. O garoto entrou na escola poucos dias antes das férias, provavelmente achou que o internato famosos seria um paraíso e que os professores o tratariam bem, coitado. Pensou Luhan o fitando.

- Pare de me encarar... – falou Namjoon levantando sua cabeça.

- Não se abale Namjoon, essa não é nem metade do que você vai sofrer no resto do ano. Se acostume. – falou desviando o olhar para dentro de outra sala.

Luhan penas queria ter uma vida de estudante normal, ir para uma escolha onde não precisasse ficar vinte e quatro horas por dia nela, chegar da escola e ver seus pais e depois sair com os amigos. Estudar com os mesmos em algum outro lugar mais relaxante onde podiam ser eles mesmos, mas o garoto antes de sonhar com tais coisas não se lembrou do fato de que o destino adorava pregar peças.

Foi assim que a vida do chinês virou do avesso, ao receber a notícia dos pais que iriam freqüentar um internato após terminar o nono ano foi o como se parte de seus sonhos começasse a se destruir aos poucos, quando finalmente ingressou no primeiro ano do ensino médio se viu atraído pela mesmo sexo e tudo fora um caos em sua vida.

Pouco de seus amigos sabiam disso, ate mesmo os que sabiam achavam que aquilo fora uma brincadeira de Luhan para fazer com que os mesmos se assustassem com uma noticia tão repentina ou ate mesmo para não ir a encontros arranjados. Luhan queria realmente que tudo fosse ua brincadeira, assim como queria que tudo em sua vida depois do nono ano fosse um simples pesadelo.

Alice no país das maravilhas é como se fosse um Luhan coreano e na versão masculina, sonhador e iludido com inúmeras coisas, podia demonstrar ser um fraco, mas aos poucos sua força e coragem se podia ser vista. Alice é Luhan e para o garoto que sempre fora chamado assim pelos colegas de sala, era a simples e dura verdade.

Luhan era sonhador demais.


Notas Finais


peço q vejam a minha mais nova fanfic (ass como esta rs) é do exo tbm, porém é do Yixing e se chama Plagiarism (já tem 5 capítulos)

eu amo vcs <3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...