História Run in family - Capítulo 3


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags Jikook Taeyoonseok Namjin
Exibições 17
Palavras 1.761
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Colegial, Lemon, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Yaoi
Avisos: Álcool, Drogas, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Tô sem o que falar,então ta aí...espero que gostem..

Capítulo 3 - Verdade ou consequência


POVs Jimin

Fiquei tanto tempo observando Jeon,que nem persebi a hora passar e nem prestava atenção no que os outros falavam,só concordava com a cabeça com tudo que eles falavam.

        -QDT-

Agora nós sete estamos indo embora até que Jeon quebra o silêncio que avia entre nós dois(é só entre nos dois porque Jin,Nam e Hobi eTae,esses estão se comendo em nosso lados,e yoongi?esse estava com fones de ouvido no maior volume porque dava pra escutar de onde eu estava)

-Jimin,a que horas eu posso te pegar em sua casa?-eu assustei afinal pra que ele queria me pegar em minha casa?

-Jeon,pra que me pegar em minha casa?-perguntei assustado.

-Enquanto conversávamos você  disse que eu podia,já que você não sabe onde é a casa do Nam e do Jin!-eu me assustei ainda mais,não me lembrava de ter dito isso,afinal estava ocupado demais observando seus taços perfeitos.-Então eu te levaria.

-Ah,me desculpe,nem lembrava disso...mais pode me buscar as duas horas na minha casa!-disse e ele assentiu e tirou um bloco de notas e uma caneta de sua mochila.

-me dá seu numero,aí você manda seu endereço por mensagem!-disse ele com um sorriso no rosto,um sorriso que me fez derreter todo.Eu peguei o bloco e a caneta em suas mãos e anotei meu número.

-Obrigado.Quando eu chegar em casa te mando mensagem,tchau!-ele disse enquanto assenava se afastando de mim.

-Tchau!-disse me virando e indo em direção a minha casa.

         -QDT-

Cheguei em casa e fui direto ao meu quarto,e,pelo que persebi meus pais não estão aqui,porque a casa estava trancada(eu tenho uma chave reserva,que usava pra fugir,quando me sentia sozinho a noite)e não estavam em nenhum lugar da enorme casa.

Entrei em meu quarto e me joguei em minha cama,taquei minha mochila em um canto e me deitei direito na cama.

Estava pensando em Jeon,ele parece ser tão perfeito,parece não ter problemas,uma família feliz,amigos parecia ter tudo,até que sinto meu celular vibrar em meu bolço,era mensagem de um número desconhecido.

mensagem on

numero desconhecido:Oi Jimin,é o Jeon.

 Eu:Oi Jeon!

VOCÊ ALTEROU O CONTATO PARA KOOKIE

kookie:pode me falar seu endereço agora?

Eu:Claro!é rua ******** número** bairro ******

kookie:tá.Obrigado,daqui a pouco eu passo aí.Tchau.

Eu:tá bom.Tchau.

mensagem off

 Olhei as horas,eram uma e dez,bloqueio o celular e vou para o banheiro tomar um banho.

Entro no banheiro,começo a me despir,começo abanho no chuveiro mesmo porque se tomasse na banheira demoraria mais.Ligo o chuveiro e espero a água cair por todo meu corpo,mais tentando me livrar de qualquer pesamento,começo a pensar em Jeon.Ele é perfeito,é bonito,aquele sorriso dele que me lembra um coelho,que a partir de hoje seria meu animal preferido,tudo nele,tudo nele é perfeito.

Saio do banho e vou me vestir,visto uma camisa preta lisa e uma calça jeans larga com um pequeno rasgado nos joelho direito,e calço um all star preto.Penteio meus cabelos e passo um perfume,não sei o porque de estar me arrumando tanto,mentira sei sim ele está agora a caminho de minha casa.

Termino de me arrumar e ouço a campainha tocar,deço as escadas e abro a porta dando de cara com Jeon.Ele me encarava enquanto mordia o lábio inferior o que me fez corar de vergonha.

-Você está lindo Jimin.-disse ele enquando me olhava nos olhos.

-O-obrigado...eu acho-disse enquanto abaixava a cabeça olhando para o chão.

-Então,vamos?-ele me pergutou enquanto dava alguns passos para tráz,indo em direção ao carro.

-vamos né!-disse baixo para mim mesmo enquanto trancava a porta e checava se havia pegado meu celular  indo em direção a Jeon no carro.

Entramos no carro e fomos em direção a casa do Nam e do Jin.

       POV's Jeon

Quando cheguei não pude deixar de notar Jimin estava muito bonito,eu admito acho que estou gostando dele mais não posso afirmar,afinal só nos conhecemos a um dia.

Estamos em meu carro indo em direção a casa do Nam que fica um pouco longe,então acho uma boa idéia conhece-lo melhor.

-Jimin,me fale sobre você.-disse e ele me olhou,com um olhar um pouco exitante.

-Deixa eu ver...Meu nome é Park Jimin,tenho 19 anos,moro com meus pais ,mais é a mesma coisa de morar sozinho,afinal eles fingen que eu não existo,sou meio antí-social...-respirou fundo e continuou-sou gay,na verdade desde pequeno mais só me assumi aos 15...enfim acho que só isso você iria querer saber...porque do resto nimguém quer saber...-ele disse enquanto abaixava o tom de voz,o que me deixou preocupado porque o sorriso que eu tanto amava,foi substituído por um olhar de tristeza.

-Ei,hyung porque ficou assim?-perguntei e ele encheu os olhos d'agua o que me fez estacionar o carro em um lugar qualquer e o encarar.

-Nada, mais porque paramos?nós já chegamos?-ele perguntou limpando as lágrimas .

-Não,mais me promete uma coisa?

-o que?-ele perguntou,eu me virei totalmente pra ele e comecei a acariciar suas bochechas rosadas olhando fixadamente para seus lábios.

-Nunca mais vai chorar e nem deixar de sorrir?-perguntei e ele assentiu corando.Pos suas mãos por sima das minhas que ainda se encontravam em suas bochechas.

-E você,me promete que vai se emportar comigo e ser meu amigo de verdade?- ele perguntou corando e abaixando a cabeça.

Eu levantei sua cabeça o olhando fixadamente no olhos.

-Se você quiser eu prometo ser bem mais que isso!-disse e sem pensar duas vezes selei nossos lábios em um simples selar,levei minha mão em sua nuca e o puxei para mais perto com a intenção de aprofundar o beijo.Pedi passagem com a língua e ele cedeu.

Nos separamos por falta de ar e ele me olhou envergonhado e ficando mais vermelho do que já estava.

Eu sei que estou meio adiantado afinal nos conhecemos hoje,mais quando estou perto dele sinto o que nunca senti com ninguém.na verdade acho que eu o amo.

POV's JIMIN


Nossa quando Jeon me beijou eu me senti como se eu precisace daquilo para sobreviver foi um beijo que no início pensei em cessar mais,no final acabei sedendo porque,eu acho que Jeon quis dizer que sentia o mesmo por mim com o beijo,e ainda disse aquilo me deu vontade de pular em seus braços e dizer tudo que eu sentia.Mais acho melhor não me precipitar,afinal nos conhecemos hoje e acho que está muito cedo para dizer o que cinto.

         -QDT-


Fomos para casa dos meninos e desde que saímos do carro que ficou estacionado a umas 2quadras antes do lugar,Jeon fez questão de ficar de mãos dadas comigo por todo o caminho,ele disse que era para que eu visse que eu nunca ia estar sozinho.

Quando chegamos Jeon,abriu a porta do lugar com a mão desocupada para que não precisasse se soltar de mim e para falar a verdade eu estava amando isso.

Todos os garotos já estavam ali,e estavam formando uma roda no chão ao redor da mesa de vidro que ficava no centro,e o único que não se encontrava no local era  o Namjoon.

Nos juntamos aos meninos ao redor da mesa eles disseram estar brincando de verdade ou consequência e que Nam foi buscar uma garrafa para iniciarem o jogo.Nam voltou de um cômodo que julgo ser a cozinha da casa, e se juntou a nós para darmos início ao jogo.

-Gente cada um só tem uma verdade porque se não fica chato.-disse Tae,e todos assentiram.

-Quem vai começar?-perguntou Hoseok

-Eu!-disse Jin que se ergueu e girou a garrafa-Yoongi para Hobi..

- Tá,Hobi verdade ou consequência?-perguntou yoongi

-consequência!-respondeu Hobi animado.

-tá...te desafio a ir para o quarto do Nam e ficar lá uma hora com o Tae...fazendo o que quiser.-Yoongi disse e sorriu maliciosamente para os dois.

Hobi se levantou e puxou Tae pelo braço o levando em direção as escadas e subindo.Eu acho que sei  o que eles vão fazer lá esse tempo todo.

POV's Tae

Eu já havia conversado com o Yoongi para que ele fizesse esse desafio para mim ou para o Hobi se ele desse com algum de nós.

Hobi me levou para o quarto e trancou a porta.Enquanto isso eu me deitei na cama com as pernas bem abertas e quando Hobi viu,ele mordeu os lábios e se jogou no meio de minhas pernas e começou a me beijar.

Ele roçava nossas ereções o que me deixava cada vez mais duro.Parei o beijo e troquei nossas posições ficando em cima dele com uma perna em cada lado de sua cintura bem acima de seu membro ainda coberto pela box.

Desci minha boca para seu pescoço e comecei a dar chupões e mordidas no mesmo,que com certeza ficariam ali por um bom tempo.Ele gemia baixo,e só para deixá-lo mais excitado,comecei a rebolar em seu membro que estava muito duro por debaixo de sua roupa.

Saí de cima do colo do mesmo e comecei a tirar sua calça junto com a aua box branca que já se encontra suja de pré-gozo.Passei a mão pelo membro totalmente duro de Hoseok,parando em sua glânde suja de seu pré-gozo e levando a minha boca,comecei a fazer movimentos lentos de vai e vêm,o que não cabia em minha boca comecei a masturbar,ele gemia alto enquanto jogava a cabeça para tráz.Comecei a alternar em movimentos rápidos e devagares.Quando vi que ele estava chegando perto de seu ápice pare e retirei seu membro ainda mais duro de minha boca,ele me olhou em discordação,e eu subi até sua blusa e comecei a tirá-la,depois que ele se encontrava totalmente nú,trocou nossas posições ficando em cima de mim,ele começou a tirar todas as minhas peças de roupas jogando-as em um canto quelquer do quarto.Quando me encontrava totalmente nú,ele me virou de costas me deixando deitado de bruços e ficando encima de mim,roçava seu membro em minha entrada enquanto mordia o lóbulo de minha orelha.

-Não devia ser um babyboy tão mal!-disse em meu ouvido com uma voz sexy,que me deixava muito excitado e cada vez mais duro.

-Então me puna Daddy.-disse e ele se afastou de mim.

-Fica de quatro baby,e com a bunda bem empinada.-ele disse e eu obedeci.

Não vi nenhuma  reação dele até que sinto algo quente e úmido passando por minha entrada,Hobi estava me lembendo,até que cinto ele me penetrando com a língua,não doía mais eu gemia cada vez mais auto.

Ele parou de me panetrar com a língua e posicionou seu membro em minha entrada,e não estava acreditando que ele me fodiria sem preparação afinal não sou tão arrombado assim.Sem perder tempo ele enfiou todo seu membro em minha entrada o que me fez soltar um gemido alto de dor/prazer.Ele esperou eu me acostumar e quando rwbolei em seu membro ele começou a dar estocadas fortes em mim,eu gemia cada vez mais alto,e mais alto.Até que Hobi asserta minha prósteta,e eu gmi alto,ele estocou várias vezes aquele mesmo lugar me fazendo gritar de prazer,quanto viu que eu estava chegando em meu ápice  segurou meu membro antes esquecido e começou a mastuebar na velocidade das estocadas sem demora ele gozou dentro demim,e logo em seguida eu gozei e sua mão.Ele saíu de dentro de mim,se deitou ao meu lado e nos deixamos levar pelo canssaço.



continua....





Notas Finais


N sei se ficou bom.mais estou dando meu melhor


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...