História Runaway Baby - Min Yoongi (Suga) - Capítulo 1


Escrita por: ~ e ~ohsehunah

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Personagens Originais, Rap Monster, Suga, V
Tags Bangtan Boys, Bts, Jeon Jungkook, J-hope, Jimin, Jin, Jung Hoseok, Jungkook, Kim Namjoon, Kim Seokjin, Kim Taehyung, Min Yoongi, Park Jimin, Rap Monster, Romance, Suga
Exibições 46
Palavras 2.021
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Artes Marciais, Drama (Tragédia), Festa, Ficção, Luta, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Universo Alternativo, Violência
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Heterossexualidade, Linguagem Imprópria, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas da Autora


Oie
Depois de um século, aqui estou eu
Com um primeiro capítulo não tão fresco assim

Nos vemos nas notas finais
Boa Leitura :3

Capítulo 1 - Prólogo


Fanfic / Fanfiction Runaway Baby - Min Yoongi (Suga) - Capítulo 1 - Prólogo

Bem, não sei como começar isso.... Meu nome é Lola Ross, tenho 20 anos e moro com minha melhor amiga, Mandy, em Nova York. Minha mãe foi morar na África e ficou apenas eu aqui.

 

Eu e Mandy somos melhores amigas já faz um tempo, eu a conheci no hospital quando meu pai fazia tratamento para câncer, nos conhecemos fazem 12 anos.

Meu pai morreu quando eu tinha 11 anos após perder na luta contra o câncer. Ainda é uma ferida para mim, mas logo tudo vai ficar bem, eu sinto isso.

 

========

 

De repente meu celular toca e eu atendo, era Mandy.

 

- Oi filhote de banana - Falou ela brincalhona como sempre.

- Oi piranha - Respondi.

- Ta ocupada?

- Não

- Ta afim de ir no Central Park comigo hoje? - Pergunta.

- Pode ser, já estou há muito tempo trancada dentro de casa. - Falei.

- Você tem que sair mais de casa.

 

Fica um silêncio por um tempo.

 

- Viu a notícia de que tem uns artistas coreanos passando as férias aqui na cidade? - Fala empolgada.

- Vi.... Piranha, onde você está? - Pergunto, afinal, ela realmente não está em casa.

- Comprando sorvete porque acabou aí em casa.... Não vivo sem sorvete. - Rio de sua resposta.

- Só você mesmo

- Filhote de banana, vou ter que desligar, já já volto pra casa - Fala.

- Ok, tchau.

- Tchau - Ela desliga o telefone.

 

========

 

Onde eu estava? Ah é mesmo!

Sou uma menina de cabelos verdes ondulados, olhos avermelhados, de pele branca.

Tenho algumas tatuagens, um coração no pulso esquerdo e uma rosa na mão direita, por enquanto são só essas, mas pretendo fazer mais algumas. Uso um alargador e tenho alguns piercings nas orelhas.

 

Agora acho que você já tem uma visão de mim, não é? Espero que a visão não seja ruim rs.

 

========

 

De repente ouço alguém abrindo a porta da sala, me levanto do sofá e vou ver quem é, era Mandy.

 

Mandy é uma garota de cabelos coloridos, literalmente coloridos, e ondulados. É uma garota que gosta de uma festa, garotos, dar concelhos, se arrumar, arrumar os outros, proteger, e é a melhor pessoa que já conheci até hoje.

 

Ela chegou com uma sacola com alguns potes dentro.

 

- Oi Mandy - Falei sorrindo.

- Oi Lola - Falou sorrindo.

 

Ela entrou, colocou a sacola em cima do balcão da cozinha e a abriu, pegou os potes que pareciam de sorvete e colocou no freezer.

 

- Pronta para sair? - Perguntou.

- Não! Ta maluca? Você nem tinha me falado a hora. - Comecei a rir.

- Então se arruma, que a gente vai depois do almoço.

 

Fui ao meu banheiro, me despi e tomei um banho relaxante. Quando terminei me enrolei em uma toalha e fui ao meu quarto escolher uma roupa. Fiz uma maquiagem simples e pronto.

 

Saí do quarto e me sentei na cadeira da cozinha.

 

- O que vamos almoçar? - Perguntei olhando para Mandy que estava cozinhando.

- Macarrão - Falou.

- O cheiro ta bom - Falei - O gosto deve estar melhor ainda Omma Mandy.

 

Ela terminou de cozinhar e almoçamos, estava muito bom, Mandy cozinha muito bem.

~Passa o tempo~

Fomos ao Central Park e nos sentamos na grama como de costume. Gosto de ir lá para pensar, já Mandy.... Para olhar os garotos mesmo.

 

- Quer sorvete? - Perguntei ao ver um local que vendia sorvete no parque.

- Precisa perguntar? - Riu pelo nariz.

 

Me levantei para comprar o sorvete e acabei esbarrando feio em um garoto que caminhava, nós dois caímos no chão.

 

- Ai meu pai, me desculpa - Falou ele - Ta tudo bem? Se machucou?

- Ta tudo bem sim, não tem problema, a culpa é minha também, eu estava distraída.

 

Eu estava olhando para o chão, mas quando olhei para cima.... Wow, eu nunca vi garoto tão lindo. Ele era bem branco, tinha os cabelos platinados, olhos escuros e puxados, era um coreano. Cara, que perfeito, e pra eu falar isso é caso raro.

 

- Que falta de educação a minha, prazer, meu nome é Min Yoongi - Falou sorrindo se levantando e estendendo a mão para mim, peguei sua mão e ele me levantou, ficamos bem perto, pude sentir sua respiração quente se chocar com a minha e fazer uma mistura harmoniosa.

- Sou Lola Ross - Falei nos afastando.

- Você é fofinha - Falou e corei.

- O-obrigada - Respondi com vergonha - Você não é da cidade, não é?

- Como percebeu?

- Seu sotaque - Dou um sorriso fofo.

- Na verdade sou da Coréia do Sul – Ele falou e eu sorri.

 

Será esse um dos artistas que Mandy falou sobre? Esse garoto usava óculos escuros e um capuz, que caíram quando caímos no chão.

Me abaixo e pego seus óculos.

 

- Isso é seu – Falo sorrindo.

- Obrigado – Fala pegando os óculos de minha mão e o colocando em sua face.

- Seu capuz – Com vergonha coloco o capuz de volta em sua cabeça, cobrindo seus cabelos.

- Ah, obrigado – Fala sorrindo.

 

Eu estava curiosa, queria saber o porquê dele andar de capuz e óculos escuros, parecia querer se esconder de alguém.

 

- Vai fazer algo hoje mais tarde? – Perguntou coçando a nuca.

- Não, provavelmente ficarei vendo filmes enquanto minha melhor amiga está na balada – Falei e ri pelo nariz.

- Quer ir para algum lugar hoje de noite? – Fala carinhoso.

- Aqui na cidade tem muito lugar legal, mas de noite fica lotado, a melhor coisa a se fazer é ficar em casa e sair de manhã – Falei.

- Entendi....

- Quer ir lá em casa? Pera.... A gente acabou de se conhecer, mas.... affs, sei lá – Falo com vergonha.

- Pode ser – Fala rindo.

 

Ele chega perto de mim e deposita um beijo em minha bochecha, eu acho que corei, senti como se fosse pegar fogo, o que é isso? (AMIGA DA AUTORA: O poder do Bultaoreune, lógico)

 

- Te vejo mais tarde – Fala em meu ouvido me fazendo arrepiar, enquanto colocava um papel em meu bolso.

- Tchau – Falei vermelha que nem um tomate.

 

O que eu to fazendo?

Ele saiu e eu quase me esqueci do sorvete de Mandy, fui correndo comprar e corri de volta para onde ela estava sentada.

 

- Demorou porquê? Que magia você fez pro sorvete não derreter? – Fala rindo.

- Eu.... Eu.... Conheci uma pessoa no caminho.... – Falo corada ao me lembrar do sorriso de Yoongi.

- Porque você ta vermelha? Espera um pouco.... Você ta apaixonada? – Fala quase gritando e vejo Yoongi de longe.

- Cala a boca! – Tapo a boca dela.

 

Ela lambe minha mão e eu solto sua boca.

 

- Sua nojenta – Falo rindo.

- Não duvide de mim – Fala rindo.

- Ta, eu falo.... É aquele menino ali – Aponto para o Yoongi.

 

Mandy fica encarando ele por um tempo.

 

- Espera um pouco.... Eu conheço essa boquinha fofa.... MENTIRA! O BTS TA AQUI EM NOVA YORK! – Ela grita.

- Fala baixo! Quem é BTS sua doente? – Falo sussurrando.

- É uma banda coreana linda e maravilhosa – Falou com um ar de apaixonada. – Qual o nome do menino que você falou?

- Min Yoongi, porque?

- Caraca!!!!! Tu falou com um dos rappers de lá.

- Ok....

 

Fiquei pensando por um tempo, porque um famoso me chamaria pra sair? Eu sou uma zé ninguém comparado a ele. Ele ficou tão feliz com o jeito que eu o tratei.... Será porque não foi reconhecido? O que será? Ou eu sou burra mesmo e não notei algo mais? Aff.... Quer saber, vou pra opção de burra mesmo.

 

- Vamos pra casa Lola? – Fala Mandy me tirando de meus pensamentos.

- Ah sim, claro. – Falo me ligando.

 

Fomos para casa e eu fui tomar um banho, de noite o Min Yoongi estaria aqui. Peguei meu celular e mandei mensagem para o número que Yoongi colocou no meu bolso.

Mensagem ON

 

Lola: Olá, é Yoongi né?

Yoongi: Oi, é sim. Quem ta falando é a Lola né?

Lola: Eu sim.

Lola: Ah, esqueci de falar, o endereço é (rua rainbows)

Yoongi: Obrigado, estarei aí as 20:00

Lola: Ok, se a Mandy te ver e pular em cima de você não tem problema não né?

Yoongi: Sua amiga que quase surtou quando me viu? Não tem problema não, estou acostumado.

Lola: Estava se escondendo de alguém?

Yoongi: Alguns paparazzi, mas isso é normal na minha vida. Mal posso sair na rua e BANG eles aparecem.

Lola: Ta explicado o porquê do capuz e óculos, a Mandy te reconheceu.

Yoongi: Eu notei.

Lola: Bom.... Acho que vou me ajeitar, até mais tarde S2

Yoongi: Até S2

 

Mensagem OFF

 

Coloquei meu celular em cima da mesa e fui tomar um banho, coloquei uma calça jeans preta, uma camisa preta da Blink-182, um All-Star preto e amarrei meu cabelo em um rabo de cavalo. Pronto, eu estava pronta.... (AUTORA: Produção, preciso mesmo ficar explicando a roupa? Gente, imaginem a roupa que quiserem, porque sou horrível pra falar a roupa, a não ser que queiram que eu coloque a foto da capa com a roupa dela também. Affs, não sei, fiquem com a história)

 

Saí do quarto e achei Mandy preparada para sair.

 

- Vai aonde? – Perguntou curiosa.

- A lugar nenhum.... O Yoongi vai vir aqui – Falei com vergonha.

- Ta me zoando que Min Yoongi vai entrar nessa casa hoje?! – Falou quase gritando.

- Não to zoando. Agora.... Dá pra parar de gritar?

- Ok, vou sair, Tchau – Fala saindo pela porta.

- Tchau – Falei.

 

Finalmente eu estava sozinha em casa, um local calmo.... Espera um pouco? O que eu e Yoongi vamos ficar fazendo? Vendo filmes? Jantando? Porque eu não pensei nisso? Eu sou uma tonta.

 

Corri até meu celular.

 

Mensagem ON

 

Lola: O que a gente vai ficar fazendo aqui?

Lola: Tipo, eu não faço a mínima ideia.

Yoongi: A gente pode ver algum filme, jantar, sair, dormir, sei lá.

Lola: Ta, gosta de pizza?

Yoongi: Sim

Lola: Então ta.

Yoongi Ok então.

Lola: Até depois. <3

Yoongi: Até <3

 

Mensagem OFF

 

Me sentei no sofá esperando ele, o tempo não passava nunca, credo. Liguei a TV e nada de legal, tentei ler um livro, mas não dava, só pensava em quando ele iria chegar.

 

O que são essas borboletas no estômago que estou sentindo? Tomara que seja um verme, porque se for o tão falado amor ferrou, não estou afim de ficar dependendo de alguém. E afinal, eu tenho um namorado, e isso não seria nada bom, John não gostaria nada disso, ele é muito ciumento.

 

De repente ouço a campainha tocando, fui abrir e era Yoongi.

 

- Oi - fala sorridente

- Oi – Respondi sorridente. – Entra.

- Licença – Entra.

 

Ele entra com vergonha e se senta na cadeira da cozinha.

 

- E então, o que quer fazer? – Perguntei.

- Que tal vermos um filme? – Falou animado.

- Que gênero?

- Terror – Falou e fiquei surpresa.

- Um fã de terror? Que coisa rara – Falei sorrindo.

- É.... – Sorri.

 

Vou até a gaveta da sala e pego alguns filmes, colocando-os sobre a mesa.

 

- O que quer assistir? – Falei sorrindo.

- Qualquer coisa – Ele sorri olhando para os filmes, logo pegando um clássico – Esse é dos bons.

 

Ele me entrega o filme sorrindo e nos sentamos no sofá. Ele está sentado ao meu lado e a cada susto ele olhava para mim para ver minha reação.

O que ele queria? Era estranho o como ele me olhava, seus olhos eram profundos, como se lessem minha história, meu sonho mais profundo.

 

De repente, ouço a porta da sala abrir-se e levo um susto ao ver meu namorado entrar na casa. Sorri fraco pra ele, que me lançou um olhar mortal ao ver Yoongi com o braço atrás de mim, em volta de meu pescoço.

De repente ele saiu pela mesma porta que entrou e a fechou com força, me preocupei e levantei-me para ir atrás dele, saí pela porta sem dirigir uma palavra a Yoongi.
 

 

Continua?!


Notas Finais


Obrigada por ler, espero que tenha gostado
Até a próxima


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...