História Runaways (Taegi) - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias 2NE1, Bangtan Boys (BTS), Black Pink, EXO, Super Junior
Personagens Baekhyun, Chen, Heechul, Jennie, J-hope, Jimin, Jin, Jungkook, Kai, Lay, Lisa, Rap Monster, Rosé, Sandara Park, Sehun, Suga, Suho, V, Xiumin
Tags 2ne1, Blackpink, Bts, Exo, Jikook, Menção Taejin, Namjin, Super Junior, Taegi
Exibições 616
Palavras 993
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 14 ANOS
Gêneros: Comédia, Ecchi, Famí­lia, Festa, Lemon, Romance e Novela, Violência, Yaoi
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Spoilers, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 1 - Summer time


Quatro anos antes… (2010)

  Kim Taehyung sempre abominou o amor. Isso porque o casamento de seus pais acabou em divórcio, e desde então, ele não acredita que tal sentimento possa ser verdadeiro e duradouro.

  Tudo bem, ele têm apenas 15 anos, é novo, mas convenhamos, vivemos num mundo precoce. E aos 15, Taehyung já tinha sua coleção razoável de relacionamentos fracassados.

Ele sempre fora muito superficial. Não ligava muito para sua aparência, para seus cortes de cabelo… Tudo isso era motivo para um término relâmpago…

Mas ele nunca ligou, na verdade nem tinha certeza se realmente gostava de garotas.

  E foi essa “incerteza” que o uniu à Suga… Quer dizer, mais ou menos…

Eles se conheceram quando a família Min foi passar seu primeiro verão na praia de Busan, onde Taehyung morava. O ano era 2005, Taehyung tinha 10 anos de idade e Suga tinha 13. A primeira impressão que o garoto teve de Suga não foi nada boa. O menino andava com o cabelo tampando os olhos, sempre com um sorriso assustador nos lábios e um violão todo cheio de adesivos que ele levava pra todo lado.

  Um dia, Taehyung o viu sozinho sentado na areia perto do píer, e resolveu ir conversar. O garoto pensou que Suga poderia ser psicologicamente traumatizado, assim como ele… Pelo menos o mais velho aparentava ser. Felizmente, Taehyung estava certo, e Suga era tão melancólico como ele esperava que fosse.

— Tá sozinho? – Taehyung perguntou mesmo já sabendo a resposta. Taehyung queria que fosse uma piada, mas o garoto não riu.

— Não. Eu nunca estou sozinho. O Jimmy tá sempre comigo.

Kim Taehyung nunca sentiu tanto medo na vida. Quem caralhos era Jimmy que sempre estava com o menino? Ele logo pensou que fosse um espírito, e que o mais velho era mais louco do que ele pudesse suportar… Mas, ele acabou descobrindo que Jimmy era o nome do violão de Suga, e ai sim a amizade deles começou tranquilamente.

  A partir de 2005, em todo final de ano, Suga ia para Busan com os pais, e sempre ficava brincando com Taehyung.  O último verão em que se viram foi o de 2011… E foi nesse ano, que Taehyung descobriu que era capaz de gostar de alguém que gostava de suas piadas ridículas, mesmo que esse alguém fosse um menino.

— Talvez você tenha razão… – Suga disse enquanto eles andavam pela praia.

— Sobre…?

— Esse ser um dos melhores verões que já tive. - o mais velho respondeu fazendo Taehyung sorrir. O sorriso quadrado que definitivamente Suga achava lindo. - Mas não fique se gabando muito! Todo verão aqui em Busan é legal!

— Hmmmmm… aish! Que estranho, acho que essa é a primeira frase que saí da sua boca que não tem nada de pessimista!

— HÁ HÁ HÁ. Engraçado.

— É o meu charme, você já devia saber… Porque você é a única pessoa que me suporta.

  Suga desviou os olhos do mar e encarou Taehyung por uma fração de segundos. Ele nunca foi bom em encarar. E ele nunca conseguia olhar para o mais novo sem sorrir, por isso, sempre desviava os olhos, muito rápido.

— Você é muito orgulhoso para dizer em voz alta que ficaria comigo em um piscar de olhos, não é mesmo? – O mais novo perguntou sem nenhum tipo de medo na voz.

  O comentário inesperado de Taehyung fez Suga corar e rir. Ele ficou com tanta vergonha que a única saída que encontrou foi disfarçar.

— O que? Você é um idiota!

  O mais velho o empurrou com o ombro e o mais novo fingiu uma cara de dor.

— Uma vez me disseram que quando alguém te chama de idiota frenquentemente, é porque essa pessoa te ama. — Taehyung diz — E não sei se já notou mas acho que me chama de idiota umas cem vezes por dia.

  Assim que ele disse isso, se arrependeu profundamente. Taehyung nunca conseguiu entender porque sempre dizia às coisas que, realmente, pensava e não as coisas que, realmente, queria, perto de seu hyung. Ele não queria deixá-lo desconfortável, mas digamos que ele estava fazendo um péssimo trabalho com estes comentários.

— Quem te disse isso?

— Meu amigo. Não sei se você o conheceu. O Namjoon.

— Hmmm… Lembro vagamente.

— Então, ele é todo nerd e viciado em estudar, mas pega mina pra caralho!

 O mais velho da risada.

— Ele é bonito mesmo… Deve fazer sucesso.

O mais velho nem percebeu como o seu comentário “ofendeu” Taehyung. Suga já tinha se perdido em seus pensamentos outra vez. Ele estava pensando em como o primeiro colegial é diferente do fundamental. Ninguém mais ousava a fazer piadas com o seu nome, o que era bom. E agora ele realmente estava começando a fazer amigos.

  Jin, Jungkook e Jimin eram alunos novos, e os quatro logo se tornaram um grupo. A menção de Taehyung ao amigo Namjoon, fez o mais velho lembrar o quanto o amigo Jin gostava de um garoto misterioso e estranho. Era nisso que pensava enquanto Kim Taehyung o admirava à luz do pôr do sol.

  O mais novo já tinha decorado as manias do mais velho. Quando ele sorria pro nada, mordia o lábio inferior e mexia nos cabelos, era porque uma nova viagem em sua cabeça havia começado.

— Parece que perdi mais uma vez na batalha contra o seu subconsciente. – Taehyung disse rindo e Suga finalmente despertou. – Não sei por que eu perco toda vez! — Ele falou fingindo uma melancolia na voz.

— É porque ele é bem mais interessante que você. – Suga disse e sorriu gentilmente.

— E ele é mais engraçado também?

— Não, isso seria impossível. Ninguém consegue ser mais sarcasticamente engraçado que Kim Taehyung!

— Isso foi ironia?!

— Talvez. Você nunca irá descobrir! — Suga disse, rindo e e saiu correndo pela praia.

Taehyung não se importou em ir atrás, ele pensou que veria seu hyung no próximo ano para saber se ele estava sendo irônico ou não. Mas, aquela foi a última vez que ele o viu…

  A última vez naquele verão.


Notas Finais


aiii me digam o que acharam c:


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...