História Running Against Time - Capítulo 1


Escrita por: ~

Visualizações 20
Palavras 2.224
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 14 ANOS
Gêneros: Ação, Ficção, Luta, Violência
Avisos: Álcool, Drogas, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 1 - Capítulo 01


No dia, 10 de Agosto de 2015 foi um grande choque para a população norte-ameriacana, dois criminosos que já eram procurados desde 2013, Harry Styles e Louis Tomlinson, cometeram outro crime que foi um grande prejuízo para o banco de Nova York, Deutsche Bank. Eles levaram uma grande quantia em dinheiro, no valor de 200,000,000,00$ (Duzentos Milhões de Dólares), esse seria o primeiro roubo deles depois de 3 meses que roubaram super banco, JP Morgan Chase, de Nova York também. Esse banco guarda uma quantia de 2,3 trilhões de dólares e segundo os contadores 120,000,000$ (Cento e Vinte Milhões de Dólares) foram levado pelos criminosos. Eles não agiam sozinho, junto com eles haviam um grupo formado por duas garotas e mais dois garotos. Camila Cabello e Lauren Jauregui eram suas fiéis companheiras do crime, elas eram especialistas em hackear e invadir os bancos em questão de minutos, além de ótimas hacker eram namoradas e apaixonadas. Liam Payne e Niall Horan eram os moções que faziam o trabalho braçal com Harry e Louis, eles eram muito bons em labias e conseguiam qualquer coisa com seus charmes e encanto. Eles eram especialistas em arrombamentos e faziam todo o planejamento que durava meses para invadir os bancos sem serem pegos. 


Eles estavam decididos que esse seria o último assalto dele e então iriam viver o resto de suas vidas longe do crime e usufruindo do dinheiro de seus assaltos. Então por isso levaram um grande quantia de dinheiro, a maior roubada até agora. 


Todo o assalto durou cerca de 25 minutos, os meninos estavam dentro do cofre enquanto Lauren e Camila ficava do lado de fora monitorando e vigiando os movimentos dos dos guardas. Nesse processo eles conseguiram sair e apagar todos os rastros de que estiveram lá. Louis como um garoto muito debochado deixou um bilhete dentro do cofre do banco que dizia: "Obrigado pela doação meninas, Deus abençoe vocês! Haha!" L,H (que eram as iniciais de Louis e Harry). 


Após sair do cofre foram direção ao topo do prédio, por onde entraram. Chegando lá foram pegos por um helicóptero que era pilotado por um de seus amigos do crime, que ajudavam somente em alguns dos roubos. Zayn Malik era ele, o chefe de pilotagem de Nova York, mais corrupto que qualquer um dos políticos dos EUA, ele eram envolvido com os assaltos somente pelo dinheiro e só fazia os trabalhos mais leves do crime, e ganhava muito bem por isso. Ele vivia salvando a pele dos garotos nos assaltos. Como era de um cargo importante e  bastante respeitado em NY ele não era suspeito. Liam era bastante apaixonado pelo rapaz, embora não sabia ao certo sua sexualidade ele tinha uma certa queda por Zayn. 


- Chegou bem na hora. - disse Harry abrindo a porta do helicóptero. 


- Só temos 5 minutos antes que os seguranças cheguem aqui na cobertura, então entrem rápido! - disse Zayn concentrado enquanto o grupo se acomodava em seu helicóptero. 


- Ok, senhor piloto, tire-nos daqui! - indagou Louis sorrindo. 


- Eu ainda estou com a adrenalina a flor da pele. Esse foi o assalto mais fácil que eu já fiz na minha vida, valeu a pena os meses de planejamentos. - gritou Camila para os parceiros. 


- Definitivamente, sim! Estou tão nervoso, haha! - gritou Niall do banco da frente de Camila. 


Eles viajaram por 4 minutos até pousarem numa área de frente para a ponte do Brooklyn, chegando lá desceram e fizeram sinal para o Zayn, que em seguida devolveu o sinal com a mão e subiu o helicóptero sumindo no céu. 


- Então, aqui estamos nós, livres... - disse Lauren com um tom sério. 


- AAAAAAAAH, EU ESTOU MILIONÁRIO!! - gritou Louis fazendola com que escoasse pelo campo toda. 


-YEAAAAH! - berraram todos juntos. 


- Então, vamos para casa, dividir nossos patrimônios. - disse Niall olhando para as mochilas carregadas de dinheiro. 


- Calma irlandês, já tá com pressa de botar a mão na cédulas? - disse Harry fazendo piada com o garoto.


- Estou desde quando começamos a planejar esse assalto. - diz Niall andando em direção à Harry e batendo em seu ombro. - Então? Vamos lá. 


- Vamos. - disse Harry com olhar de sarcasmo. 


*


Chegando em seu galpão, onde moraram todos juntos durante os meses que planejavam o assalto, Niall joga sua mochila na mesa e todos os garotos fazem o mesmo. Eles se encaram por um tempo e em seguida todos começam a rir e dançarem juntos. Louis como um garoto que adora farra colocou uma música para animar mais ainda o ambiente. E enquanto tocava Love, Money, Party da Miley Cyrus (música perfeita para o momento) eles jogaram todo o dinheiro na mesa e todos sentaram juntos colocando o dinheiro no contador. 


Ficaram cerca de 30 minutos até que fizeram todo as contas e de acordo com Lauren e Camilla o patrimônio de todos os roubos deles, inclusive o recente, eles tem um valor de 347,000,000$ (Trezentos e Quarenta e Sete Milhões de Dólares). 


Todos se olharam com os olhos arregalados e com o queixo praticamente no chão. 


- Quanto vai ser para cada um? - diz Niall impaciente.


Lauren abre sua calculadora, faz a conta e em seguida responde para Niall com olhar de surpresa.


- 86 milhões 750 mil dólares, para cada um! - diz ela engolindo seco. 

Todos se olham e sorriem com um sorriso de orelha à orelha. 


- Não podemos esquecer do Zayn! - diz Liam sobre seu crush supremo.


- Hmm, parece que alguém está preocupado com o crush, que fofo gente! - diz Harry deixando Liam com sua cara vermelha de vergonha. 


Todos começam a zombar do pobre garoto apaixonado e então Harry diz:


- Não iremos esquecer, eu já tenho o dele guardado, irei deixar em um lugar para ele pegar depois. Fica tranquilo, irmão. Relaxa aí e curte seu dinheiro. - diz Harry para Liam. 


Todos ficam ali pela noite discutindo seus próximos destinos, comendo e rindo. Tudo perfeito, mal poderiam esperar para o dia seguinte, que seria sua fuga do país e seriam livres. 


Harry e Louis decidiram que iriam para o Brasil, lá eles não seriam procurados, viveriam em paz e bem pelo resto de suas vidas. 


Niall iria para Irlanda, sua cidade natal Westmeath, Irlanda. Iria viver no anonimato e passar o resto de sua vida com sua namorada a qual não ver desde 2013 quando saiu da Irlanda para ser criminoso nos EUA.


Liam iria continuar em NY, é um risco que ele queria correr, era tão apaixonado pelo Zayn, que estava afim de arriscar sua liberdade por ele. 


Lauren e Camilla decidiram que irão para o México, lá as leis dos EUA não interferem e irão viver em um lugar calmo e livre de movimentação. Sem chamar atenção das pessoa. 


Após passarem a noite dividindo às quantias de dinheiro entre o grupo, foram dormir, pois, no dia seguinte iriam ter que serem super discretos e fugirem o mais rápido que puderem dos EUA. Exceto Liam, que iria permanecer lá, para seguir seu coração e tentar uma chance com Zayn. 


Louis foi o primeiro a acordar, como ele era o mais animado entre o pessoal, já foi logo ligando o som e aumentando no último volume fazendo com que todos a acordassem irritados. 


- ABAIXA ESSA MERDA, CARALHO! - gritou Liam de sua cama.


- ME OBRIGUE!! - respondeu Louis ironizando de Liam. 


Harry nada contente faz uma cara de sério para Louis, fazendo com que o garoto entendesse o recado e abaixasse o maldito som. 


- Desculpa galera, mas olha a hora, não temos o dia todo. - diz Louis. 


- É eu sei, eu já ia acordar, esse barulho todo foi muito desnecessário. - reclamou Lauren com sua voz fofa pós acordar. 


Todos levantaram e foram comer os restos de cereais que havia nos armários. Tomaram banho e fizeram suas malas, levando todos os itens necessários para escapar o mais rápido possível dos EUA. 


Antes de saírem sentaram juntos na mesa para discutirem seus planos de fuga e conferir os itens para que nada desse errado. 


- Bom companheiros, eu não esperava que esse momento chegasse tão cedo, mas finalmente vamos seguir nossas vidas sem assaltos e fora do crime. - falou Harry meio triste. 


- É, nem eu. Ainda sinto a adrenalina de cada assalto à banco e joalheria que fizemos. - Camila disse cabisbaixa.


- Qual é galera, vai ser ótimo. Parem de chorar, seus maricas e vamos gastar nosso dinheiro com besteira. - Louis falou animado. 


- Sim, Lou tá certo, já está na hora de vivermos fora dos crimes e ter uma vida sossegada e suave. - Liam disse contente. 


- OK, galera. Vamos focar na nossa fuga. Temos tudo que precisamos? - Harry falou enquanto pegava seus documentos falsos. 


- Mostrem seus passaportes, identidade e cartões falsos. Não quero que nada dê errado durante a fuga. Nada pode ficar para trás. Nenhum rastro. - disse Louis olhando nos olhos de cada um.


Todos abriram as mochilas e tiraram seus documentos. Puseram na mesa e planejavam suas escapadas. 


- Bom galera, eu e Louis iremos levar o dinheiro de Zayn... - Harry disse e logo foi interrompido por Liam.


- Eu levo, por favor. Não precisa se arriscar, eu vou ficar aqui mesmo. - disse Liam. 


Lauren e Camila se olham sérias e dizem:


- Não, Harry e Louis leva, eles planejaram isso, não estraga o plano. - falou Lauren para Liam.


Liam ficou meio triste mas concordou com ela.


Lauren e Camila andavam estranhas ultimamente, dias antes do assalto elas se afastaram dos garotos e começaram a ter conversas secretas. Estranho, pois, elas compartilhavam tudo com os meninos... Algo acontecia ali, mas ninguém percebia ou não queriam comentar. 


- Tudo certo? Podemos ir? - perguntou Niall levantando da mesa.


- Sim, tudo certo. Vamos fugir dessa porra de país! - falou Harry super destemido. 


Eles levantaram todos juntos, foram se arrumando e abriram o portão do galpão. Uma luz forte penetrou no galpão, fazendo os garotos fecharem os olhos. Havia um carro que estava sendo guardado para eles, que iria ser utilizado para levar todos ao aeroporto de Nova York. 


Lauren entrou no carro e o ligou. O ronco daquele motor soava como música dos anjos, todos estavam ansiosos para fugir dali, serem felizes em outro país. 


Louis e Harry jogam sua mochila no porta-malas do carro. E entra no carro. Niall, que não iria com eles, encosta na janela do carro e começa a se despedir. 


- Eu vou sentir a falta de vocês garotos. Eu amo vocês demais! - disse Niall com os olhos cheios de lágrimas. 


- Awn, Niall sempre o mais sentimental. Também iremos sentir sua falta, mantenha contato, parceiro. - disse Louis com um sorriso estampado no rosto. 


- Não esqueça de nos manter atualizados da novas, amamos vocêz bebê! - falou Harry emocionado. 


- Até breve meninos e meninas. - disse Niall deixando uma lágrima escapar dos olhos. 


- TCHAAAAU, NÓS TE AMAMOS! - falou Lauren e Camila em coro. 


Todos riem. Lauren pisa fundo no acelerador, fazendo barulho com a fricção dos pneus com o chão. 


Chegando no local escolhido por Harry e Louis para deixar o dinheiro de Zayn. Lauren para o carro na rua, a rua parece deserta, nenhum sinal de vida.


- Nos aguarde enquanto entramos e deixamos a mala lá dentro. Voltamos em 5 minutos. - disse Harry abrindo a porta do carro. 


Camila e Lauren se olham e Lauren diz: 


- Claro, sem pressa, mas não exageram. - diz ela calmamente. 


- Garotos, amamos vocês, se cuidem. - diz Camila olhando para os bancos de trás e com um tom de tristeza. 


Os  garotos se olham confusos e Louis diz:


- Hummm... Okay? - diz Louis meio confuso.


Harry sai do carro pondo a mala nas costas, logo em seguida sai Louis. Bate a porta do carro e adentram no prédio. Uma porta de ferro enferrujada é o portão de entrada. Louis pega na maçaneta e a abre, sujando a mão de ferrugem, limpando na sua calça logo em seguida. 


Dentro desse prédio não havia nenhum sinal de alguém. Ou de algo. Havia alguns materiais que eles não sabiam o que eram, haviam encarnações à mostra, estava escuro, sendo iluminado somente pelo buraco que havia no telhado do prédio. Alguns ratos caminhavam por ali, o ambiente tinha um odor estranho, de mofo e de animal morto. Super nojento. Eles procuravam pelo armário que Zayn havia dito à eles, para que deixassem sua parcela lá dentro. 


Ficaram cerca de 4 minutos procurando por esse armário. Quando acharam soltaram um suspiro de alívio, não porquê iria embora, mas porquê não aguentavam mais nenhum minuto naquele lugar horripilante. 


Harry tira a bolsa das costas e põe dentro do armário. Fecham a porta e caminham até saída. 


Quando estão perto da saída eles ouvem a porta se aberta, logo em seguida um cara armado e com uma lanterna grita:


- PARADOS, VOCÊS ESTÃO PRESOS!! - grita um Policial.


Harry e Louis sem ação se olham, uma lágrima de desespero escorre pelo rosto corado de Harry, eles não sabem o que fazer, não havia mais o que fazer. Tudo iria por água abaixo, se sentiram decepcionados e frustrados. Tinham que pensar em um modo de escapar dali ilesos, mas era algo quase impossível, então tinham que contar bastante com o raciocínio rápido.





Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...