História Sadistic Trap - Capítulo 28


Escrita por: ~

Postado
Categorias Diabolik Lovers, Vocaloid
Personagens Ayato Sakamaki, Kanato Sakamaki, Laito Sakamaki, Reiji Sakamaki, Shu Sakamaki, Subaru Sakamaki, VY2 Yuma
Tags Crossdresser, Drama, Homossexual, Lemon, Mistério, Sadomasoquismo, Sangue, Tortura, Trap, Vampiros, Yaoi
Exibições 204
Palavras 1.028
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Ficção, Lemon, Romance e Novela, Suspense, Violência, Yaoi
Avisos: Canibalismo, Cross-dresser, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas da Autora


Aloha! Aqui está mais outro cap! Vi em algumas fanfics, onde os autores falavam do seu cotidiano e quis trazer isso aqui


VOU POSTAR 10 COISAS SOBRE MIM!


1 - Meu nome é Anna

2 - Moro no Pantanal

3 - Tenho depressão

4 - Sou bem nova

5 - Gosto de ouvir piano para escrever capitulos

6 - Amo Haikyuu, Kuroko no Basket, KHR, HxH e Tokyo Ghoul

7- Minha matéria preferida é ciências

8 - Falta dois anos para eu entrar no ensino médio

9 - Tenho 1,70 de altura

10- Gosto de colecionar flores artesanais!



Esses fatos podem ser como um agradecimento de MAIS DE 150 FAVORITOOOOOOOOSPUTA QUE PARIU VOCÊS SÃO INCRIVEEEIS!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!








Muito obrigado!! <3


Por favor, escutem uma música enquanto leem o cap, link nas notas finais

Capítulo 28 - Vamos nos casar


Fanfic / Fanfiction Sadistic Trap - Capítulo 28 - Vamos nos casar

Estavam na escola, Kaito não viera por algum motivo desconhecido. Yuuma cambaleava depois de ter dado tanto sangue para Kanato, que estava sedento.Rumo a cozinha, para encontrar seu “namorado”, quando foi parado pelo seu amigo vampiro.

 

- Ei! Você está bem? – Seu tom era bruto, mas tinha um leve tom de preocupação, segurou o rosado antes que ele caísse.

 

- E-Estou! – Mentiu.

 

- Caramba! Você tem que se cuidar, vá descansar.

 

- Não...! Eu preciso encontrar o Ayato...

 

 

O sangue do vampiro ferveu, só de ouvir o nome daquele acerejado.

 

- Yuuma! Eu falo com ele depois! Vá descansar! – Repreendeu o menor.

 

- M-Mas... – Sentiu suas bochechas queimarem, Subaru estava brigando com ele no meio da escola, ao redor de vários estudantes!

 

- Vá de uma vez!! – Ordenou, batendo com força na parede, causando uma enorme rachadura. Isso foi o suficiente para o menor assentir, derrotado.

 

- H-Hai... – Se virou, prestes a voltar a sala e descansar.

 

- Yuuma. Preciso te contar uma coisa.

 

“Depois da formatura, eu fiquei na sala de aula

Esperando que você falasse comigo

 A partir do momento em que estou sozinho, minha fantasia toma vida”

 

- Hn?

 

- Não... Termine com o Ayato.

 

 

"Eu caí na minha confortável ilusão
‘Você se sente da mesma maneira?’ "

 

- Eh...?

 

 

- Pelo seu próprio bem, termine com ele.

 

- O que está dizendo, Subaru? – Yuuma arregalou os olhos, não acreditando no que ouviu.

 

 

- Ele está mentindo para você, Yuuma! Tudo foi uma mentira! Sobre ele amar você, e sobre amar a Yui! Era tudo blasfêmia!

 

O rosado ficou em silêncio, ouvindo o Sakamaki.

 

- Ele só falou isso para ter um “banco de sangue” e te ter todo para ele! Ele fez isso com a Yui, e viu o que aconteceu com ela?! Ela morreu por culpa dele! Ayato matou a Yui!

 

“Assim como o final feliz de um anime
Satisfazendo meu subdesenvolvimento

Não poderia alguém como eu
Ser a personagem principal?”

 

- Calado!! – E finalmente, o rosado se pronunciou. Subaru arregalou os olhos, espantado com o rosado por ele ter elevado a voz – Você não me entende! Você é igual a todos!

 

 

- Eu entendo... Yuuma, quero dizer.... Que não importa quão profundamente você tenha caído na escuridão, você ainda tem a coragem de estender a mão. Adoro quando você acaricia meus cabelos. Sinto como se pudéssemos entender uns aos outros através do contato entre sua mão e meu cabelo. Eu amo sua voz. Apenas ouvir você dizer uma palavra faz meu coração se sentir mais quente. Eu amo seus olhos. Normalmente, eles parecem severos, mas quando você está sendo gentil com alguém, eu amo o jeito que eles suavizam. Eu amo seus dedos. Para um menino, você tem esses dedos adoráveis. Mas quando tocam os meus, eu sei que são os dedos fortes, delgados de um homem. Eu amo o jeito que você anda. Quando caminhamos juntos, eu amo o jeito que você ocasionalmente se vira, para ter certeza que eu continuo. – Sorriu, encarando o rosado, que estava de cabeça baixa, sem dizer nada.
 
- Pare... – Sussurrou, alto o suficiente para que Subaru ouvisse, mas o rosado foi ignorado.
 
 
“Eu estava cavalgando em suposições
Para o alívio da estúpida, estúpida eu
Me ensine, o que eu deveria ter feito?
 
Depois disso, te vi apenas uma vez
Você mudou um pouco, exceto o seu cabelo tingido
Tentei falar com você
Mas vi o homem ao seu lado
E afastei minha mão”

 

 
- Eu amo o jeito que você olha quando você dorme. Você parece sem aparência, como uma criança, e seus cílios compridos. Quando eu toco sua bochecha, você se acalma ... E quando eu toco seus lábios, você nem percebe ... E isso faz meu coração doer terrivelmente. Eu te amo.
 
 
Ficaram em silêncio durante alguns minutos, para que o rosado pudesse raciocinar diante dessa declaração.
 
 
- Subaru...
 
- Se for muito difícil para você andar sozinho, eu vou te segurar. Enquanto caminhamos, compartilharemos o fardo e nos apoiaremos mutuamente. Não foi isso que você me disse? – O rosado se lembrou dessa memória, quando o albino estava irritado por conta de Ayato, e o VY2 disse isso, para acalma-lo.  - Mostre-me como você pode ser incrível, Yuuma. E então, iremos começar tudo de novo! Do zero! Vamos fugir juntos! Vamos trabahar, e aos poucos juntaremos dinheiro, teremos uma casa ideial... E quem sabe, adotamos um filho, não é? Vamos nos casar e fugir dos Sakamaki!
 
 
- Subaru... – Repetiu o nome do maior, para que ele prestasse a atenção no menor.
 
“Assim como o final feliz de um anime
A corajosa personagem principal
Por que não poderia alguém como eu
Dar um passo à frente?
 
Estou dominada por paranoia e auto-piedade
Essa estúpida, estúpida eu
Me ajude, eu quero sair agora.”

 
 
- Hai? – Seus olhos tinham esperança, um sorriso sereno estava desenhado em seus lábios.
 
 
- Eu amo o Ayato.
 

 

 

“Assim como o final feliz de um anime

Satisfazendo meu subdesenvolvimento

Não poderia alguém como eu

Ser a personagem principal?

 

Eu estava cavalgando em suposições

Para o alívio da estúpida, estúpida eu

Me ensine, o que eu deveria ter feito?”

 

...

 

 

 

Yuuma corria, para o local de encontro com Ayato, estava atrasado e sabia que o mesmo iria ficar furioso! Fugiu após dar a resposta para Subaru, e ignorava a tontura que sentia.

 

Quando chegou ao local, viu Ayato furioso, encostado na parede.

 

- Sinto muito, Ayato! – Ofegava, apoiou-se na parede, tentando recuperar o fôlego.

 

- “Sinto muito” ?! Sabe quanto tempo eu esperei você?! – Vociferou, e então se aproximou do mesmo, sempre cheirava-o, para saber se estava com alguém... Ayato era bem possessivo, não é?

 

O garoto se arrepiou, ao sentir o vampiro cheirando seu pescoço, e logo depois apertar com força sua cintura.

 

 

- A-Ayato... E-Está me machucando..!

 

- Você estava com o Subaru?! – Yuuma arregalou os olhos

 

- S-Só conversamos um pouco!! – Ayato segurou seu pulso com força, mordendo o lábio inferior. Não poderia deixar seu plano correr em risco por conta de um bobo apaixonado como Subaru.

 

- Mentiroso! – E por instinto, medo de morrer. Yuuma arranhou o rosto do Sakamaki.

 

 

Demora para esconder hematomas depois de uma briga?


Notas Finais


https://www.youtube.com/watch?v=pXlqWF6__aQ


SIIIIM! QUEM CANTA É O NOSSO YUUMA!!

Muito obrigado mesmo, galera! A declaração foi inspirada/levemente copiada pela declaração da Rem para o Subaru, do anime Re:zero



BEIJOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOS


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...