História Safety Pin - Capítulo 9


Escrita por: ~

Postado
Categorias 5 Seconds Of Summer, Danielle Campbell
Personagens Ashton Irwin, Calum Hood, Danielle Campbell, Luke Hemmings, Michael Clifford, Personagens Originais
Tags 5 Seconds Of Summer, Ashton Irwin, Calum Hood, Danielle Campbel, Luke Hemmings, Michael Clifford
Exibições 231
Palavras 1.610
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Crossover, Drama (Tragédia), Romance e Novela, Violência
Avisos: Álcool, Estupro, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


* Hey Hey !
* Hoje tenho poucas coisas a dizer, quero apenas que saibam que esse capítulo está super fofo e que a partir do próximo, as coisas vão ficar um pouco mais tensas e diferentes. Vocês vão se surpreender um pouco.
*Não deixem de comentar, eu amo cada um dos comentários, eles são maravilhosos.
*Escutem essa música enquanto lêem esse capítulo, sei que vão gostar https://youtu.be/ZWGSOPmJ02A
* Amo muito vocês, boa leitura !

Capítulo 9 - Night Of The Fireflies


Fanfic / Fanfiction Safety Pin - Capítulo 9 - Night Of The Fireflies

Toda a casa estava com a iluminação colorida, tinha ficado bonito, acho que sem esse pequeno detalhe na iluminação a festa seria um pouco ruim.

De longe eu conseguia ver a Charlotte, ela tinha uma garrafa de cerveja em sua mão, pouco antes ela havia me dito que não iria beber algo mais forte. Calum estava a acompanhando, a desconfiança dele querer a beijar só aumentava, mas isso não importava tanto, a única coisa que realmente importava era ela está se divertindo.

A música que ecoava pelo lugar era Confident do Justin Bieber, todos sabiam que as músicas dele eram boas, era impossível não colocar pelo menos uma de suas canções nas festas.

Don't do it to me, Don't do it to me.. – Estava começando a cantar sentado na cadeira da bancada que havia na cozinha.

— Oh no no, Oh no no... – Arzaylea me acompanhava cantando "Oh no no".

Don't do it to me...

Oh no no, Oh no no...

Don't do it to me...

Oh no no, Oh no no...

Don't do it to me...

Oh no no, Oh no no... – Ela havia rido no momento em que eu iria começar a cantar, logo ri junto, havia sido engraçado.

— Somos um casal de idiotas. – Continuei a rir e ela concordou com a cabeça.

— Idiotas é pouco amor. – Ela colocou a mão na boca para tentar conter a risada enquanto eu parava a minha.

— Também acho. – Balancei a cabeça negativamente e me levantei da bancada a puxando pelo braço, ela se levantou. — Vem, vamos dançar.

— Eu não sei dançar Luke. – Ela parou de rir aos poucos e eu continuei a puxar pelo braço.

— Eu também não, mas mesmo assim irei tentar. – Acabei rindo outra vez, ela deixou ser puxada enquanto me olhava.

— Ao invés de dançar, gostaria de ouvir você e os meninos cantarem uma das músicas de vocês, elas são tão boas. – Ela se afastou um pouco pegando em uma de minhas mãos em seguida entrelaçando nossos dedos, eu sorri.

— Seria legal, mas tenho que achar os meninos para cantar, sem eles é complicado.

— Eu te ajudo a procurar, vamos.

Andei junto da Arzaylea pela festa de mãos dadas, estávamos procurando os meninos e pelo visto seria difícil encontrar, além da casa, tinha o lado de fora que era extenso e também a parte do lago, muitos deveriam estar por lá fazendo sei lá o que.
Ashton não havia sido tão difícil de se encontrar, ele conversava com a Brianna, uma ex dele. Disse para o Ashton que seria legal cantar, ele disse a mesma coisa e me falou para procurar os outros, isso que Arzaylea e eu fomos fazer novamente.

— Falta o Michael e Calum. – Ela disse andando ao meu lado, eu balancei a cabeça afirmando.

— Onde aqueles vagabundos devem estar? – Disse para mim mesmo.

[...]

Os encontrar havia sido difícil, eles estavam tomando banho no lago, isso não era normal, está de noite e frio, eles não sabiam que a chance de pegar pneumonia existia?

Todos estavam reunidos no centro da sala, Ashton tinha consigo seu cajón e Michael um violão, Calum e eu estávamos apenas usando a voz. Depois de uma votação entre nós mesmos decidimos que a música que iríamos cantar seria Beside You.

— Essa canção foi uma das primeiras que escrevemos, ela nos trás lembranças da nossa caminhada até chegar onde estamos, por isso decidimos cantar essa música, espero que gostem. – As palavras do Ashton me fizeram sorrir, essa música era tão forte para nós, o valor sentimental que ela continha era enorme.

Calum respirou fundo e fechou os olhos por alguns segundos e os abriu começando a cantar.

Within a minute I was all packed up
I've got a ticket to another world
I don't wanna go I don't wanna go

Lembranças antigas retornavam para minha mente, todas aquelas vezes em que cantávamos para um pequeno número de pessoas em praças vinham a minha mente, meus olhos se fechavam e um sorriso se formava em meu rosto.

Suddenly words are hard to speak
When your thoughts are all I see
“Don't ever leave,” she said to me

Meus olhos se abriram no momento em que eu devia cantar e em minha visão estava a Charlotte, não sabia de onde ela havia aparecido, mas ela me fez sorrir ainda mais e isso era o que importava.

When we both fall asleep, underneath the same sky
To the beats of our hearts at the same time
So close but so far away

(Can you hear malone)

She sleeps alone

As pessoas em nossa volta acompanhavam a música, muitas vezes presenciamos essa cena durante nossa adolescência, nos parques, cafés e bares tinham pessoas como eles, que perdiam seu tempo para nos ver cantar e ainda por cima sabiam a letra das nossas canções.
Minha voz e a dos meninos haviam ficado mais altas, essa era a parte onde todos cantavam juntos, todos nós mostravam que juntos éramos um, o 5 Seconds Of Summer.

My heart wants to come home
I wish I was, I wish I was
Beside you
She lies awake
Trying to find the words to say
I wish I was, I wish I was
Beside you

A canção prosseguiu até chegar em seus últimos versos, onde só nós estávamos cantando agora.

She sleeps alone
My heart wants to come home
I wish I was, I wish I was.

Todos aplaudiram, não era nenhuma supresa, pois não só cantamos, passamos uma energia positiva enorme para todos através da música, ela havia nos emocionado muito por dentro, a sensação era maravilhosa.

— Você se supera toda vez que canta. – Charlotte disse logo após os aplausos terminarem, eu sorri.

— Na minha humilde opinião, cantei da mesma maneira de sempre. – Era óbvio que eu havia me superado, deveria concordar com ela.

— Apenas admita que cantou bem Luke. – Ela sorriu e bateu de maneira fraca em meu ombro, finalmente admiti.

— Vou admitir só porque é uma convidada especial.

— E porque estou certa. – Ela falou convencida.

— Sim, claro, certíssima. – Falei de forma irônica balançando a cabeça. — Mas, então, como está se sentindo? Feliz?

— Estava meio para baixo um pouco antes de te ouvir cantar, mas agora me estou melhor.

— Você poderia me dizer o motivo de ter ficado para baixo antes, mas acho que devemos falar sobre isso em outro lugar, quer caminhar até o lago? Todos estão aqui dentro, então não deve ter ninguém por lá.

— Eu aceito apenas caminhar até o lago, mas te contar o motivo não. – Ela fez uma breve careta começando a andar.

Arzaylea e os meninos estavam ocupados conversando com outras pessoas, então nem chegaram a perceber que a Charlotte e eu havíamos saído de dentro da casa.

Em frente ao lago havia uma árvore, nela dois balanços estavam pendurados, como sempre fui meio criança, me sentei nele e a Charlotte acabou fazendo o mesmo se sentando no balanço ao lado do meu, não estávamos nos movendo, apenas parados.

— Pode começar! – Olhei para ela sorrindo de forma meiga, ela retribuiu o sorriso mostrando a língua em seguida.

— Não era nada de mais, só senti saudade da minha irmã e um pouco de medo ao pensar no que meu pai poderia fazer caso eu o denunciasse. – Ela segurou nas cordas que seguravam o balanço e começo a balançar os pés.

— Vocês são muito apegadas, pelo pouco que me contou de vocês duas deu para deduzir isso, é normal sentir saudades. – Comecei a me balançar enquanto olhava para frente. — Quanto a situação do seu pai, ele não vai fazer nada com você, estarei lá para cuidar de vocês duas, vai dar tudo certo.

Ela me olhava e não demorou muito para que eu percebesse, um sorriso se formava em seu rosto e eu apenas retribui enquanto começava a ouvir ela falar.

— Você me conforta, suas palavras são muito doces, acho que depois que conheci você, comecei a encarar essa coisa toda com mais força e facilidade. – O sorriso não saia de seu rosto, isso era ótimo. — Você apareceu e de uma maneira boa, causou uma bagunça no meu coração, deu mais vida a ele. Não vou me arrepender nunca de ter conhecido você.

— Fico muito feliz em saber disso, espero ser um grande amigo seu a partir de agora, quero acompanhar sua vida de perto e estar sempre ao seu lado quando precisar.

— Você é um anjo Hemmings, o meu anjo. – Ela saiu do balançou e seguiu até mim beijando minha bochecha, o sorriso em meu rosto se alargou. — Devemos voltar, se não sua namorada vai ficar desesperada. – Ela riu e eu também. — Mas, acho que antes, devemos tentar pegar um vagalume.

Muitos vagalumes iluminavam aquele lago, aquilo estava lindo, as luzes deles se refletiam no lago, nunca tinha visto uma coisa linda assim antes.

— Não podemos, estamos sem um pote de vidro. – Saí do balanço e peguei em sua mão, ela entrelaçou nossos dedos. — Além disso, prefiro vagalumes soltos, não presos.

— Você tem razão, eles ficam mais bonitos soltos.

A noite tinha sido uma das melhores que já tive, passar todo esse tempo com a Charlotte, só me mostrou que eu deveria estar ao lado dela a todo momento, ela se tornou uma das pessoas mais importantes na minha vida e eu iria protege-la a todo custo.


Notas Finais


O capítulo com o user de vocês do Twitter está pronto, logo ele será postado para vocês
* Não esqueçam de comentar e também se preparem para o próximo capítulo, vai ser ótimo.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...