História Saint Seiya - Adult Collection - Capítulo 4


Escrita por: ~

Postado
Categorias Saint Seiya
Personagens Atena (Sasha), Freya, Hilda de Polaris, Hyoga de Cisne, Ikki de Fênix, Miho, Pallas, Pandora, Paradox de Gêmeos, Saori Kido (Athena), Seiya de Pégaso, Serafina, Shiryu de Dragão (Shiryu de Libra), Shun de Virgem, Shunrei, Tenma de Pégaso
Tags Casais Diferentes, Hentai, Menage A Trois, Moresomes, Saint Seiya, Threesome
Exibições 73
Palavras 3.692
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Hentai, Romance e Novela, Universo Alternativo, Yuri
Avisos: Adultério, Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Nudez, Sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Saint Seiya não me pertence. Desculpem os erros de português.

Personagens: Seiya, Pallas, Gallia e Paradox. Parte I.

Capítulo 4 - Capítulo 04


Capítulo 04

PallasBelda

A cidade estava em ruínas com sinais de uma violenta batalha entre os exércitos de Atena e Pallas. O exército da deusa do amor, tinha conseguido deter o avanço dos cavaleiros e forçar eles recuarem, inclusive a própria Atena. Enquanto escapavam um único cavaleiro segurava as forças de Pallas, mas ele estava exausto e gravemente ferido.

Esse é o poder do cavaleiro lendário de sagitário? O assassino dos deuses? - Indagou um dos soldados indagou preocupado.

Seiya: Eu não posso permitir que eles avancem, até que Atena e os demais consigam escapar - Falou seriamente olhando para os adversários.

Já chega! Renda-se agora ou morrerá! Seiya de sagitário! - Exclamou um autoritária.

Seiya: Pallas… - Sussurrou olhando para a deusa do amor, a sua aparência estava por volta dos dezoito anos, um corpo voluptuoso, cabelos loiros curtos com uma franja, pele morena e olhos num tom rosado, trajando um belo vestido branco aberto aos lados, revelando as coxas torneadas.

Pallas: Seiya, somente lhe darei essa oportunidade - Falou autoritariamente.

Seiya: 'Ela já está com essa aparência adulta? A vida de Atena irá se esgotar em pouco tempo, mas eu não tenho mais forças’  - Pensou apertando o punho olhando para a deusa do amor.

Pallas: Qual a sua resposta? - Questionou observando intensamente o cavaleiro de ouro.

Seiya: Está bem… - Sussurrou antes de desmaiar no chão.

Essa é a nossa chance de matá-lo! - Exclamou um dos soldados, mas logo uma poderosa energia se manifestou entorno da deusa do amor.

Pallas: Eu quero ele vivo, ninguém tocará nele! Entenderam? - Indagou com os olhos brilhando perigosamente e os soldados assentindo.

Pallas-Sama, ele é um cavaleiro muito perigoso, não é sábio deixá-lo vivo - Falou um dos Palasitos de Primeira Classe.

Pallas: Eu sei muito bem o poder desse humano, Aegaeon - Disse olhando para o homem que se curvou levemente - Gallia, você ficará responsável por ele e cuide da sua recuperação - Completou olhando, uma mulher de bela aparência, cabelo longo de uma tonalidade esverdeada, com várias mechas que sobressaem pelos lados e um corte elegante no centro e olhos num tom azulado.

Gallia: Eu? Será uma honra, Pallas-Sama - Falou com os brilhando perigosamente.

Pallas: 'Você pode se divertir se desejar, mas esse humano eu mesmo irei punir de algumas maneiras e por ele precisa estar em condições aceitáveis’ - Pronunciou telepaticamente para a Palasito de Primeira Classe.

Gallia: 'Entendido, Pallas-Sama’ - Disse atrás do seu cosmo para a deusa do amor.

Pallas: 'Atena, eu terei o seu mais fiel guardião para a minha versão’ - Pensou a deusa do amor com os olhos brilhando intensamente.

Algumas horas depois - Aposentos de Gallia - PallasBelda

Numa enorme cama dentro do quarto, o cavaleiro de sagitário estava deitado totalmente nu, somente coberto por um lençol de seda. Na frente da cama estavam, Gallia e Paradox, usando lingerie preta e vermelha respectivamente.

Gallia: Uma pena que ele não está totalmente recuperado, para brincarmos intensamente hihihi - Riu maliciosamente olhando para o cavaleiro de sagitário, que apesar de seus quase quarenta anos, mantinha a aparência de um jovem de vinte anos.

Paradox: Eu entendo muito bem minha senhora - Concordou com o mesmo olhar da Palasito - Ele depois de Shiryu, foi o cavaleiro que eu quis ter certos prazeres e agora vou ter hihihi - Maliciosamente a ex-amazona de gêmeos.

Gallia: Ele está finalmente acordando - Falou vendo o cavaleiro de mexer na cama.

Paradox: Olá, Seiya-Sama - Disse vendo o cavaleiro abrindo os olhos e arregalando após alguns momentos.

Seiya: Gallia!? Paradox!? - Exclamou notando as duas mulheres com seus corpos de pele clara voluptuosos e torneados pelo árduo treinamento, que ambas passaram para conseguirem os seus poderes, usando somente lingerie paradas na frente da cama - O que está acontecendo aqui e porque eu estou nu!? - Indagou notando o seu estado na cama.

Gallia: Eu e Paradox, cuidamos de você desacordado, e as roupas definitivamente Seiya, você não vai precisar delas - Respondeu olhando com luxúria para o cavaleiro.

Paradox: Nós duas já provamos você desacordado e adoramos o sabor do seu néctar, mas agora não queremos mais degustar o seu sabor e sim provarmos até a última gota - Disse lambendo os lábios sensualmente.

Seiya: Vocês duas… - Sussurrou ficando levemente vermelho.

Gallia: Atena, deve adorar esse sabor delicioso Hihihi - Riu levemente com o cavaleiro a encarando.

Seiya: O que Pallas quer de mim? - Indagou olhando seriamente para as duas mulheres, que se sentaram na cama.

Gallia: Pallas? Ela quer se divertir com você, mas me deixou provar primeiro - Respondeu olhando com volúpia para o moreno.

Paradox: Pallas, vai adorar quando provar o seu sabor, mas não acho que vamos deixar algo para ela - Disse mudando a cor do cabelo para escuro e os olhos também mudando de cor.

Gallia: A sua situação é simples, seja um amante obediente, Seiya, que não acontecerá nada com você, mas se tentar algo, você vai se arrepender amargamente - Ameaçou com o olhar sádico para o cavaleiro.

Paradox: Uma pena que em seu estado, você não será capaz de satisfazer plenamente nós duas hihihi - Riu maliciosamente para a Palasito sentada do outro lado da cama, que somente sorriu do comentário. O cavaleiro de sagitário observava as duas mulheres com um olhar enigmático, mas logo sorriu levemente.

Seiya: Está bem, não vou fazer nada impensado, porque nem manifestar a minha cosmo-energia consigo direito Hahaha - Riu levemente olhando para as duas mulheres. - ‘Eu vou seguir o jogo delas por enquanto’ - Pensou avaliando as possibilidades para sair dessa situação. Enquanto as duas na sua frente retiram a parte de cima da lingerie, revelando os seus seios rosados médio-grandes.

Gallia: Ótimo, agora nós… - Parou de falar puxando o lençol que cobria o cavaleiro - Você realmente merece o título de Pégaso dourado - Completou lambendo os lábios, vendo a masculinidade semi-ereta.

Paradox: Eu concordo plenamente… - Sussurrou tocando a masculinidade com a sua mão direita.

Gallia: Seja um cavaleiro obediente - Disse tocando o peito dele com as unhas, até chegar ao membro que a amazona estava acariciando com a mão - E talvez nós sejamos com você - Completou tocando a masculinidade dele.

Seiya: Ahhh… Está bem… Gallia Ahhh - Gemeu sentindo a Palasito apertando o seu membro com força.

Gallia: Bom… Agora vamos provar até a última gota do seu néctar - Disse beijando a ex-amazona de gêmeos nos lábios de surpresa - Nós duas teremos uma ótima refeição - Completou acariciando o rosto levemente da amante.

Paradox: Sim, Gallia-Sama - Pronunciou com as duas mulheres entre as pernas do cavaleiro e o seu membro que estava quase totalmente ereto.

Gallia: Vocês homens se excitam facilmente - Provocou a Palasito apertando as bolas levemente do cavaleiro - Nós queremos muito néctar entendeu? - Indagou acariciando suavemente manifestando a sua cosmo-energia.

Seiya: Infelizmente não posso controlar o meu corpo, vendo duas mulheres como vocês de lingerie e agora esses belos seios a mostra Hahaha - Riu maliciosamente olhando com luxúria para as duas - Além das suas carícias Ahhh - Gemeu com ex-amazona de gêmeos envolvendo os lábios na sua masculinidade, mas isso irritou a Palasito.

Gallia: Paradox, quem lhe deu permissão para isso? - Indagou olhando para a amante, que recuou imediatamente os seus lábios.

Paradox: Ninguém, mas eu… - Não terminou de falar, porque a Palasito a esbofeteou.

Gallia: Nunca faça o que eu não mandar, entendeu? - Indagou olhando seriamente para a amante.

Paradox: Sim… - Respondeu acariciando o rosto vermelho.

Seiya: Er… Gallia - Disse o cavaleiro chamando a atenção da Palasito - Que tal mudarmos um pouco as posições? Acho que você vai gostar - Completou com a mulher levantando a sobrancelha.

Gallia: O que tem em mente? - Indagou com curiosidade.

Seiya: Bem… Algo para lhe dar um prazer em alguns instantes - Respondeu com a Palasito sorrindo.

Gallia: Alguns instantes? Interessante hihihi - Riu maliciosamente mordendo o lábio levemente. Após alguns momentos, o cavaleiro de sagitário tinha se deitado na cama completamente, Gallia estava sentada com a sua feminilidade sob a sua boca e Paradox tinha o membro dele entre os seios.

Paradox: Gallia-Sama, eu posso provar? - Indagou manifestando a cosmo querendo ter o membro finalmente entre os seus lábios.

Gallia: Nós vamos juntas, mas espero que saiba Seiya, que nenhum homem ou mulher me dá prazer em alguns instantes - Disse movendo os quadris também manifestando a sua cosmo-energia e se deitando em cima dele, tendo a masculinidade do cavaleiro de sagitário, na sua frente entre os seios da ex-amazona de gêmeos.

Seiya: ‘Isso nós veremos hahaha’ - Pensou maliciosamente começando a provar a intimidade dela. As duas mulheres começaram a intercalar os movimentos no membro ereto na sua frente, chupando, lambendo e tentando colocar o máximo possível dele na sua garganta, uma incentivando a outra para conseguir a totalidade da masculinidade dentro de suas bocas. Mas a palasito começou a gemer mais e mais a cada segundo que as duas mulheres estavam intercalando os movimentos.

Gallia:Ahhhh… Seiya… Mais Ahhh... Isso continue Ahhhh - Gemeu segurando os lençóis da cama, sentindo ser explorada de uma totalmente única, que ela jamais pensou que alguém poderia conceder tal prazer. Na sua frente a ex-amazona de gêmeos, estava adorando ter toda a espada do cavaleiro de sagitário para o seu deleite, mas ela tinha um sorriso enigmático no rosto olhando para a Palasito.

Paradox:‘Isso é muito interessante Ahhh’ - Pensou vendo Gallia gemendo e esquecendo totalmente na haste na sua frente.

Seiya: ‘Ela está chegando ao seu limite, mais rápido do que pensava e até estou gostando do sabor dela, mais doce que eu pensava Hahaha’ - Pensou continuando os movimentos com a Palasito, sentindo ele abrir com as mãos a sua feminilidade, para ele ter acesso pleno a ela.

Gillian: 'Essa é a primeira que estou sentindo esse prazer! Atena está muito servida com um amante assim Ahhh’ - Gemeu mentalmente sentindo uma energia calorosa e reconfortante dentro dela.

Paradox: 'Ele está usando a sua cosmo-energia?’ - Indagou-se sentindo o cosmo do cavaleiro de sagitário, mas ela estava mais interessada em provar a haste dele, antes que Gallia voltasse ao normal. A ex-amazona de gêmeos, estava sentindo o corpo aquecer e sua feminilidade mais úmida, a cada tentativa dela domar, a masculinidade ereta na sua frente sem sucesso. Na sua frente a Palasito aumentava os gemidos com os movimentos em sua feminilidade.

Gallia: AHHHHH MAIS AHHHHH MAIS AHHHHH - Gritou gemendo sentindo uma corrente elétrica através da língua do cavaleiro, fazendo ela chegar ao ápice de uma forma única e corrente elétrica ainda se espalhando, fazendo várias ondas de prazer se libertar, ao mesmo tempo de dentro dela.

Paradox: Gallia-Sama? - Indagou vendo a expressão da Palasito, que era de prazer puro e satisfação, sendo a primeira que ela viu, Gallia com esse tipo de expressão em tão pouco tempo com um amante.

Gallia: Ahhh céus… Essa é primeira vez que sinto… Ahhh… Um orgasmo assim Ahhh - Gemeu com a respiração acelerada. - 'Eu quero essa lança dentro de mim!’ - Exclamou mentalmente olhando fixamente para a haste na sua frente, que a sua amante cuidava com atenção, mas que não conseguia o que ela queria, o deleite com o néctar divino do cavaleiro de ouro.

Paradox: 'Gallia, está olhando fixamente para o que é meu!’ - Pensou vendo a Palasito lamber o lábios. A ex-amazona estava tentando usar tudo que aprendeu com Gallia, mas a haste do Pégaso dourado continuava indomável, impedindo dela ter o deleite do néctar dele.

Seiya: Isso foi do seu agrado? Gallia-Sama? - Indagou o cavaleiro com um sorriso malicioso, voltando a lamber o mel da mulher em cima dele.

Gallia: Ahhhh… Sim… Aceitável Ahhh - Respondeu gemendo sentindo o ele mordendo levemente o seu clitóris - Paradox, é a minha vez agora, eu vou ter isso dentro de mim e domá-lo de uma vez - Completou se levantando de cima do cavaleiro e gemendo por não sentir mais ele à explorando, mas logo ela teria o seu grande prêmio, a haste na sua frente totalmente dentro dela.

Paradox: Hum… Está bem - Disse apertando por uma última vez os seios, que envolviam a masculinidade do cavaleiro de sagitário.

Gallia: Paradox, não fique assim , você vai adorar o prazer que ele pode conceder com a sua língua, a explorando de uma maneira única - Falou não controlando a volúpia na voz e olhando fixamente o membro ereto do cavaleiro. 'Eu vou domá-lo ou ele pode acabar me domando Ahhh’ - Pensou ficando em pé na cama com a sua feminilidade a poucos centímetros da haste ereta. A ex-amazona estava totalmente nua com a sua feminilidade totalmente beijando o cavaleiro de sagitário, provando mel da sua amante e num duelo de línguas com o moreno.

Gallia: AHHHHHH CÉUS AHHHHH - Gritou gemendo alto, tendo a haste totalmente dentro dela, num único movimento que ela fez para se sentar. ‘Essa lança realmente é divina! Isso é realmente um Pégaso dourado!’ - Exclamou mentalmente sentindo ser preenchida totalmente para o seu deleite. Na sua frente, Seiya e Paradox, pararam de se beijar, após ouvirem a Palasito gemendo alto. A ex-amazona de sentou na cama próxima da mão esquerda do cavaleiro.

Paradox: A sua situação se inverteu, Seiya - Falou abrindo as pernas, dando a visão da sua intimidade úmida e mão dele a tocando levemente.

Seiya: Ahhhh… Talvez... Ahhh - Gemeu levemente sentindo o interior úmido, quente e apertado da Palasito de Primeira Classe, que estava ainda sem se mover, somente sentada no seu membro dentro dela.

Gallia: Seiya, eu vou domá-lo! Pégaso dourado você será meu! - Exclamou manifestando a sua cosmo-energia intensamente.

Seiya: Gallia, Atena nunca conseguiu me domar e você não será a primeira - Falou confiante trazendo a mão esquerda para sua boca, que estava na feminilidade de Paradox e provando o mel dela, degustando o sabor da ex-amazona de gêmeos.

Gallia: Isso é um desafio? - Indagou movendo-se lentamente. mas o cavaleiro também moveu os quadris para surpresa, a fazendo gemer de prazer.

Seiya: Sim, agora… Paradox, você possui um sabor muito interessante - Falou com a mulher sorrindo e se posicionando com a sua intimidade úmida a poucos centímetros da sua boca dele.

Paradox: Obrigada, Seiya-Sama - Falou se sentando e olhando a expressão de Gallia, que era de certa inveja - Ahhh… Ocorreu algo, Gallia-Sama? Ahhh - Indagou gemendo, sentindo ser explorada pela língua do cavaleiro de sagitário. ‘Pelos deuses! Ele é bom nisso!’ - Exclamou mentalmente sentindo uma grande onda querendo se libertar de dentro dela.

Gallia: Nada… Não é nada - Sussurrou apoiando as mãos na cama. - ‘Será que o Seiya gostou do meu sabor?’ - Indagou-se mentalmente sentindo ciúmes por ele ter comentado da sua amante, a ex-amazona de gêmeos e não do seu sabor.

Paradox: Ahhhh… Ele é bom demais Ahhhh - Gemeu tocando os próprios seios.

Gallia: Paradox, eu ajudo com isso - Disse a Palasito tomando os seios da mulher e os seus lábios, enquanto começou a se mover com movimentos contínuos, montando a masculinidade do cavaleiro e ele também movendo os seus quadris. As duas mulheres começaram um beijo ardente de desejo, sendo servidas pelo amante debaixo dela.

Seiya: 'O gosto de Paradox é doce como um puro mel e às vezes um pouco amargo como chocolate, será que isso tem haver com a sua dupla personalidade’? - Indagou-se mentalmente provando esse sabor único. A ex-amazona estava próxima do ápice pelo que modo que já estava excitada, antes do cavaleiro habilmente lhe provar e explorar a sua feminilidade.

Gallia: 'Eu não vou deixar você se sobressair desta situação, Seiya’ - Pensou usando a sua cosmo-energia no seu interior para envolver a masculinidade ereta, fazendo o cavaleiro soltar um gemido de deleite.

Seiya: 'Alguém quer brincar, não é? Mas primeiro Hahaha' - Pensou rindo mentalmente, incentivando os movimentos na feminilidade na sua boca.

Paradox: Seiya, o que você… AHHHHH SEIYA AHHHHH - Gemeu alto sentindo um onda elétrica dentro de si e o cavaleiro aumentando intensamente movimentos dentro si, fazendo ela chegar ao clímax de uma forma memorável.

Gallia: Paradox? Ele usou uma onda elétrica, não foi? - Indagou com a mulher se apoiando nela após o orgasmo.

Paradox: Sim… Ahhhh, isso é divino Ahhhh - Gemeu sentindo a respiração acelerada e ondas de prazer dentro se libertando.

Seiya: Uma ótima fonte para o deleite de qualquer um - Falou provando com ávides o mel da ex-amazona.

Gallia: Sim e ainda muito puro Hihihi - Riu maliciosamente com a amazona lhe encarando levemente.

Paradox: Gallia-Sama, eu posso me entregar para ele? - Questionou com os brilhando de luxúria.

Gallia: Isso eu ainda não decidi Hihihi - Respondeu maliciosamente.

Paradox: Por favor! Eu quero ele me completando Ahhh  - Gemeu com o cavaleiro colocando a língua novamente dentro dela.

Gallia: Eu disse que eu… - Parou de falar ao sentir uma onda de energia dentro dela.

Seiya: Não deveria se distrair, Gallia - Falou sentindo o interior dela lhe apertando como nunca.

Gallia: Seu… AHHHHH - Gemeu alto com outra onda mais forte dentro dela. - 'Ele sabe usar muito bem a sua cosmo-energia na cama’ - Pensou aproveitando a sensação que isso estava lhe proporcionando.

Seiya: Eu lhe disse, agora Paradox, eu vou lidar com Gallia e depois ela lhe dirá sim - Falou com a mulher rolando para o lado direito da cama.

Paradox: Obrigada, Seiya-Sama - Disse com os brilhando intensamente.

Gallia: Ela não será sua! - Exclamou com os olhos brilhando perigosamente.

Seiya: Está com ciúmes, Gallia? - Indagou invertendo habilmente as posições na cama.

Gallia: Ora seu… Eu… - Parou de falar, porque ela estava com ciúme internamente da amante e agora o cavaleiro tinha invertendo as posições, mas ela poderia dominá-lo se quisesse, devido o estado debilitado do cavaleiro, entretanto algo dentro dela estava adorando essa ação dele.

Seiya: O seu néctar é muito doce, minha megera malvada - Disse sorrindo maliciosamente olhando para a Palasito, que sorriu levemente com as palavras dele.

Gallia: Sua megera malvada? Eu não sou de ninguém, mas talvez você possa mudar isso - Disse circulando as pernas na cintura dele - Me possua como se eu fosse, a sua amada deusa da guerra - Completou com o cavaleiro acariciando os seus seios.

Seiya: Não, eu vou lhe dar somente uma parte desse prazer -  Disse tomando os lábios da mulher e movendo dentro dela.

Paradox: Quebre-a de uma vez, Seiya - Sussurrou tocando a sua feminilidade olhando a cena na sua frente.

Gallia: 'Ele está atingindo os meus pontos sensíveis a cada movimento e dimensionando o meu interior, eu não acredito que isso seja, somente uma parte do prazer que Atena possui’ - Pensou com a mente quase totalmente tomada pelo desejo, luxúria e prazer.

Seiya: O seu interior está ficando mais apertado e úmido, Gallia - Disse sentindo o interior dela tentando lhe prender dentro dela. - 'Eu não vou aguentar muito tempo assim’ - Pensou sentindo o membro latejando dentro da Palasito.

Gallia: Ahhhh… Obrigada… Ahhhh… Mais… Mais rápido Ahhh - Gemeu cravando as unhas com forças nas costas dele.

Seiya: Ahhh… Isso doeu, mas como minha megera desejar hahaha - Riu maliciosamente começando a se movimentar numa velocidade sobre humana dentro da Palasito.

Paradox: Ele está conseguindo se mover e não está totalmente recuperado Hihihi - Riu maliciosamente olhando a cena - Mal posso esperar para ter essa lança dentro de mim - Completou mordendo o lábio inferior e os dedos na sua intimidade a fazendo chegar ao clímax.

Gallia: Eu… Não aguento… Mais… AHHHHH SEIYA - Gritou chegando ao ápice na forma de um poderoso tsunami e o cavaleiro ainda lhe estocando para o seu deleite, mas ela sentia ele vibrando dentro dela.

Seiya: Gallia, eu estou no limite Ahhhh - Gemeu tentando recuar de dentro dela, mas ela o prendeu mais forte cintura e o abraçando fortemente.

Gallia: Onde pensa que vai com o meu prêmio? - Indagou olhando maliciosamente para o cavaleiro.

Seiya: Nenhum lugar Hahaha - Respondeu maliciosamente dando um movimento dentro dela e chegando ao ápice com poderosos jatos quentes inundando o ventre da mulher.

Gallia: Ahhh… Isso Ahhh… Mais Ahhh  - Gemeu adorando a sensação da semente deles a preenchendo como nunca.

Paradox: Eu queria um pouco - Disse lambendo os lábios sensualmente.

Seiya: Você está me ordenhar, Gallia? - Indagou maliciosamente para a Palasito.

Gallia: Sim, até a última gota, mas não aguento mais Ahhh - Gemeu com o cavaleiro recuando o membro de dentro dela.

Seiya: É hora de você dizer sim, Gallia - Falou olhando para a Palasito e depois a ex-amazona de gêmeos.

Gallia: Sim, você possuí-la, mas antes, eu vou provar o néctar divino entorno dessa sua lança Ahhh - Gemeu lambendo os lábios.

Seiya: Paradox, venha aqui - Chamou a mulher e lhe sussurrou algo no seu ouvido, fazendo ela sorrir levemente.

Gallia: O que você falou, Seiya? - Questionou engatinhando de quatro na cama.

Seiya: Nada de importante - Respondeu com a Palasito olhando fixamente para a sua masculinidade ereta, coberta por uma cama de néctar.

Gallia: Hum… Que seja Ahhh - Gemeu tomando o membro ereto na sua boca e fazendo os movimentos de vai e vem.

Seiya: É a sua vez, Paradox - Falou segurando o rosto de Gallia.

Paradox: Obrigada, Ahhh será uma deliciosa refeição - Disse movendo-se para trás da Palasito e tendo a visão de sua feminilidade pingando levemente e ao redor dela totalmente coberto de puro mel.

Gallia: 'O ela vai…’ - Interrompeu a linha de pensamento, sentindo a ex-amazona lhe explorando com a sua língua.

Paradox: Está uma delícia essa mistura de sabores - Sussurrou provando com afinco, o sabor misturado de Gallia e Seiya. A Palasito aumentou os movimentos na masculinidade do cavaleiro, tentando ter toda a extensão dela na sua boca.

Seiya: 'Pallas, o que você está planejando?’ - Indagou-se mentalmente, no meio do ato de luxúria, sentindo o cosmo da deusa do amor, envolvendo os três levemente.

Continua  >

 

 

 


Notas Finais


Acabei decidindo dividir em duas partes, esse Hentai também. Lembrando que essa história não uma periodicidade definida e a continuação pode ou não sair com os demais postagens das outras fics.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...