História Saint Seiya - O receptáculo do deus dos mares - Capítulo 7


Escrita por: ~

Postado
Categorias Saint Seiya
Personagens Hades, Kanon de Dragão Marinho, Pandora, Poseidon, Saga de Gêmeos, Saori Kido (Athena), Seiya de Pégaso
Tags Atena, Generais Marinas, Pandora, Poseidon, Saori, Seiya, Thetis, Zeus
Exibições 62
Palavras 1.644
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Comédia, Drama (Tragédia), Fantasia, Harem, Hentai, Luta, Magia, Romance e Novela, Violência, Yuri
Avisos: Adultério, Heterossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Spoilers, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Saint Seiya não me pertence. Desculpem os erros de português. Conteúdo sexual adulto no capítulo.

Capítulo 7 - Capítulo 07


Capítulo 07

Residência de Seiya - Berlim - Alemanha

Nos aposentos da luxuosa mansão o receptáculo do deus dos mares estava deitado na cama com uma calça branca do pijama e o peito nu olhando para o teto.

Seiya: Kanon ocultou mais alguma coisa não foi? - Indagou se levantando da cama e a imagem do deus dos mares aparecendo na frente dele.

Poseidon: Sim, mas ele fez certo após a sua reação sobre Atena - Respondeu a projeção astral.

Seiya: Eu a amo de uma forma inexplicável, entretanto tenho medo que esse sentimento possa se tornar uma obsessão por ela - Revelou apertando o punho levemente.

Poseidon: Você conhece os caprichos dela… Ela realmente é uma filha de Zeus - Pronunciou tristemente para o seu receptáculo.

Seiya: Sim… Entretanto ela mudou aos poucos vivendo entre os humanos - Rebateu com um sorriso de leve.

Poseidon: Você possui o poder para tomar tudo aquilo que deseja - Disse com um pequeno sorriso - Você pode tornar Atena a sua prisioneira em segredo - Completou com o jovem arregalando os olhos levemente.

Seiya: Eu… Está me dizendo para mim raptá-la? - Questionou não muito contente com a insinuação.

Poseidon: É uma opção não? Ao invés de você viver remoendo os sentimentos por ela e a coloca em segurança dos eventos que estão para ocorrer - Falou seriamente com o seu receptáculo fechando e abrindo os olhos.

Seiya: Sim… - Sussurrou com um brilho enigmático no olhar.

Poseidon: Agora divirta-se um pouco Hahaha - Falou rindo maliciosamente desaparecendo e após alguns instantes a porta do quarto foi aberta.

Seiya: Thetis… - Sussurrou olhando a loira adentrando no quarto usando uma fina camisola vermelha.

Thetis: Eu senti saudades… Meu amor - Falou sorrindo se aproximando do jovem e lhe beijando nos lábios.

Seiya: Eu também minha sereia - Disse abaixando as abas da camisola e guiando a loira para a cama.

Thetis: Agora eu quero aproveitar os momentos a sós com meu senhor - Pronunciou fazendo o jovem se sentar na cama e ela ficar de joelhos entre as pernas dele.

Seiya: Minha sereia - Falou tocando o cabelo loiro e a marina acariciando o membro dele por cima da calça.

Thetis: Eu quero lhe pedir algo, Seiya - Disse retirando o membro do receptáculo do deus dos mares da calça.

Seiya: Thetis Ahhh - Gemeu sentindo o toque dela diretamente na sua masculinidade - O que você quer? - Perguntou com ela continuando os movimentos.

Thetis: Eu quero que isso continue, mesmo após o seu casamento com Pandora - Respondeu refletindo que eles tinham começado o contato íntimo quando ele fez dezesseis anos e mantinham desde então a relação secreta.

Seiya: Você Ahhh… Tem certeza disso? - Indagou olhando para os olhos dela, que não demonstravam dúvidas ou hesitação.

Thetis: Sim, porque casamento será a concretização da aliança com Hades e o meu senhor me deseja não? - Indagou beijando o membro do jovem.

Seiya: Sim… Eu quero isso - Respondeu com a loira envolvendo os seus lábios entorno da masculinidade do mesmo - Thetis… Ahhh céus - Gemeu sentindo ela começar a se mover e usando as mãos para acariciar o restante do membro ereto.

Thetis: 'Ele está pulsando mais rápido do que eu imaginava’ - Pensou sentindo o membro dentro da sua boca latejar, mas a deixava feliz porque ele sentiu saudades dela.

Seiya: Ahhh…. Eu senti saudades… Continue minha sereia - Disse acariciando o rosto da loira que continuava provando a sua masculinidade com ímpeto. - 'Eu me tornei um pervertido igual ao Poseidon’ - Pensou com o deus dos mares rindo na sua mente.

Poseidon: 'Você gosta desses prazeres Hahaha' - Pronunciou mentalmente observando a loira agradar o seu receptáculo.

Thetis: 'Eu estou com quase todo ele na minha boca’ - Pensou adorando a sensação e o corpo aquecer principalmente na sua feminilidade. A loira continuava os movimentos com maestria no receptáculo do deus mares, aumentando a velocidade com as reações dele.

Seiya: Thetis Ahhh… Isso é ótimo céus AHHHH - Gemeu alto com o seu membro batendo na garganta da loira.

Thetis: 'Ele está quase no limite’ - Pensou sentindo o membro pulsando prestes a liberar o que ela queria.

Seiya: Thetis… Eu não aguento mais Ahhh - Disse gemendo chegando ao ápice da boca da loira e a mesma apreciando o sabor do mesmo com veemência por alguns momentos.

Thetis: Eu adoro essa refeição Ahhh - Gemeu tirando a masculinidade ainda ereta da sua boca - Um néctar com um toque de frutos do mar Hihihi - Riu maliciosamente lambendo os lábios.

Seiya: Hahaha… Minha vez de retribuir o favor - Falou sorrindo ajudando a loira a se levantar e retirar a fina camisola.

Thetis: Você também tem que ficar nu Hihihi - Riu levemente olhando ele ainda com a calça do pijama.

Seiya: Não é problema - Disse retirando completamente a calça.

Thetis: 'Eu não acredito que isso ainda vai crescer’ - Pensou olhando para o corpo do receptáculo do deus, mas tinha uma atenção a masculinidade ereta dele.

Seiya: Está gostando da visão? - Indagou guiando ela para a cama.

Thetis: Sim… Você sabe que eu amo Hihihi - Riu maliciosamente deitando-se na cama.

Seiya: Bem… Agora… Você é minha - Disse beijando os lábios da loira e com a mão direita tocando o seio esquerdo o massageando.

Thetis: Sim… Eu sou sua Ahhh - Gemeu com ele apertando com força o seio.

Seiya: Eu amo os seus seios - Disse sorrindo maliciosamente começando a chupar o seio direito. O receptáculo do deus dos mares intercalava os movimentos nos seios dela, fazendo a loira aumentar os gemidos e a sensação de calor na sua feminilidade aumentar.

Thetis: Eu… Ahhh… Por favor… Ahhh - Gemeu sentindo finalmente toque da mão dele na sua intimidade.

Seiya: Você está muita animada - Falou sentindo a feminilidade dela úmida e começando a brincar com o clitóris dela.

Thetis: Seiya… Ahhh… Não provoque Ahhh - Gemeu com avanços dos dedos dentro dela.

Seiya: Eu não estou hahahaha - Disse rindo levemente beijando os lábios dela e descendo uma trilha de beijos pelo seu corpo, até chegar a feminilidade úmida dela - Esse mel será meu - Completou depositando um beijo na intimidade da loira que segurou os lençóis da cama.

Thetis: Ahhh… Me explore meu amor - Pediu com a língua do amante penetrando o seu interior habilmente.

Seiya: 'Ela não irá aguentar muito hahaha’ - Pensou sentindo o corpo da marina contraindo-se  com os movimentos dele.

Thetis: 'Ele realmente possui maestria com esse tipo de movimento, mas somente está brincando comigo’ - Pensou sentindo algo de si ser impedido de se libertar.

Seiya: Não tão cedo… - Sussurrou soprando levemente a feminilidade úmida.

Thetis: Ahhh… Por favor… Ahhh… Seiya - Falou com ele aumentando os avanços dentro dela com a sua língua e polegar dele tocando o seu clitóris. - 'Ele ter os poderes sobre a água não é justo!’ - Exclamou mentalmente com uma onda gigantesca dentro de si, mas era impossível libertar.

Seiya: Thetis… O prazer somente aumentará, mas eu também quero avançar - Falou maliciosamente com a loira chegando ao ápice e quase no mesmo momento a penetrou com a sua masculinidade totalmente ereta.

Thetis: AHHH SEIYA AHHHHHHH - Gemeu alto com a penetração, enquanto estava no início do orgasmo.

Seiya: Céus Ahhh… Minha sereia Ahhh - Gemeu sentindo o interior apertado, úmido e quente movendo-se dentro dela.

Thetis: 'Ele sempre é meio ríspido, mas o meu corpo parece querer o prender dentro de si’ - Pensou com o receptáculo do deus dos mares lhe beijando.

Seiya: 'Ela é sempre tão viciante pelos deuses!’ - Pensou manifestando a sua cosmo-energia envolvendo todo o quarto.

Thetis: Ahhhh… Mais… Mais Ahhh… Seiya! - Exclamou entrelaçando as pernas na cintura dele e cravando as unhas nas costas do jovem.

Seiya: Eu não vou me fazer de rogado minha loirinha - Pronunciou aumentando as velocidades incrivelmente na marina, que começou a gemer mais alto e manifestando a sua própria cosmo-energia. Os movimentos do receptáculo do deus dos mares, atingia os pontos sensíveis da marina e o seu ponto G para o seu delírio.

Thetis: 'Ele está fazendo de novo, uma mini hidromassagem dentro de mim, enquanto ele me possui’ - Pensou sentindo as estocadas e o seu corpo clamar para chegar ao clímax.

Seiya: Thetis… Eu não… AHHH - Gemeu chegando ao ápice dentro do seu ventre e ao mesmo tempo ele parou de usar os seus poderes sobre a água.

Thetis: SEIYA AHHHHHHH - Gemeu com um poderoso tsunami libertando-se de dentro dela.

Seiya: Ahhh Thetis… Céus! - Exclamou continuando a despejar as suas sementes dentro dela.

Thetis: 'Eu vou acabar ficando grávida Hihihi’ - Pensou sentindo-se totalmente preenchida, mas ela sentiu a masculinidade dele ainda totalmente ereta dentro dela.

Seiya: Hoje você não vai dormir Hahaha - Riu maliciosamente olhando para a loira que rolou na cama, ficando sentada em cima dele.

Thetis: Eu não pretendo dormir Hihihi - Rebateu tocando o peito nu dele e o mesmo segurando os seus seios.  

Seiya: Thetis… - Sussurrou com a loira começando a mover os quadris.

Thetis: Eu te amo - Sussurrou com os olhos brilhando intensamente.

Seiya: Thetis… Eu… - Foi interrompido pela loira que colocou um dedo nos seus lábios.

Thetis: Eu sei quem você realmente ama, mas estou feliz em poder ficar ao seu lado assim - Revelou aumentando os movimentos dos quadris e o receptáculo do deus dos mares começando a se mover em sincronia.

Poseidon: 'Não hesite… Ela deseja essa relação’ - Falou mentalmente o deus dos mares observando os dois amantes. Despercebido de todos Pandora estava parada na frente do quarto ouvindo o que estava ocorrendo.

Pandora: Eu preciso conversar com ele - Sussurrou saindo da frente do quarto do receptáculo do deus dos mares.

Continua >


Notas Finais


Espero que tenham gostado.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...