História Saint Seiya - O receptáculo do deus dos mares - Capítulo 8


Escrita por: ~

Postado
Categorias Saint Seiya
Personagens Hades, Kanon de Dragão Marinho, Pandora, Poseidon, Saga de Gêmeos, Saori Kido (Athena), Seiya de Pégaso
Tags Atena, Generais Marinas, Pandora, Poseidon, Saori, Seiya, Thetis, Zeus
Exibições 60
Palavras 1.673
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Comédia, Drama (Tragédia), Fantasia, Harem, Hentai, Luta, Magia, Romance e Novela, Violência, Yuri
Avisos: Adultério, Heterossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Spoilers, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Saint Seiya não me pertence. Desculpem os erros de português.

Capítulo 8 - Capítulo 08


Capítulo 08

Templo de Éris

O templo da deusa da discórdia era composto por quatro câmaras, o mesmo estava voando pelos céus lentamente. Na câmara principal, Éris, uma mulher por volta dos vinte anos, cabelos longos azuis escuro e olhos da mesma cor, estava sentada sentada no trono usando um vestido vermelho aberto aos lados, um cinto dourado e algumas jóias de ouro, com a maçã dourada em sua mão esquerda.

Éris: Está quase tudo preparado - Sussurrou com um homem aparecendo na sua frente.

Não se esqueça a sua parte do nosso acordo, Éris - Falou o homem se revelando o cavaleiro de ouro de gêmeos e o atual patriarca do santuário.

Éris: Saga… Eu não vou esquecer, mas espero que cumpra a sua parte no final - Disse seriamente olhando para o homem sorrindo.

Saga: Eu não irei - Pronunciou ficando na frente do trono da deusa da discórdia -  Quando selar Poseidon com a ânfora de Atena, que lhe concedi em segredo, você voltará para o olimpo e deixará o plano terrestre - Finalizou com a deusa sorrindo se levantando.

Éris: Sim, está tudo pronto para começar um ataque a fortaleza e um a Star Hill para roubar a ânfora de Atena - Revelou tocando o rosto do cavaleiro - Hoje você pode ficar? - Indagou acariciando o rosto do mesmo.

Saga: O que começou entre nós foi um erro - Tirou a mão da deusa da discórdia, que não gostou muito.

Éris: Erro? Você não reclamou das noites de prazer que tivemos e quando tornou essa minha receptáculo mulher… Mesmo sem o seu lado maligno há algo dentro de você, que me atrai muito humano - Confessou olhando nos olhos do cavaleiro e novamente tocando o rosto dele. - 'A semente maligna dentro dele continua crescendo, mas o sentimento por Atena impede o seu despertar’ - Pensou avaliando o homem na sua frente.

Saga: Éris… Você é realmente a deusa da discórdia, entretanto o que houve entre nós… - Não terminou de falar, porque a deusa lhe beijou de surpresa nos lábios.

Éris: 'Vamos ver o quanto você aguenta’ - Pensou intensificando o beijo e após alguns momentos o cavaleiro de ouro começou a corresponder.

Saga: 'Ela é como o fruto proibido do Éden’ - Pensou com o desejo dentro de si aumentando, enquanto rendia-se ao beijo da deusa da discórdia.

Éris: Você poderia ter tudo ao meu lado, mas agora quero você no meu quarto - Falou maliciosamente manifestando a sua cosmo-energia e teleportando os dois do salão.

Mansão Kido - Japão

Na varanda da mansão Saori estava tomando um chá por uma das empregadas e Mii lhe acompanhava conversando.

Saori: O cosmo de Éris está começando a se manifestar novamente pela terra - Falou com uma expressão no rosto olhando para a saintia.

Mii: Estamos mantendo vigilância nas ações dela, mas ela provavelmente será uma ameaça e por isso acho imprudente a senhorita ir ao noivado de Poseidon com Pandora - Pronunciou seriamente para a deusa da sabedoria, que tomou mais um gole de chá.

Saori: Eu vou vê-lo e nada irá me impedir e Éris não será tola de agir com Hades também presente - Revelou com a saintia arregalando os olhos.

Mii: O que a senhorita acabou de… - Foi interrompida pela herdeira Kido.

Saori: A presença de Hades é quase certeza… Não precisa se preocupar Mii… Ah mantenha à minha ida em segredo a festa para os demais - Pronunciou com um sorriso no rosto. - 'Saga não me deixaria ir tão facilmente sem todos os cavaleiros de ouro me acompanhando’ - Pensou refletindo que o cavaleiro de gêmeos era muito protetor, mas ela sentia algo estranho nele as vezes.

Mii: Senhorita por favor reconsidere… O patriarca não ficará contente ao descobrir - Alertou a saintia tentando convencer a jovem.

Saori: Não há o que discuti sobre isso - Falou seriamente olhando nos olhos da loira na sua frente.

Mii: Como desejar… Atena-Sama - Curvou-se lentamente segurando o vestido que usava com força.

Saori: Mii... Não fique assim… Eu estou com a minha consciência divina totalmente desperta e o Seiya não tentará nada contra mim - Disse com a saintia fechando e abrindo os olhos.

Mii: Eu sei que ele não tentará nada senhorita, mas Hades… Me desculpe por me intrometer novamente… O avião estará pronto em algumas horas manterei em segredo a sua viagem - Falou curvando-se levemente para a deusa da sabedoria.

Saori: Mii… Obrigada por tudo - Agradeceu sorrindo para a sua dama de companhia.

Mii: Não há o que agradecer senhorita… Com licença - Despediu-se da deusa saindo do local.

Residência de Seiya - Berlim - Alemanha

No escritório na mansão Seiya estava com vários documentos para revisar, mas estava lendo numa incrível velocidade com a porta do escritório se abrindo.

Um modo único de usar a sua velocidade Hihihi - Riu levemente a noiva do mesmo, entretanto logo mudou a expressão.

Seiya: Pandora o que houve? - Indagou notando o estado da jovem.

Pandora: Nós precisamos conversar sobre algo… Eu sei do seu relacionamento com a Thetis - Revelou para o noivo que arregalou levemente as sobrancelhas.

Seiya: Pandora… Eu… - Foi interrompido pela representante de Hades.

Pandora: Eu não me importo que tenha esse relacionamento - Revelou fechando e abrindo os olhos - Apesar do seu carinho comigo… O nosso casamento será algo político e você está me salvando me tratando como alguém igual… Não como uma escrava eterna - Apertou o punho fortemente com o receptáculo do deus dos mares levantando-se da cadeira.

Seiya: Você está lembrando das suas memórias passadas? - Indagou um pouco preocupado.

Pandora: Sim… Eu a mulher que abri a caixa com todos os males da humanidade… Me tornei a escrava de Hades comandando os espectros e sempre perdendo os pais em cada reencarnação - Pronunciou com lágrimas nos olhos.

Seiya: Pandora… Está tudo bem - Falou indo em direção da jovem e tocando o seu rosto enxugando as suas lágrimas.

Pandora: Você está me livrando de ciclo de desespero nas mãos de Hades e dos deuses gêmeos - Disse segurando a mão do receptáculo do deus dos mares - Eu não vou me importar que você outros relacionamentos, mas por favor não me deixe voltar a ser uma mera… - Foi interrompida pelo deus dos mares.

Seiya: Eu não vou! Você é uma mulher especial nesse tempo que estamos juntos, mas eu cedi ao desejos pela Thetis e acabou ocorrendo essa situação… Me desculpe - Sussurrou o final sentindo-se vergonha de si mesmo por estar nessa situação.

Pandora: Não precisa pedir desculpas… Eu percebi os sentimentos da Thetis por você quando os vi juntos pela primeira vez - Confessou refletindo o momento que esteve na fortaleza submarina.

Seiya: Na primeira vez!? - Exclamou surpreso pela percepção da noiva, enquanto o deus dos mares estava gargalhando na sua mente.

Pandora: Sim… Era questão de tempo que ocorre-se algo vocês dois - Falou circulando os braços no pescoço do noivo.

Seiya: Pandora o que você… - Não terminou de falar porque a representante de Hades lhe beijou com amor e desejo. - 'Os lábios dela são tão doces e inebriantes como sempre’ - Pensou sentindo o gosto novamente dos lábios da noiva, que intensificava os movimentos com as suas cosmo-energias se manifestando.

Templo de Éris

Nos aposentos da deusa a mesma estava deitada nua com o cavaleiro de gêmeos lhe observando ao lado da cama.

Saga: Éris… - Sussurrou começando a vestir a sua túnica, mas a deusa da discórdia começou a se mover na cama.

Éris: Você precisa sair tão cedo? - Indagou abrindo os olhos olhando para o amante.

Saga: Eu não posso ficar tão ausente do santuário - Respondeu normalmente com a deusa sorrindo.

Éris: Não entendo porque você sente atração por uma sem graça como Atena - Provocou mudando o rumo conversa.

Saga: O que você está fazendo? - Questionou seriamente terminando de vestir-se.

Éris: Eu? Nada… Somente me surpreendendo que você sinta atração por ela Hihihi - Riu levemente com o cavaleiro de gêmeos apertando o punho levemente.

Saga: Não me provoque… Eu e você somente temos interesses em comum - Pronunciou manifestando a sua cosmo-energia, mas a deusa nua começou a manifestar a própria.

Éris: Não precisa ficar bravo Hihihi - Riu maliciosamente piscando para o amante. - 'Eu estou mais fixada nele do que eu imaginava, mas talvez possa gerar um boa diversão’ - Pensou olhando para o patriarca do santuário.

Saga: Éris… Você não muda - Disse abrindo um portal dimensional e desaparecendo do quarto.

Éris: Talvez, eu precise conversar com Poseidon - Sussurrou a deusa da discórdia com algumas ideias surgindo na mente.

Templo de Atena - Santuário

Em frente à gigantesca estátua de Atena estava Katya usando um vestido branco longo e um cinto dourado. A jovem saintia observava a estátua da deusa da guerra com uma lágrima solitária.

Katya: Atena-Sama… - Sussurrou fechando e abrindo os olhos com uma outra jovem se aproximando dela trajando um vestido semelhante.

O que você está fazendo aqui? - Indagou uma jovem por volta dos dezoito anos, pele bronzeada, cabelos escuros um pouco abaixo dos ombros e olhos azuis escuros.

Katya: Erda!? - Exclamou surpresa com a presença da saintia.

Erda: Katya, a minha visita lhe surpreende tanto? - Questionou se aproximando da loira.

Katya: Sim, mas estou com outros pensamentos no momento - Respondeu quase que automaticamente.

Erda: Trata-se de tudo que está havendo? Poseidon agindo perante o mundo humano e as mudanças que estão ocorrendo - Pronunciou olhando nos olhos da companheira que assentiu.

Katya: Sim… Atena-Sama retornou para o santuário, mas tudo que está ocorrendo… As ações de Poseidon estão mostrando uma luz para os humanos - Falou sorrindo levemente.

Erda: Tem razão… - Sussurrou lembrando das ações na terra feitas pelo deus dos mares e a corporação Atlantis.

Katya: Erda… Vamos conversar em particular? - Indagou com a saintia levantando levemente a sobrancelha.

Erda: Claro… - Respondeu com curiosidade na voz.

Continua >


Notas Finais


Espero que tenham gostado.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...